SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Baixar para ler offline
PLANO DE CONTROLE
AMBIENTAL
Processo: 30611/2019
BOTELHO TERRAPLANAGEM
Aempresabotelho57terraplanagem@gmail.com
Cel.: (65) 99345-7219
Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque
Cuiabá,
2
SUMÁRIO
APRESENTAÇÃO _______________________________________________ 3
1.0 Informações Gerais __________________________________________________ 4
1.1 Informações do empreendedor _________________________________________ 4
1.2 Informações do empreendimento _______________________________________ 4
1.3 Informação do responsável técnico ______________________________________ 5
2.0 Descrição da Área de Estudo __________________________________________ 6
2.1 Área do Imóvel______________________________________________________ 6
2.2 Objeto do Estudo ____________________________________________________ 7
3.0 Caracterização do empreendimento _____________________________________ 7
3.3 Abastecimento de água/ esgoto ________________________________________ 8
3.2 Drenagem _________________________________________________________ 8
3.3 Residuos Sólidos ____________________________________________________ 9
3.4 Caracterização da área de estudo______________________________________ 10
4.0 Diagnóstico Ambiental da Área ________________________________________ 11
4.1 Meio Fisico________________________________________________________ 11
4.2 Caracterização dos niveis de ruido _____________________________________ 11
4.3 Qualidade do ar ____________________________________________________ 12
4.4 Meio Biótico _______________________________________________________ 12
4.5 Meio Antrópico _____________________________________________________ 13
4.6 Medida Mitigadora __________________________________________________ 13
4.6.1 Agregados_______________________________________________________ 14
5.0 Referência Bibliográficas _____________________________________________ 15
3
APRESENTAÇÃO
O presente documento foi elaborado para apresentar o Plano de Controle Ambiental,
solicitado pela Prefeitura Municipal de Cuiabá- Secretaria Muncipal de Meio Ambiente e
Desenvolvimento Urbano- SMADES, contendo elementos para a análise de Adequação
Ambiental ( Licença de Localização, Prévia, Instalação e operação) de atividade comercial
Transporte rodoviário de cargas, exceto produtos perigosos e mudança municipal.
O relatório seguiram as orientações e recomendações contidas nas referências
técnicas da secretaria, os serviços abrangeram o levantamento da área e diagnósticos dos
possiveis passivos ambientais resultantes da atividade, verificação da implementação das
medidas de proteção Ambiental.
4
1.0 INFORMAÇÕES GERAIS
Neste capítulo são apresentadas as características gerais da atividade a ser
licenciada, sujeito ao presente Plano de Controle Ambiental, abordando a identificação do
empreendedor, identificação do empreendimento e informações do técnico responsável
para elaboração deste estudo.
1.1 INFORMAÇÕES EMPREENDEDOR
O presente plano, foi solicitado pelo proprietário da atividade comercial de transporte
rodoviário de cargas ( brita,areia,terra preta), cujas informações estão descritas na Tabela1.
Identificação do Proprietário
Razão Social: Paola Prestes Silva
Nome Fantasia: Botelho Terraplanagem
CNPJ: 34.369.545/0001-91
Endereço: Avenida Valter Gallucci, Quadra. 08, n° 01- Bairro: Parque Cuiabá
Município: Cuiabá/MT.
Telefone: (65) 99345-7219
1.2 INFORMAÇÕES EMPREENDIMENTO
A Tabela 2 apresenta as informações do empreendimento sujeito ao presente plano.
Identificação do Empreendimento
Proprietária: Paola Prestes Silva
CPF: 021.134.551-29
CNPJ: 34.369.545/0001-91
Endereço: Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque
Cuiabá
Município: Cuiabá/MT.
Telefone: (65) 99345-7219
5
1.3 INFORMAÇÕES DO TÉCNICO
A Tabela 3 apresenta as informações do técnico responsável.
Identificação do Responsável Técnico
Técnico: Eng. Sanitarista e Ambiental Ana Paula Do Bom Despacho Amorim
CPF: 006.882.531-56
CREA: 120948561-3
Endereço: Rua: Paraíba, Quadra:75, casa 06- Bairro: Morada da Serra
Município: Cuiabá/MT.
Telefone: (65) 99908-2246
6
2.0 DESCRIÇÃO DA ÁREA DE ESTUDO
O Licenciamento Ambiental da atividade comercial Transporte rodoviário de cargas,
exceto produtos perigosos e mudança municipal, tem por objetivo fazer cumprir as
exigências do órgão licenciador relacionadas a adequação ambiental, bem como os
programas ambientais preconizado no Termo de Referência expedido Secretaria Municipal
de Meio Ambiente SMADES.
2.1 ÁREA DO IMÓVEL
A área de estudo está situada na macrozona urbana dentro do perímetro urbano do
município de Cuiabá, entre as coordenadas geográficas 15°39'27.93"S e 56° 2'42.34"W.
Localiza-se no endereço Rua: Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro:
Parque Cuiabá.
Fig.01- Localização da área de estudo hachurados em azul, encontra-se no na área urbana. Fonte: Base de
dados da SIG CUIABÁ,2018.
A área terreno apresenta total de 1.475 14 m² e área de contâiner de 37,50 m²
( escritório). Está inserido dentro da Zona urbana de Uso Múltiplos (ZUM), conforme a Lei
de Uso e Ocupação do Solo n° 389 de 03 de novembro de 2015, de acordo com a figura
02:
7
Fig.02- Área que é utilizada para empregar a atividade comercial Foto: Ana Paula Amorim,2019.
2.2 OBJETIVO DO ESTUDO
Este Plano de Controle Ambiental tem por objetivo avaliar a viabilidade ambiental da
atividade potencial ou efetivamente causador de impacto ambiental. Apresentar a análise
qualitativa do meio físico, biótico e socioeconômico e faz uma avaliação dos impactos
decorrentes da atividade, com a proposta de medidas de mitigação, controle e
compensação ambiental dos impactos ambientais negativos decorrentes da atividade
comercial Transporte rodoviário de cargas, exceto produtos perigosos e mudança municipal
com número de de funcionários: 02 ( dois) e Regime de Funcionamento: Segunda a Sexta
das 07:00 as 18:00 hs.
3.0 CARACTERIZAÇÃO DO EMPREENDIMENTO
A empresa Botelho Terraplanagem está localizada no endereço: Avenida Professor
Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque Cuiabá. O escritório é um container de
área de 37,50 m2 , conforme figura 02:
8
Fig.02- Container utilizado como escritório para atividade comercial. Foto: Ana Paula Amorim,2019.
A mesma atende pequenos comércios e obras da região dos bairros vizinhos tal
como: Parque Atalaia, Res. Santa Terezinha, Cohab São Gonçalo e Real Parque, são
bairros predominantes por residenciais e pequenos comércios.
3.1 ABASTECIMENTO DE ÁGUA/ ESGOTO
Segundo a consulta de abastecimento de água n° 804/2019 há possibilidade de
atendimento da demanda solicitada com interligação no sistema público de abastecimento
de água em uma rede de distribuição existente de Ø 63 mm em PEAD localizada na
Avenida 02 (Avenida Professor Ari Rutz, S/N) através de uma ligação de água de Ø ¾”.
Será executada apenas uma ligação no empreendimento, cujo dimensionamento atende à
demanda solicitada na DPA.
Segundo a consulta de esgotamento sanitário n° 804/2019 há possibilidade de
atendimento da descarga solicitada com interligação no sistema público de esgotamento
sanitário em uma rede coletora existente de Ø 150 mm em PVC localizada na Avenida 2.
Será executada apenas uma ligação no empreendimento, cujo dimensionamento atende à
demanda da DPE.
3.2 DRENAGEM
9
Observa-se que as redes de drenagem no bairro Parque Cuiabá, tornam-se
obsoletas, levando a eventos de inundação cada vez mais frequentes em áreas
impermeáveis. Na área em estudo verificou-se que não há presença de uma boca de lobo,
3.3 RESIDUOS SÓLIDOS
Conforme coleta regular domiciliar de resíduos sólidos dos bairros circunvizinhos a
empresa, a coleta será realizada através da coleta de resíduos da Prefeitura Municipal de
Cuiabá, e disposta no aterro sanitário da capital. A programação da coleta é estabelecida
pela Secretaria de Serviços Urbanos, quanto a previsão de coleta alternada em dias da
semana. O acondicionamento interno dos resíduos sólidos domésticos será através de
sacos plásticos de 20 a 50 litros, dispostos individualmente na lixeira em frente ao
empreendimento.
Fig.03- Disposição de residuos do escritório para atividade comercial. Foto: Ana Paula Amorim,2019.
10
3.4 CARACTERIZAÇÃO DA ÁREA AO
ENTORNO
O bairro Parque Cuiabá possui áreas residenciais horizontais e verticais, prédios de
escritórios, padarias, farmácias, clínicas de estética, e as unidades escolares Colégio Fênix
e Escola Muncipal Heliodoro Capistrano da Silva
O bairro Parque Cuiabá é destinado à classe média e baixa. De acordo com o Perfil
Socioeconômico de Cuiabá (CUIABÁ/IPDU, 2009, p. 112), a renda média dos moradores
do bairro está em 11,65 salários mínimos, classificada como classe média.
O local do empreendimento apresenta infraestrutura básica tais como:
Rede de Energia Elétrica;
Rede Pública de Água;
Pavimentação Asfáltica;
Rede de Esgoto e Coleta de Resíduos Sólidos.
Fig.04- Imagem da Avenida na qual demonstra infraestrutura. Foto: Ana Paula Amorim,2019
A via de acesso principal ao empreendimento já se encontra pavimentada. A energia
elétrica do empreendimento é fornecida pela rede ENERGISA. O empreendimento não
possui ligação de água no sistema público de abastecimento de água e ligação a rede de
esgoto.
11
4.0 DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DA ÁREA
A área de influência do empreendimento é a aquela direta ou indiretamente afeta pelos
impactos ambientais decorrentes da atividades de operação do atividade.
Fig.05- Nascentes do Córrego Lavrinha e Figueirinha e. Fonte: Sig Cuiabá,2019
4.1 MEIO FISICO
O clima da região, de acordo com a classificação Köppen, é do tipo Aw,
caracterizando um clima tropical de savana. O regime pluviométrico sobre a região
apresenta-se bem definido com um verão chuvoso e um inverno seco. Segundo dados
meteorológicos da empresa INPE (2008), a precipitação máxima ocorre entre os meses de
novembro e dezembro, ficando próxima dos 380 mm e a mínima ocorre entre os meses de
maio e junho, sendo registrados valores próximos de 2,0 mm; a precipitação anual fica
próxima de 1.250 mm.
4.2 CARACTERIZAÇÃO DOS NIVEIS DE
RUIDO
Este impacto ocorre nas fase de operação da atividade, as principais fontes de ruídos
serão os equipamentos e caminhões utilizados durante a atividade. A emissão de ruídos
12
representa ainda, nestas fases, impacto temporário sobre os indivíduos da fauna local que,
pela própria mobilidade, se afastarão do incômodo durante a duração das operações mais
ruidosas.
4.3 QUALIDADE DO AR
A poluição do ar na fase de operação da atividade advém de descargas dos motores
dos veículos, liberando monóxido de carbono, hidrocarbonetos, óxidos de nitrogênio,
enxofre e material particulado. A redução destes contaminantes depende da evolução
tecnológica, do uso de filtros e catalisadores, do tipo de combustível usado e da regulagem
dos motores.
4.4 MEIO BIÓTICO
A vegetação do local encontra-se totalmente antropizada, com a supressão da
vegetação original, onde ocorreu a descaracterização dos individuos arbóreos.
Fig.06- Área antropizada. Fonte: Ana Paula Amorim,2019.
Observa-se que no bairro há duas nascente do afluente do córrego Lavrinha, e do
Figueirinha conforme apresentado na figura xx:
13
Fig.07- Nascentes do Córrego Lavrinha, Figueirinha e. Fonte: Águas para o Futuro,2019
4.5 MEIO ANTRÓPICO
Estando o empreendimento proposto em área urbana, possuindo núcleos
residenciais no entorno; podemos afirmar que o mesmo não é gerador de impactos
negativos significativos relativos à vizinhança. O relacionamento com a comunidade deverá
ser positivo, uma vez que atende aos anseios do Plano Diretor do Município, devendo ser
gerador de empregos e renda, agregar valor aos módulos adjacentes, assim como,
contribuir diretamente para o crescimento sócio- econômico regional. É importante salientar
que a região do Parque Cuiabá se especializou em prestação de serviços, com utilização
de comércio, bem como buscam o atendimento de serviços públicos essenciais, como
saúde e educação.
4.6 MEDIDAS MITIGADORAS
Os estudos realizados, compreendem um conjunto de atividades técnicas
contempladas pelo diagnóstico ambiental realizado com o objetivo de identificar, prevenir,
medir e interpretar quando possível os impactos ambientais.
14
4.6.1 AGREGADOS
• Para a atividade de transporte de cargas prever um local de fácil acesso á descarga
e próximo ao local de uso;
• Não será permitida a mistura de materiais de granulometrias distintas;
• Para evitar a contaminação, não poderá haver o depósito diretamente no solo, mas
sobre o plástico ou lona.
• Construir baias cobertas com telhas ou lona plásticas sobre as mesmas para evitar
chuvas.
Fig.08- Disposição dos baias. Fonte: Portal do concreto,2019.
15
5.0 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
BIGARELLA, J. J. Estrutura e origens das paisagens tropicais e subtropicais. Ed.
USSC. Florianópolis. SC. 2003.
BORDEST, S. M. L., A bacia do córrego do Barbado. Cuiabá, Mato Grosso (1993 –
1996). Cuiabá: Gráfica Print. 2003.
Cuiabá. Prefeitura. Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano – SMDU.
Diretoria de Urbanismo e Pesquisa-DUP Perfil socioeconômico de Cuiabá, volume V. --
Cuiabá, MT : Central de Texto, 2012.
SALOMÃO, F. X. T. Controle e prevenção dos processos erosivos. In: GUERRA, A.
J. T.; SILVA, A. S.; BOTELHO, R. G. M. (Org.). Erosão e conservação dos solos: Conceitos,
temas e aplicações. Rio de Janeiro: Bertrand, Brasil, 1999.
SIG. Sistema Integrador de Geoprocessamento. acessado em 20/11/2019.
Ana Paula Do Bom Despacho Amorim
Engenheira Sanitarista e Ambiental
Especialista em Sustentabilidade
CREA 120948561-3

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
eadsantamarcelina
 
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Samara Amaral
 
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologioRelatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
luancamargodesouza
 

Mais procurados (20)

Avaliação de impactos ambientais
Avaliação de impactos ambientaisAvaliação de impactos ambientais
Avaliação de impactos ambientais
 
Ecossistema aquático
Ecossistema aquáticoEcossistema aquático
Ecossistema aquático
 
Exercícios de compensação de ausências
Exercícios de compensação de ausênciasExercícios de compensação de ausências
Exercícios de compensação de ausências
 
Saneamento Ambiental
Saneamento AmbientalSaneamento Ambiental
Saneamento Ambiental
 
Aia 03 (2)
Aia 03 (2)Aia 03 (2)
Aia 03 (2)
 
Código Florestal - Cadastro Ambiental Rural e Programa de Regularização Ambie...
Código Florestal - Cadastro Ambiental Rural e Programa de Regularização Ambie...Código Florestal - Cadastro Ambiental Rural e Programa de Regularização Ambie...
Código Florestal - Cadastro Ambiental Rural e Programa de Regularização Ambie...
 
Aula 1 caracterização quantitativa esgoto
Aula 1   caracterização quantitativa esgotoAula 1   caracterização quantitativa esgoto
Aula 1 caracterização quantitativa esgoto
 
Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
Curso Introduorio ESF - Conteudo teorico modulo 2 - Aula 2
 
Política Nacional de Resíduos Sólidos
Política Nacional de Resíduos SólidosPolítica Nacional de Resíduos Sólidos
Política Nacional de Resíduos Sólidos
 
Saneamento Básico
Saneamento BásicoSaneamento Básico
Saneamento Básico
 
Inspeção sanitária módulo II - Maio 2013
Inspeção sanitária módulo II - Maio 2013Inspeção sanitária módulo II - Maio 2013
Inspeção sanitária módulo II - Maio 2013
 
Mudanças climáticas e saúde: impactos na saúde humana
Mudanças climáticas e saúde: impactos na saúde humanaMudanças climáticas e saúde: impactos na saúde humana
Mudanças climáticas e saúde: impactos na saúde humana
 
Taa 5
Taa 5Taa 5
Taa 5
 
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )  Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
Material esquematizado n°5 (resolução 453-2012 )
 
Aula Educação ambiental 1
Aula Educação ambiental 1Aula Educação ambiental 1
Aula Educação ambiental 1
 
Manual de Orientação sobre o Sistema Nacional de Cadastro Rural
Manual de Orientação sobre o Sistema Nacional de Cadastro Rural Manual de Orientação sobre o Sistema Nacional de Cadastro Rural
Manual de Orientação sobre o Sistema Nacional de Cadastro Rural
 
USO RACIONAL E REUSO ÁGUA
USO RACIONAL E REUSO ÁGUAUSO RACIONAL E REUSO ÁGUA
USO RACIONAL E REUSO ÁGUA
 
Sistemas anaeróbios
Sistemas anaeróbiosSistemas anaeróbios
Sistemas anaeróbios
 
Resumo Decreto 7508
Resumo Decreto 7508Resumo Decreto 7508
Resumo Decreto 7508
 
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologioRelatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
Relatorio de estagio supervisionado 1 - controle biologio
 

Semelhante a Plano de controle ambiental

BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
Marcos Cavalcante
 
Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2
vfalcao
 
Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2
vfalcao
 

Semelhante a Plano de controle ambiental (20)

Rt brt-ov-00-pb-amb-001 - ouro verde - r1
Rt brt-ov-00-pb-amb-001 - ouro verde - r1Rt brt-ov-00-pb-amb-001 - ouro verde - r1
Rt brt-ov-00-pb-amb-001 - ouro verde - r1
 
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
 
BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
BENEFÍCIOS, PROBLEMAS E SEUS EFEITOS NA REGIÃO DE IMPLANTAÇÃO DO PERÍMETRO IR...
 
Plano de manejo/oficio Congeapa julho 2018
Plano de manejo/oficio Congeapa julho 2018Plano de manejo/oficio Congeapa julho 2018
Plano de manejo/oficio Congeapa julho 2018
 
AABIC - administradoras
AABIC - administradorasAABIC - administradoras
AABIC - administradoras
 
Relatório Janeiro 2013
Relatório Janeiro 2013Relatório Janeiro 2013
Relatório Janeiro 2013
 
Plano Municipal de Saneamento Básico de Angra dos Reis - Produto 4
Plano Municipal de Saneamento Básico de Angra dos Reis - Produto 4Plano Municipal de Saneamento Básico de Angra dos Reis - Produto 4
Plano Municipal de Saneamento Básico de Angra dos Reis - Produto 4
 
Anel viario/ meio socioeconomico
Anel viario/ meio socioeconomico Anel viario/ meio socioeconomico
Anel viario/ meio socioeconomico
 
Trecho Sul do Rodoanel Mario Covas
Trecho Sul do Rodoanel Mario CovasTrecho Sul do Rodoanel Mario Covas
Trecho Sul do Rodoanel Mario Covas
 
Anexo 1
Anexo 1Anexo 1
Anexo 1
 
Acp - Pasqualotto
Acp - PasqualottoAcp - Pasqualotto
Acp - Pasqualotto
 
Prefeitura
PrefeituraPrefeitura
Prefeitura
 
Anel viario/Aplicação de Recursos Financeiros em Unidades de Conservação
Anel viario/Aplicação de Recursos Financeiros em Unidades de ConservaçãoAnel viario/Aplicação de Recursos Financeiros em Unidades de Conservação
Anel viario/Aplicação de Recursos Financeiros em Unidades de Conservação
 
Rima
RimaRima
Rima
 
Rima
RimaRima
Rima
 
Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2
 
Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2Rima ses paiva _itapuama_2
Rima ses paiva _itapuama_2
 
Haras Patente/Rima
Haras Patente/Rima Haras Patente/Rima
Haras Patente/Rima
 
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitibaApresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
 
Ato 003 2015 - Plano de Manejo
Ato 003 2015 - Plano de ManejoAto 003 2015 - Plano de Manejo
Ato 003 2015 - Plano de Manejo
 

Último

SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptxSEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
avaseg
 
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptxNR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
MarceloLeoSanttana
 

Último (9)

Integração_de__Segurança do Trabalho.pdf
Integração_de__Segurança do Trabalho.pdfIntegração_de__Segurança do Trabalho.pdf
Integração_de__Segurança do Trabalho.pdf
 
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptxSEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
SEG NR 18 - SEGURANÇA E SAÚDE O TRABALHO NA INDUSTRIA DA COSTRUÇÃO CIVIL.pptx
 
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsxST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
ST 2024 Apresentação Comercial - VF.ppsx
 
Aula Estruturas de concreto I - apresentaçaõ em slides
Aula Estruturas de concreto I - apresentaçaõ em slidesAula Estruturas de concreto I - apresentaçaõ em slides
Aula Estruturas de concreto I - apresentaçaõ em slides
 
Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptxProposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
Proposta de dimensionamento. PROJETO DO CURSO 2023.pptx
 
pdfcoffee.com_cod1122-treinamento-de-paleteira-eletrica-pdf-free (1).pdf
pdfcoffee.com_cod1122-treinamento-de-paleteira-eletrica-pdf-free (1).pdfpdfcoffee.com_cod1122-treinamento-de-paleteira-eletrica-pdf-free (1).pdf
pdfcoffee.com_cod1122-treinamento-de-paleteira-eletrica-pdf-free (1).pdf
 
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptxNR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
NR10-Treinamento-Basico-Parte-2-Jul-21.pptx
 
treinamento de moldagem por injeção plástica
treinamento de moldagem por injeção plásticatreinamento de moldagem por injeção plástica
treinamento de moldagem por injeção plástica
 
Ateliê de costura trabalho final apresentação.pdf
Ateliê de costura trabalho final apresentação.pdfAteliê de costura trabalho final apresentação.pdf
Ateliê de costura trabalho final apresentação.pdf
 

Plano de controle ambiental

  • 1. PLANO DE CONTROLE AMBIENTAL Processo: 30611/2019 BOTELHO TERRAPLANAGEM Aempresabotelho57terraplanagem@gmail.com Cel.: (65) 99345-7219 Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque Cuiabá,
  • 2. 2 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO _______________________________________________ 3 1.0 Informações Gerais __________________________________________________ 4 1.1 Informações do empreendedor _________________________________________ 4 1.2 Informações do empreendimento _______________________________________ 4 1.3 Informação do responsável técnico ______________________________________ 5 2.0 Descrição da Área de Estudo __________________________________________ 6 2.1 Área do Imóvel______________________________________________________ 6 2.2 Objeto do Estudo ____________________________________________________ 7 3.0 Caracterização do empreendimento _____________________________________ 7 3.3 Abastecimento de água/ esgoto ________________________________________ 8 3.2 Drenagem _________________________________________________________ 8 3.3 Residuos Sólidos ____________________________________________________ 9 3.4 Caracterização da área de estudo______________________________________ 10 4.0 Diagnóstico Ambiental da Área ________________________________________ 11 4.1 Meio Fisico________________________________________________________ 11 4.2 Caracterização dos niveis de ruido _____________________________________ 11 4.3 Qualidade do ar ____________________________________________________ 12 4.4 Meio Biótico _______________________________________________________ 12 4.5 Meio Antrópico _____________________________________________________ 13 4.6 Medida Mitigadora __________________________________________________ 13 4.6.1 Agregados_______________________________________________________ 14 5.0 Referência Bibliográficas _____________________________________________ 15
  • 3. 3 APRESENTAÇÃO O presente documento foi elaborado para apresentar o Plano de Controle Ambiental, solicitado pela Prefeitura Municipal de Cuiabá- Secretaria Muncipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano- SMADES, contendo elementos para a análise de Adequação Ambiental ( Licença de Localização, Prévia, Instalação e operação) de atividade comercial Transporte rodoviário de cargas, exceto produtos perigosos e mudança municipal. O relatório seguiram as orientações e recomendações contidas nas referências técnicas da secretaria, os serviços abrangeram o levantamento da área e diagnósticos dos possiveis passivos ambientais resultantes da atividade, verificação da implementação das medidas de proteção Ambiental.
  • 4. 4 1.0 INFORMAÇÕES GERAIS Neste capítulo são apresentadas as características gerais da atividade a ser licenciada, sujeito ao presente Plano de Controle Ambiental, abordando a identificação do empreendedor, identificação do empreendimento e informações do técnico responsável para elaboração deste estudo. 1.1 INFORMAÇÕES EMPREENDEDOR O presente plano, foi solicitado pelo proprietário da atividade comercial de transporte rodoviário de cargas ( brita,areia,terra preta), cujas informações estão descritas na Tabela1. Identificação do Proprietário Razão Social: Paola Prestes Silva Nome Fantasia: Botelho Terraplanagem CNPJ: 34.369.545/0001-91 Endereço: Avenida Valter Gallucci, Quadra. 08, n° 01- Bairro: Parque Cuiabá Município: Cuiabá/MT. Telefone: (65) 99345-7219 1.2 INFORMAÇÕES EMPREENDIMENTO A Tabela 2 apresenta as informações do empreendimento sujeito ao presente plano. Identificação do Empreendimento Proprietária: Paola Prestes Silva CPF: 021.134.551-29 CNPJ: 34.369.545/0001-91 Endereço: Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque Cuiabá Município: Cuiabá/MT. Telefone: (65) 99345-7219
  • 5. 5 1.3 INFORMAÇÕES DO TÉCNICO A Tabela 3 apresenta as informações do técnico responsável. Identificação do Responsável Técnico Técnico: Eng. Sanitarista e Ambiental Ana Paula Do Bom Despacho Amorim CPF: 006.882.531-56 CREA: 120948561-3 Endereço: Rua: Paraíba, Quadra:75, casa 06- Bairro: Morada da Serra Município: Cuiabá/MT. Telefone: (65) 99908-2246
  • 6. 6 2.0 DESCRIÇÃO DA ÁREA DE ESTUDO O Licenciamento Ambiental da atividade comercial Transporte rodoviário de cargas, exceto produtos perigosos e mudança municipal, tem por objetivo fazer cumprir as exigências do órgão licenciador relacionadas a adequação ambiental, bem como os programas ambientais preconizado no Termo de Referência expedido Secretaria Municipal de Meio Ambiente SMADES. 2.1 ÁREA DO IMÓVEL A área de estudo está situada na macrozona urbana dentro do perímetro urbano do município de Cuiabá, entre as coordenadas geográficas 15°39'27.93"S e 56° 2'42.34"W. Localiza-se no endereço Rua: Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque Cuiabá. Fig.01- Localização da área de estudo hachurados em azul, encontra-se no na área urbana. Fonte: Base de dados da SIG CUIABÁ,2018. A área terreno apresenta total de 1.475 14 m² e área de contâiner de 37,50 m² ( escritório). Está inserido dentro da Zona urbana de Uso Múltiplos (ZUM), conforme a Lei de Uso e Ocupação do Solo n° 389 de 03 de novembro de 2015, de acordo com a figura 02:
  • 7. 7 Fig.02- Área que é utilizada para empregar a atividade comercial Foto: Ana Paula Amorim,2019. 2.2 OBJETIVO DO ESTUDO Este Plano de Controle Ambiental tem por objetivo avaliar a viabilidade ambiental da atividade potencial ou efetivamente causador de impacto ambiental. Apresentar a análise qualitativa do meio físico, biótico e socioeconômico e faz uma avaliação dos impactos decorrentes da atividade, com a proposta de medidas de mitigação, controle e compensação ambiental dos impactos ambientais negativos decorrentes da atividade comercial Transporte rodoviário de cargas, exceto produtos perigosos e mudança municipal com número de de funcionários: 02 ( dois) e Regime de Funcionamento: Segunda a Sexta das 07:00 as 18:00 hs. 3.0 CARACTERIZAÇÃO DO EMPREENDIMENTO A empresa Botelho Terraplanagem está localizada no endereço: Avenida Professor Ari Rutz, S/N – CEP: 78.095.329- Bairro: Parque Cuiabá. O escritório é um container de área de 37,50 m2 , conforme figura 02:
  • 8. 8 Fig.02- Container utilizado como escritório para atividade comercial. Foto: Ana Paula Amorim,2019. A mesma atende pequenos comércios e obras da região dos bairros vizinhos tal como: Parque Atalaia, Res. Santa Terezinha, Cohab São Gonçalo e Real Parque, são bairros predominantes por residenciais e pequenos comércios. 3.1 ABASTECIMENTO DE ÁGUA/ ESGOTO Segundo a consulta de abastecimento de água n° 804/2019 há possibilidade de atendimento da demanda solicitada com interligação no sistema público de abastecimento de água em uma rede de distribuição existente de Ø 63 mm em PEAD localizada na Avenida 02 (Avenida Professor Ari Rutz, S/N) através de uma ligação de água de Ø ¾”. Será executada apenas uma ligação no empreendimento, cujo dimensionamento atende à demanda solicitada na DPA. Segundo a consulta de esgotamento sanitário n° 804/2019 há possibilidade de atendimento da descarga solicitada com interligação no sistema público de esgotamento sanitário em uma rede coletora existente de Ø 150 mm em PVC localizada na Avenida 2. Será executada apenas uma ligação no empreendimento, cujo dimensionamento atende à demanda da DPE. 3.2 DRENAGEM
  • 9. 9 Observa-se que as redes de drenagem no bairro Parque Cuiabá, tornam-se obsoletas, levando a eventos de inundação cada vez mais frequentes em áreas impermeáveis. Na área em estudo verificou-se que não há presença de uma boca de lobo, 3.3 RESIDUOS SÓLIDOS Conforme coleta regular domiciliar de resíduos sólidos dos bairros circunvizinhos a empresa, a coleta será realizada através da coleta de resíduos da Prefeitura Municipal de Cuiabá, e disposta no aterro sanitário da capital. A programação da coleta é estabelecida pela Secretaria de Serviços Urbanos, quanto a previsão de coleta alternada em dias da semana. O acondicionamento interno dos resíduos sólidos domésticos será através de sacos plásticos de 20 a 50 litros, dispostos individualmente na lixeira em frente ao empreendimento. Fig.03- Disposição de residuos do escritório para atividade comercial. Foto: Ana Paula Amorim,2019.
  • 10. 10 3.4 CARACTERIZAÇÃO DA ÁREA AO ENTORNO O bairro Parque Cuiabá possui áreas residenciais horizontais e verticais, prédios de escritórios, padarias, farmácias, clínicas de estética, e as unidades escolares Colégio Fênix e Escola Muncipal Heliodoro Capistrano da Silva O bairro Parque Cuiabá é destinado à classe média e baixa. De acordo com o Perfil Socioeconômico de Cuiabá (CUIABÁ/IPDU, 2009, p. 112), a renda média dos moradores do bairro está em 11,65 salários mínimos, classificada como classe média. O local do empreendimento apresenta infraestrutura básica tais como: Rede de Energia Elétrica; Rede Pública de Água; Pavimentação Asfáltica; Rede de Esgoto e Coleta de Resíduos Sólidos. Fig.04- Imagem da Avenida na qual demonstra infraestrutura. Foto: Ana Paula Amorim,2019 A via de acesso principal ao empreendimento já se encontra pavimentada. A energia elétrica do empreendimento é fornecida pela rede ENERGISA. O empreendimento não possui ligação de água no sistema público de abastecimento de água e ligação a rede de esgoto.
  • 11. 11 4.0 DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DA ÁREA A área de influência do empreendimento é a aquela direta ou indiretamente afeta pelos impactos ambientais decorrentes da atividades de operação do atividade. Fig.05- Nascentes do Córrego Lavrinha e Figueirinha e. Fonte: Sig Cuiabá,2019 4.1 MEIO FISICO O clima da região, de acordo com a classificação Köppen, é do tipo Aw, caracterizando um clima tropical de savana. O regime pluviométrico sobre a região apresenta-se bem definido com um verão chuvoso e um inverno seco. Segundo dados meteorológicos da empresa INPE (2008), a precipitação máxima ocorre entre os meses de novembro e dezembro, ficando próxima dos 380 mm e a mínima ocorre entre os meses de maio e junho, sendo registrados valores próximos de 2,0 mm; a precipitação anual fica próxima de 1.250 mm. 4.2 CARACTERIZAÇÃO DOS NIVEIS DE RUIDO Este impacto ocorre nas fase de operação da atividade, as principais fontes de ruídos serão os equipamentos e caminhões utilizados durante a atividade. A emissão de ruídos
  • 12. 12 representa ainda, nestas fases, impacto temporário sobre os indivíduos da fauna local que, pela própria mobilidade, se afastarão do incômodo durante a duração das operações mais ruidosas. 4.3 QUALIDADE DO AR A poluição do ar na fase de operação da atividade advém de descargas dos motores dos veículos, liberando monóxido de carbono, hidrocarbonetos, óxidos de nitrogênio, enxofre e material particulado. A redução destes contaminantes depende da evolução tecnológica, do uso de filtros e catalisadores, do tipo de combustível usado e da regulagem dos motores. 4.4 MEIO BIÓTICO A vegetação do local encontra-se totalmente antropizada, com a supressão da vegetação original, onde ocorreu a descaracterização dos individuos arbóreos. Fig.06- Área antropizada. Fonte: Ana Paula Amorim,2019. Observa-se que no bairro há duas nascente do afluente do córrego Lavrinha, e do Figueirinha conforme apresentado na figura xx:
  • 13. 13 Fig.07- Nascentes do Córrego Lavrinha, Figueirinha e. Fonte: Águas para o Futuro,2019 4.5 MEIO ANTRÓPICO Estando o empreendimento proposto em área urbana, possuindo núcleos residenciais no entorno; podemos afirmar que o mesmo não é gerador de impactos negativos significativos relativos à vizinhança. O relacionamento com a comunidade deverá ser positivo, uma vez que atende aos anseios do Plano Diretor do Município, devendo ser gerador de empregos e renda, agregar valor aos módulos adjacentes, assim como, contribuir diretamente para o crescimento sócio- econômico regional. É importante salientar que a região do Parque Cuiabá se especializou em prestação de serviços, com utilização de comércio, bem como buscam o atendimento de serviços públicos essenciais, como saúde e educação. 4.6 MEDIDAS MITIGADORAS Os estudos realizados, compreendem um conjunto de atividades técnicas contempladas pelo diagnóstico ambiental realizado com o objetivo de identificar, prevenir, medir e interpretar quando possível os impactos ambientais.
  • 14. 14 4.6.1 AGREGADOS • Para a atividade de transporte de cargas prever um local de fácil acesso á descarga e próximo ao local de uso; • Não será permitida a mistura de materiais de granulometrias distintas; • Para evitar a contaminação, não poderá haver o depósito diretamente no solo, mas sobre o plástico ou lona. • Construir baias cobertas com telhas ou lona plásticas sobre as mesmas para evitar chuvas. Fig.08- Disposição dos baias. Fonte: Portal do concreto,2019.
  • 15. 15 5.0 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BIGARELLA, J. J. Estrutura e origens das paisagens tropicais e subtropicais. Ed. USSC. Florianópolis. SC. 2003. BORDEST, S. M. L., A bacia do córrego do Barbado. Cuiabá, Mato Grosso (1993 – 1996). Cuiabá: Gráfica Print. 2003. Cuiabá. Prefeitura. Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano – SMDU. Diretoria de Urbanismo e Pesquisa-DUP Perfil socioeconômico de Cuiabá, volume V. -- Cuiabá, MT : Central de Texto, 2012. SALOMÃO, F. X. T. Controle e prevenção dos processos erosivos. In: GUERRA, A. J. T.; SILVA, A. S.; BOTELHO, R. G. M. (Org.). Erosão e conservação dos solos: Conceitos, temas e aplicações. Rio de Janeiro: Bertrand, Brasil, 1999. SIG. Sistema Integrador de Geoprocessamento. acessado em 20/11/2019. Ana Paula Do Bom Despacho Amorim Engenheira Sanitarista e Ambiental Especialista em Sustentabilidade CREA 120948561-3