Apresentação de Resultados do 1T13

243 visualizações

Publicada em

Apresentação de Resultados do 1T13

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
243
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
107
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação de Resultados do 1T13

  1. 1. 15 de Maio de 2013 Infraestrutura é o nosso negócio! Resultados 1T13
  2. 2. 2 Disclaimer As demonstrações financeiras individuais e consolidadas foram elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil, as quais abrangem a legislação societária, os Pronunciamentos, as Orientações e as Interpretações emitidas pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis e as normas emitidas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), conjugadas com a legislação específica emanada pela Agencia Nacional de Energia Elétrica - ANEEL. A ANEEL, enquanto órgão regulador, tem poderes para regular as concessões. Os resultados serão apresentados em ambos os formatos, o formato IFRS e o formato “Regulatórios”, para permitir a comparação com outros exercícios. Vale ressaltar que os resultados no formato “Regulatório” não são auditados. A declaração de dividendos da ALUPAR é feita com base nos resultados auditados (IFRS). As afirmações contidas neste documento relacionadas a perspectivas sobre os negócios, projeções sobre resultados operacionais e financeiros e aquelas relacionadas a perspectivas de crescimento da ALUPAR são meramente projeções e, como tais, são baseadas exclusivamente nas expectativas da diretoria sobre o futuro dos negócios. Essas expectativas dependem, substancialmente, de mudanças nas condições de mercado, do desempenho da economia brasileira, do setor e dos mercados internacionais e, portanto, sujeitas à mudanças sem aviso prévio. Conforme Anúncio de Início publicado em 23 de abril de 2013, a Companhia realizou oferta pública de distribuição de Units. Em razão de estarmos em processo de estabilização e de não termos publicado Anúncio de Encerramento da Oferta, estamos em período de silêncio, sendo a conferência direcionada exclusivamente para apresentarmos os resultados do 1 trimestre de 2013..
  3. 3. 3 RS SC PR SP MG GO MT AC AM RR RO BA PI MA PA AP TO CE RN PE AL SE MS RJ ES DF PB Colômbia Brasil Chile Visão Geral da Alupar A Alupar é única Companhia Listada no Brasil que opera nos segmentos de Transmissão e Geração Distribuição Geográfica dos Ativos Operacional Em construção Portfólio de 27 concessões de longo prazo, com vencimentos iniciando em 2030 (transmissão) e 2034 (geração) Transmissão Geração Brasil Início Concessões Fim 2000 2001 2001 2002 2002 2004 2004 2005 2005 2004 2006 2007 2005 2008 2009 2010 2010 2009 2012 2012 2004 2004 2006 2006 2010 2011 2012 2030 2031 2031 2032 2032 2034 2034 2035 2035 2034 2036 2037 2038 2039 2040 2040 2039 2042 2042 2034 2034 2041 2041 2047 TipoAtivo Concessões da Alupar – Transmissão e Geração Hoje Perpétuo Perpétuo Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Transmissão Geração Geração Geração Geração Geração Geração Geração Transchile Operacional Em Construção 2045
  4. 4. 4 Estrutura Corporativa Nota: (1) A TBE consiste de 10 companhias de transmissão: EATE, EBTE, ECTE, ENTE, ERTE, ESDE, ETEP; ETSE, LUMITRANS e STC. V 50,01% T 35,01% 100% 50,01%V 50,02% T 50,02% V 100% T 50,01% 70,02% V 50,01% T 35,01% 99,90% 41,00% 41,00% 41,00% Transminas Lavrinhas 45,02% 50,99% V 50,02% T 50,02% 51,00% 80,00%15,00% 80,00% 20,00% Transirapé Transleste Rio Claro Ijuí Queluz STC EBTE Transudeste Lumitrans ETES 50,01% V 100% T 50,01% STN ENTEEATE ECTE ERTE ETEP ETEM 62,06% ETVG ESDE Ferreira Gomes 100% TNE 51,00% Risaralda 99,86% 100% ETSE 100% 46,00% TME 50,99%Energia dos Ventos 51,00% Transchile TBE TBE TBE TBE TBE TBE TBE TBE TBE TBE Geração Em construção TBE1 Ativos da TBETransmissão
  5. 5. 5 Histórico de Sucesso Extensão das linhas de transmissão (Km) Capacidade de geração (MW) 24% CAGR 02A-12A 46% CAGR 10A-16E 0 576 1.500 1.679 2.293 2.834 3.285 3.392 3.392 3.592 4.950 4.950 4.950 4.950 5.665 5.665 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 68 179 179 179 179 459 663 Desde 2000, a Alupar é uma das principais vencedoras dos leilões de linhas de transmissão no Brasil, com 22,6% de todas as linhas leiloadas, em termos de RAP. É também uma das companhias com maior crescimento no setor de geração de energia elétrica  Disciplina financeira e foco em criação de valor  Know-how técnico e em engenharia  Atuação em todas as fases de desenvolvimento: desde a concepção e a construção até o início das atividades e a operação
  6. 6. 6 Cultura Corporativa A cultura corporativa da Alupar é composta pelos seguintes elementos Disciplina financeira  Crescimento responsável e sustentável  Estrutura de capital eficiente  Governança corporativa e transparência  Desenvolvimento de pessoas 
  7. 7. 7 Fato Relevante, 28 de Março de 2013 Elevação de Rating de Crédito Corporativo pela Fitch Rating Services  Rating Nacional de Longo Prazo de AA (bra) para AA+ (bra) com perspectiva estável “A elevação dos ratings reflete o crescimento em bases sustentáveis dos negócios da Alupar e a habilidade da companhia para gerenciar seu robusto perfil financeiro consolidado, consistente com a nova classificação, mesmo com a previsão de crescimento dos investimentos para os próximos dois anos. A moderada alavancagem financeira consolidada a ser atingida pelo grupo nesse período é compatível com o baixo risco de seus negócios, caracterizado pela previsível geração operacional de caixa, e deriva do estágio pré-operacional de alguns investimentos. A capacidade demonstrada pelo grupo para desenvolver projetos e transformá-los em ativos operacionais também foi considerada nesta ação de rating.” Trecho extraído do Relatório Analítico da Fitch – disponível no website da Alupar Alupar – Corporativo AA+(bra) Alupar – Corporativo (Escala Nacional) Aa2.br Alupar – Corporativo (Escala Global) Ba1 Moody’s Investors Service
  8. 8. 8 Comunicado ao Mercado, 9 de maio de 2013 Autorização de implantação de Reforço na Transirapé Concessão Extensão Redução 50% RAP RAP RBNI Novo RAP + RBNIInício Fim Março - 2005 Março - 2035 65 Km Sim R$ 16,8 mi R$ 5,5 mi R$ 22,1 mi Característica da Linha
  9. 9. 9 Mudança Licença ambiental na PCH Morro Azul (Colombia) PCH Capacidade Instalada Efetiva Geração Média Morro Azul 16 MW 84,096MWh Características da PCH Morro Azul RS MT AC AM RR RO PA MS Colômbia Chile Antes Depois Comunicado ao Mercado, 9 de maio de 2013 Características da PCH Morro Azul PCH Capacidade Instalada Efetiva Geração Média Morro Azul 19,9MW 120.947MWh
  10. 10. 10 0,00 10,00 20,00 30,00 40,00 50,00 60,00 70,00 80,00 90,00 Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez 2011 2012 2013 Preço da Energia 0 50 100 150 200 250 300 350 400 450 jan/10 abr/10 jul/10 out/10 jan/11 abr/11 jul/11 out/11 jan/12 abr/12 jul/12 out/12 jan/13 abr/13 SE/CO Reservatórios- % PLD
  11. 11. Principais Indicadores
  12. 12. 12 Destaques Financeiros – Consolidado R$MM 1T13 1T12 Var. Var.% R$MM 1T13 1T12 Var. Var.% ReceitaLíquidaAjustada 281,1 265,9 15,2 5,7% ReceitaLíquida 269,5 249,7 19,8 7,9% EBITDA (CVM527) 227,2 225,3 1,9 0,9% EBITDA (CVM527) 212,4 206,1 6,4 3,1% Margem EbitdaAjustada 80,8% 84,7% -3,9p.p Margem Ebitda 78,8% 82,5% -3,7p.p EBITDA(exclusãoefeitos GSF) 240,8 EBITDA(exclusãoefeitos GSF) 226,0 MargemEbitda(exclusãoGSF) 87,2% MargemEbitda(exclusãoGSF) 85,4% Resultado Financeiro -51,9 -52,5 0,6 -1,2% Resultado Financeiro -51,9 -52,5 0,7 -1,3% Lucro Líquido consolidado 147,1 141,5 5,6 3,9% Lucro Líquido consolidado 102,5 99,2 3,2 3,2% Minoritários Subsidiárias 83,1 78,0 5,1 6,5% Minoritários Subsidiárias 55,3 57,6 -2,3 -3,9% LucroLíquidoAlupar 64,0 63,6 0,5 0,8% LucroLíquidoAlupar 47,1 41,7 5,5 13,1% LucroLíq. Alupar(exclusãoGSF) 69,2 LucroLíq. Alupar(exclusãoGSF) 52,3 DívidaLíquida* 2.751,6 2.461,7 289,9 11,8% DívidaLíquida* 2.751,6 2.461,7 289,9 11,8% DívidaLíquida/ Ebitda** 3,0 2,7 0,3 10,8% DívidaLíquida/ Ebitda** 3,2 3,0 0,3 8,4% *ConsideraTítulos e Valores Mobiliarios do Ativo Não Circulante **EbitdaAnualizado Principais Indicadores "REGULATÓRIO"Principais Indicadores "SOCIETÁRIO (IFRS)"
  13. 13. 13 Destaques Financeiros Consolidados 225,3 227,2 240,8 13,6 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado EBITDA (R$ milhões) Informações Societárias 281,1265,9 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 350,0 400,0 1T131T12 Receita Líquida Ajustada (R$ milhões) Informações Regulatórias 269,5249,7 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 1T131T12 Receita Líquida (R$ milhões) 206,1 212,4 226,0 13,6 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado EBITDA (R$ milhões) 41,7 47,1 52,3 5,2 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado Lucro R$ milhões) 63,6 64,0 69,2 5,2 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado Lucro (R$ milhões)
  14. 14. 14 Destaques Financeiros - Transmissão R$ MM 1T13 1T12 Var. Var.% R$ MM 1T13 1T12 Var. Var.% Receita Líquida Ajustada 255,9 242,2 13,7 5,7% Receita Líquida 239,2 221,7 17,5 7,9% Custos Operacionais Ajustados* -16,3 -14,6 -1,7 11,7% Custos Operacionais -16,3 -14,4 -1,8 12,7% Depreciação / Amortização -1,4 -0,3 -1,0 297,9% Depreciação / Amortização -27,8 -26,4 -1,4 5,1% Despesas Operacionais -8,2 -9,1 0,9 -10,0% Despesas Operacionais -8,1 -9,1 0,9 -10,2% EBITDA (CVM527) 231,5 218,6 12,9 5,9% EBITDA (CVM527) 214,8 198,2 16,6 8,4% Margem Ebitda Ajustada 90,5% 90,2% 0,2p.p. Margem Ebitda 89,8% 89,4% 0,4p.p. Resultado Financeiro -26,6 -33,5 6,9 -20,5% Resultado Financeiro -26,6 -33,5 6,9 -20,6% Lucro Líquido 183,2 161,3 21,9 13,6% Lucro Líquido 134,8 115,5 19,4 16,8% Dívida Líquida** 1.309,5 1.397,1 -87,6 -6,3% Dívida Líquida** 1.309,5 1.397,1 -87,6 -6,3% Dívida Líquida / EBITDA *** 1,4 1,6 -0,2 -11,5% Dívida Líquida / EBITDA *** 1,5 1,8 -0,2 -13,5% *Custos Operacionais Ajustados: Excluindo o custo de infraestrutura **Considera Títulos e Valores Mobiliarios do Ativo Não Circulante ***Ebitda Anualizado Principais Indicadores "SOCIETÁRIO (IFRS)" Principais Indicadores "REGULATÓRIO"
  15. 15. 15 Destaques Financeiros Transmissão Informações Societárias Informações Regulatórias 255,9242,2 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 1T131T12 Receita Líquida Ajustada (R$ milhões) 231,5218,6 90,5%90,2% -120,0% -70,0% -20,0% 30,0% 80,0% 0,0 200,0 1T131T12 EBITDA (R$ milhões) e Margem EBITDA 183,2 161,3 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 1T131T12 Lucro Líquido (R$ milhões) 239,2221,7 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 1T131T12 Receita Líquida (R$ milhões) 214,8 198,2 89,8%89,4% 0,0% 50,0% 100,0% 150,0% 200,0% 250,0% 300,0% 350,0% 400,0% 450,0% 500,0% 0,0 200,0 1T131T12 EBITDA (R$ milhões) e Margem EBITDA 134,8 115,5 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 1T131T12 Lucro Líquido (R$ milhões)
  16. 16. 16 Destaques Financeiros - Geração Principais Indicadores "SOCIETÁRIO (IFRS)" R$ MM 1T13 1T12 Var. Var.% Receita Líquida 45,6 38,5 7,1 18,5% Custos Operacionais -7,4 -2,3 5,1 215,1% Depreciação / Amortização -8,3 -7,6 0,7 9,9% Compra de Energia -18,6 -5,5 13,1 237,2% Despesas Operacionais -2,9 -8,9 6,0 -67,6% EBITDA (CVM 527) 16,7 21,7 -5,0 -23,0% Margem Ebitda 36,7% 56,4% - -19,8 p.p EBITDA (Ex - GSF) 30,3 Margem Ebitda (Ex - GSF) 74,5% Resultado Financeiro -11,6 -14,2 2,6 -18,4% Lucro Líquido / Prejuízo -3,8 -0,6 -3,3 - Lucro Líquido / Prejuízo (Ex - GSF) 8,2 Dívida Líquida 1.145,5 879,2 262,3 29,8% Dívida Líquida / EBITDA* 9,2 7,6 1,6 21,1% Dívida Líquida / EBITDA* (EX - GSF) 5,0 * EBITDA Anualizado e Dívida Líquida considerando apenas empresas operacionais
  17. 17. 17 Destaques Financeiros Geração - Societário 21,7 16,7 30,3 13,6 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado EBITDA (R$ milhões) 45,6 38,5 1T131T12 Receita Líquida (R$ milhões) (0,6) (3,8) 8,2 12,0 1T12 1T13 Ajuste GSF 1T13 Ajustado Lucro R$ milhões)
  18. 18. 18 Endividamento 3.305,8 554,3 2.751,6 Dívida Bruta Disponibilidade Dívida Líquida Dívida Total (R$ milhões) 40,8% 31,5% 11,0% 0,2% 16,4% CDI TJLP Pré-fixada Cesta de moedas Dívida Bruta por Indexador (%) 22% 78% Perfil da Dívida Consolidada 1T13 Curto Prazo Longo Prazo 1.086,9 319,7 40,65,9 1.852,8 BNDES (TJLP / IGP-M) Outros Bancos de Desenvolvimento Outros Moeda Local Moeda Estrangeira Debêntures Composição da Dívida (Em R$ mil)
  19. 19. 19 Endividamento 334,5 541,9 520,2 290,9 240,3 194,7 102,1 636,4 219,7 119,8 92,0 93,9 22,1 134,9 79,3 237,3 Disponi bilidade 2013 2014 2015 2016 2017 2018 após 2018 Cronograma de Amortização da Dívida (R$ milhões) Subsidiárias Controladora 334,0 Bridges 221,1
  20. 20. 15 de Maio de 2013 Infraestrutura é o nosso negócio! Obrigado! Contato RI Marcelo Costa – DRI Especialistas em RI Guilherme Villani Luiz Coimbra Tel.: (011) 2184-9600 ri@alupar.com.br

×