Diga não às Drogas - Prof. Altair Aguilar.

217 visualizações

Publicada em

História - Palestra.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
217
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Diga não às Drogas - Prof. Altair Aguilar.

  1. 1. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS); “Droga é toda a substância que introduzida no organismo vivo modifica uma ou mais das suas funções.
  2. 2. DROGAS LÍCITAS São aquelas que tem a sua produção e seu uso permitidos por lei, sendo liberadas para comercialização.
  3. 3. Drogas Ilícitas “São aquelas que tem a sua produção, comercialização e uso proibidos por lei.” O uso de drogas ilícitas é considerado crime previsto no Código Penal Brasileiro cujas penalidades variam de seis meses a dois anos de prisão.
  4. 4. Os efeitos do álcool são percebidos em dois períodos, um que estimula e outro que deprime.
  5. 5. Cerveja: A droga lícita mais consumida no Brasil
  6. 6. Ansiolíticos Ansiolítico é uma droga sintética utilizada para diminuir a ansiedade e a tensão. Atingem áreas do cérebro que controlam a ansiedade.
  7. 7. Barbitúricos Recomendado para o tratamento da ansiedade e agitação de pacientes, principalmente por indivíduos com problemas psiquiátricos.
  8. 8. Rebite É uma droga derivada de anfetaminas que estimula o sistema nervoso central fazendo com que ele tenha um ritmo mais acelerado de trabalho.
  9. 9. Utilizada como analgésico para o tratamento de dores crônicas, principalmente de pacientes terminais. Morfina
  10. 10. A cafeína é um composto químico, classificado como alcalóide, além de atuar sobre o sistema nervoso central, aumenta a produção de suco gástrico.
  11. 11. Maconha Com o uso contínuo, alguns órgãos, como o pulmão, passam a ser afetados. Devido à contínua exposição com a fumaça tóxica da droga, o sistema respiratório do usuário começa a apresentar problemas como bronquite e perda da capacidade respiratória.
  12. 12. Cocaína A cocaína é uma droga psicoativa que estimula e vicia, promovendo alterações cerebrais bastante significativas, ocasiona danos cerebrais e diversos outros problemas de saúde.
  13. 13. Crack O crack deriva da planta de coca, é resultante da mistura de cocaína, bicarbonato de sódio ou amônia e água destilada, resultando em grãos que são fumados em cachimbos. Devido à sua ação sobre o sistema nervoso central, o crack gera aceleração dos batimentos cardíacos, aumento da pressão arterial, dilatação das pupilas, suor intenso, tremores, excitação, maior aptidão física e mental.
  14. 14. Ecstasy É consumido injetado, inalado, e por via oral. Apresenta-se em forma de pastilhas, comprimidos, barras, cápsulas ou pó. O ecstasy, a nível cerebral, age aumentando a produção e a diminuição da reabsorção da serotonina, dopamina e noradrenalina..
  15. 15. Heroína A heroína atua sobre receptores cerebrais específicos, provocando um funcionamento mais brando do sistema nervoso e respiratório. Como esta droga desenvolve dependência e tolerância de forma bastante rápida, o usuário passa a consumi-la com mais frequência com o intuito de buscar o mesmo bem-estar provocado anteriormente, e também de fugir das sensações provocadas pela abstinência.
  16. 16. LSD O LSD, produz grandes alterações no cérebro, atuando diretamente sobre o sistema nervoso e provocando fenômenos psíquicos, como alucinações, delírios e ilusões. É uma substância sintética, produzida em laboratório, que adquiriu popularidade na década de 60.

×