SlideShare uma empresa Scribd logo
Claude Monet 
“Pinto como um pássaro canta”
Biografia 
 Oscar-Claude Monet é assim o seu nome, foi um pintor francês, o mais 
célebre entre os pintores impressionistas, nasceu em Paris, França, a 
14 de Novembro de 1840, e morreu em Giverny, 5 de Dezembro de 1926; 
 Aos cinco anos a sua família muda-se para Le Havre, onde conhece 
Boudin que lhe ensina e incentiva na pintura. Monet então viaja de 
novo para França; 
 Em Paris conhece Camille por quem se apaixonou, mas foi em, 1867 
que tiveram um filho chamado Jean, no entanto seu pai não gosta, e 
deixa de o ajudar financeiramente passando ambos grandes 
dificuldades. Muitos eram os problemas mas Monet preferiu fugir deles 
tentando suicidar-se; 
 Com o começo da guerra Monet foge para Inglaterra onde pinta muitas 
das suas cenas. Com o fim da guerra volta de novo para França e fica 
em Argenteuil;
 Em, 1876 Monet e seus amigos realizam uma exposição, não sendo bem 
recebida e ridicularizada como foram as seguintes, sem conseguir vender os 
quadros Monet e a sua família vivem na pobreza; 
 Em, 1878 nasce o seu segundo filho Michael Monet e a sua família muda-se 
para Vétheuil, é também nesse ano que surgem as primeiras criticas 
favoráveis ao movimento impressionista; 
 Em, 1876 morre a sua mulher devido aos anos de pobreza que passaram. Mas 
nem todo era mau pois o seu prestígio continuava a crescer; 
 No inicio do século, Monet visita vários países da Europa entre os quais 
Inglaterra onde já estivera antes a pintar as paisagens do Rio Tâmisa. Com o 
avanço da idade começa a ter problemas com a visão consequentemente as 
suas telas tornam se quase abstractas; 
 Em 1911 morre o seu primeiro filho Jean e mais tarde dá-se inicio a Primeira 
Grande Guerra, na sua casa dedica-se á pintura sendo o seu tema principal o 
seu jardim, já em, 1923 a sua saúde piora vindo a falecer em, 1926 em Giverny.
Impressionismo 
 O Impressionismo é um movimento artístico surgido na França no século XIX 
que criou uma nova visão conceptual da natureza utilizando pinceladas soltas 
dando ênfase na luz e no movimento. O seu nome deriva da obra impressão, 
nascer do sol de Claude Monet; 
 Uma das grandes características do impressionismo e pintarem as telas ao ar 
livre sem se preocuparem com os preconceitos do realismo ou da academia; 
 Tendência estilística que dominou a pintura, sobretudo francesa, no último 
quarto do século passado. Anti-académico e anti-romântico, o Impressionismo 
preparou o caminho para todas as manifestações artísticas que se lhe 
seguiram; 
 Também uma das características da pintura do impressionismo era pintar a 
mesma paisagem em diferentes horas do dia e do ano.
Obras 
 "A Lagoa das Ninfas" pertence a uma série de pinturas de Claude 
Monet em que o tema principal e a ponte arcada, de estilo japonês, aqui 
Monet mostra um jardim em pleno verão, com a densa e brilhante 
folhagem verde, e as pinceladas descendentes e unificadas são 
equilibradas por confiantes pinceladas horizontais. 
A lagoa da Ninfas, 1899 
Óleo sobre tela
A Lagoa Das Ninfas (1899)
 “A Catedral de Rouen” foi o tema preferido de Claude Monet em, 1893 pois 
passou um ano a pinta-la tendo feito cerca de cinquenta quadros, em horários 
diferentes, reproduzindo a incidência da luz. Para assim poder analisar as 
diferentes influências que a luz pode exercer sobre a percepção da realidade. 
A Catedral de Rouen, 1893-1894 
Óleo sobre tela
A Catedral De Rouen (1893- 
1894)
 “O Parlamento inglês” foi pintado no ano de, 1900 onde o tema principal e o 
intenso nevoeiro sobre o parlamento que envolve toda a cena ao mesmo 
tempo que temos o pôr-do-sol dando um ar fantasmagórico, foi desenhado no 
terraço do Hospital St. Thomas localizado no lado oposto do rio. 
Parlamento inglês 1900 
Óleo sobre tela, 
81x92cm
O Parlamento (1900)
 “Impressão sol nascente” foi este quadro que deu origem ao movimento 
artístico impressionismo, devido a critica feita ao quadro por Louis Leroy. A 
expressão foi usada originalmente de forma pejorativa, mas Monet e seus 
colegas adoptaram o titulo sabendo da revolução que estavam iniciando. Esta 
pintura e na realidade, uma vista para o Porto de Havre, notando-se os barcos 
e as fumaradas das industrias. 
Impressão sol nascente, 1874 
Óleo sobre tela
Impressão do sol nascente 
(1874)
 “A Mulher com um Guarda-sol” - Senhora Monet e Seu Filho em, 1875. 
Encontram-se numa colina com o vento a chicotear as suas saias volumosas 
em volta das suas pernas. Jean está no seu lado, mas a cor e o movimento são 
os sujeitos verdadeiros desta pintura. Os matizes dos cor de rosa e amarelo 
fazem vestido branco de Camille vislumbrar, as sombras violetas que a sua 
figura lança sobre a terra verde viçosa. O poder de flutuação do seu guarda-sol 
e plantas silvestres balançam exprimindo o movimento do vento. 
A Mulher com um Guarda-sol 1875 
Óleo sobre tela, (39.3/ 8x31)
A mulher com o Guarda sol 
(1875)
Outras Obras
Monet - Prof. Altair Aguilar
Trabalho realizado por: Gustavo Paulo 
nº5, 2°A 
Professor: Altair

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

claude monet
claude monetclaude monet
claude monet
André Matias
 
Maria Eduarda E Rafaela P R I M A V E R A
Maria  Eduarda E  Rafaela  P R I M A V E R AMaria  Eduarda E  Rafaela  P R I M A V E R A
Maria Eduarda E Rafaela P R I M A V E R A
Emef Mario Kosel Filho
 
Claude Monet
Claude MonetClaude Monet
Claude Monet
Agostinho NSilva
 
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e ObraPortfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
Jordana Souza
 
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
elizabethacs
 
Édouard Manet
Édouard ManetÉdouard Manet
Édouard Manet
Carlos Vieira
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
maria40
 
Maila e geisiane 2°a
Maila e geisiane 2°aMaila e geisiane 2°a
Maila e geisiane 2°a
Ste Escola Bernardino
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Jorge Almeida
 
Pós - Impressionismo
Pós - ImpressionismoPós - Impressionismo
Pós - Impressionismo
Andrea Dressler
 
História da Arte - Impressionismo
História da Arte - ImpressionismoHistória da Arte - Impressionismo
História da Arte - Impressionismo
Maiara Giordani
 
Final do século xix na europa
Final do século xix na europaFinal do século xix na europa
Final do século xix na europa
Itamir Beserra
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
MartaMonteiro60
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
Ellen_Assad
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
rita margarida
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMOSEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
Marcelo Fernandes
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
Michele Pó
 
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e PontilhismoHISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
Maiara Giordani
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
rafael.eltz
 
Do realismo ao impressionismo
Do realismo ao impressionismoDo realismo ao impressionismo
Do realismo ao impressionismo
Susana Barroso
 

Mais procurados (20)

claude monet
claude monetclaude monet
claude monet
 
Maria Eduarda E Rafaela P R I M A V E R A
Maria  Eduarda E  Rafaela  P R I M A V E R AMaria  Eduarda E  Rafaela  P R I M A V E R A
Maria Eduarda E Rafaela P R I M A V E R A
 
Claude Monet
Claude MonetClaude Monet
Claude Monet
 
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e ObraPortfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
Portfólio Claude Monet - 1 - Vida e Obra
 
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
Apresentaçâo de oscar claude monet (2)
 
Édouard Manet
Édouard ManetÉdouard Manet
Édouard Manet
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Maila e geisiane 2°a
Maila e geisiane 2°aMaila e geisiane 2°a
Maila e geisiane 2°a
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Pós - Impressionismo
Pós - ImpressionismoPós - Impressionismo
Pós - Impressionismo
 
História da Arte - Impressionismo
História da Arte - ImpressionismoHistória da Arte - Impressionismo
História da Arte - Impressionismo
 
Final do século xix na europa
Final do século xix na europaFinal do século xix na europa
Final do século xix na europa
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMOSEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
SEMINÁRIO DE LITERATURA - IMPRESSIONISMO
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
 
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e PontilhismoHISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Do realismo ao impressionismo
Do realismo ao impressionismoDo realismo ao impressionismo
Do realismo ao impressionismo
 

Destaque

As obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
As obras do Nazismo - Prof. Altair AguilarAs obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
As obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução  Federalista - Prof. Altair AguilarRevolução  Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Domingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
Domingo sangrento - Prof. Altair AguilarDomingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
Domingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Politica brasileira - Prof. Altair Aguilar
Politica brasileira - Prof. Altair AguilarPolitica brasileira - Prof. Altair Aguilar
Politica brasileira - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Princesa Isabel - Prof. Altair Aguilar
Princesa  Isabel - Prof. Altair AguilarPrincesa  Isabel - Prof. Altair Aguilar
Princesa Isabel - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
República do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
República do Café com Leite - Prof. Altair AguilarRepública do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
República do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabelPatrimonio cultural do municipio de princesa isabel
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel
Francisco Florencio
 
Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
 Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
República do café com leite
República do café com leiteRepública do café com leite
República do café com leite
Juliana Falcão
 
A república café com leite
A república café com leiteA república café com leite
A república café com leite
Isaquel Silva
 
Republica do cafe com leite
Republica do cafe com leiteRepublica do cafe com leite
Republica do cafe com leite
Pérysson Nogueira
 
Política do café com leite
Política do café com leitePolítica do café com leite
Política do café com leite
Pérysson Nogueira
 
Republica do-cafe-com-leite-aula-pronta
Republica do-cafe-com-leite-aula-prontaRepublica do-cafe-com-leite-aula-pronta
Republica do-cafe-com-leite-aula-pronta
Fabio Santos
 
Republica velha resumão
Republica velha resumãoRepublica velha resumão
Republica velha resumão
Fabio Santos
 
República Velha (1889-1930) - Primeira Parte
República Velha (1889-1930) - Primeira ParteRepública Velha (1889-1930) - Primeira Parte
República Velha (1889-1930) - Primeira Parte
Valéria Shoujofan
 
A revolução russa slides
A revolução russa slidesA revolução russa slides
A revolução russa slides
Eduardo Gomes
 
Revolução russa slide
Revolução russa slideRevolução russa slide
Revolução russa slide
Isabel Aguiar
 
A RevoluçãO Russa De 1917
A  RevoluçãO  Russa De 1917A  RevoluçãO  Russa De 1917
A RevoluçãO Russa De 1917
guestd47650
 

Destaque (18)

As obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
As obras do Nazismo - Prof. Altair AguilarAs obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
As obras do Nazismo - Prof. Altair Aguilar
 
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução  Federalista - Prof. Altair AguilarRevolução  Federalista - Prof. Altair Aguilar
Revolução Federalista - Prof. Altair Aguilar
 
Domingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
Domingo sangrento - Prof. Altair AguilarDomingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
Domingo sangrento - Prof. Altair Aguilar
 
Politica brasileira - Prof. Altair Aguilar
Politica brasileira - Prof. Altair AguilarPolitica brasileira - Prof. Altair Aguilar
Politica brasileira - Prof. Altair Aguilar
 
Princesa Isabel - Prof. Altair Aguilar
Princesa  Isabel - Prof. Altair AguilarPrincesa  Isabel - Prof. Altair Aguilar
Princesa Isabel - Prof. Altair Aguilar
 
República do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
República do Café com Leite - Prof. Altair AguilarRepública do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
República do Café com Leite - Prof. Altair Aguilar
 
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabelPatrimonio cultural do municipio de princesa isabel
Patrimonio cultural do municipio de princesa isabel
 
Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
 Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
Revolução Russa -Domingo Sangrento - Prof. Altair Aguilar
 
República do café com leite
República do café com leiteRepública do café com leite
República do café com leite
 
A república café com leite
A república café com leiteA república café com leite
A república café com leite
 
Republica do cafe com leite
Republica do cafe com leiteRepublica do cafe com leite
Republica do cafe com leite
 
Política do café com leite
Política do café com leitePolítica do café com leite
Política do café com leite
 
Republica do-cafe-com-leite-aula-pronta
Republica do-cafe-com-leite-aula-prontaRepublica do-cafe-com-leite-aula-pronta
Republica do-cafe-com-leite-aula-pronta
 
Republica velha resumão
Republica velha resumãoRepublica velha resumão
Republica velha resumão
 
República Velha (1889-1930) - Primeira Parte
República Velha (1889-1930) - Primeira ParteRepública Velha (1889-1930) - Primeira Parte
República Velha (1889-1930) - Primeira Parte
 
A revolução russa slides
A revolução russa slidesA revolução russa slides
A revolução russa slides
 
Revolução russa slide
Revolução russa slideRevolução russa slide
Revolução russa slide
 
A RevoluçãO Russa De 1917
A  RevoluçãO  Russa De 1917A  RevoluçãO  Russa De 1917
A RevoluçãO Russa De 1917
 

Semelhante a Monet - Prof. Altair Aguilar

Biografia de monet ld
Biografia de monet ldBiografia de monet ld
Biografia de monet ld
luciardeus
 
Impressionismo frances
Impressionismo francesImpressionismo frances
Impressionismo frances
deasilvia
 
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz GrafClaude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
Antonio Pinto Pereira
 
C laude monet
C laude monetC laude monet
C laude monet
Agostinho.Gouveia
 
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Maria Inês de Souza Vitorino Justino
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
guest2932aa
 
HistóRia
HistóRiaHistóRia
HistóRia
zucolandia
 
HistóRia
HistóRiaHistóRia
HistóRia
allstargirl
 
O Impressionismo
O ImpressionismoO Impressionismo
O Impressionismo
Meire Falco
 
Arte expressionista
Arte expressionistaArte expressionista
Arte expressionista
Lú Feitosa
 
Material de Apoio Termo III (8° Ano)
Material de Apoio Termo III (8° Ano)Material de Apoio Termo III (8° Ano)
Material de Apoio Termo III (8° Ano)
kamismilonas
 
Apresentação sobre Impressionismo
Apresentação sobre ImpressionismoApresentação sobre Impressionismo
Apresentação sobre Impressionismo
C111atiusca
 
História da arte
História da arteHistória da arte
História da arte
Helena Serrão
 
História De Claude Monet
História De  Claude  MonetHistória De  Claude  Monet
História De Claude Monet
Emef Mario Kosel Filho
 
Impressionismo.2 novo
Impressionismo.2 novoImpressionismo.2 novo
Impressionismo.2 novo
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Ester C. Pinheiro
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Auriene
 
Aula impressionismo
Aula impressionismoAula impressionismo
Aula impressionismo
deasilvia
 
9o. ano os ismos da arte moderna- Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
9o. ano  os ismos da arte moderna-  Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...9o. ano  os ismos da arte moderna-  Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
9o. ano os ismos da arte moderna- Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
elisabhp
 

Semelhante a Monet - Prof. Altair Aguilar (20)

Biografia de monet ld
Biografia de monet ldBiografia de monet ld
Biografia de monet ld
 
Impressionismo frances
Impressionismo francesImpressionismo frances
Impressionismo frances
 
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz GrafClaude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
Claude Monet - Arte - Prof.ª Gecieny Ferraz Graf
 
C laude monet
C laude monetC laude monet
C laude monet
 
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
Impressionismo e Expressionismo - 3ª A - 2011
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
 
HistóRia
HistóRiaHistóRia
HistóRia
 
HistóRia
HistóRiaHistóRia
HistóRia
 
O Impressionismo
O ImpressionismoO Impressionismo
O Impressionismo
 
Arte expressionista
Arte expressionistaArte expressionista
Arte expressionista
 
Material de Apoio Termo III (8° Ano)
Material de Apoio Termo III (8° Ano)Material de Apoio Termo III (8° Ano)
Material de Apoio Termo III (8° Ano)
 
Apresentação sobre Impressionismo
Apresentação sobre ImpressionismoApresentação sobre Impressionismo
Apresentação sobre Impressionismo
 
História da arte
História da arteHistória da arte
História da arte
 
História De Claude Monet
História De  Claude  MonetHistória De  Claude  Monet
História De Claude Monet
 
Impressionismo.2 novo
Impressionismo.2 novoImpressionismo.2 novo
Impressionismo.2 novo
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
Aula impressionismo
Aula impressionismoAula impressionismo
Aula impressionismo
 
9o. ano os ismos da arte moderna- Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
9o. ano  os ismos da arte moderna-  Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...9o. ano  os ismos da arte moderna-  Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
9o. ano os ismos da arte moderna- Os Impressionistas: monet- renoir- degas)...
 

Mais de Altair Moisés Aguilar

Martinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
Martinho Lutero - Prof. Altair AguilarMartinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
Martinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Oliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
Oliver Cromwell - Prof. Altair AguilarOliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
Oliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Os Puritanos - Prof. Altair Aguilar
Os Puritanos - Prof. Altair AguilarOs Puritanos - Prof. Altair Aguilar
Os Puritanos - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Dinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
Dinastia Tudors - Prof. Altair AguilarDinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
Dinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Calvinismo - Prof. Altair Aguilar
Calvinismo - Prof. Altair AguilarCalvinismo - Prof. Altair Aguilar
Calvinismo - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
A independência Americana - Prof. Altair Aguilar
A independência Americana - Prof. Altair AguilarA independência Americana - Prof. Altair Aguilar
A independência Americana - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair AguilarGuerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Revolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Inglesa - Prof. Altair AguilarRevolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair AguilarCausas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair AguilarEstados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Os Incas - Prof.Altair Aguilar
Os Incas - Prof.Altair AguilarOs Incas - Prof.Altair Aguilar
Os Incas - Prof.Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Revolução Francesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução  Francesa - Prof. Altair AguilarRevolução  Francesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Francesa - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair AguilarDiscurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Campos Nazista - Prof. Altair Aguilar
Campos Nazista - Prof. Altair AguilarCampos Nazista - Prof. Altair Aguilar
Campos Nazista - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Adolf Hitler _ Prof.Altair Aguilar
Adolf  Hitler _ Prof.Altair AguilarAdolf  Hitler _ Prof.Altair Aguilar
Adolf Hitler _ Prof.Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Guerra de Tróia - Prof. Altair Aguilar
Guerra de Tróia  - Prof. Altair AguilarGuerra de Tróia  - Prof. Altair Aguilar
Guerra de Tróia - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair AguilarAlemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Futebol - Prof. Altair Aguilar
Futebol - Prof. Altair AguilarFutebol - Prof. Altair Aguilar
Futebol - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair AguilarBabilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair AguilarIslamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 

Mais de Altair Moisés Aguilar (20)

Martinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
Martinho Lutero - Prof. Altair AguilarMartinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
Martinho Lutero - Prof. Altair Aguilar
 
Oliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
Oliver Cromwell - Prof. Altair AguilarOliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
Oliver Cromwell - Prof. Altair Aguilar
 
Os Puritanos - Prof. Altair Aguilar
Os Puritanos - Prof. Altair AguilarOs Puritanos - Prof. Altair Aguilar
Os Puritanos - Prof. Altair Aguilar
 
Dinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
Dinastia Tudors - Prof. Altair AguilarDinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
Dinastia Tudors - Prof. Altair Aguilar
 
Calvinismo - Prof. Altair Aguilar
Calvinismo - Prof. Altair AguilarCalvinismo - Prof. Altair Aguilar
Calvinismo - Prof. Altair Aguilar
 
A independência Americana - Prof. Altair Aguilar
A independência Americana - Prof. Altair AguilarA independência Americana - Prof. Altair Aguilar
A independência Americana - Prof. Altair Aguilar
 
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair AguilarGuerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
Guerra das duas Rosas - Prof. Altair Aguilar
 
Revolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Inglesa - Prof. Altair AguilarRevolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Inglesa - Prof. Altair Aguilar
 
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair AguilarCausas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
Causas da Segunda Guerra - Prof.Altair Aguilar
 
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair AguilarEstados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
Estados Islâmicos Terroristas - Prof. Altair Aguilar
 
Os Incas - Prof.Altair Aguilar
Os Incas - Prof.Altair AguilarOs Incas - Prof.Altair Aguilar
Os Incas - Prof.Altair Aguilar
 
Revolução Francesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução  Francesa - Prof. Altair AguilarRevolução  Francesa - Prof. Altair Aguilar
Revolução Francesa - Prof. Altair Aguilar
 
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair AguilarDiscurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
Discurso de Adolf Hitler - Prof. Altair Aguilar
 
Campos Nazista - Prof. Altair Aguilar
Campos Nazista - Prof. Altair AguilarCampos Nazista - Prof. Altair Aguilar
Campos Nazista - Prof. Altair Aguilar
 
Adolf Hitler _ Prof.Altair Aguilar
Adolf  Hitler _ Prof.Altair AguilarAdolf  Hitler _ Prof.Altair Aguilar
Adolf Hitler _ Prof.Altair Aguilar
 
Guerra de Tróia - Prof. Altair Aguilar
Guerra de Tróia  - Prof. Altair AguilarGuerra de Tróia  - Prof. Altair Aguilar
Guerra de Tróia - Prof. Altair Aguilar
 
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair AguilarAlemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
Alemanha Muro de Berlim - Prof. Altair Aguilar
 
Futebol - Prof. Altair Aguilar
Futebol - Prof. Altair AguilarFutebol - Prof. Altair Aguilar
Futebol - Prof. Altair Aguilar
 
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair AguilarBabilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
Babilônia a Grande Meretriz - Prof. Altair Aguilar
 
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair AguilarIslamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
 

Último

Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
Estuda.com
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
helenawaya9
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Elogio da Saudade .
Elogio da Saudade                          .Elogio da Saudade                          .
Elogio da Saudade .
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 

Monet - Prof. Altair Aguilar

  • 1. Claude Monet “Pinto como um pássaro canta”
  • 2. Biografia  Oscar-Claude Monet é assim o seu nome, foi um pintor francês, o mais célebre entre os pintores impressionistas, nasceu em Paris, França, a 14 de Novembro de 1840, e morreu em Giverny, 5 de Dezembro de 1926;  Aos cinco anos a sua família muda-se para Le Havre, onde conhece Boudin que lhe ensina e incentiva na pintura. Monet então viaja de novo para França;  Em Paris conhece Camille por quem se apaixonou, mas foi em, 1867 que tiveram um filho chamado Jean, no entanto seu pai não gosta, e deixa de o ajudar financeiramente passando ambos grandes dificuldades. Muitos eram os problemas mas Monet preferiu fugir deles tentando suicidar-se;  Com o começo da guerra Monet foge para Inglaterra onde pinta muitas das suas cenas. Com o fim da guerra volta de novo para França e fica em Argenteuil;
  • 3.  Em, 1876 Monet e seus amigos realizam uma exposição, não sendo bem recebida e ridicularizada como foram as seguintes, sem conseguir vender os quadros Monet e a sua família vivem na pobreza;  Em, 1878 nasce o seu segundo filho Michael Monet e a sua família muda-se para Vétheuil, é também nesse ano que surgem as primeiras criticas favoráveis ao movimento impressionista;  Em, 1876 morre a sua mulher devido aos anos de pobreza que passaram. Mas nem todo era mau pois o seu prestígio continuava a crescer;  No inicio do século, Monet visita vários países da Europa entre os quais Inglaterra onde já estivera antes a pintar as paisagens do Rio Tâmisa. Com o avanço da idade começa a ter problemas com a visão consequentemente as suas telas tornam se quase abstractas;  Em 1911 morre o seu primeiro filho Jean e mais tarde dá-se inicio a Primeira Grande Guerra, na sua casa dedica-se á pintura sendo o seu tema principal o seu jardim, já em, 1923 a sua saúde piora vindo a falecer em, 1926 em Giverny.
  • 4. Impressionismo  O Impressionismo é um movimento artístico surgido na França no século XIX que criou uma nova visão conceptual da natureza utilizando pinceladas soltas dando ênfase na luz e no movimento. O seu nome deriva da obra impressão, nascer do sol de Claude Monet;  Uma das grandes características do impressionismo e pintarem as telas ao ar livre sem se preocuparem com os preconceitos do realismo ou da academia;  Tendência estilística que dominou a pintura, sobretudo francesa, no último quarto do século passado. Anti-académico e anti-romântico, o Impressionismo preparou o caminho para todas as manifestações artísticas que se lhe seguiram;  Também uma das características da pintura do impressionismo era pintar a mesma paisagem em diferentes horas do dia e do ano.
  • 5. Obras  "A Lagoa das Ninfas" pertence a uma série de pinturas de Claude Monet em que o tema principal e a ponte arcada, de estilo japonês, aqui Monet mostra um jardim em pleno verão, com a densa e brilhante folhagem verde, e as pinceladas descendentes e unificadas são equilibradas por confiantes pinceladas horizontais. A lagoa da Ninfas, 1899 Óleo sobre tela
  • 6. A Lagoa Das Ninfas (1899)
  • 7.  “A Catedral de Rouen” foi o tema preferido de Claude Monet em, 1893 pois passou um ano a pinta-la tendo feito cerca de cinquenta quadros, em horários diferentes, reproduzindo a incidência da luz. Para assim poder analisar as diferentes influências que a luz pode exercer sobre a percepção da realidade. A Catedral de Rouen, 1893-1894 Óleo sobre tela
  • 8. A Catedral De Rouen (1893- 1894)
  • 9.  “O Parlamento inglês” foi pintado no ano de, 1900 onde o tema principal e o intenso nevoeiro sobre o parlamento que envolve toda a cena ao mesmo tempo que temos o pôr-do-sol dando um ar fantasmagórico, foi desenhado no terraço do Hospital St. Thomas localizado no lado oposto do rio. Parlamento inglês 1900 Óleo sobre tela, 81x92cm
  • 11.  “Impressão sol nascente” foi este quadro que deu origem ao movimento artístico impressionismo, devido a critica feita ao quadro por Louis Leroy. A expressão foi usada originalmente de forma pejorativa, mas Monet e seus colegas adoptaram o titulo sabendo da revolução que estavam iniciando. Esta pintura e na realidade, uma vista para o Porto de Havre, notando-se os barcos e as fumaradas das industrias. Impressão sol nascente, 1874 Óleo sobre tela
  • 12. Impressão do sol nascente (1874)
  • 13.  “A Mulher com um Guarda-sol” - Senhora Monet e Seu Filho em, 1875. Encontram-se numa colina com o vento a chicotear as suas saias volumosas em volta das suas pernas. Jean está no seu lado, mas a cor e o movimento são os sujeitos verdadeiros desta pintura. Os matizes dos cor de rosa e amarelo fazem vestido branco de Camille vislumbrar, as sombras violetas que a sua figura lança sobre a terra verde viçosa. O poder de flutuação do seu guarda-sol e plantas silvestres balançam exprimindo o movimento do vento. A Mulher com um Guarda-sol 1875 Óleo sobre tela, (39.3/ 8x31)
  • 14. A mulher com o Guarda sol (1875)
  • 17. Trabalho realizado por: Gustavo Paulo nº5, 2°A Professor: Altair