Acidente de trabalho com serra circular

4.836 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.836
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
82
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acidente de trabalho com serra circular

  1. 1. Acidente de Trabalho com Serra Circular Engº Antonio Fernando Navarro
  2. 2. O acidenteEm atividade offshore, nas costas da Indonésia umtrabalhador estava cortando um telhado dealumínio usando um disco de serra da “Makita”quando esse ao ser excessivamente inclinado veio aromper-se em vários pedaços, atingindo o rosto dotrabalhador, com apenas um pedaço do disco,causando grave lesão entre seu nariz e bordossuperiores. Após o tratamento de primeirossocorros, ele foi enviado para Hospital Samarindapara tratamento complementar. O médicorecomendou que ele ficasse hospitalizado por cercade duas semanas.
  3. 3. O que saiu erradoA ferramenta era imprópria para o serviço, porém a mais rápida para oque se queria fazerNão foi utilizado o protetor do equipamento, removido para facilitar ocorte da chapa.O trabalhador, por ser um serviço rápido, não utilizou o protetor facial,disponível no local.Baseado na especificação do fabricante, Makita o disco de corte para o9006B deve ter diâmetro de 6 “ e trabalhar a uma velocidade de10.000 RPM.Ao invés disso foi utilizado um disco maior de 9.5 “ a uma velocidadede rotação de 10.000 RPM, ao invés da velocidade especificada pelofabricante para aquele tipo de disco de 3400 RPM.A velocidade excessiva provocou a fragmentação do disco, que sem aproteção da máquina veio a atingir o trabalhador
  4. 4. A lição aprendidaNunca se deve improvisar ferramentas, aindamais rotativas, pela elevada energia cinética queproduzem.As especificações técnicas dos fabricantesdevem ser sempre seguidas.O trabalhador deve sempre empregar os EPIsespecificados para a tarefa pretendida.NUNCA se deve improvisar para concluir maisrapidamente as tarefas.

×