Didaticgeoaula11

1.946 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.946
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Didaticgeoaula11

  1. 1. VERSÃO DO PROFESSOR D I S C I P L I N A Didática e o Ensino de Geografia Temas em geografia no ensino fundamental Autoras Sônia de Almeida Pimenta Ana Beatriz Gomes Carvalho aula 11 Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:_______________________________________
  2. 2. Governo Federal Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro da Educação Fernando Haddad Secretário de Educação a Distância – SEED Carlos Eduardo Bielschowsky Universidade Federal do Rio Grande do Norte Universidade Estadual da Paraíba Reitor José Ivonildo do Rêgo Reitora Marlene Alves Sousa Luna Vice-Reitora Ângela Maria Paiva Cruz Vice-Reitor Aldo Bezerra Maciel Secretária de Educação a Distância Vera Lúcia do Amaral Coordenadora Institucional de Programas Especiais - CIPE Eliane de Moura Silva Coordenador de Edição Ary Sergio Braga Olinisky Diagramadores Ivana Lima (UFRN) Johann Jean Evangelista de Melo (UFRN) Mariana Araújo (UFRN) Vitor Gomes Pimentel Projeto Gráfico Ivana Lima (UFRN) Revisora Tipográfica Nouraide Queiroz (UFRN) Revisora de Estrutura e Linguagem Rossana Delmar de Lima Arcoverde (UFCG) Ilustradora Carolina Costa (UFRN) Revisora de Língua Portuguesa Maria Divanira de Lima Arcoverde (UEPB) Editoração de Imagens Adauto Harley (UFRN) Carolina Costa (UFRN) Ficha catalográfica elaborada pela Biblioteca Central - UEPB 372.891 P644d    Pimenta, Sônia de Almeida.    Didática e o ensino de geografia / Sônia de Almeida Pimenta; Ana Beatriz Gomes Carvalho. – Campina Grande: EDUEP, 2008.    244 p. ISBN 978-85-7879-014-1 1. Geografia – Estudo e Ensino. I. Carvalho, Ana Beatriz Gomes. II. Título. 21. ed. CDD Copyright © 2008  Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste material pode ser utilizada ou reproduzida sem a autorização expressa da UFRN - Universidade Federal do Rio Grande do Norte e da UEPB - Universidade Estadual da Paraíba.
  3. 3. VERSÃO DO PROFESSOR Apresentação N esta aula, vamos organizar todos os aspectos tratados nas aulas anteriores, construindo uma proposta de prática pedagógica a partir das especificidades do saber geográfico. Apresentaremos os temas da disciplina no Ensino Fundamental e as práticas pedagógicas mais adequadas para cada situação. Esperamos que esta aula seja usada como referência para sua prática cotidiana em sala de aula, mas que você possa aprofundar, acrescentar e criar muitas outras propostas adequadas para a realidade dos seus alunos e da sua comunidade. Objetivos Ao final desta aula, esperamos que você: 1 2 3 Conheça os temas mais importantes do saber geográfico para este segmento de ensino. Identifique as práticas pedagógicas e sua relação com os temas e conteúdos trabalhados na disciplina Geografia no Ensino Fundamental. Compreenda as diferentes possibilidades de trabalhar os temas apresentados em sua realidade local. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 1
  4. 4. VERSÃO DO PROFESSOR Recortando a disciplina D urante o percurso desta disciplina você foi apresentado aos aspectos mais importantes da didática e do conteúdo da Geografia. A diversidade e conteúdo da disciplina Geografia, potencializa o uso de diferentes abordagens metodológicas e pedagógicas. Os aspectos físicos da Geografia, os indicadores sociais, os dados estatísticos, o uso de mapas e outros instrumentos, necessitam de abordagens diferenciadas no processo de ensino-aprendizagem. Considerando um enfoque simplificado, podemos afirmar que a Geografia aborda em seus conteúdos uma descrição do mundo, a partir dos mais diferentes aspectos (físicos, humanos, sociais, econômicos etc). Neste caso, os elementos estudados sempre existirão em algum lugar do território, tornando-se impossível desvincular qualquer fenômeno geográfico do seu contexto territorial. Assim, as abordagens sempre serão realizadas a partir de um determinado recorte, que poderá ser regional, onde o mundo é separado em áreas de estudo, ou a partir de outros enfoques. Por esta razão, podemos encontrar como conteúdos no Ensino Fundamental assuntos como “O Continente Americano, O Oriente Médio etc.” ou divisões entre “Países Desenvolvidos, O Mundo em Desenvolvimento etc”. Todas estas abordagens irão considerar a organização geopolítica do mundo. A Geografia regional tem sido o eixo norteador para o ensino de Geografia, inclusive na organização do currículo escolar. A idéia é que ao apresentar para o aluno os aspectos físicos, econômicos e humanos de um determinado país ou região, o aluno conseguiria uma visão do todo e não das partes. A maior dificuldade é a compreensão desta totalidade de forma articulada, observando as relações de causa e efeito em cada uma destas categorias. A abordagem regional não consegue suprir com desenvoltura todas as possibilidades de articulação, é necessário buscar outras alternativas metodológicas e pedagógicas para que o aluno estabeleça as correlações em todas as suas dimensões. 2 Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  5. 5. VERSÃO DO PROFESSOR A observação da paisagem através do uso de imagens A análise da paisagem é um excelente ponto de partida para a elaboração de conceitos mais complexos sobre a construção do espaço geográfico, assim como o desenvolvimento de habilidades e competências relacionadas com a observação, percepção, análise e síntese. Para trabalhar o espaço geográfico a partir da descrição das paisagens com os alunos do Ensino Fundamental, nada mais interessante do que o uso de imagens apresentadas aos alunos para que eles possam construir suas próprias análises a partir da observação individual. Outra forma de trabalhar as imagens e através da comparação, o que vemos nesta imagem que não vemos em outra, o que caracteriza a imagem B e a imagem C? Com as turmas iniciais podemos trabalhar imagens com alto grau de contraste (inverno/verão, campo/cidade, montanhas/planícies). Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 3
  6. 6. VERSÃO DO PROFESSOR Estou no caminho certo? É possível, então usar as imagens de fotografias antigas e recentes, de jornais e revistas que retratem denúncias ou situações que precisem de divulgação para o maior número possível de pessoas, assim como filmes? Outro aspecto importante é o desenvolvimento da crítica social, através da apresentação de imagens que retratem condições de vida precária, imagens de guerra, refugiados, desastres ambientais, todos estes elementos que muitas vezes fogem do cotidiano dos alunos e permite a reflexão sobre temas controversos. Esta proposta de trabalho evita o uso de parágrafos extensos que descrevem uma determinada paisagem que sequer pode ser elaborada pelo aluno (por exemplo, a descrição de uma floresta de Taiga para os alunos que moram no Brasil). Após o aluno observar, analisar e relatar o que ele identificou na imagem, o professor poderá acrescentar novos elementos que não tenham sido observamos pelo aluno, ou apresentar uma outra opção para descrever a mesma imagem. Veja um exemplo em relação à imagem acima: 1. 2. Que tipo de moradia você observa nesta imagem? 3. Este tipo de moradia está localizado na parte rica ou na parte pobre da cidade? 4. 4 Esta imagem retrata uma paisagem natural ou uma ocupação humana? Por que as pessoas residem neste tipo de moradia? Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  7. 7. VERSÃO DO PROFESSOR Atividade 1 sua resposta Selecione uma imagem que retrate algum aspecto do espaço geográfico e organize um roteiro de observação e análise para que os alunos possam organizar as informações a partir da imagem. Não esqueça de determinar os objetivos de sua proposta e definir o conteúdo. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 5
  8. 8. VERSÃO DO PROFESSOR A geografia física através de materiais concretos T rabalhar com os temas da Geografia física no Ensino Fundamental requer alguns cuidados por duas razões: a primeira é a limitação da capacidade de abstração dos alunos e a segunda é que estes conceitos estão em construção neste momento e serão utilizados novamente nos anos seguintes. Assim, um conceito mal estruturado poderá dificultar o desenvolvimento da aprendizagem mais tarde, mesmo que aparentemente esteja tudo bem. De modo geral, os temas abordados da Geografia física no Ensino Fundamental estão relacionados com a formação da Terra, estrutura interna do planeta, aspectos geomorfológicos, ecossistemas, tipo de vegetação, latitudes e longitudes, movimento da Terra (rotação, translação). Todos estes temas podem ser trabalhados com materiais concretos e representações. A erosão eólica, por exemplo, pode ser representada com um pouco de areia e um ventilador. Veja a seguir algumas sugestões de trabalhos e representações: Movimentos da Terra e Planetas n Móbile do sistema solar n Estrutura interna da Terra em isopor n Globo plástico e lanterna n Trabalho com massa plástica para representar as cores, formas e tamanhos dos diferentes planetas e a posição da Terra no sistema solar. Aspectos Geomorfológicos Dioramas Diorama é um modo de representação artística n Uso de massa plástica (ou jornal com cola plástica) para a construção do relevo; de maneira realista de cenas da vida real para exposição com finalidades de instrução ou entretenimento. A cena pode ser uma paisagem, plantas, animais, eventos históricos etc. O termo foi inventado por Louis Daguerre em 1822 e os dioramas modernos podem ser vistos em exposições de artes e na maioria dos museus naturais, principalmente nos de história. Fonte: Wikipédia. n Lâminas de isopor para representação dos meandros dos rios e deságüe no oceano; n Esponja de lavar louças (verde) e arames para fazer árvores; n Massa plástica, água com anilina vermelha e sais de frutas para simular um vulcão; n Experiências com água e barro para simular a erosão da água; 6 n Experiências com placas de isopor sobre a água para representar as placas tectônicas sobre o manto de magma. Ecossistemas, tipo de vegetação e espaço urbano e rural A construção de maquetes ou dioramas em caixas de sapato é uma forma simples de trabalhar diferentes elementos da geografia estimulando a pesquisa e a elaboração de conceitos através da construção de materiais. Para construir um diorama você precisará: Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  9. 9. VERSÃO DO PROFESSOR n Uma caixa de sapato; n Tinta plástica nas cores primárias; n Papéis coloridos; n Tesoura; n Cola; n Lápis coloridos e hidrocores; n Materiais diversos para a cena (algodão, bonequinhos de plástico, arame, isopor etc.). O primeiro passo é fazer o fundo da cena que será representada (montanhas, céu azul, sol, nuvens etc). Depois, desenhe as peças que serão coladas na paisagem (árvores, animais, casas etc). Lembre-se que a finalidade do diorama é retratar uma cena tridimensional, dividindo-se entre o plano de fundo e os elementos colocados na cena. Por fim, pinte a parte externa da caixa em uma cor neutra e coloque o nome do diorama e do autor. Os dioramas podem abordar diversos assuntos, e sua construção sempre envolverá pesquisa e observação para um bom resultado final. Um diorama sobre um ecossistema desenvolverá conceitos em seus alunos de forma que nenhuma outra estratégia pedagógica poderia realizar. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 7
  10. 10. VERSÃO DO PROFESSOR As maquetes são mais adequadas para retratar cenas de uma cidade ou reproduzir construções, como a escola e seu entorno, pontos turísticos etc. A base de uma maquete pode ser em cartolina, madeira ou isopor, e mesmo sem precisão nas medidas, é importante manter a proporcionalidade entre os elementos para construir o conceito de escala com os alunos. É possível utilizar sucata (aproveitamento de embalagens, pedaços de madeira etc) para criar as maquetes. Os materiais necessários para construir uma maquete são os seguintes: n Lápis coloridos e hidrocor; n Régua, tesoura, fita adesiva, cola; n Areia colada ou pedacinhos de grama n Esponja de lavar louça para a copa das árvores e moitas; n n Miçangas coloridas e transparentes para colar nas árvores como frutas ou no chão como pedras; Embalagens de alimentos ou remédios para servir como modelo ou estrutura dos edifícios e casas; n Cola ou gel transparente para rios, lagos e mares; n Palitos e arames finos para cercas e postes; n Lixa marrom e preta para representar o asfalto e estrada de terra; n Massa plástica, argila ou jornal com cola para o relevo; n Caixas de leite pelo avesso ou papel laminado para o efeito de metal; n Tinta plástica e cola colorida; n 8 Sucatas variadas (barbante, carretéis, botões, rolhas de cortiça, tampas, latas, pedrinhas, revistas, grãos e sementes, etc). Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  11. 11. VERSÃO DO PROFESSOR Diálogos no caminho Estas atividades devem ser realizadas, preferencialmente, em sala de aula para permitir uma melhor orientação do professor, garantir que os trabalhos serão realizados por todos e aproximar o resultado final dos objetivos da proposta. Este tipo de atividade implica em alguns cuidados com a limpeza da sala (que deverá ser responsabilidade dos próprios alunos) e cuidados com o manuseio dos materiais. É importante que a atividade não cause transtornos para os demais funcionários da escola (com solicitações e problemas com a limpeza) ou com os outros professores (atrasos para finalizar a aula, alunos agitados, etc.). Este tipo de trabalho o tornará mais querido pelos alunos, que se sentirão estimulados e recompensados, mas também poderá provocar o ressentimento de outros professores (que sempre pensam que queremos inovar para aparecer). Em 1992, eu trabalhava em uma escola e realizava estas atividades com as turmas do 6° ano. Durante um conselho de classe, uma professora de Ciências, bem tradicional, perguntou aborrecida: – Você não tem medo que os alunos confundam a sua disciplina com Educação Artística? Eu, no seu lugar, ficaria preocupada! – Nem um pouco – respondi prontamente. – Eu tenho medo é que eles me peçam para ensinar os conteúdos da sua disciplina, já que eles não estão conseguindo aprender nada... Atividade 2 sua resposta Escolha uma das técnicas propostas (modelos, dioramas, maquetes) e elabore um roteiro de aula para trabalhar um conteúdo da disciplina. O roteiro deverá conter o conteúdo, os objetivos da aula, a proposta de trabalho detalhada e a avaliação. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 9
  12. 12. VERSÃO DO PROFESSOR Conhecendo os países: o uso de painéis e seminários C onhecer outros países, ou regiões do nosso próprio país é fundamental para o estudo da Geografia. Em todos os anos do Ensino Fundamental, você encontrará nos conteúdos os aspectos físicos, econômicos e humanos dos países de diversas regiões geográficas, relacionadas com outros contextos ou não. Existem duas formas de trabalhar este conteúdo em sala de aula, de forma descritiva (e bastante monótona) ou através de seminários e painéis elaborados pelos alunos. Este é um momento interessante para o desenvolvimento da pesquisa e da curiosidade dos alunos, e através da apresentação do que se estudou, trabalhamos outras dimensões da aprendizagem, como a auto-estima, a apresentação em público, a organização, o gosto estético etc. É importante orientar os alunos para não pesquisarem apenas dados turísticos e superficiais, mas sim estabelecer relações entre as informações obtidas sobre um determinado país e seu contexto com seus vizinhos e no mundo. Os aspectos culturais são importantes, mas precisam promover a reflexão sobre a cultura estudada, não apenas a constatação e descrição. Uma boa estratégia para realizar esta ação é trabalhar com áreas geográficas de importância geopolítica, com os grupos apresentando seus países, mas estabelecendo as relações de vizinhança políticas, culturais e comerciais. Por exemplo, o Oriente Médio, a Oceania, Países da ALCA, entre outros. Neste caso, a apresentação das informações sobre os países estará necessariamente vinculada ao contexto solicitado pelo professor. Estou no caminho certo? O uso de seminários e painéis poderá desenvolver outras habilidades e competências nos alunos? Devo me preocupar com outros aspectos além do conteúdo em minhas orientações e acompanhamento da produção dos trabalhos? O recurso didático dos seminários e painéis estimula a contribuição entre os grupos e a prática da aprendizagem colaborativa, que sempre deverá ser explorada. Os painéis podem ser apresentados em cartazes de cartolina ou em banners plásticos em casos de eventos maiores (como feira de ciências, etc.). O importante é incentivar os alunos para o desenvolvimento de 10 Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  13. 13. VERSÃO DO PROFESSOR pesquisas bem elaboradas, apresentações organizadas e caprichadas e as referências do material utilizado (fontes) da forma correta. Este exercício será fundamental para o desenvolvimento de competências e habilidades relacionadas com o espírito científico, que deverá ser incentivado desde os primeiros anos da vida escolar. Atividade 3 sua resposta Elabore uma proposta de seminários temáticos ou apresentação de painéis considerando os conteúdos dos dois últimos anos do Ensino Fundamental. Não esqueça de criar temas que possibilitem uma correlação de dados e informações entre as diversas apresentações dos alunos. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 11
  14. 14. VERSÃO DO PROFESSOR Os aspectos humanos e econômicos: a abordagem etnográfica a partir do olhar do aluno A lguns temas relacionados com os aspectos humanos e econômicos podem parecer mais fáceis de assimilação, mas muitas vezes, a assimilação é confundida com a memorização dos conteúdos, e não com a reflexão ou capacidade de relação estabelecida por eles. A percepção do PIB, ou da Renda per Capita, só para citar alguns exemplos, pode ser tão complexa como o entendimento dos fenômenos da estrutura interna da Terra. Desta forma, um bom começo para apresentar estes conteúdos para os alunos, é buscar em sua própria realidade e através da pesquisa de opinião de pessoas que fazem parte do universo destes alunos, uma fundamentação para depois introduzir os elementos mais complexos do conteúdo. Por exemplo, ao trabalhar com a questão da cultura e existência de outros grupos, como os negros, indígenas, imigrantes etc., podemos propor uma pesquisa nas redondezas com pessoas que sejam expoentes e possam relatar suas percepções sobre a cultura, costumes, diferenças e similaridades etc. Nos aspectos econômicos também é possível iniciar a abordagem a partir da realidade local, do que vivemos, o que produzimos em nossa comunidade, para quem vendemos e de quem compramos, contextualizando estes dados com um universo maior (o Estado, por exemplo, ou o país) e relacionando com outras informações. Esta perspectiva etnográfica não apenas integra o aluno em sua realidade e na dimensão dos temas que serão trabalhados, mas também estabelece uma reflexão sobre o local e o global, com instrumentos de análise 12 Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  15. 15. VERSÃO DO PROFESSOR e comparação de diferentes realidades. Ao trazer informações que contribuem para a apresentação dos conteúdos da disciplina o aluno passa de sujeito passivo diante do processo de ensino-aprendizagem para um cidadão com participação ativa, opiniões e histórias de vida que, em última análise, constrói o próprio objeto de estudo do saber geográfico. Atividade 4 sua resposta Pesquise os dados existentes sobre o seu município referentes aos aspectos humanos e econômicos (utilize as grandes bases de dados como referência, IBGE, PNUD, IPEA, PNUD etc). A partir destas informações, elabore uma proposta de trabalho com seus alunos, relacionando os conteúdos da disciplina com a realidade da comunidade. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 13
  16. 16. VERSÃO DO PROFESSOR Concluindo o percurso O s temas abordados aqui com suas propostas didático-pedagógicas fazem parte do Ensino Fundamental e também são aplicados no Ensino Médio. Fizemos uma separação apenas considerando que alguns temas são mais explorados no Fundamental e outros no Médio, mas uma proposta não invalida a outra. Na próxima aula, iremos abordar os temas referentes aos aspectos geopolíticos, dados estatísticos e informações cotidianas. Você poderá se apropriar de todas estas sugestões apresentadas, elaborando-as com muito mais criatividade e propriedade do que nos propomos aqui. A idéia é que esta proposta seja apenas uma inspiração, uma trilha para a construção de seu próprio caminho como professor, cidadão e educador. Leituras complementares KIMURA, S. Geografia no Ensino Básico. São Paulo: Contexto, 2006 Este livro propõe uma discussão sobre a Geografia no ensino básico discutindo o papel e a importância do conhecimento geográfico para a formação do jovem brasileiro. O objetivo é mostrar que o ensino de Geografia encontra-se no interior das preocupações voltadas para a qualidade do trabalho docente. Isso significa ter a preocupação com os objetos de análise produzidos pela Geografia. CASTROGIOVANNI, Antonio Carlos et. Alii (org.). Ensino de Geografia, prática e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Editora Mediação, 2004. Os autores deste livro fazem a crítica sobre a memorização de dados, as nomenclaturas difíceis, as maçantes reproduções de mapas em aulas de geografia. Contribuem para um ensino mais envolvente e significativo, que leve em conta o cotidiano de crianças e jovens, em relação a temas como pontos cardeais, construção de maquetes, localização geográfica e outros, trazendo ricas sugestões de atividades. 14 Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  17. 17. VERSÃO DO PROFESSOR Resumo Nesta aula, apresentamos os temas mais importantes que tratam o conteúdo do Ensino Fundamental articulados com as propostas didático-pedagógicas para a prática em sala de aula. A análise da paisagem através de imagens (fotografias, vídeos, pinturas), a construção de modelos, maquetes e dioramas para trabalhar os conceitos da Geografia física, são propostas enriquecedoras e estimulante para os alunos deste segmento de ensino. Uma releitura na estratégia de seminários, painéis como ferramentas didáticas para a abordagem de informações sobre os diferentes países e regiões, aponta uma possibilidade diferente para desenvolver assuntos descritivos. O olhar etnográfico sobre os dados humanos e econômicos resgata as propostas dos parâmetros curriculares nacionais na perspectiva da Geografia. Buscamos alinhavar todas as aulas anteriores em propostas práticas e eficazes que poderão ser desenvolvidas em qualquer sala de aula de qualquer local no país. Auto-avaliação 1 O titulo inicial do texto usa a expressão “recortando a Geografia”. Explique o que você compreendeu sobre este recorte no ensino de Geografia. 2 Analise as possibilidades de utilizar fotos, vídeos e obras de arte para a descrição de paisagens geográficas no ensino de geografia. 3 Releia o texto e destaque as sugestões para uso de materiais concretos para trabalhar os conceitos da Geografia física. Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________ 15
  18. 18. VERSÃO DO PROFESSOR Referências CALLAI, H. C. et al. Geografia em sala de aula. Práticas e reflexões. Porto Alegre: FAURGS, 1999. CARLOS, A. F. A. (Org.). A Geografia na sala de aula. São Paulo: Papirus, 1999. CAVALCANTI, L. de S. Geografia, escola e construção do conhecimento. Campinas: Papirus, 1998. CASTROGIOVANNI, Antonio Carlos et. Alii (org.). Ensino de Geografia, prática e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Editora Mediação, 2004. CAVALCANTI, L. S. Geografia e práticas de ensino. Goiânia: Editora Alternativa, 2002. SUETERGARAY, D. et al. Geografia e educação. Geração de ambiências. Porto Alegre: Ed. da UFRGS, 2000. Anotações 16 Aula 11  Didática e o Ensino de Geografia   Material APROVADO (conteúdo e imagens) Data: ___/___/___ Nome:______________________
  19. 19. Didática e o Ensino de Geografia – GEOGRAFIA EMENTA Análise dos documentos necessários à organização do ensino; fundamentação teórico-metodológica para a organização do trabalho docente; tendências atuais do ensino de geografia; a geografia e a interdisciplinaridade; a utilização de diferentes fontes de informações e linguagens e a prática docente em geografia; situações problemas e a prática de ensino em geografia. AUTORAS n  Sônia de Almeida Pimenta n  Ana Beatriz Gomes Carvalho AULAS Didática e a prática educativa 02 Elementos da didática: os diferentes métodos de ensino 03 Tendências no ensino de Geografia 04 A contribuição dos parâmetros curriculares para o ensino de Geografia 05 O ensino de Geografia, a multiculturalidade e as tecnologias de informação 06 A interdisciplinaridade no ensino de Geografia e a pedagogia de projetos 07 Elementos para o ensino de Geografia (orientação e representação cartográfica) 08 O planejamento na organização da prática pedagógica 09 Teorias e práticas sobre a avaliação 10 A construção de conceitos nos primeiros anos do ensino fundamental 11 Temas em geografia no ensino fundamental 12 Temas em geografia no ensino médio 15 2º Semestre de 2008 01

×