ilho de Jacques Debret, funcionário 
do parlamento francês1 e estudioso de História Natural e 
Arte, e irmão de François D...
Depois de formado, em janeiro de 1795 foi contratado 
como desenhista de 3 classes na École centrale des 
Travaux Publics ...
Em 1805 muda a temática de suas pinturas, expondo Napoleão 
presta homenagem à coragem infeliz, que recebeu menção 
honros...
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar

782 visualizações

Publicada em

História

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
782
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Debret , Jean Baptiste - Prof. Altair Aguilar

  1. 1. ilho de Jacques Debret, funcionário do parlamento francês1 e estudioso de História Natural e Arte, e irmão de François Debret (nascido em 1777), arquiteto, membro doInstitut de France. Era parente (primo) de Jacques-Louis David (1748-1825), líder da escola neoclássica francesa. Estudou no Lycée Louis-le-Grand. Foi aluno da Escola de Belas Artes de Paris, na classe de Jacques-Louis David. Também chegaria, como seu irmão François, ao Institut de France. Obteve em 1791 o segundo prêmio de Roma, com a tela Régulus voltando a Cartago. A Revolução Francesa necessitava de engenheiros que entendessem de fortificações; foram, então, selecionados alguns dos alunos mais brilhantes para o curso de Engenharia. Debret foi um dos escolhidos, tendo estudado engenharia por cinco anos, seguindo a tradição da família, na École Nationale des Ponts et Chaussées .
  2. 2. Depois de formado, em janeiro de 1795 foi contratado como desenhista de 3 classes na École centrale des Travaux Publics (futuraÉcole Polytechnique) que apenas começava suas atividades 3 Em dezembro do mesmo ano passa a professor de desenho.4 . Em abril de 1796, sua vaga foi extinta e ele deixa a École Polytechnique.5 . Apesar da carreira de engenheiro, Debret voltaria à pintura. Expôs no salon de 1798 um quadro com figuras de tamanho natural –Le général méssénien Aristomène delivré par une jeune fille, com o qual ganhou um segundo prêmio. Expõe em 1804, no salon, o quadro O médico Erasístrato descobrindo a causa da moléstia do jovem Antíoco.
  3. 3. Em 1805 muda a temática de suas pinturas, expondo Napoleão presta homenagem à coragem infeliz, que recebeu menção honrosa do Instituto de França. Debret finalmente encontrara-se com o que seria o tema principal de suas obras enquanto na França: Napoleão. Expôs no salon em 1808 o quadro Napoleão em Tilsitt condecorando com a Legião de Honra um soldado russo. Em 1810, um novo “tributo” à Napoleão fora criado – Napoleão falando às tropas; seguido por A primeira distribuição de cruzes da Legião de Honra na Igreja dos Inválidos, de 1812. Não por acaso, Napoleão era um verdadeiro mecenas para artistas como Debret e David, apoiando – inclusive financiando – a disseminação da arte neoclássica.

×