Economia verde

620 visualizações

Publicada em

Economia verde e correntes ambientalistas

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
620
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Economia verde

  1. 1. ECONOMIAVERDE As contradições do discurso ambiental no cerne do sistema capitalista
  2. 2. ECONOMIAVERDE Odiscursodaeconomiaverdeoudesenvolvimentosustentáveltornou-seumdiscursocomumemnossosdias. Estaperspectivaresultadapenetraçãocadavezmaiordaquestãoambientalnaagendapúblicamundial. AchamadaResponsabilidadeSocialfoiincorporadaatémesmoaodiscursodasempresas. AONUeinúmerospaísesadotamposiçãofavorávelàeconomiaverde. Porém,aperspectivadeumaeconomiaverdenãoéconsensual.
  3. 3. QUESTÕESIMPORTANTES Oquepregaaeconomiaverde,propaladacomoumapromessadeintegraçãoentrecrescimentoeconômico, preservaçãoambientalereduçãodadesigualdade? Quaissãoosprincipaisproblemasquepesquisadoresemovimentossociaisligadosàquestãoambientalidentificamemsuaspropostas? Antesderesponderaestaquestão,vamosconhecerasprincipaiscorrentesdoambientalismo.
  4. 4. CULTOAOSILVESTRE SurgenatransiçãodoséculoXIXparaoXX,nosEUA, caracterizando-sepelaposturadenãocontestaçãodocrescimentoeconômicoedosimpactosambientaisdecorrentesdele. Defendiaapenasapreservaçãoemanutençãodebolsõesdenaturezaoriginalforadainfluênciadomercadopormeiodacriaçãodereservasnaturaislivresdainterferênciahumana. Asdoutrinasdessacorrenteirradiaram-sedosEUAedaEuropaemdireçãoaorestodomundoatravésdeONGsambientalistas. Umadascríticasquesãofeitasaessacorrenteéque,aoexcluirossereshumanos,eladesconsideraaquestãosocialnaproblemáticaambiental.
  5. 5. JUSTIÇAAMBIENTAL Correntequeganhaforçanaatualidadecombasenaideiadequeosimpactosambientaisdecorrentesdocapitalismonãosedistribuemigualmenteentreaspopulações,poisoscomplexosindustriaispoluidores,oscentrosdedeposiçãodelixotóxicoetc. concentram-senasáreashabitadasporpopulaçõespobresouminoriasraciais. SuaprimeiramanifestaçãofoinosEUA,ondeacomunidadenegraseviavítimadadegradaçãoambientaldeseuslocaisdemoradia. Essacorrentemanifesta-sepormeiodemovimentosquevisamcombateradesigualdadeambientaledarigualproteçãoambientalatodososgrupossociaiseétnicos. Éimportanteobservarqueosmovimentoscontraculturais(críticosdoconsumismoedocrescimentoaqualquercusto)dadécadade1960podemservistoscomoprecursoresdessacorrente.
  6. 6. ECOEFICIÊNCIA Éacorrentequedefendeoempregodaracionalidadetécnicacomoformademitigarosimpactosambientaiseosriscosàsaúdehumanaadvindosdasatividadesindustriais,daagriculturaedaurbanização. Elasurgedaincorporaçãopelocapitalismodeumdiscursoambientalistaeintroduznodebateambientalaideiade“manejosustentável”danatureza,convertidaem“recursosnaturais”ou“capitalnatural”. Trata-sedeumatentativadedesvincularcrescimentoeconômicoedegradaçãoambiental. Popularizouoconceitodedesenvolvimentosustentável:aideiadeinvestimentoemeconomiadosmeiossemquestionaranaturezadosfinsparaosquaisessesmeiossãomobilizados. Essacorrentenorteiaaspropostasdaeconomiaverde.
  7. 7. O QUEPREGAAECONOMIAVERDE? OeixocentraldaeconomiaverdesãooschamadosmecanismosdePagamentosporServiçosAmbientais(PSA),quetentamsolucionarosproblemasambientaisapartirdalógicadomercado. OPSAvisaacriaçãodeumnovomercadoquetemcomomercadoriaosprocessoseprodutosfornecidospelanatureza: purificaçãodaáguaedoar,geraçãodenutrientesdosoloparaaagricultura,apolinizaçãoetc. Paraqueissoocorra,éprecisoqueexistaapossibilidadedevalorizaçãomonetáriaparaviabilizaracomercializaçãoeacriaçãodeleisquecriemademandaparaomercadohojeinexistente. Exemplo:Mercadodecarbono,criadopeloProtocolodeKyoto.
  8. 8. MERCADODECARBONO Oacordoimpôsmetasaospaísesparaareduçãodaemissãodosgasesdeefeitoestufa. Eletambémpermitiuqueospaísespoluidorespassassemacomprarpermissõesecréditosdecompensaçãodasemissõesacimadoestabelecidodospaísesqueestãoabaixodolimite. Aomesmotempo,nointeriordospaíses,asindústriaspoluidoraspodemcomprarcréditosvendidosporproprietáriosrurais.
  9. 9. QUAISSÃOASCRÍTICASFEITASÀECONOMIAVERDE? Aatribuiçãodevaloresmonetáriosànaturezageraummecanismoperversoemquequantomaiorforadegradação,maioréovalordosserviçosambientais. Pornãoatacarfatoresestruturaisdaeconomiacapitalista(produçãosemprecrescente,comercializaçãodeumvolumecadavezmaiordemercadorias,consumoaceleradodosrecursosnaturaiseproduçãoderesíduos),essesmecanismossóservemcomopaliativo. Afinanceirizaçãodanaturezaépartedoproblemaecológico,nãosuasoluçãojustamenteporqueéalógicadolucroquetemnoslevadoàcriseambiental. Háumexageronaresponsabilizaçãodosindivíduos. Nãohánadadeambientalnodiscursodaeconomiaverde.Oqueseteméatentativadetransformaraquestãoambientalemmaisumafontedeacumulaçãodecapital.
  10. 10. ECONOMIAVERDE($)
  11. 11. ECONOMIAVERDENOBRASIL AlgumaspropostasdeeconomiaverdejávemsendoimplantadasnoBrasil: Produçãodeferrogusaverde,noPará,emMinasGeraisenoEspíritoSanto. Nessalógica,asempresaspoderão,alémdeutilizaroeucaliptoparaosfornos,dizerqueestãoreduzindoaemissãodegáscarbônicododesmatamento,ganhandopapéisdecréditodecarbonoparaseremcomercializadosnaBolsadeValores.Porém,oseucaliptosestãoexpulsandoagricultores,indígenasequilombolasdesuasterras(queanteseramparaaproduçãodealimentos). Produçãodeagrocombustíveis(emespecialoetanol). Issogeraumacorridaporterrasparaplantarquevaicausarumencarecimentodasmesmaseinviabilizaraproduçãodealimentos(mandioca,feijão),levandoaexpulsãodemuitosagricultoresparaascidades.Issosemcontarosimpactosdedesmatamentoedeexploraçãodotrabalho.
  12. 12. BIBLIOGRAFIA ANTUNES,André.Economiaverde:ascontradiçõesdodiscursoambientalnocernedosistemacapitalista.Disponívelem: http://www.epsjv.fiocruz.br/index.php?Area=Noticia&Num=569Acessoem:10/07/2014.

×