Diversidade de animais

310 visualizações

Publicada em

Espero que gostem :)

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
310
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diversidade de animais

  1. 1. A DIVERSIDADE DE ANIMAIS FALA-SE DE ANIMAIS E SOBRE O QUE ELES TEM E FAZEM. A DIVERSIDADE DE ANIMAIS CONSISTE EM 5 PARTES: VARIEDADEDE FORMAS E RESVESTIMENTO DO CORPO, COMO SE DESLOCAM, DE QUE SE ALIMENTAM, COMO SE REPRODUZEM E VARIEÇAO DE FATORES DO MEIO- SUA INFLUÊNCIA NO COMPORTAMENTO DOS ANIMAIS. Parte I (Variedade de formas e revestimento do corpo) - Os animais apresentam forma e revestimento muito variados, que se mantém em cada espécie. A anémona- do – mar tanto parece umaflorabertacomoficaglobosa(comformaaproximadamenteesférica),A estrela- do- mar tem forma estrelada fazendo lembrar uma estrela, na maioria dos peixes, o corpo tem formade fuso (fusiforme),araia é achatada e a minhocaé segmentada. A pele reveste ocorpo dos animais. Os pelos cobrem o corpo dos mamíferos, as penas cobrem o corpo das aves, as escamas dos répteis têm origem na camada superficial da pele e a dos peixes na camada profunda e na rã e na salamandra, a pele não possui revestimento- são animais de pele nua. Parte II (Como se descolam) - Os animais deslocam-se no solo, ar e água. Os animais no solo deslocam-se: em marcha, corrida, salto e reptação. Animais que se deslocam no solo marcha assentam no solo, não só os dedos mas também uma grande parte da extremidade dos membros. O animal desloca-se mais lentamente. O Urso assenta totalmente no solo a patas anteriorese posteriores –Marcha lenta- OHomemapoianosoloasextremidades dosmembros inferiores. Animais que se deslocam no solo corrida apoiam no solo as extremidades dos membros. O apoio pode ser feito apenas com um dedo (última falange) ou com mais dedos. Animais que se deslocam no solo salto Patas traseiras maiores que as anteriores; Projeção do corpo para a frente; No contacto com o solo o peso do corpo é suportado pelos membros superiores; Membros posteriores dobrados em forma de z quando o animal se encontra em repouso. Animaisque se deslocamnoar- As asas das avessão rígidas,levese impermeáveisao ar. Estas possuem esqueleto ósseo, uma camada musculosa e penas. São os músculos fortes, ligados à quilha que fazem movimentar as asas. Os morcegos possuem uma membrana designadade membranaalar(rígida,leve e impermeável aoar) que constitui umasuperfície de sustençãocapaz de suportar o animal no voo. Esta membranaé uma prega de pele que ligaos dedosentre si e estesaocorpo do animal,membranaalar. Animaisque se deslocamnaágua.A deslocação na água só foi possível quando apareceram animais com adaptações específicas. Corpofusiformee barbatanasque oferece menorresistênciaàpenetraçãonaágua. Animaisque se deslocam na água. Membros em forma de barbatanas que funcionam como remos e permitem a deslocação e orientação do corpo da água. Parte III (De que se alimentam)- Regime alimentar – é o tipo de alimentos que um animal consome. Quanto ao regime alimentar, os animais podem ser: Herbívoros – animais que se alimentam apenas de plantas (ex: vaca); Carnívoros – animais que se alimentam de outros animais (ex: leão); Omnívoros – animais que se alimentam de animais e de plantas(ex: javali). Nosherbívorostemosos:•Frugívoros – alimentam-sede frutos(ex:algunsmorcegose algumas aves); Granívoros –alimentam-se de grãose sementes(ex:pombos). Noscarnívorostemosos:• Insetívoros – alimentam-se de insetos (ex: toupeira); Piscívoros – alimentam-se de peixes(ex: guarda-rios); Hematófagos –alimentam-se de sangue (ex:mosquito); Necrófagos –alimentam- se de cadáveres de outros animais (ex: abutre). Os detritívoros alimentam-se de restos de animaisoude plantasem decomposição(ex: minhoca). Dentiçãodosmamíferos:adentiçãode um mamífero é o seu conjunto de dentes. O tipo de dentição está relacionada com o regime alimentar de cada mamífero. Na dentição completa existem 3 tipos de dentes: Os incisivos –
  2. 2. prendeme cortam o alimento;Oscaninos – rasgam o alimento;Osmolares – moeme trituram o alimento. Os carnívoros têm: Os incisivos desenvolvidos; Os caninos desenvolvidos e pontiagudos; Os molares pontiagudos. Os herbívoros têm: Os incisivos desenvolvidos; Os molares com pregas; Barra ou diastema (espaço sem dentes); Sem os caninos ou com caninos pouco desenvolvidos. Os herbívoros roedores têm: Os incisivos de crescimento contínuo, em forma de bisel;Osmolaresarredondados;Barra ou diastema;Semos caninos.A forma do bico e das patas das avesestão relacionadascomo regime alimentarde cada ave.Comportamento dos animaisquandoprocuram e captam o alimento.Cadaanimal tem uma forma diferentede procurare captar oseualimento,ouseja,umdiferente comportamentoadaptadoaoseuregime alimentar (e também ao seu meio.) Parte IV (Como se reproduzem) - Na reprodução sexuada participam dois seres de sexos diferentes,omacho e a fêmea. Existe dimorfismosexual quandoexistem diferençasde aspeto entre o macho e a fêmea.A parada nupcial é um conjuntode comportamentos que osanimais têm antes, durante e após ao acasalamento. Estes comportamentos são formas de comunicação,que permitemoencontrodo machoe da fêmea,taiscomo:Sinaisodoríferos(ex: leão, borboleta- noturna). Sinais visuais(ex: pavão, pirilampo) Sinais sonoros(ex: maioria das aves, rãs, cigarras) Gestos (ex: pombo) Bailados (ex: mergulhão-de-crista, grous, cavalo- marinho) Ofertade presentes(ex:guarda-rios,viúvanegra) Lutas (ex:veados,lebres). Animais vivíparos e animais ovíparos. Nos animais vivíparos o embrião (novo ser em desenvolvimento) desenvolve-senointeriordo corpodamãe,àcusta de substânciasfornecidas atravésdosangue da mãe (ex:mamíferos– gato,cão, urso polar). Nosanimaisovíparosoembriãodesenvolve- se noexteriordocorpodamãe,àcustade substânciasde reservacontidasnoovo(ex:aves,peixes, insetos,anfíbios,répteis). Umovoé constituídopor:•Casca –é resistentee protegeoembrião;• Gema e clara – têm substâncias de reserva para o embrião;• Cicatrícula – embrião em desenvolvimento;• Calaza – serve para segurar a gema. Metamorfoses na rã e nos insetos. Metamorfose – transformações que alguns ovíparos sofrem desde que nascem até ao estado adulto (ex: rã, insetos). Parte V( Variação dos fatores do meio- sua influencia no comportamento dos animais)- O comportamentoque algunsanimais apresentampode ser:•Hibernação –osanimaisprotegem- se das baixas temperaturas, reduzindoa sua atividade ao mínimo (ex: urso polar); Estivação – osanimaisprotegem-sedaselevadastemperaturase dafaltadeágua,reduzindoasuaatividade ao mínimo(ex:caracol); Migração– os animaisdeslocam-se paralocaismaisfavoráveis,muitas vezesembuscade alimento,voltandodepoisnoanoseguinte(ex:andorinha); Mudançasde cor na pelagem (ex: arminho). A luz desencadeia as mudanças de cor da pelagem, a hibernação,a migração e a reprodução de muitos animais.

×