SlideShare uma empresa Scribd logo
MITOS E VERDADES
SOBRE O ALEITAMENTO MATERNO
Universidade Estadual Paulista
UNESP - INTERSSAN
Autores :
Silvia Marina Anaruma
Thiago Augusto Mendes Moretti
Este material foi elaborado para fins pedagógicos. Se
mostrou útil na orientação de gestantes.
Muitos mitos e crendices impedem que as mães amamentem e, assim,
que elas deixam de oferecer o melhor alimento ao seu bebê...
Então, que tal conhecer o que é mito e o que
é verdade sobre o aleitamento materno?
O que são mitos e crendices ?
• Quando o homem não tinha recursos para explicar os fenômenos do
mundo e da natureza ele criou os mitos para entendê-los. Mitos são
conhecimentos que ainda é considerado ingênuo e não tem um
fundamento científico.
• As pessoas também se valem de crenças, criadas a partir de
superstições para entender a realidade, que passam de geração em
geração.
• Quando conversamos com algumas pessoas sobre aleitamento
materno, percebemos este tipo de conhecimento também.
• O nosso papel é desconstrui-las, à luz das evidências e das explicações
científicas
Seios muito pequenos não produzem leite na
quantidade suficiente para o bebê.
A produção de leite não depende
do tamanho das mamas.
Mesmo as mulheres que fizeram
cirurgia de redução ou colocaram
prótese podem amamentar .
A produção do leite depende da
estrutura fisiológica das mamas.
O tipo de parto interfere na amamentação
Seja parto normal ou seja uma
cesariana, a mãe poderá
amamentar.
Em ambos, o que vai influenciar é o
incentivo e apoio que a mãe vai
receber para amamentar.
No entanto, na cesárea o leite
demora mais para descer
Bicos, chupetas e mamadeiras prejudicam a
amamentação
Se o bebê mama no peito, não
precisa de mamadeira. Por ser mais
fácil de sugar, o bebê vai preferir a
mamadeira ao peito.
A chupeta, além de prejudicar toda
a arcada dentária , ainda é
considerada uma sucção não-
nutritiva.
O bebê suga e suga e nada recebe,
ele vai cansar e em pouco tempo
também pode largar o peito.
Amamentação deve ser exclusiva até os
seis meses de vida do bebê
O leite materno é o melhor
alimento para o bebê até
os dois anos ou mais .
Até os seis meses de vida o
bebê não necessita de
água, chás ou qualquer
alimento sólido . O leite
materno basta .
Meu leite é fraco.
Não existe leite fraco.
O leite materno tem melhor digestão do
que o leite de vaca.
No começo o bebê chora, não só porque
está com fome, mas porque este é seu
meio de comunicação - mas a mãe acha
que é porque tem pouco leite.
O leite materno contém mais de 250
substâncias de proteção.
O bebê que amamenta exclusivamente
não precisa de água
• O leite materno é tão perfeito que tem
uma grande quantidade de água na sua
composição .
Sabe quem deve
beber bastante
líquido?
A mamãe
As fórmulas atuais são quase como o
leite materno.
Até hoje não foi inventado
um leite igual ao leite
materno.
As fórmulas não tem
nenhum fator de proteção
imunológica e nem de
crescimento, podem causar
alergias e são pobres em
água.
São caras e podem fazer o
bebê engordar mais do que
o necessário.
A criança deve mamar a cada duas ou
três horas.
O bebê deve ser amamentado a
hora que ele quiser e quanto
ele quiser.
Com o tempo o bebê vai
regulando seu horário e
aprendendo a perceber a
sensação de saciedade.
Mais leite materno, mais
produção, mais saúde.
É necessária a higienização das mamas
antes e depois do aleitamento.
Os seios não ficam sujos
depois que a mãe
amamenta, por isso, não
precisa lavá-los, a não ser
durante o banho .
Você quer hidratar seus
seios? Passe uma gota de
leite materno antes de
amamentar e depois .
Canjica, caldo de cana e cerveja preta
aumentam a produção de leite.
O que aumenta a
produção do leite
materno é a mãe
amamentar sempre que o
bebê quiser , inclusive
durante a noite, beber
líquido e descansar...
A mãe pode continuar amamentando
mesmo estando grávida
Não há problema, se
a gestação estiver
normal e não haja
risco de parto
prematuro.
Não é possível amamentar gêmeos
A natureza é sábia. Nós temos dois
seios porque também podemos
amamentar dois bebês ao mesmo
tempo.
A mãe produz o leite de acordo com a
necessidade dos bebês. E quanto mais a
mãe amamentar, mais produzirá leite.
O apoio da família e da equipe médica
neste momento é muito importante.
Criança que mama muito tempo pode
ficar dependente da mãe e mimada
• Na verdade, ocorre o contrário, estas
crianças serão mais maduras, independentes
e inteligentes que as demais.
• A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda
que as mães amamentem até os dois anos ou mais,
porque o leite continua tendo importância , mesmo
depois que a mãe já tenha entrado com outros
alimentos.
• A maioria das pessoas se incomoda quando vê uma
criança amamentando, mesmo sem ter um motivo
lógico.
Maurício de Souza desenhou para demonstrar seu
apoio à campanha ‘Defensores da Amamentação’
Agora você consegue perceber o
que são mitos e o que são
verdades?
Temos certeza que sim. Então, passe esta informação para
outras pessoas, você estará contribuindo para a saúde dos
bebês.
Obrigado pela atenção
REFERÊNCIAS
• Todas as imagens são do google na categoria de domínio público
BRASIL. Conheça alguns mitos que podem atrapalhar o aleitamento materno. Blog da Saúde. Ministério da Saúde . 2017. Disponível em:
http://www.blog.saude.gov.br/index.php/materias-especiais/52461-mitos-podem-ser-um-empecilho-para-que-maes-amamentem. Acesso em: 23
abr.2018.
CASA CURUMIM. Apoio à amamentação. Dúvidas mais frequentes. s/d. Disponível em:
http://www.casacurumim.com.br/apoio-a-amamentacao-duvidas-mais-frequentes/. Acesso em: 23 abr. 2018
PASSANHA, A; CERVATO-MANCUSO, A.M.; ² PINTO E SILVA , M.E. M. Elementos Protetores do Leite Materno na Prevenção de Doenças Gastrintestinais
Respiratórias. Rev Bras Crescimento Desenvolvimento Hum., v.20, n.2, p: 351-360. Disponível em:
http://www.revistas.usp.br/jhgd/article/viewFile/19972/22057.
SAVAGET, D. Amamentação de gêmeos é possível e recomendável, diz especialista. RJ. FIOCRUZ. 2013. Disponível em:
https://portal.fiocruz.br/noticia/amamentacao-de-gemeos-e-possivel-e-recomendavel-diz-especialista. Acesso em: 23 abr. 2018
SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Uso de chupetas em crianças amamentadas. Guia Prático de Atualização. N. 3, ago. , 2017. Disponível em:
http://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/Aleitamento-_Chupeta_em_Criancas_Amamentadas.pdf. Acesso em: 23 abr. 2018
Weiderpass Elisabete Incidência e duração da amamentação conforme o tipo de parto: estudo longitudinal no Sul do Brasil* Rev. Saúde Pública, v.32 ,
n.3: 225-31, 1998. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v32n3/p225-231.pdf. Acesso em: 23 abr. 2018
XAVIER, J. Mitos e verdades sobre a produção de leite. Temas do momento. EBC. AGÊNCIA BRASIL. 2016. Disponível em:
http://www.ebc.com.br/infantil/para-pais/2016/11/mitos-e-verdades-sobre-producao-de-leite-materno. Acesso em: 23 abr. 2018

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aleitamento materno
Aleitamento maternoAleitamento materno
Aleitamento materno
NadjadBarros
 
Gravidez E Desenvolvimento Fetal
Gravidez E Desenvolvimento FetalGravidez E Desenvolvimento Fetal
Gravidez E Desenvolvimento Fetal
luandrade
 

Mais procurados (20)

Slide Aleitamento materno
Slide Aleitamento materno Slide Aleitamento materno
Slide Aleitamento materno
 
Aleitamento materno
Aleitamento maternoAleitamento materno
Aleitamento materno
 
Cuidados na gravidez
Cuidados na gravidezCuidados na gravidez
Cuidados na gravidez
 
AGOSTO DOURADO.pptx
AGOSTO DOURADO.pptxAGOSTO DOURADO.pptx
AGOSTO DOURADO.pptx
 
Gestação
GestaçãoGestação
Gestação
 
Mitos e verdades sobre amamentação
Mitos  e verdades sobre amamentaçãoMitos  e verdades sobre amamentação
Mitos e verdades sobre amamentação
 
Aleitamento materno
Aleitamento materno Aleitamento materno
Aleitamento materno
 
Triagem Neonatal
Triagem NeonatalTriagem Neonatal
Triagem Neonatal
 
Amamentação
AmamentaçãoAmamentação
Amamentação
 
Aleitamento Materno
Aleitamento MaternoAleitamento Materno
Aleitamento Materno
 
WABA SMAM 2022: Fortalecer a Amamentação, Educando e Apoiando
WABA SMAM 2022: Fortalecer a Amamentação, Educando e ApoiandoWABA SMAM 2022: Fortalecer a Amamentação, Educando e Apoiando
WABA SMAM 2022: Fortalecer a Amamentação, Educando e Apoiando
 
Atenção à Saúde da Puérpera Profa. Ana Paula
Atenção à Saúde da Puérpera Profa. Ana PaulaAtenção à Saúde da Puérpera Profa. Ana Paula
Atenção à Saúde da Puérpera Profa. Ana Paula
 
Planejamento familiar
Planejamento familiarPlanejamento familiar
Planejamento familiar
 
Alterações físicas da gravidez
Alterações físicas da gravidezAlterações físicas da gravidez
Alterações físicas da gravidez
 
Aleitamento Materno
Aleitamento MaternoAleitamento Materno
Aleitamento Materno
 
Gravidez E Desenvolvimento Fetal
Gravidez E Desenvolvimento FetalGravidez E Desenvolvimento Fetal
Gravidez E Desenvolvimento Fetal
 
AssistêNcia Ao Parto
AssistêNcia Ao PartoAssistêNcia Ao Parto
AssistêNcia Ao Parto
 
Parto
PartoParto
Parto
 
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
5° AULA - Assistência de Enfermagem no PARTO-PUÉRPERIO.pptx
 
Amamentação
AmamentaçãoAmamentação
Amamentação
 

Semelhante a Mitos, crendices e verdades sobre o aleitamento materno

Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
Cms Nunes
 
Promovendo o aleitamento materno
Promovendo o aleitamento maternoPromovendo o aleitamento materno
Promovendo o aleitamento materno
gisa_legal
 
Cartilha Odete Valadares
Cartilha Odete ValadaresCartilha Odete Valadares
Cartilha Odete Valadares
Rebeca - Doula
 
Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
Dessa Reis
 
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudávelPromoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pósOrientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
Patrícia Müller
 

Semelhante a Mitos, crendices e verdades sobre o aleitamento materno (20)

AMAMENTAÇÃO - livro digital para mães e pais do Click Bebê parte I
AMAMENTAÇÃO - livro digital para mães e pais do Click Bebê parte I AMAMENTAÇÃO - livro digital para mães e pais do Click Bebê parte I
AMAMENTAÇÃO - livro digital para mães e pais do Click Bebê parte I
 
Amamentar_Bonus.pdf
Amamentar_Bonus.pdfAmamentar_Bonus.pdf
Amamentar_Bonus.pdf
 
Aleitamento materno.pptx.pdf
Aleitamento materno.pptx.pdfAleitamento materno.pptx.pdf
Aleitamento materno.pptx.pdf
 
E-book EuSaúde - Crianças
E-book EuSaúde - CriançasE-book EuSaúde - Crianças
E-book EuSaúde - Crianças
 
album_seriado_aleitamento_materno.pdf
album_seriado_aleitamento_materno.pdfalbum_seriado_aleitamento_materno.pdf
album_seriado_aleitamento_materno.pdf
 
Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
 
Aleitamento album seriado unicef
Aleitamento album seriado unicefAleitamento album seriado unicef
Aleitamento album seriado unicef
 
Album seriado am
Album seriado amAlbum seriado am
Album seriado am
 
Promovendo o aleitamento materno
Promovendo o aleitamento maternoPromovendo o aleitamento materno
Promovendo o aleitamento materno
 
Album seriado amamentação (Unicef, Min. Saúde)
Album seriado amamentação (Unicef, Min. Saúde)Album seriado amamentação (Unicef, Min. Saúde)
Album seriado amamentação (Unicef, Min. Saúde)
 
Cartilha Odete Valadares
Cartilha Odete ValadaresCartilha Odete Valadares
Cartilha Odete Valadares
 
Cartilhasmam
CartilhasmamCartilhasmam
Cartilhasmam
 
Livreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospitalLivreto aleitamento materno hospital
Livreto aleitamento materno hospital
 
Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
 
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudávelPromoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
Promoção da AMAMENTAÇÃO e ALIMENTAÇÃO COMPLEMENTAR saudável
 
dez passo da amamentação saudável em folheto.doc
dez passo da amamentação saudável em folheto.docdez passo da amamentação saudável em folheto.doc
dez passo da amamentação saudável em folheto.doc
 
Trabalho tpa 2
Trabalho tpa 2Trabalho tpa 2
Trabalho tpa 2
 
Guia Básico para uma Alimentação de Sucesso - livro by Dr. Gladson
Guia Básico para uma Alimentação de Sucesso - livro by Dr. GladsonGuia Básico para uma Alimentação de Sucesso - livro by Dr. Gladson
Guia Básico para uma Alimentação de Sucesso - livro by Dr. Gladson
 
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pósOrientações sobre aleitamento materno e período pós
Orientações sobre aleitamento materno e período pós
 
Semana Mundial do Aleitamento Materno- Folder
Semana Mundial do Aleitamento Materno- Folder Semana Mundial do Aleitamento Materno- Folder
Semana Mundial do Aleitamento Materno- Folder
 

Mais de Silvia Marina Anaruma

Mais de Silvia Marina Anaruma (20)

A 1a. experiencia alimentar
A 1a. experiencia alimentar A 1a. experiencia alimentar
A 1a. experiencia alimentar
 
Amamentação e sustentabilidade
Amamentação e sustentabilidadeAmamentação e sustentabilidade
Amamentação e sustentabilidade
 
Como a amamentacao pode contribuir para um Planeta mais saudável
Como a amamentacao pode contribuir para um Planeta mais saudávelComo a amamentacao pode contribuir para um Planeta mais saudável
Como a amamentacao pode contribuir para um Planeta mais saudável
 
Sergipe com musica
Sergipe com musicaSergipe com musica
Sergipe com musica
 
Semana do aleitamento materno de rio claro audio
Semana do aleitamento materno de rio claro audioSemana do aleitamento materno de rio claro audio
Semana do aleitamento materno de rio claro audio
 
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagem
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagemApontamentos sobre o conceito de aprendizagem
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagem
 
Pesquisa nacional am 2008
Pesquisa nacional am 2008Pesquisa nacional am 2008
Pesquisa nacional am 2008
 
Concepções de desenvolvimento e modelos pedagógicos de ensino
Concepções de desenvolvimento e modelos pedagógicos de ensino Concepções de desenvolvimento e modelos pedagógicos de ensino
Concepções de desenvolvimento e modelos pedagógicos de ensino
 
Pensar a aprendizagem
Pensar a aprendizagemPensar a aprendizagem
Pensar a aprendizagem
 
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagem
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagemApontamentos sobre o conceito de aprendizagem
Apontamentos sobre o conceito de aprendizagem
 
Contribuição do aleitamento materno para a Educação Infantil
Contribuição do aleitamento materno para a Educação Infantil Contribuição do aleitamento materno para a Educação Infantil
Contribuição do aleitamento materno para a Educação Infantil
 
Adolescência no Brasil
Adolescência no Brasil Adolescência no Brasil
Adolescência no Brasil
 
O desenvolvimento auditivo na fase pré natal
O desenvolvimento auditivo na  fase pré natalO desenvolvimento auditivo na  fase pré natal
O desenvolvimento auditivo na fase pré natal
 
Método canguru ou
Método canguru ouMétodo canguru ou
Método canguru ou
 
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
Inovações no ensino das Dimensões Psicossociais da Escola na formação de Peda...
 
Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - beePsico. do desenvolvimento   introdução- ciclo vital - bee
Psico. do desenvolvimento introdução- ciclo vital - bee
 
Mulher Trabalhadora que amamenta
Mulher Trabalhadora que amamenta Mulher Trabalhadora que amamenta
Mulher Trabalhadora que amamenta
 
Proama na defesa pelo Respeito ao Nascimento
Proama na defesa pelo Respeito ao NascimentoProama na defesa pelo Respeito ao Nascimento
Proama na defesa pelo Respeito ao Nascimento
 
Mecanismos de defesa do ego
Mecanismos de defesa do egoMecanismos de defesa do ego
Mecanismos de defesa do ego
 
Livro completo. poesia
Livro completo. poesiaLivro completo. poesia
Livro completo. poesia
 

Último

Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdfRelação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
AdivaldoSantosRibeir
 
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
wilkaccb
 

Último (10)

Farmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
Farmacologia do Sistema Nervoso AutonomoFarmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
Farmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
 
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptxAULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
 
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptxaula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
 
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
 
Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdfRelação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
Relação de Medicos Edital 13 - Coparticipação (1).pdf
 
Anticonvulsivante / Hipnoanalgésicos.pdf
Anticonvulsivante / Hipnoanalgésicos.pdfAnticonvulsivante / Hipnoanalgésicos.pdf
Anticonvulsivante / Hipnoanalgésicos.pdf
 
Protocolo Zero Rugas - formato digital01
Protocolo Zero Rugas - formato digital01Protocolo Zero Rugas - formato digital01
Protocolo Zero Rugas - formato digital01
 
Manual de Higienização Hospitalar, limpeza.pdf
Manual de Higienização Hospitalar, limpeza.pdfManual de Higienização Hospitalar, limpeza.pdf
Manual de Higienização Hospitalar, limpeza.pdf
 
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismoEscala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
 
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
 

Mitos, crendices e verdades sobre o aleitamento materno

  • 1. MITOS E VERDADES SOBRE O ALEITAMENTO MATERNO Universidade Estadual Paulista UNESP - INTERSSAN Autores : Silvia Marina Anaruma Thiago Augusto Mendes Moretti
  • 2. Este material foi elaborado para fins pedagógicos. Se mostrou útil na orientação de gestantes. Muitos mitos e crendices impedem que as mães amamentem e, assim, que elas deixam de oferecer o melhor alimento ao seu bebê... Então, que tal conhecer o que é mito e o que é verdade sobre o aleitamento materno?
  • 3. O que são mitos e crendices ? • Quando o homem não tinha recursos para explicar os fenômenos do mundo e da natureza ele criou os mitos para entendê-los. Mitos são conhecimentos que ainda é considerado ingênuo e não tem um fundamento científico. • As pessoas também se valem de crenças, criadas a partir de superstições para entender a realidade, que passam de geração em geração. • Quando conversamos com algumas pessoas sobre aleitamento materno, percebemos este tipo de conhecimento também. • O nosso papel é desconstrui-las, à luz das evidências e das explicações científicas
  • 4. Seios muito pequenos não produzem leite na quantidade suficiente para o bebê. A produção de leite não depende do tamanho das mamas. Mesmo as mulheres que fizeram cirurgia de redução ou colocaram prótese podem amamentar . A produção do leite depende da estrutura fisiológica das mamas.
  • 5. O tipo de parto interfere na amamentação Seja parto normal ou seja uma cesariana, a mãe poderá amamentar. Em ambos, o que vai influenciar é o incentivo e apoio que a mãe vai receber para amamentar. No entanto, na cesárea o leite demora mais para descer
  • 6. Bicos, chupetas e mamadeiras prejudicam a amamentação Se o bebê mama no peito, não precisa de mamadeira. Por ser mais fácil de sugar, o bebê vai preferir a mamadeira ao peito. A chupeta, além de prejudicar toda a arcada dentária , ainda é considerada uma sucção não- nutritiva. O bebê suga e suga e nada recebe, ele vai cansar e em pouco tempo também pode largar o peito.
  • 7. Amamentação deve ser exclusiva até os seis meses de vida do bebê O leite materno é o melhor alimento para o bebê até os dois anos ou mais . Até os seis meses de vida o bebê não necessita de água, chás ou qualquer alimento sólido . O leite materno basta .
  • 8. Meu leite é fraco. Não existe leite fraco. O leite materno tem melhor digestão do que o leite de vaca. No começo o bebê chora, não só porque está com fome, mas porque este é seu meio de comunicação - mas a mãe acha que é porque tem pouco leite. O leite materno contém mais de 250 substâncias de proteção.
  • 9. O bebê que amamenta exclusivamente não precisa de água • O leite materno é tão perfeito que tem uma grande quantidade de água na sua composição . Sabe quem deve beber bastante líquido? A mamãe
  • 10. As fórmulas atuais são quase como o leite materno. Até hoje não foi inventado um leite igual ao leite materno. As fórmulas não tem nenhum fator de proteção imunológica e nem de crescimento, podem causar alergias e são pobres em água. São caras e podem fazer o bebê engordar mais do que o necessário.
  • 11. A criança deve mamar a cada duas ou três horas. O bebê deve ser amamentado a hora que ele quiser e quanto ele quiser. Com o tempo o bebê vai regulando seu horário e aprendendo a perceber a sensação de saciedade. Mais leite materno, mais produção, mais saúde.
  • 12. É necessária a higienização das mamas antes e depois do aleitamento. Os seios não ficam sujos depois que a mãe amamenta, por isso, não precisa lavá-los, a não ser durante o banho . Você quer hidratar seus seios? Passe uma gota de leite materno antes de amamentar e depois .
  • 13. Canjica, caldo de cana e cerveja preta aumentam a produção de leite. O que aumenta a produção do leite materno é a mãe amamentar sempre que o bebê quiser , inclusive durante a noite, beber líquido e descansar...
  • 14. A mãe pode continuar amamentando mesmo estando grávida Não há problema, se a gestação estiver normal e não haja risco de parto prematuro.
  • 15. Não é possível amamentar gêmeos A natureza é sábia. Nós temos dois seios porque também podemos amamentar dois bebês ao mesmo tempo. A mãe produz o leite de acordo com a necessidade dos bebês. E quanto mais a mãe amamentar, mais produzirá leite. O apoio da família e da equipe médica neste momento é muito importante.
  • 16. Criança que mama muito tempo pode ficar dependente da mãe e mimada • Na verdade, ocorre o contrário, estas crianças serão mais maduras, independentes e inteligentes que as demais. • A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda que as mães amamentem até os dois anos ou mais, porque o leite continua tendo importância , mesmo depois que a mãe já tenha entrado com outros alimentos. • A maioria das pessoas se incomoda quando vê uma criança amamentando, mesmo sem ter um motivo lógico. Maurício de Souza desenhou para demonstrar seu apoio à campanha ‘Defensores da Amamentação’
  • 17. Agora você consegue perceber o que são mitos e o que são verdades? Temos certeza que sim. Então, passe esta informação para outras pessoas, você estará contribuindo para a saúde dos bebês.
  • 18. Obrigado pela atenção REFERÊNCIAS • Todas as imagens são do google na categoria de domínio público BRASIL. Conheça alguns mitos que podem atrapalhar o aleitamento materno. Blog da Saúde. Ministério da Saúde . 2017. Disponível em: http://www.blog.saude.gov.br/index.php/materias-especiais/52461-mitos-podem-ser-um-empecilho-para-que-maes-amamentem. Acesso em: 23 abr.2018. CASA CURUMIM. Apoio à amamentação. Dúvidas mais frequentes. s/d. Disponível em: http://www.casacurumim.com.br/apoio-a-amamentacao-duvidas-mais-frequentes/. Acesso em: 23 abr. 2018 PASSANHA, A; CERVATO-MANCUSO, A.M.; ² PINTO E SILVA , M.E. M. Elementos Protetores do Leite Materno na Prevenção de Doenças Gastrintestinais Respiratórias. Rev Bras Crescimento Desenvolvimento Hum., v.20, n.2, p: 351-360. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/jhgd/article/viewFile/19972/22057. SAVAGET, D. Amamentação de gêmeos é possível e recomendável, diz especialista. RJ. FIOCRUZ. 2013. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/noticia/amamentacao-de-gemeos-e-possivel-e-recomendavel-diz-especialista. Acesso em: 23 abr. 2018 SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Uso de chupetas em crianças amamentadas. Guia Prático de Atualização. N. 3, ago. , 2017. Disponível em: http://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/Aleitamento-_Chupeta_em_Criancas_Amamentadas.pdf. Acesso em: 23 abr. 2018 Weiderpass Elisabete Incidência e duração da amamentação conforme o tipo de parto: estudo longitudinal no Sul do Brasil* Rev. Saúde Pública, v.32 , n.3: 225-31, 1998. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v32n3/p225-231.pdf. Acesso em: 23 abr. 2018 XAVIER, J. Mitos e verdades sobre a produção de leite. Temas do momento. EBC. AGÊNCIA BRASIL. 2016. Disponível em: http://www.ebc.com.br/infantil/para-pais/2016/11/mitos-e-verdades-sobre-producao-de-leite-materno. Acesso em: 23 abr. 2018