Pensamanto e linguagem - Vygotsky

54.074 visualizações

Publicada em

OLIVEIRA, Marta Kohl. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento; um processo sócio-histórico. São Paulo: Scipione, 1993. p 42-54

Publicada em: Educação
2 comentários
21 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
54.074
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
289
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
794
Comentários
2
Gostaram
21
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pensamanto e linguagem - Vygotsky

  1. 1. OLIVEIRA, Marta Kohl. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento; umprocesso sócio-histórico. São Paulo: Scipione, 1993. p 42-54 DROGUI, Amábile P. . .
  2. 2. PENSAMENTO E LINGUAGEMLINGUAGEM – sistema simbólico básico de todos os grupos humanos Vygotsky trabalha com 2 funções básicas da linguagem:Intercâmbio Social – É a função principal da linguagem e tem por objetivo a comunicação. Ex: O choro do bebê .Pensamento Generalizante – É o “encaixe” da língua com o pensamento.Ex: Utilização dos sistemas de signos.A função do pensamento generalizante é tornar a linguagem um instrumento de pensamento.
  3. 3. • Filogênese: o desenvolvimento da espécie.• Ontogênese: o desenvolvimento do indivíduo.•Fase pré-verbal do desenvolvimento do pensamento.• Fase pré-intelectual do desenvolvimento da linguagem. A trajetória do pensamento desvinculado da linguagem e atrajetória da linguagem independente do pensamento.
  4. 4. • União dessas trajetórias: o pensamento se torna verbal e a linguagem racional.• A associação entre pensamento e linguagem é atribuída à necessidade de intercâmbio dos indivíduos durante o trabalho, atividade especificamente humana. (p. 45)• O surgimento do pensamento verbal e da linguagem como sistema de signos é um momento crucial no desenvolvimento da espécie humana, momento em que o biológico transforma-se no sócio-histórico. (p. 45)
  5. 5. • Enquanto no desenvolvimento filogenético foi a necessidade de intercâmbio dos indivíduos durante o trabalho que impulsionou a vinculação dos processos de pensamento e linguagem, na ontogênese esse impulso é dado pela própria inserção da criança num grupo cultural. A interação com membros mais maduros da cultura, que já dispõem de uma linguagem estruturada, é que vai provocar o salto qualitativo para o pensamento verbal. (p. 47)
  6. 6. O significado das palavras * O significado da palavra é também um ato de pensamento, pois já é uma generalização.  *No significado da palavra a fala e o pensamento se unem em pensamento verbal * No significado encontram-se as duas funções básicas da linguagem: o intercâmbio social e o pensamento generalizante. 
  7. 7. * Uma palavra sem significado é um som vazio. O significado possibilita a mediação simbólica e, portanto o meio, o filtro para compreender o mundo e agir sobre ele.  Trata-se de um fenômeno da fala ou um fenômeno do pensamento?  Na psicologia, significado é uma generalização ou um conceito, portanto um fenômeno do pensamento.* Significados transformam-se historicamente *Significados transformam-se no processo de aquisição de linguagem e continuam a ser transformados durante todo o desenvolvimento do indivíduo
  8. 8.  * A transformação dos significados relaciona-se a outros dois componentes: o significado propriamente dito e o “sentido” das palavras. o significado está relacionado ao nível de compreensão da palavra socialmente compartilhado. o sentido é individual e tem a ver com relações entre o contexto do uso da palavra e as vivências afetivas do sujeito.
  9. 9. O discurso interior e a falaegocêntrica• A linguagem como instrumento de pensamento• O primeiro sinal do desenvolvimento cognitivo é a fala• Fala egocêntrica• Social – egocêntrico – interno• Discurso interior tem uma estrutura peculiar
  10. 10. Considerações finais “[…] a relação entre o pensamento e a palavra não é uma coisa mas um processo, um movimento contínuo de vaivém do pensamento para a palavra, e vice-versa. Nesse processo, a relação entre o pensamento e a palavra passa por transformações que, em si mesmas, podem ser consideradas um desenvolvimento no sentido funcional. O pensamento não é simplesmente expresso em palavras; é por meio delas que ele passa a existir. Cada pensamento tende a relacionar alguma coisa com a outra, a estabelecer uma relação entre as coisas. Cada pensamento se move, amadurece e se desenvolve, desempenha uma função, soluciona um problema. Esse fluxo de pensamento corre como um movimento interior através de uma série de planos. Uma análise da interação pensamento e da palavra deve começar com uma investigação das fases e dos planos diferentes que um pensamento percorre antes de ser expresso em palavras.”

×