SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Baixar para ler offline
ANALISE PRELIMINAR DE RISCOS
Data Elaboração: :29/12/2004.
Revisão:
Pagina:
LOCAL DE TRABALHO:
Prédio Administrativo
DESCRIÇÃO DO TRABALHO QUE SERÁ REALIZADO:
COLOCAÇÃO DE VIDRO.
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL / COLETIVO RECOMENDADOS
Capacete, protetor auricular, bota c/ biqueira de aço, cinto de segurança tipo pára-quedista, óculos de segurança c/ lentes
transparentes, luvas de raspa, vaqueta e/ou malha com palma pigmentada, máscara de fuga e uniforme da empresa.
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
1- Preparação da área para executar
as operações e liberação da mesma.
1 - O responsável pela Serpal deve entrar em contato com o
responsável da área da VCP á ser liberada, solicitando a
Serpal liberação da área..
1.1 - Antes de iniciar quaisquer atividades os supervisores /
líder devem realizar em caráter obrigatório o DDS.
Esclarecendo a todos envolvidos os procedimentos seguros e
os riscos da atividade a ser executada.
1.2 - Antes de iniciar as atividades, o supervisor /
encarregado deve solicitar ao operador da área a abertura da
LT para a liberação do local de trabalho.
CONTRATANTE CONTRATADA EXECUTANTE ARÉA DE TRABALHO SESMT
Nome: Marcelo M.Castro. Nome: Adriano Soares Nome: Nome: Marcelo M. Castro. Nome: Cenisa Teodoro de Oliveira
Empresa: Ass: Empresa:
SERAPL
Ass: Empresa: Ass: Empresa: Ass: Empresa:
SERPAL
Ass:
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
Seqüência do trabalho.
Transporte do vidro.
-Colocação de vidro. Os locais abaixo das áreas de
colocação de vidro devem
interditados ou protegidos
contra queda de material.
Queda de material.
Dada a fragilidade do material, o trabalho com vidros deve
ser acompanhado de medidas especiais de proteção.
Para se evitarem riscos de acidentes é essencial que os locais
de trabalho sejam limpos e estejam em ordem.
Peças quebradas e sobras de vidro devem ser imediatamente
retirados e acondicionados em recipiente adequado.
Vidros devem ser estocados convenientemente, separados de
outros materiais. Precisam ser mantidos na posição vertical,
ligeiramente inclinados contra uma superfície apoiados sobre
calços de madeira.
O percurso interno que será utilizado para o transporte do
vidro deve permanecer desimpedido, sem a presença de
cabos, arames, mangueiras ou fios que possam causar
tropeções e quedas dos funcionários.
Vidros devem ser transportados sempre na posição vertical,
para se evitarem acidentes por sua ruptura.Precisam ser
levados por locais bem iluminados os funcionários que
realizam o transporte deveram utilizar luva de borracha e as
partes não devem estar cortantes ser guiados por terceiros,
para se evitarem choques ou rupturas.
Nas instalações de vidros, os funcionários expostos a riscos
de queda devem usar cinto de segurança, fixado a estrutura
do andaime ou na estrutura do prédio.
Os locais situados sob as áreas de vidros devem ser isolados,
interditados e sinalizados ou protegidos contra queda de
material.
Após a colocação os vidros devem ser marcados de maneira
visível.
Depois de colocados, todos os vidros devem ser sinalização
visível em forma de X.
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
Ferramentas Manuais: Espátula,
Diamante.
– Utilização de andaime de sobre
rodas.
- Queda de material
- Queda de pessoas.
- Queda de materiais.
- Prensamento.
- Corte/ Contuso.
As ferramentas deverão ser amarradas.
As ferramentas deverão ser inspecionadas periodicamente,
que cumpram as instruções de uso do fabricante.
Proibido colocar as ferramentas nos bolsos.
- Os andaimes deve ser montados pela a Empresa Serpal, por
profissional qualificado. Respeitando Padrão VCP e NR 18.
- Os andaime devem dispor de guarda-corpo 1,20m e
0.70com, rodapé placa de identificação na cor verde.
-Forração completa e travados com tubos evitando vão
abertos e pranchões soltos, escada de acesso, travamento
laterais e fixados a estrutura. Cabo guia com 3 clipes em cada
ponta , quando o mesmo ultrapassar altura de 5mts ou acesso
dos trabalhadores deve ser por dentro das plataformas e
trava-queda (caso necessário).
Atenção: amarelo e vermelho proibido subir.
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
– Considerações Finais.
- Queda em mesmo nível.
- Queda de material.
- Impacto por, contra.
- Danos nos equipamentos
- Manter no local de trabalho a APR (ou cópia) e a LT
devidamente assinada e aprovada por todos envolvidos no
trabalho.
- Verificar com o responsável da área as possíveis
interferências no local de trabalho e comunicar a operação
quando houver qualquer anormalidade no local de trabalho.
- Não tocar em nada que seja equipamento ou
maquinário pertencentes ao processo fabril (VCP) Ex:
filtro Mausa, tanque, torre e bandejamentos. Não
adentrar a S/E –H s/ prévia autorização.
- A presença do encarregado da equipe constantemente no
local de trabalho é obrigatória.
- O uso dos EPI necessários em função das atividades, é
obrigatório.
- Não permitir a permanência de pessoas não envolvidas nas
atividades no local de trabalho
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
Códigos de Emergência.
- Em caso de emergência, acionar o Bombeiro através do
ramal 03 ou canal 01 segurança / bombeiro:
Código Verde: acidente com vítima
Código amarelo: acidente de produto químico
Código Vermelho: principio de incêndio
Alarmes de Emergência:
Intermitente - - - - - – atenção, mantenha-se no local e
calmo;
Contínuo – abandone a área, saia até um ponto de
encontro mais próximo utilizando as rotas de fuga utilizadas
pela brigada de emergência;
Sirenes Pneumáticas Contínuas – evacuação total da
fábrica, dirija-se Ponto de Encontro da portaria 2 ou 4. Siga
as orientações da Brigada de Emergência.
- A limpeza deve ser feita no decorrer das atividades e as
massa do vidro utilizando caçambas pretas para descarte,
amarela para descarte de sucatas metálicas.
- Fazer descarte de matérias de acordo com as cores dos
devidos recipientes:
-CINZA: Resíduos de alimentos diversos
AZUL: Papel -VERMELHO: Copos plásticos e derivados
-AMARELO: Metais, VERDE: Vidros.
SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU
PERDAS
PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS
Códigos de Emergência.
- Em caso de emergência, acionar o Bombeiro através do
ramal 03 ou canal 01 segurança / bombeiro:
Código Verde: acidente com vítima
Código amarelo: acidente de produto químico
Código Vermelho: principio de incêndio
Alarmes de Emergência:
Intermitente - - - - - – atenção, mantenha-se no local e
calmo;
Contínuo – abandone a área, saia até um ponto de
encontro mais próximo utilizando as rotas de fuga utilizadas
pela brigada de emergência;
Sirenes Pneumáticas Contínuas – evacuação total da
fábrica, dirija-se Ponto de Encontro da portaria 2 ou 4. Siga
as orientações da Brigada de Emergência.
- A limpeza deve ser feita no decorrer das atividades e as
massa do vidro utilizando caçambas pretas para descarte,
amarela para descarte de sucatas metálicas.
- Fazer descarte de matérias de acordo com as cores dos
devidos recipientes:
-CINZA: Resíduos de alimentos diversos
AZUL: Papel -VERMELHO: Copos plásticos e derivados
-AMARELO: Metais, VERDE: Vidros.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apr trabalho com solda eletrica
Apr   trabalho com solda eletricaApr   trabalho com solda eletrica
Apr trabalho com solda eletricaGleuciane Rocha
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docxARTHURDeoliveiraNeto
 
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRAAPR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRANRFACIL www.nrfacil.com.br
 
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptx
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptxTreinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptx
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptxAdelmaSiles
 
Modelo de apr trabalho em altura blog segurança do trabalho
Modelo de apr trabalho em altura   blog segurança do trabalhoModelo de apr trabalho em altura   blog segurança do trabalho
Modelo de apr trabalho em altura blog segurança do trabalhoCaren Assante
 
Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22ThaisCoimbra2
 
Apr vitor meireles
Apr vitor meirelesApr vitor meireles
Apr vitor meirelesanealves
 
Segurança lixadeira
Segurança lixadeiraSegurança lixadeira
Segurança lixadeiraTaube Ale
 
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdf
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdfAPR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdf
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdfTecnicodeSegurana1
 
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.docAPR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.docCceroOliveira17
 

Mais procurados (20)

Apr trabalho com solda eletrica
Apr   trabalho com solda eletricaApr   trabalho com solda eletrica
Apr trabalho com solda eletrica
 
APR industrial
APR industrialAPR industrial
APR industrial
 
Apr hr
Apr hrApr hr
Apr hr
 
Apr modelo
Apr modeloApr modelo
Apr modelo
 
Apr trabalho em altura
 Apr trabalho em altura Apr trabalho em altura
Apr trabalho em altura
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (1).docx
 
Apr soldador
Apr soldadorApr soldador
Apr soldador
 
Apr 10 corte
Apr 10   corteApr 10   corte
Apr 10 corte
 
Apr trabalho em altura
Apr trabalho em alturaApr trabalho em altura
Apr trabalho em altura
 
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRAAPR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
APR - SERVIÇOS DE APLICAÇÃO E LANÇAMENTO DE FORMAS ESTRUTURAIS DE MADEIRA
 
Apr montagem-de-telhado
Apr montagem-de-telhadoApr montagem-de-telhado
Apr montagem-de-telhado
 
Apr pintura
Apr   pinturaApr   pintura
Apr pintura
 
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptx
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptxTreinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptx
Treinamento NR 33 Completa - 21 de Julho 2022.pptx
 
Modelo de apr trabalho em altura blog segurança do trabalho
Modelo de apr trabalho em altura   blog segurança do trabalhoModelo de apr trabalho em altura   blog segurança do trabalho
Modelo de apr trabalho em altura blog segurança do trabalho
 
Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22Analise preliminar de riscos 22
Analise preliminar de riscos 22
 
Apr vitor meireles
Apr vitor meirelesApr vitor meireles
Apr vitor meireles
 
Apr montagem de andaime
Apr montagem de andaimeApr montagem de andaime
Apr montagem de andaime
 
Segurança lixadeira
Segurança lixadeiraSegurança lixadeira
Segurança lixadeira
 
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdf
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdfAPR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdf
APR-TRABALHO-EM-ALTURA-PDF.pdf
 
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.docAPR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc
APR 001 - MOBILIZAÇÃO CANTEIRO DE OBRAS.doc
 

Destaque

Pcmat modelo seconci-pr.doc
Pcmat modelo seconci-pr.docPcmat modelo seconci-pr.doc
Pcmat modelo seconci-pr.docLuis Araujo
 
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02herbertleste
 
Літературно-мистецький календар вересень 2016
Літературно-мистецький календар вересень 2016Літературно-мистецький календар вересень 2016
Літературно-мистецький календар вересень 2016Юлия Тер-Давлатян
 
Eng. Emad Master Certificate
Eng. Emad Master CertificateEng. Emad Master Certificate
Eng. Emad Master CertificateEmad Shamlawi
 
M phil-computer-science-medical-imaging-projects
M phil-computer-science-medical-imaging-projectsM phil-computer-science-medical-imaging-projects
M phil-computer-science-medical-imaging-projectsVijay Karan
 

Destaque (8)

Pcmat modelo seconci-pr.doc
Pcmat modelo seconci-pr.docPcmat modelo seconci-pr.doc
Pcmat modelo seconci-pr.doc
 
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02
Tccseguranadotrabalhoegonefabiana 140206063310-phpapp02
 
Beckma - assessori análise de risco
Beckma - assessori análise de risco Beckma - assessori análise de risco
Beckma - assessori análise de risco
 
Літературно-мистецький календар вересень 2016
Літературно-мистецький календар вересень 2016Літературно-мистецький календар вересень 2016
Літературно-мистецький календар вересень 2016
 
Eng. Emad Master Certificate
Eng. Emad Master CertificateEng. Emad Master Certificate
Eng. Emad Master Certificate
 
Carlos Ewing CV2
Carlos Ewing CV2Carlos Ewing CV2
Carlos Ewing CV2
 
Путеводитель по Геленджику
Путеводитель по ГеленджикуПутеводитель по Геленджику
Путеводитель по Геленджику
 
M phil-computer-science-medical-imaging-projects
M phil-computer-science-medical-imaging-projectsM phil-computer-science-medical-imaging-projects
M phil-computer-science-medical-imaging-projects
 

Semelhante a Análise riscos colocação vidro

Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentos
Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentosCfs apt 011 - abastecimento de equipamentos
Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentosFranklin Pinto
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizPaulo Carvalho
 
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.docConstrução de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.docLeandrodeSouzaBarros
 
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docx
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docxAPR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docx
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docxManutenoMANUTENO
 
Integração de trabalhos na prestados na Klabin Papeis
Integração de trabalhos na prestados na Klabin PapeisIntegração de trabalhos na prestados na Klabin Papeis
Integração de trabalhos na prestados na Klabin Papeisrobson adriano tourin
 
Segurança do Trabalho nwn
Segurança do Trabalho nwnSegurança do Trabalho nwn
Segurança do Trabalho nwnNestor Neto
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docxARTHURDeoliveiraNeto
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docxARTHURDeoliveiraNeto
 
APT- 12 CARPINTARIA.doc
APT- 12 CARPINTARIA.docAPT- 12 CARPINTARIA.doc
APT- 12 CARPINTARIA.docPHDirceuFilho
 
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptx
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptxNR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptx
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptxLuís Gustavo de Souza Santos
 
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.doc
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.docMONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.doc
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.docGeninhoFarias
 
apr-66-instalacao-hidraulica.docx
apr-66-instalacao-hidraulica.docxapr-66-instalacao-hidraulica.docx
apr-66-instalacao-hidraulica.docxDeMarco3
 

Semelhante a Análise riscos colocação vidro (20)

AST-Espaco-Confinado.doc
AST-Espaco-Confinado.docAST-Espaco-Confinado.doc
AST-Espaco-Confinado.doc
 
Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentos
Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentosCfs apt 011 - abastecimento de equipamentos
Cfs apt 011 - abastecimento de equipamentos
 
NR 35- TRABALHO EM ALTURA
NR 35- TRABALHO EM ALTURANR 35- TRABALHO EM ALTURA
NR 35- TRABALHO EM ALTURA
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
 
Nr 18-aula4
Nr 18-aula4Nr 18-aula4
Nr 18-aula4
 
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.docConstrução de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
Construção de parede externa do Tandque 254 - DC - 02.doc
 
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docx
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docxAPR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docx
APR-Pintura-de-Paredes EDIFICAR.docx
 
Apr 005 --andaime_suspenso
Apr 005 --andaime_suspensoApr 005 --andaime_suspenso
Apr 005 --andaime_suspenso
 
Integração de trabalhos na prestados na Klabin Papeis
Integração de trabalhos na prestados na Klabin PapeisIntegração de trabalhos na prestados na Klabin Papeis
Integração de trabalhos na prestados na Klabin Papeis
 
Segurança do Trabalho nwn
Segurança do Trabalho nwnSegurança do Trabalho nwn
Segurança do Trabalho nwn
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 -.docx
 
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docxAPR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docx
APR - Montagem e desmontagem de andaimes - 03558 - E 1 - (2).docx
 
APT- 12 CARPINTARIA.doc
APT- 12 CARPINTARIA.docAPT- 12 CARPINTARIA.doc
APT- 12 CARPINTARIA.doc
 
APR_SOLDADOR.doc
APR_SOLDADOR.docAPR_SOLDADOR.doc
APR_SOLDADOR.doc
 
Trabalho em altura1
Trabalho em altura1Trabalho em altura1
Trabalho em altura1
 
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptx
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptxNR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptx
NR10 - Treinamento - Montagem Linhas Transmissao - P21 - Abr 21.pptx
 
Nr18
Nr18 Nr18
Nr18
 
Ordem de-servico
Ordem de-servicoOrdem de-servico
Ordem de-servico
 
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.doc
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.docMONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.doc
MONTAGEM E DESMONTAGEM DE ANDAIME NA TORRE DE REFRIGERAÇÃO.doc
 
apr-66-instalacao-hidraulica.docx
apr-66-instalacao-hidraulica.docxapr-66-instalacao-hidraulica.docx
apr-66-instalacao-hidraulica.docx
 

Último

AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxConsultoria Acadêmica
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfMateusSerraRodrigues1
 
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAMCassio Rodrigo
 
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024Consultoria Acadêmica
 
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGuilhermeLucio9
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024Consultoria Acadêmica
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxjuliocameloUFC
 

Último (7)

AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docxAE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
AE03 - VIBRACOES MECANICAS E ACUSTICAS.docx
 
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdfAulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
Aulas Práticas da Disciplina de Desenho Técnico Projetivo _ Passei Direto.pdf
 
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAMMODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS  EQUIPAM
MODELO LAUDO AVALIAÇÃO MÁQUINAS EQUIPAM
 
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
AE03 - INFORMATICA INDUSTRIAL UNICESUMAR 51/2024
 
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais PrivadosGestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
Gestão de obras e projetos - Associação Nacional de Hospitais Privados
 
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
AE03 - TEORIAS DA ADMINISTRACAO UNICESUMAR 51/2024
 
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptxResistencias dos materiais I - Tensao.pptx
Resistencias dos materiais I - Tensao.pptx
 

Análise riscos colocação vidro

  • 1. ANALISE PRELIMINAR DE RISCOS Data Elaboração: :29/12/2004. Revisão: Pagina: LOCAL DE TRABALHO: Prédio Administrativo DESCRIÇÃO DO TRABALHO QUE SERÁ REALIZADO: COLOCAÇÃO DE VIDRO. EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL / COLETIVO RECOMENDADOS Capacete, protetor auricular, bota c/ biqueira de aço, cinto de segurança tipo pára-quedista, óculos de segurança c/ lentes transparentes, luvas de raspa, vaqueta e/ou malha com palma pigmentada, máscara de fuga e uniforme da empresa. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS 1- Preparação da área para executar as operações e liberação da mesma. 1 - O responsável pela Serpal deve entrar em contato com o responsável da área da VCP á ser liberada, solicitando a Serpal liberação da área.. 1.1 - Antes de iniciar quaisquer atividades os supervisores / líder devem realizar em caráter obrigatório o DDS. Esclarecendo a todos envolvidos os procedimentos seguros e os riscos da atividade a ser executada. 1.2 - Antes de iniciar as atividades, o supervisor / encarregado deve solicitar ao operador da área a abertura da LT para a liberação do local de trabalho. CONTRATANTE CONTRATADA EXECUTANTE ARÉA DE TRABALHO SESMT Nome: Marcelo M.Castro. Nome: Adriano Soares Nome: Nome: Marcelo M. Castro. Nome: Cenisa Teodoro de Oliveira Empresa: Ass: Empresa: SERAPL Ass: Empresa: Ass: Empresa: Ass: Empresa: SERPAL Ass:
  • 2. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS Seqüência do trabalho. Transporte do vidro. -Colocação de vidro. Os locais abaixo das áreas de colocação de vidro devem interditados ou protegidos contra queda de material. Queda de material. Dada a fragilidade do material, o trabalho com vidros deve ser acompanhado de medidas especiais de proteção. Para se evitarem riscos de acidentes é essencial que os locais de trabalho sejam limpos e estejam em ordem. Peças quebradas e sobras de vidro devem ser imediatamente retirados e acondicionados em recipiente adequado. Vidros devem ser estocados convenientemente, separados de outros materiais. Precisam ser mantidos na posição vertical, ligeiramente inclinados contra uma superfície apoiados sobre calços de madeira. O percurso interno que será utilizado para o transporte do vidro deve permanecer desimpedido, sem a presença de cabos, arames, mangueiras ou fios que possam causar tropeções e quedas dos funcionários. Vidros devem ser transportados sempre na posição vertical, para se evitarem acidentes por sua ruptura.Precisam ser levados por locais bem iluminados os funcionários que realizam o transporte deveram utilizar luva de borracha e as partes não devem estar cortantes ser guiados por terceiros, para se evitarem choques ou rupturas. Nas instalações de vidros, os funcionários expostos a riscos de queda devem usar cinto de segurança, fixado a estrutura do andaime ou na estrutura do prédio. Os locais situados sob as áreas de vidros devem ser isolados, interditados e sinalizados ou protegidos contra queda de material. Após a colocação os vidros devem ser marcados de maneira visível. Depois de colocados, todos os vidros devem ser sinalização visível em forma de X.
  • 3. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS Ferramentas Manuais: Espátula, Diamante. – Utilização de andaime de sobre rodas. - Queda de material - Queda de pessoas. - Queda de materiais. - Prensamento. - Corte/ Contuso. As ferramentas deverão ser amarradas. As ferramentas deverão ser inspecionadas periodicamente, que cumpram as instruções de uso do fabricante. Proibido colocar as ferramentas nos bolsos. - Os andaimes deve ser montados pela a Empresa Serpal, por profissional qualificado. Respeitando Padrão VCP e NR 18. - Os andaime devem dispor de guarda-corpo 1,20m e 0.70com, rodapé placa de identificação na cor verde. -Forração completa e travados com tubos evitando vão abertos e pranchões soltos, escada de acesso, travamento laterais e fixados a estrutura. Cabo guia com 3 clipes em cada ponta , quando o mesmo ultrapassar altura de 5mts ou acesso dos trabalhadores deve ser por dentro das plataformas e trava-queda (caso necessário). Atenção: amarelo e vermelho proibido subir.
  • 4. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS – Considerações Finais. - Queda em mesmo nível. - Queda de material. - Impacto por, contra. - Danos nos equipamentos - Manter no local de trabalho a APR (ou cópia) e a LT devidamente assinada e aprovada por todos envolvidos no trabalho. - Verificar com o responsável da área as possíveis interferências no local de trabalho e comunicar a operação quando houver qualquer anormalidade no local de trabalho. - Não tocar em nada que seja equipamento ou maquinário pertencentes ao processo fabril (VCP) Ex: filtro Mausa, tanque, torre e bandejamentos. Não adentrar a S/E –H s/ prévia autorização. - A presença do encarregado da equipe constantemente no local de trabalho é obrigatória. - O uso dos EPI necessários em função das atividades, é obrigatório. - Não permitir a permanência de pessoas não envolvidas nas atividades no local de trabalho
  • 5. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS Códigos de Emergência. - Em caso de emergência, acionar o Bombeiro através do ramal 03 ou canal 01 segurança / bombeiro: Código Verde: acidente com vítima Código amarelo: acidente de produto químico Código Vermelho: principio de incêndio Alarmes de Emergência: Intermitente - - - - - – atenção, mantenha-se no local e calmo; Contínuo – abandone a área, saia até um ponto de encontro mais próximo utilizando as rotas de fuga utilizadas pela brigada de emergência; Sirenes Pneumáticas Contínuas – evacuação total da fábrica, dirija-se Ponto de Encontro da portaria 2 ou 4. Siga as orientações da Brigada de Emergência. - A limpeza deve ser feita no decorrer das atividades e as massa do vidro utilizando caçambas pretas para descarte, amarela para descarte de sucatas metálicas. - Fazer descarte de matérias de acordo com as cores dos devidos recipientes: -CINZA: Resíduos de alimentos diversos AZUL: Papel -VERMELHO: Copos plásticos e derivados -AMARELO: Metais, VERDE: Vidros.
  • 6. SEQUÊNCIA DAS ETAPAS DE TRABALHO POTENCIAL DE ACIDENTES OU PERDAS PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA RECOMENDADOS Códigos de Emergência. - Em caso de emergência, acionar o Bombeiro através do ramal 03 ou canal 01 segurança / bombeiro: Código Verde: acidente com vítima Código amarelo: acidente de produto químico Código Vermelho: principio de incêndio Alarmes de Emergência: Intermitente - - - - - – atenção, mantenha-se no local e calmo; Contínuo – abandone a área, saia até um ponto de encontro mais próximo utilizando as rotas de fuga utilizadas pela brigada de emergência; Sirenes Pneumáticas Contínuas – evacuação total da fábrica, dirija-se Ponto de Encontro da portaria 2 ou 4. Siga as orientações da Brigada de Emergência. - A limpeza deve ser feita no decorrer das atividades e as massa do vidro utilizando caçambas pretas para descarte, amarela para descarte de sucatas metálicas. - Fazer descarte de matérias de acordo com as cores dos devidos recipientes: -CINZA: Resíduos de alimentos diversos AZUL: Papel -VERMELHO: Copos plásticos e derivados -AMARELO: Metais, VERDE: Vidros.