SlideShare uma empresa Scribd logo

Dicionário de Acordes I

Faça DOWNLOAD (SAVE THIS PRESENTATION) para melhor resolução e pesquisar texto no arquivo.

Dicionário de Acordes I

1 de 25
Baixar para ler offline
DICIONÁRIO - Parte I



           DICIONÁRIO DE ACORDES
O Dicionário de Acordes foi concebido para           mais utilizados. Os outros dezoito são usa-                  A escala do violão é dividida em três se-
cumprir duas finalidades: primeiro, para ser-        dos com maior frequência em combinação                    ções, para representar três posições em que
vir de guia de consulta para o Curso de              com os cinco primeiros; eles formam uma                   cada acorde pode ser tocado. A corda E
Violão e Guitarra; segundo, para proporcio-          introdução a acordes mais sofisticados.                   prima encontra-se na parte superior da ilus-
nar uma coletânea de sons populares.                                                                           tração; o E bordão, na parte inferior. A pa-
    Não se trata, porém, de um catálogo              Modo de utilização do Dicionário                          leta fica à esquerda; o cavalete à direita. Em
completo de acordes para o violão e a gui-           Cada acorde é identificado primeiramente                  outras palavras, você vê o braço como se
tarra. Ao invés disso, optamos por dividir o         por seu símbolo em cifra                                  estivesse olhando para ele, ao tocar. Os cír-
Dicionário em duas partes. Na primeira (pá-                                                                    culos azuis numerados informam as posi-
ginas 122 a 145), cada uma das doze tona-                                 CA7                                  ções em que os dedos devem ser dispostos.
lidades é representada por 23 acordes. O                                                                       Os círculos brancos sem numeração indicam
critério é, obviamente, subjetivo — mas es-          em seguida por seu nome completo                          notas extras, que podem ser acrescentadas
ses 23 acordes são aqueles que mais prova-                                                                     assim que você conhecer melhor o acorde
velmente serão encontrados pelo instrumen-                           C sétima maior                            básico. As cordas sem qualquer círculo são
tista médio, ao tocar com outros músicos.                                                                      tocadas soltas, desde que não estejam mar-
Na segunda parte do Dicionário (páginas              e, então, por sua formação:                               cadas com um "X" — neste caso, elas não
146 a 160) são apresentados acordes de                                                                         devem ser tocadas.
utilização mais geral.                                        l a (C), 3 a (E). 5 a (G), 7 a (B)                  Os acordes podem ser executados no
    Os primeiros cinco acordes de cada tona-                                                                   violão em uma variedade imensa de inver-
lidade apresentados na Parte I — o maior,            Convém lembrar os nomes das notas con-                    sões. Levando cm conta as doze tonalida-
o de sétima, o menor, o menor com sétima             forme são mais conhecidas: A = iá; B = si;                des, isso resulta em vários milhares de posi-
e o de sétima maior — são, de longe, os              C = dó: D = ré; E = mi; F = fã; G = sol.                  ções para a digitação da mão esquerda.
Exemplo: CA7 em três posições
            Linhas cheias indi-
            cam que urn dedo                                                                       Um "X" sobre uma corda
            aperta mais de uma                                                                     indica que ela não deve ser     Círculos azuis numerados
            corda simultaneamen-            Traste                                                                                 indicam a digitação do
                                                           Cordas livres, sem círculo          t   tocada. Quando possível
            te, fazendo pestana.                           ou um "X", são tocadas                  deve ser abafada, para im-      acorde. O número dentro
Pestana                                                    soltas. Elas fazem parte do             pedir que seja atingida aci-    do círculo diz qual dedo
                                                           acorde.                                 dentalmente.                    utilizar.
                      1a corda E (mi)
                       2 a corda B (si)                                                                                            Círculos brancos não nu-
                                                                                                                                   merados são notas opcio-
                      3? corda G (sol)                                                                                             nais, que você pode adicio-
                      4a corda D (ré)                                                                                              nar ao acorde quando qui-
                                                                                                                                   ser — embora possa ter de
Números indicam os     5a corda A (lá)                                                                                             alterar a digitação.
trastes em que o      6? corda E (mi)
acorde è executado.


                         Primeira posição                                       Segunda posição                                        Terceira posição
                         Siga os círculos azuis:                                Este é um acorde com                                   Nesta forma, a tónica
                         2° dedo na 4 a corda,                                  pestana. O l? dedo                                     C é digitada na 4a cor-
                         2° traste; 3° dedo na                                  aperta tanto a i ?                                     da, 10° traste. Como
                         5a corda, 3° Iraste (tó-                               quanto a 5a corda                                      antes, os círculos azuis
                         nica, C); a 1a, a 2? e                                 no 3? traste. Os círcu-                                numerados indicam a
                         a 3:' cordas são toca-                                 los azuis indicam a dis-                               digitação. A 5a e a 6a
                         das soltas. Não use a                                  posição do 2?, ao 3° e                                 cordas não são usadas.
                         6? corda, a não ser di-                                do 4? dedos. Você po-
                         gitando o G extra, no                                  de acrescentar o G op-
                         3? traste.                                             cional da 6a corda, es-
                                                                                tendendo a pestana.
A escolha da melhor digitação
A melhor razão para conhecer ao menos                do braço. A digitação dessas formas bási-                 será necessário selecionar quais notas
três formas de cada acorde é poder variar a          cas pode ser ligeiramente alterada, para                  serão omitidas. Estude a formação do
posição em que se toca. Quando se executa            acomodar cordas soltas, adicionar notas op-               acorde, para determinar quais notas são
uma sequência de acordes, uma posição re-            cionais ou substituir o baixo.                            mais importantes; experimente diferentes di-
lativamente alta no braço pode ser mais fácil           Os acordes diminutos ocupam quatro                     gitações. Como a escolha das notas afetará
de montar do que outra, próxima à pesta-             "centros tonais" e os acordes aumentados,                 o som do acorde, baseie sua decisão nos
na. Além disso, as diferentes posições de            três. Isso significa que a mesma posição po-              seguintes fatores: o arranjo das notas em re-
um mesmo acorde não apresentam, todas,               de ser tocada em qualquer um dos três ou                  lação umas às outras (as notas superior e
exatamente o mesmo som.                              quatro locais do braço, para uma mesma                    inferior são as mais predominantes); as cor-
   As posições preferenciais para qualquer           tonalidade.                                               das que você deseja utilizar; a posição no
acorde são aquelas chamadas "fundamen-                  As vezes, quando o acorde contém mais                  braço do instrumento; a função desempe-
tais" — ou seja, quando a nota mais baixa            do que quatro notas, torna-se impossível fa-              nhada pelo acorde na peça que está sendo
é a tónica do acorde. Assim que você                 zer soar todas elas. Isso se deve às ca-                  executada; e a duração do tempo em que
aprendê-las, será fácil deslocá-las ao longo         racterísticas físicas do violão. Nesses casos,            o acorde deve ser ouvido.

                                                                                                                                                              121
£TÍ_S                                    A 4SUS (A SUS) A quarto suspenso
                               Escala de            f     Tl                                   Formação: 1?(A). 4 a (D). 5?(E). Nota: não há 3J
                               A maior             l ~T^
                                                   V! ,}



                                A         B        Cí          D         E        F|     Gl

                                1?        2?        3?         4?    5?           6?     7."
                                          9?                   11?                13?


                                                                                                   1      2     3     4               5     6      7      8     7   8    9 10
  A A maior                                                                                    A7/4silS A seí/mo com quarto suspensa
  Formação: l a ( A ) . 3?(C|). 5?(E).                                                         Formação: l a ( A ) . 4 d ( D ) . 5 a {E). 7?KG). Nota: não há 3:




      1     2     3     4             5     6     7       8          9       10 11                 1      2     3      4             5      6     7       8     7   8    9    10
  A7 A sétima                                                                                  A6 A sexto
  Formação: l a < A ) . 3 a (Clí. 5 a (E). 7 a V.(G).                                          Formação: l a | A j . 3 a (CI). 5 f l (E). 6 a ( F Í i .




      1     2     3     4             5     6     7       8          9       10         12          1     2      3     4             5      6     7       8     9   10 11 12
  Am A menor                                                                                   Am6 A menor com sexía
  Fornação: l a ( A ) . 3H{C). 5 8 (E).                                                        Formação: l a ( A ) . 3?KC). í> s (E). b"(F|)




                                      5     6     7       8          7       8      9 10            1     2     3      4             5      6     7       8     9   10   11   12
  Ani7 A menor com sétima                                                                      A9 A nono
  Formação: l a (A). 3?V{C). 5 f l (E). 7 a !,(G).                                             Formação: 1?(A). 3 a (C«). 5 a (E). 7?HG). 9 J (B).




      1     2      3     4            5     6     7       8                                         1     2      3     4              4     5      6      7     5   6    7    8

         A sétima maior                                                                        Am9 A menor com nona
  Formação: l a ( A ) . 3 a (CD. 5 a (E). 7 a ( G Í ) .                                        Formação: l a ( A ) , 3H(C), 5 a (E). 7 f l k ( G ) , 9 a (B).




                                                                     9       10         12          1     2      3     4              5     6      7      8     10 11 12 13


122
DICIONÁRIO - Parte l


A A 9 A nona maior                                                        A dim (A°) A diminuto
Formação: l d (A), 3 a (Cl). 5"(EJ. 7"(G|). O n (B)                       Formação: I a (A). 3:'KC). 5dt;E!,). 7'




   1    2    3     4          4     5   6    7        11   12   13   14    2-5-8-11

A6/9 A sexta com nona                                                     A-5 A qumfa diminuía
Formação• l?(A). 3 a (C|), õ a (E). 6:'(Ff). 9ÍMB).                       Formação: l?(A). :ia(CI|. 5?




    1   2    3    4          4      5   6    7        6    7    8    9        1     2   3    4          4     5    6    7           7     8   9   10
A7 + 9 A sétima com nona aumentada                                        A7-5 A sétima corji quinta diminuto
Formação: l a (A). 3?(Cl). 5?(E). 7?KG). 9"|(C).                          Formação: l rt (A). 3f(CI). 5 a t(Et). 7?KG)




    2    3    4    5          5     6   7    8        11   12 13 14                2    3    4           4    5     6    7          7     8   9   10
A / - 7 A sJfimo com nona menor                                           A9-5 A nona com quinta diminuta
Formaçjo: l" (A». 3 a (C|). 5"(E). 7"fc(G). 9"                            Formação: l a (A). 3"(CI). 5?V(EK. 7?KG). c í"lB)




    3 4 5 6                   5 6 7 8                 10   11   12   13       1    2    3    4           4    5     6   7
A aum (A + ) A otí/nt-r/ludo                                              Al l A décimo primeira
Formação: l "(A). 3 fl (Ct). 5d|(                                         Formação: l'|A). 3 a (C|t). 5 a (E). 7ai.(G). '):'(B). 11"(D)




                                                                              1    2    3   4           3     4    5    6           7     8   9 10
A7 + 5 A séíima com quinta aumentada                                      A13     A décima terceira
Formação: 1?(A), 3 a (C)t). 5?I(F). 7"HG).                                Formação, l?(A). 3?(Clí. 5 a (E), 7?KG). 9 fl (B). 13fl(Fl).




   1    2    3    4           5     6   7    8        9    10 11 12          2     3    4    5          5    6     7    8          11 12 13 14

                                                                                                                                                       123
Escala de                                                              B b 4SUS B bemol quarta suspensa
                            AS maior           IVT
                                                   Jf   ^
                                                        )
                                                                                                   Formação: l?{Bt), 4?(Et). 5 a (F5- Nota: não há 3f
                            B í- maior             *J

                            Al                               DD
                               m       c           D
                                                               El.
                                                                         F         G          A

                              i?       2."         3?         4?         5.»       6?         7?

                                       9?                    11?                   13?
                           Nota AÍ e BI- são dois nomes para a mesma nota
                           (chamadas "enarmônicas"). Os acordes são descritos
                           em B(>, pois esla tende a ser a tonalidade mais usada.
  B t B bemol maior                                                                                B p7/4sUS B bemol sétima com quarta suspensa
  Formação: l a (Bl). 3 fl (D), 5 a (F).                                                           Formação: Í a (Bf.). 4?(El). 5 a (F), 7?l(Al). Nota: não há 3d




      1    2    3     4            6       7   8         9           10 11               13            1    2     3     4                                                        11
  Bt> 7 B bemol sétima                                                                             B P O B bemol sexta
  Formação: l a (Bt), 3 a (D), 5 a (F), 7?KAU.                                                     Formação: 1?(BM, 3 a (D), 5 fl (F). 6 a (G).




                                                                     7         8    9    10            1     2    3     4                 7     8    9             8    9    10 11
        B bemol menor                                                                              B t»m 6 B bemol menor com sexta
  Formação: l a (B'l), 3?KDl), 5 a (F)                                                             Formação: l a (Bt). 3?l(DH, 5 a (F}, 6 a (G).




     1 2 3 4                 6 7                                     8         9   10 11              1 2 3 4                                                      8    9    10 11
  Bt»in 7 B bemol menor com sétima                                                                 B P 9 B bemol nona
  Formação: l a (Bt), SfKDl), 5 a (F), 7?KAW-                                                      Formação: l a (Bt), 3 a fD), 5 a (F). 7"l(AM. 9?(C).




      1    2     3    4           6        7   8        9                      9   10 11               1    2     3     4           4     5     6     7            6    7    8   9

  B P A7 B bemol sétima maior                                                                      R Pltl 9 B òemof menor com nona
  Formação: 1?(BU, 3 a (D), 5 a (F). 7 a f A ) .                                                   Formação: l a ( B b ) , 3 a [.(Dl), 5 a (F), 7?1{AD, 9 a (C).




      1    2     3     4          6        7   8        9            10 11               13            4     5     6    7            6    7     8    9             11   12       14


124
DICIONÁRIO - Parte

B 9 A 9 B bemol nona maior                                                  BP dim ( B p ° ) B bemol diminuto
Formação: l a ( B k ) , 3 a (D). 5 a (F), 7 a (A). 9?<C).                   Formação: I?(BW, 3H(Dt). 5%(E). 7HKG)




                                                                            3-6-9-121
B P 6/9 B bemol sexta com nona                                              Bp-5 B bemol quinía diminuía
Formação: 1?(BU, 3a (D). S^F), 6 a (G). 9?(C).                              Formação: l a (Bt). 3 a (D], 5%(E).




    1     2     3     4           5     6     7     8          8   9   10       1     2    3    4            5    6     7     8
B V 7 + 9 B bemol sétimo com nono aumentada                                 Bp?-5 B bemol sétima com quinta diminuta
Formação: 1?(BU, 3 a (D). 5 a (F). 7"KAt). 9?»(Cl).                         Formação: l a (B!.), 3?(D), 5 f V ( E ) , 7 % ( A H .




    1     2    3     4            5     6     7     8                           1     2    3    4            5    6     7     8          8      9   10 11
B P 7-9 B bemol sétima com nona menor                                       Bp9-5 B bemol nona com quinta diminuta
Formação: 1?(BU. 3 a <D). 5?(F). 7?V{AV). 9%<B).                            Formação: l?(Bt), 3 a (D). 5 a t(E). 7 a !,(AÍ.), 9 a (C).




                                        5     6                    8   9
B l» aum (B P + ) B bemol aumentado                                         BP 11 B bemol décima primeira
Formação: 1>(BU, 3 f l (D). 5 a |(F|).                                      Formação: l a (Bt). 3 a (D). 5"(F). 7?KAV), 9 a (C),




                                                                                1    2     3    4           4     5     6    7           8      9   10 11
B P 7 + 5 B bemol sétimo com quinía aumeniada                               B p 13 B bemoí décima terceira
Formação: l a (Bt), 3 n (D), 5 a |(F(), 7H{Al-}.                            Formação: l a (BV), 3 a (D), 5a{F), 7 a t ( A K , 9 a (C), 13°(G)




                                                            10 11 12 13         1    2    3     4           3     4     5    6           6      7   8   9


                                                                                                                                                            125
- J B.
                             Escala de        V WS .—                                             B 4SUS B quoría suspensa
                             B maior          F ff *•«
                                               r^      —                                          Formação: lfl(B). 4 a fE). 5a(F|) Nota: não há 3:
                                                   ^            T




                               B        Cl        Dl           E             F»       Gt     Al

                               1?       2a        3"       j   4?    j       5?   |   6?     7?

                                        9a                     11?   •                13?


                                                                                                      2    3    4     5           4    5    6        7      7     8   9   10
  B B maior                                                                                       B7/4SUS B sétima com quarta suspensa
  Formação: l'(B). 3"(D|), 5 a fF|).                                                              Formação; l d ( B ) , 4 a (E}. 5?(F|). 7?KA). Nota: não há 3?




      1    2     3     4            7     8   9        10                9        10 11 12           1     2    3    4           2     3    4        5      7     8   9   10
  B 7 B sétima                                                                                    B 6 B sexto
  Formação: 1"(B), 3°(Df), 5 fl (F|), 7%(A).                                                      Formação: l a (B), 3 a (D|). 5 a {FI). 6 a (G|).




      1     2    3     4            2    3    4        5                 7        8    9    10        1    2    3     4          2     3    4        5      7     8   9   10
  Bm B menor                                                                                           6 B sexto menor
  Formação: l f l (B), 3 a b(D), 5 fl (F|).                                                       Formação: l f l (B), 3'KD), 5 a (F|), 6 a (G|)




      1     2     3 '4              7     8   9        10                9        10 11 12            1 . 2 3 4                  2     3     4       5      7     8   9   10
       7 B menor com sétima                                                                       B 9 B nono
  Formação: l a (B), 3?KD), 5 a (F|), 7 a t(A).                                                   Formação: 1 a (B), 3 a (D|), 5 a (F|). 7?KA). 9f (Cjt).




      1     2     3    4            2     3   4        5                 7        8    9    10        1    2    3     4           5    6     7       8      5     6   7   8

         B sétimo maior                                                                           Bm 9 B nona menor
  Formação: If (B), 3 a (DI), 5 a (F|), 7 a (AÍ}.                                                 Formação: l a (B). 3?KD), 5 a (F|), 7H(A). 9 a (C|).




      1     2     3    4            7     8   9        10                6        7    8    9         1    2    3     4           5    6    7        8      7     8   9   10


126

Recomendados

Dicionário de Acordes II
Dicionário de Acordes IIDicionário de Acordes II
Dicionário de Acordes IIAlisson S.
 
88 ginga brasil
88 ginga brasil88 ginga brasil
88 ginga brasilgeri31
 
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
Curso-completo-de-violao-para-inicianteseltoleon
 
Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)Mille Barreto
 
Apostila batidas de violao vol 3
Apostila batidas de violao   vol 3Apostila batidas de violao   vol 3
Apostila batidas de violao vol 3Leafar Azous
 
Dicionário de acordes para teclado
Dicionário de acordes para tecladoDicionário de acordes para teclado
Dicionário de acordes para tecladoTassya Fontes
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Harmonia - Sergio Solimando
Harmonia - Sergio SolimandoHarmonia - Sergio Solimando
Harmonia - Sergio SolimandoSergio Solimando
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Kenneswester
 
Aulas guitarra
Aulas guitarraAulas guitarra
Aulas guitarraL R
 
Coletânea de peças para flauta de bisel
Coletânea de peças para flauta de biselColetânea de peças para flauta de bisel
Coletânea de peças para flauta de biselAna Lúcia Francisco
 
Curso completo de violao 3
Curso completo de violao 3Curso completo de violao 3
Curso completo de violao 3Nando Costa
 
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Gilmar Damião
 
Apostila flauta doce - anglo prof cintia
Apostila flauta doce - anglo prof cintiaApostila flauta doce - anglo prof cintia
Apostila flauta doce - anglo prof cintiaDiego Vidigal
 
Musicas cifradas diversas
Musicas cifradas diversasMusicas cifradas diversas
Musicas cifradas diversasElvis Live
 
Apostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoApostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoMarlon Ferreira
 
Campo harmonico-da_escala_maior_natural
 Campo harmonico-da_escala_maior_natural Campo harmonico-da_escala_maior_natural
Campo harmonico-da_escala_maior_naturalnoisy_doctor
 
Acordes para teclado
Acordes para tecladoAcordes para teclado
Acordes para tecladoClaudio Luiz
 
Album de partituras para flauta doce
Album de partituras para flauta doceAlbum de partituras para flauta doce
Album de partituras para flauta doceDavid De Cassimiro
 
Campo Harmonico - Acordes
Campo Harmonico - AcordesCampo Harmonico - Acordes
Campo Harmonico - AcordesESMU-UEMG
 

Mais procurados (20)

Harmonia - Sergio Solimando
Harmonia - Sergio SolimandoHarmonia - Sergio Solimando
Harmonia - Sergio Solimando
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)
 
Aulas guitarra
Aulas guitarraAulas guitarra
Aulas guitarra
 
Coletânea de peças para flauta de bisel
Coletânea de peças para flauta de biselColetânea de peças para flauta de bisel
Coletânea de peças para flauta de bisel
 
69 ginga brasil
69 ginga brasil69 ginga brasil
69 ginga brasil
 
Acordes soul
Acordes soulAcordes soul
Acordes soul
 
Curso completo de violao 3
Curso completo de violao 3Curso completo de violao 3
Curso completo de violao 3
 
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
 
52 ginga brasil
52 ginga brasil52 ginga brasil
52 ginga brasil
 
Apostila flauta doce - anglo prof cintia
Apostila flauta doce - anglo prof cintiaApostila flauta doce - anglo prof cintia
Apostila flauta doce - anglo prof cintia
 
Musicas cifradas diversas
Musicas cifradas diversasMusicas cifradas diversas
Musicas cifradas diversas
 
94 ginga brasil
94 ginga brasil94 ginga brasil
94 ginga brasil
 
Apostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançadoApostila de violão intermediário ao avançado
Apostila de violão intermediário ao avançado
 
Campo harmonico-da_escala_maior_natural
 Campo harmonico-da_escala_maior_natural Campo harmonico-da_escala_maior_natural
Campo harmonico-da_escala_maior_natural
 
Acordes para teclado
Acordes para tecladoAcordes para teclado
Acordes para teclado
 
Harmonia de a a z
Harmonia de a a zHarmonia de a a z
Harmonia de a a z
 
Album de partituras para flauta doce
Album de partituras para flauta doceAlbum de partituras para flauta doce
Album de partituras para flauta doce
 
88 ginga brasil
88 ginga brasil88 ginga brasil
88 ginga brasil
 
Apostila de guitarra
Apostila de guitarraApostila de guitarra
Apostila de guitarra
 
Campo Harmonico - Acordes
Campo Harmonico - AcordesCampo Harmonico - Acordes
Campo Harmonico - Acordes
 

Destaque

D'accord dicionário de acordes violão
D'accord dicionário de acordes violãoD'accord dicionário de acordes violão
D'accord dicionário de acordes violãoLeonardo Satchilombo
 
Curso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoaresCurso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoaresSeduc MT
 
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...Gilmar Damião
 
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimido
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimidoCurso de improvisação turi collura vol. 1.comprimido
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimidoMILTON ALVES
 
Harmonizaçõa de jazz
Harmonizaçõa de jazzHarmonizaçõa de jazz
Harmonizaçõa de jazzValdene Silva
 
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarra
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarraNelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarra
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarraconexart
 
Curso de arranjo ian guest vol 1
Curso de arranjo  ian guest vol 1Curso de arranjo  ian guest vol 1
Curso de arranjo ian guest vol 1MILTON ALVES
 
Dicionário de acordes
Dicionário de acordesDicionário de acordes
Dicionário de acordesNando Costa
 
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santos
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santosApostila Jazz introduçãoAulas elias santos
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santosdougand
 
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cios
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­ciosApostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cios
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cioseltoleon
 

Destaque (16)

D'accord dicionário de acordes violão
D'accord dicionário de acordes violãoD'accord dicionário de acordes violão
D'accord dicionário de acordes violão
 
Diccionario de acordes
Diccionario de acordesDiccionario de acordes
Diccionario de acordes
 
Cadernode acordes
Cadernode acordesCadernode acordes
Cadernode acordes
 
Curso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoaresCurso completo de violão. prrsoares
Curso completo de violão. prrsoares
 
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
 
Apostila de guitarra
Apostila de guitarraApostila de guitarra
Apostila de guitarra
 
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimido
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimidoCurso de improvisação turi collura vol. 1.comprimido
Curso de improvisação turi collura vol. 1.comprimido
 
Harmonizaçõa de jazz
Harmonizaçõa de jazzHarmonizaçõa de jazz
Harmonizaçõa de jazz
 
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarra
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarraNelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarra
Nelson faria - Acordes Arpejos e Escalas para violão e guitarra
 
Curso de arranjo ian guest vol 1
Curso de arranjo  ian guest vol 1Curso de arranjo  ian guest vol 1
Curso de arranjo ian guest vol 1
 
Apostila de acordes
Apostila de acordesApostila de acordes
Apostila de acordes
 
Dicionário de violão
Dicionário de violãoDicionário de violão
Dicionário de violão
 
Dicionário de acordes
Dicionário de acordesDicionário de acordes
Dicionário de acordes
 
Curso de violão & guitarra
Curso de violão & guitarraCurso de violão & guitarra
Curso de violão & guitarra
 
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santos
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santosApostila Jazz introduçãoAulas elias santos
Apostila Jazz introduçãoAulas elias santos
 
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cios
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­ciosApostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cios
Apostila de violã£o e guitarra teoria e exercã­cios
 

Semelhante a Dicionário de Acordes I

Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2eltoleon
 
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
Curso-completo-de-violao-para-inicianteseltoleon
 
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
Curso-completo-de-violao-para-iniciantesPalloma Nascimento
 
Aprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violãoAprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violãoCarlos Eugênio
 
Como ler tablatura
Como ler tablaturaComo ler tablatura
Como ler tablaturaElvis Live
 
Metodo de violao-otaniel ricardo
Metodo de violao-otaniel ricardoMetodo de violao-otaniel ricardo
Metodo de violao-otaniel ricardoYago Farias
 
Metodo violao otaniel ricardo
Metodo violao otaniel ricardoMetodo violao otaniel ricardo
Metodo violao otaniel ricardoSaulo Gomes
 
3metodoviolaootaniel ricardo-
3metodoviolaootaniel ricardo-3metodoviolaootaniel ricardo-
3metodoviolaootaniel ricardo-Saulo Gomes
 
Gramatica Teoria Musical
Gramatica Teoria MusicalGramatica Teoria Musical
Gramatica Teoria MusicalHOME
 
Apostila violao
Apostila violaoApostila violao
Apostila violaoLucas Cruz
 
Ler partituras
Ler partiturasLer partituras
Ler partiturasgraucio
 
Leitura de partituras
Leitura de partiturasLeitura de partituras
Leitura de partiturasdea7gil
 

Semelhante a Dicionário de Acordes I (20)

Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes 2
 
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 Curso-completo-de-violao-para-iniciantes Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
Curso-completo-de-violao-para-iniciantes
 
Aprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violãoAprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violão
 
Como ler tablatura
Como ler tablaturaComo ler tablatura
Como ler tablatura
 
Metodo de violao-otaniel ricardo
Metodo de violao-otaniel ricardoMetodo de violao-otaniel ricardo
Metodo de violao-otaniel ricardo
 
Metodo violao otaniel ricardo
Metodo violao otaniel ricardoMetodo violao otaniel ricardo
Metodo violao otaniel ricardo
 
Apostila violao-completa
Apostila violao-completaApostila violao-completa
Apostila violao-completa
 
3metodoviolaootaniel ricardo-
3metodoviolaootaniel ricardo-3metodoviolaootaniel ricardo-
3metodoviolaootaniel ricardo-
 
Gramatica Teoria Musical
Gramatica Teoria MusicalGramatica Teoria Musical
Gramatica Teoria Musical
 
Manual Aula Cavaquinho
Manual Aula CavaquinhoManual Aula Cavaquinho
Manual Aula Cavaquinho
 
Violao
ViolaoViolao
Violao
 
Apostila violao
Apostila violaoApostila violao
Apostila violao
 
Violao
ViolaoViolao
Violao
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
Apostila de violão
Apostila de violãoApostila de violão
Apostila de violão
 
Weber
WeberWeber
Weber
 
Violão – aula 2
Violão – aula 2Violão – aula 2
Violão – aula 2
 
Ler partituras
Ler partiturasLer partituras
Ler partituras
 
Leitura de partituras
Leitura de partiturasLeitura de partituras
Leitura de partituras
 

Mais de Alisson S.

Mais de Alisson S. (20)

Heraldo do Monte
Heraldo do MonteHeraldo do Monte
Heraldo do Monte
 
Paco de Lucia
Paco de LuciaPaco de Lucia
Paco de Lucia
 
Jeff Beck
Jeff BeckJeff Beck
Jeff Beck
 
Charlie Christian
Charlie ChristianCharlie Christian
Charlie Christian
 
Django Reinhardt
Django ReinhardtDjango Reinhardt
Django Reinhardt
 
Hélio Delmiro
Hélio DelmiroHélio Delmiro
Hélio Delmiro
 
B. B. King
B. B. KingB. B. King
B. B. King
 
Egberto Gismonti
Egberto GismontiEgberto Gismonti
Egberto Gismonti
 
Chuck Berry
Chuck BerryChuck Berry
Chuck Berry
 
Canhoto
CanhotoCanhoto
Canhoto
 
Paulinho Nogueira
Paulinho NogueiraPaulinho Nogueira
Paulinho Nogueira
 
Joe Pass
Joe PassJoe Pass
Joe Pass
 
Frank Zappa
Frank ZappaFrank Zappa
Frank Zappa
 
George Benson
George BensonGeorge Benson
George Benson
 
Eric Clapton
Eric ClaptonEric Clapton
Eric Clapton
 
Laurindo de Almeida
Laurindo de AlmeidaLaurindo de Almeida
Laurindo de Almeida
 
Dilermando Reis
Dilermando ReisDilermando Reis
Dilermando Reis
 
Andrés Segovia
Andrés SegoviaAndrés Segovia
Andrés Segovia
 
Baden Powell
Baden PowellBaden Powell
Baden Powell
 
Jimi Hendrix
Jimi Hendrix Jimi Hendrix
Jimi Hendrix
 

Último

LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOxogilo3990
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfAndreiaSilva852193
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfkeiciany
 
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISCIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISColaborar Educacional
 
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfPedroGual4
 
CURRICULO ed integral.pdf
CURRICULO ed integral.pdfCURRICULO ed integral.pdf
CURRICULO ed integral.pdfdaniele690933
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIAHisrelBlog
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfkeiciany
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsx
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsxLITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsx
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsxrafabebum
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...manoelaarmani
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfkeiciany
 
Livro de Português- Santillana.pdf
Livro de Português- Santillana.pdfLivro de Português- Santillana.pdf
Livro de Português- Santillana.pdfDinisOliveira30
 
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGOLUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
LUSSOCARS TRABAJO PARA LA CLASE QUE TENGO
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
 
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISCIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
 
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...
SLIDES Lição 6, Recabitas, Exemplo de Obediência, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA ...
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
 
CURRICULO ed integral.pdf
CURRICULO ed integral.pdfCURRICULO ed integral.pdf
CURRICULO ed integral.pdf
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 8º ANO.pdf
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
1° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsx
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsxLITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsx
LITERATURA, 3.º EM, apostila 1, frentes 2 e 3, módulo 3.ppsx
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
APOSTILA MATERNAL 2 ANOS PARTE 1.pdf
APOSTILA MATERNAL 2 ANOS PARTE 1.pdfAPOSTILA MATERNAL 2 ANOS PARTE 1.pdf
APOSTILA MATERNAL 2 ANOS PARTE 1.pdf
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
 
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptxSlides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
Slides Lição 8, CPAD, A Disciplina na Igreja, 1Tr24, Pr Henrique, EBD NA TV.pptx
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
 
Livro de Português- Santillana.pdf
Livro de Português- Santillana.pdfLivro de Português- Santillana.pdf
Livro de Português- Santillana.pdf
 
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...
Slides Lição 7, BETEL, Família, os cuidados com a era digital a com os idosos...
 

Dicionário de Acordes I

  • 1. DICIONÁRIO - Parte I DICIONÁRIO DE ACORDES O Dicionário de Acordes foi concebido para mais utilizados. Os outros dezoito são usa- A escala do violão é dividida em três se- cumprir duas finalidades: primeiro, para ser- dos com maior frequência em combinação ções, para representar três posições em que vir de guia de consulta para o Curso de com os cinco primeiros; eles formam uma cada acorde pode ser tocado. A corda E Violão e Guitarra; segundo, para proporcio- introdução a acordes mais sofisticados. prima encontra-se na parte superior da ilus- nar uma coletânea de sons populares. tração; o E bordão, na parte inferior. A pa- Não se trata, porém, de um catálogo Modo de utilização do Dicionário leta fica à esquerda; o cavalete à direita. Em completo de acordes para o violão e a gui- Cada acorde é identificado primeiramente outras palavras, você vê o braço como se tarra. Ao invés disso, optamos por dividir o por seu símbolo em cifra estivesse olhando para ele, ao tocar. Os cír- Dicionário em duas partes. Na primeira (pá- culos azuis numerados informam as posi- ginas 122 a 145), cada uma das doze tona- CA7 ções em que os dedos devem ser dispostos. lidades é representada por 23 acordes. O Os círculos brancos sem numeração indicam critério é, obviamente, subjetivo — mas es- em seguida por seu nome completo notas extras, que podem ser acrescentadas ses 23 acordes são aqueles que mais prova- assim que você conhecer melhor o acorde velmente serão encontrados pelo instrumen- C sétima maior básico. As cordas sem qualquer círculo são tista médio, ao tocar com outros músicos. tocadas soltas, desde que não estejam mar- Na segunda parte do Dicionário (páginas e, então, por sua formação: cadas com um "X" — neste caso, elas não 146 a 160) são apresentados acordes de devem ser tocadas. utilização mais geral. l a (C), 3 a (E). 5 a (G), 7 a (B) Os acordes podem ser executados no Os primeiros cinco acordes de cada tona- violão em uma variedade imensa de inver- lidade apresentados na Parte I — o maior, Convém lembrar os nomes das notas con- sões. Levando cm conta as doze tonalida- o de sétima, o menor, o menor com sétima forme são mais conhecidas: A = iá; B = si; des, isso resulta em vários milhares de posi- e o de sétima maior — são, de longe, os C = dó: D = ré; E = mi; F = fã; G = sol. ções para a digitação da mão esquerda. Exemplo: CA7 em três posições Linhas cheias indi- cam que urn dedo Um "X" sobre uma corda aperta mais de uma indica que ela não deve ser Círculos azuis numerados corda simultaneamen- Traste indicam a digitação do Cordas livres, sem círculo t tocada. Quando possível te, fazendo pestana. ou um "X", são tocadas deve ser abafada, para im- acorde. O número dentro Pestana soltas. Elas fazem parte do pedir que seja atingida aci- do círculo diz qual dedo acorde. dentalmente. utilizar. 1a corda E (mi) 2 a corda B (si) Círculos brancos não nu- merados são notas opcio- 3? corda G (sol) nais, que você pode adicio- 4a corda D (ré) nar ao acorde quando qui- ser — embora possa ter de Números indicam os 5a corda A (lá) alterar a digitação. trastes em que o 6? corda E (mi) acorde è executado. Primeira posição Segunda posição Terceira posição Siga os círculos azuis: Este é um acorde com Nesta forma, a tónica 2° dedo na 4 a corda, pestana. O l? dedo C é digitada na 4a cor- 2° traste; 3° dedo na aperta tanto a i ? da, 10° traste. Como 5a corda, 3° Iraste (tó- quanto a 5a corda antes, os círculos azuis nica, C); a 1a, a 2? e no 3? traste. Os círcu- numerados indicam a a 3:' cordas são toca- los azuis indicam a dis- digitação. A 5a e a 6a das soltas. Não use a posição do 2?, ao 3° e cordas não são usadas. 6? corda, a não ser di- do 4? dedos. Você po- gitando o G extra, no de acrescentar o G op- 3? traste. cional da 6a corda, es- tendendo a pestana. A escolha da melhor digitação A melhor razão para conhecer ao menos do braço. A digitação dessas formas bási- será necessário selecionar quais notas três formas de cada acorde é poder variar a cas pode ser ligeiramente alterada, para serão omitidas. Estude a formação do posição em que se toca. Quando se executa acomodar cordas soltas, adicionar notas op- acorde, para determinar quais notas são uma sequência de acordes, uma posição re- cionais ou substituir o baixo. mais importantes; experimente diferentes di- lativamente alta no braço pode ser mais fácil Os acordes diminutos ocupam quatro gitações. Como a escolha das notas afetará de montar do que outra, próxima à pesta- "centros tonais" e os acordes aumentados, o som do acorde, baseie sua decisão nos na. Além disso, as diferentes posições de três. Isso significa que a mesma posição po- seguintes fatores: o arranjo das notas em re- um mesmo acorde não apresentam, todas, de ser tocada em qualquer um dos três ou lação umas às outras (as notas superior e exatamente o mesmo som. quatro locais do braço, para uma mesma inferior são as mais predominantes); as cor- As posições preferenciais para qualquer tonalidade. das que você deseja utilizar; a posição no acorde são aquelas chamadas "fundamen- As vezes, quando o acorde contém mais braço do instrumento; a função desempe- tais" — ou seja, quando a nota mais baixa do que quatro notas, torna-se impossível fa- nhada pelo acorde na peça que está sendo é a tónica do acorde. Assim que você zer soar todas elas. Isso se deve às ca- executada; e a duração do tempo em que aprendê-las, será fácil deslocá-las ao longo racterísticas físicas do violão. Nesses casos, o acorde deve ser ouvido. 121
  • 2. £TÍ_S A 4SUS (A SUS) A quarto suspenso Escala de f Tl Formação: 1?(A). 4 a (D). 5?(E). Nota: não há 3J A maior l ~T^ V! ,} A B Cí D E F| Gl 1? 2? 3? 4? 5? 6? 7." 9? 11? 13? 1 2 3 4 5 6 7 8 7 8 9 10 A A maior A7/4silS A seí/mo com quarto suspensa Formação: l a ( A ) . 3?(C|). 5?(E). Formação: l a ( A ) . 4 d ( D ) . 5 a {E). 7?KG). Nota: não há 3: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 5 6 7 8 7 8 9 10 A7 A sétima A6 A sexto Formação: l a < A ) . 3 a (Clí. 5 a (E). 7 a V.(G). Formação: l a | A j . 3 a (CI). 5 f l (E). 6 a ( F Í i . 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 12 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Am A menor Am6 A menor com sexía Fornação: l a ( A ) . 3H{C). 5 8 (E). Formação: l a ( A ) . 3?KC). í> s (E). b"(F|) 5 6 7 8 7 8 9 10 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Ani7 A menor com sétima A9 A nono Formação: l a (A). 3?V{C). 5 f l (E). 7 a !,(G). Formação: 1?(A). 3 a (C«). 5 a (E). 7?HG). 9 J (B). 1 2 3 4 5 6 7 8 1 2 3 4 4 5 6 7 5 6 7 8 A sétima maior Am9 A menor com nona Formação: l a ( A ) . 3 a (CD. 5 a (E). 7 a ( G Í ) . Formação: l a ( A ) , 3H(C), 5 a (E). 7 f l k ( G ) , 9 a (B). 9 10 12 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 122
  • 3. DICIONÁRIO - Parte l A A 9 A nona maior A dim (A°) A diminuto Formação: l d (A), 3 a (Cl). 5"(EJ. 7"(G|). O n (B) Formação: I a (A). 3:'KC). 5dt;E!,). 7' 1 2 3 4 4 5 6 7 11 12 13 14 2-5-8-11 A6/9 A sexta com nona A-5 A qumfa diminuía Formação• l?(A). 3 a (C|), õ a (E). 6:'(Ff). 9ÍMB). Formação: l?(A). :ia(CI|. 5? 1 2 3 4 4 5 6 7 6 7 8 9 1 2 3 4 4 5 6 7 7 8 9 10 A7 + 9 A sétima com nona aumentada A7-5 A sétima corji quinta diminuto Formação: l a (A). 3?(Cl). 5?(E). 7?KG). 9"|(C). Formação: l rt (A). 3f(CI). 5 a t(Et). 7?KG) 2 3 4 5 5 6 7 8 11 12 13 14 2 3 4 4 5 6 7 7 8 9 10 A / - 7 A sJfimo com nona menor A9-5 A nona com quinta diminuta Formaçjo: l" (A». 3 a (C|). 5"(E). 7"fc(G). 9" Formação: l a (A). 3"(CI). 5?V(EK. 7?KG). c í"lB) 3 4 5 6 5 6 7 8 10 11 12 13 1 2 3 4 4 5 6 7 A aum (A + ) A otí/nt-r/ludo Al l A décimo primeira Formação: l "(A). 3 fl (Ct). 5d|( Formação: l'|A). 3 a (C|t). 5 a (E). 7ai.(G). '):'(B). 11"(D) 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 A7 + 5 A séíima com quinta aumentada A13 A décima terceira Formação: 1?(A), 3 a (C)t). 5?I(F). 7"HG). Formação, l?(A). 3?(Clí. 5 a (E), 7?KG). 9 fl (B). 13fl(Fl). 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 2 3 4 5 5 6 7 8 11 12 13 14 123
  • 4. Escala de B b 4SUS B bemol quarta suspensa AS maior IVT Jf ^ ) Formação: l?{Bt), 4?(Et). 5 a (F5- Nota: não há 3f B í- maior *J Al DD m c D El. F G A i? 2." 3? 4? 5.» 6? 7? 9? 11? 13? Nota AÍ e BI- são dois nomes para a mesma nota (chamadas "enarmônicas"). Os acordes são descritos em B(>, pois esla tende a ser a tonalidade mais usada. B t B bemol maior B p7/4sUS B bemol sétima com quarta suspensa Formação: l a (Bl). 3 fl (D), 5 a (F). Formação: Í a (Bf.). 4?(El). 5 a (F), 7?l(Al). Nota: não há 3d 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 13 1 2 3 4 11 Bt> 7 B bemol sétima B P O B bemol sexta Formação: l a (Bt), 3 a (D), 5 a (F), 7?KAU. Formação: 1?(BM, 3 a (D), 5 fl (F). 6 a (G). 7 8 9 10 1 2 3 4 7 8 9 8 9 10 11 B bemol menor B t»m 6 B bemol menor com sexta Formação: l a (B'l), 3?KDl), 5 a (F) Formação: l a (Bt). 3?l(DH, 5 a (F}, 6 a (G). 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 8 9 10 11 Bt»in 7 B bemol menor com sétima B P 9 B bemol nona Formação: l a (Bt), SfKDl), 5 a (F), 7?KAW- Formação: l a (Bt), 3 a fD), 5 a (F). 7"l(AM. 9?(C). 1 2 3 4 6 7 8 9 9 10 11 1 2 3 4 4 5 6 7 6 7 8 9 B P A7 B bemol sétima maior R Pltl 9 B òemof menor com nona Formação: 1?(BU, 3 a (D), 5 a (F). 7 a f A ) . Formação: l a ( B b ) , 3 a [.(Dl), 5 a (F), 7?1{AD, 9 a (C). 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 13 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 14 124
  • 5. DICIONÁRIO - Parte B 9 A 9 B bemol nona maior BP dim ( B p ° ) B bemol diminuto Formação: l a ( B k ) , 3 a (D). 5 a (F), 7 a (A). 9?<C). Formação: I?(BW, 3H(Dt). 5%(E). 7HKG) 3-6-9-121 B P 6/9 B bemol sexta com nona Bp-5 B bemol quinía diminuía Formação: 1?(BU, 3a (D). S^F), 6 a (G). 9?(C). Formação: l a (Bt). 3 a (D], 5%(E). 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 1 2 3 4 5 6 7 8 B V 7 + 9 B bemol sétimo com nono aumentada Bp?-5 B bemol sétima com quinta diminuta Formação: 1?(BU, 3 a (D). 5 a (F). 7"KAt). 9?»(Cl). Formação: l a (B!.), 3?(D), 5 f V ( E ) , 7 % ( A H . 1 2 3 4 5 6 7 8 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 11 B P 7-9 B bemol sétima com nona menor Bp9-5 B bemol nona com quinta diminuta Formação: 1?(BU. 3 a <D). 5?(F). 7?V{AV). 9%<B). Formação: l?(Bt), 3 a (D). 5 a t(E). 7 a !,(AÍ.), 9 a (C). 5 6 8 9 B l» aum (B P + ) B bemol aumentado BP 11 B bemol décima primeira Formação: 1>(BU, 3 f l (D). 5 a |(F|). Formação: l a (Bt). 3 a (D). 5"(F). 7?KAV), 9 a (C), 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 11 B P 7 + 5 B bemol sétimo com quinía aumeniada B p 13 B bemoí décima terceira Formação: l a (Bt), 3 n (D), 5 a |(F(), 7H{Al-}. Formação: l a (BV), 3 a (D), 5a{F), 7 a t ( A K , 9 a (C), 13°(G) 10 11 12 13 1 2 3 4 3 4 5 6 6 7 8 9 125
  • 6. - J B. Escala de V WS .— B 4SUS B quoría suspensa B maior F ff *•« r^ — Formação: lfl(B). 4 a fE). 5a(F|) Nota: não há 3: ^ T B Cl Dl E F» Gt Al 1? 2a 3" j 4? j 5? | 6? 7? 9a 11? • 13? 2 3 4 5 4 5 6 7 7 8 9 10 B B maior B7/4SUS B sétima com quarta suspensa Formação: l'(B). 3"(D|), 5 a fF|). Formação; l d ( B ) , 4 a (E}. 5?(F|). 7?KA). Nota: não há 3? 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 B 7 B sétima B 6 B sexto Formação: 1"(B), 3°(Df), 5 fl (F|), 7%(A). Formação: l a (B), 3 a (D|). 5 a {FI). 6 a (G|). 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 Bm B menor 6 B sexto menor Formação: l f l (B), 3 a b(D), 5 fl (F|). Formação: l f l (B), 3'KD), 5 a (F|), 6 a (G|) 1 2 3 '4 7 8 9 10 9 10 11 12 1 . 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 7 B menor com sétima B 9 B nono Formação: l a (B), 3?KD), 5 a (F|), 7 a t(A). Formação: 1 a (B), 3 a (D|), 5 a (F|). 7?KA). 9f (Cjt). 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 1 2 3 4 5 6 7 8 5 6 7 8 B sétimo maior Bm 9 B nona menor Formação: If (B), 3 a (DI), 5 a (F|), 7 a (AÍ}. Formação: l a (B). 3?KD), 5 a (F|), 7H(A). 9 a (C|). 1 2 3 4 7 8 9 10 6 7 8 9 1 2 3 4 5 6 7 8 7 8 9 10 126
  • 7. DICIONÁRIO - Parte I B nona maior B dím (B°) B diminuto Formação: l a (B), 3 a (D|), 5,"(Ff), 7 a {Af). 9 a (C|). Formação: l a (B), 3?KD), 5?KF). 7%KAb). 1 2 3 4 6 7 8 9 6 7 8 9 1-4-7-10 B 6/9 B sexta com nona B-5 8 quinto diminuta Formação: l a (B), 3 a (D|), 5 a (Ff). 6 a (G|), 9 a fCI). Formação: l a (B), 3 a {Df), 5fKF). 8 9 8 9 10 11 3 4 9 10 11 12 B 7 + 9 B sétima com nona aumentada B 7-5 B sétima com quinta diminuía Formação: l a (B). 3 a (D|). 5 a (Ff), 7a(.{A). 9 a f (D). Formação: l a (B), 3 a (D|), 5%(F), 7 a k(A). 1 2 3 4 6 7 8 9 7 8 9 10 3 4 6 7 8 9 10 11 12 D 7-9 B sétima com nona menor B 9-5 B nona com quinía diminuta Formação: l a (B), 3 a (Djf), 5a{F|), 7?KA), 9?KC). Formação: l a (B), 3 a (Dl), 5S(F)|, 7 a t(A), 9 a (CI). 9 10 1 2 3 4 6 7 8 9 B aum (B + ) e aumentado 1311 B décima primeiro Formação: l a (B), 3 a (D|), 5a|(G|. Formação: l a {B), 3 B (D|), 5 fl {FI), 7%(A), 9'{CI). ll f l (E). 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 12 B 7 -f 5 B sétima com quinta aumentada B Io B décima terceira Formação: l a (B), 3 a (D|), 5 a »ÍC), 7?KA). Formação: l a (B), 3 a (Df}, 5 a (FJt), 7?KA), 9 a (C|), 13a(G|). 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 1 2 3 4 4 5 6 7 7 8 9 127
  • 8. Escala de C 4silS C quarta suspensa C maior Formação: l a (C), 4 a (F), 5 f l (G). Nota: não há 2a 3? 4? 5? 6a 7Í 9? 11." 13? 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 O C maior C 7/4sUS C sétima com quarta suspensa Formação: l a (C). 3 f l (E), 5 a (G). Formação: l a (C), 4 a (F), 5 a (G), 7?KBK. Nota: não há 3? 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 C 7 C selim n C 6 C sexia Formação: l a (C), 3?(E), 5'(G), 7"KBV}. Formação: l a (Q,_3 a (E), 5°(G). 6 a (A). 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 11 C m C menor C m6 C menor com sexío Formação: l fl (C). 3H(Efc), 5 a (G). Formação: l a (C), 3H{Et), 5 a (G). 6 f l (A). 1 2 3 4 3 4 5 6 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 11 C HW C menor com sétima C 9 C nono Formação: l?(C), 3 a b(EV), 5 a (G), 7 a V ( B t j . Formação: l a (Q. 3fl(E). 5 fl (G), 7 fl t(Bk). 9°(D). 1 2 3 4 3 4 5 6 11 1 2 3 4 6 7 8 9 6 7 C A 7 C sélimo maior C m9 C menor com nono Formação: l a {Q, 3 a (E), 5?(G), 7 a {B). Formação: l a (C). 3H(EV}, 5 a (G), 7%(Bk), 9 a {D). 9 10 1 2 3 4 6 7 8 9 8 9 11 128
  • 9. DICIONÁRIO - Parte I C A 9 C nona maior C dím (C°) C diminuto Formação: l a (C), 3 a (E), 5 a (G). 7 a (B). 9 a {D). Formação: l a (C), 3aME|.}. 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 C u/9 C sexta com nono C-5 C quinta diminuía Formação: l a (C). 3 a (E), 5?(G). 6 a (A). 9 f l (D). Formação: l a (C), 3 a (E), 5?KGt). 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 3 4 5 6 7 8 9 10 9 10 11 C7 + 9 C sétima com nona aumentada C7-5 C sétima com quinta diminuta Formação: Í a (C), 3 a (E), 5 a (G). , 9 8 ÍÍDtt). Formação: l a (C), 3 a (E), 5 a !,(G!>). 7Í*[.(B!-). 1 2 3 4 9 10 11 3 4 5 6 7 8 9 10 9 10 11 C7-9 C sétima com nona menor C9-5 C nona com quinía diminuta -Formação: l?(Q, 3 a (E), 5 a (G). 7 a MBf-). 9 a í-(DÍ.)- Formação: l a (C), 3 a (E). 5?KGfc). 7?KBfc). 9 a (D). 1 2 3 4 6 7 8 9 9 10 11 1 2 3 4 9 10 10 11 12 13 C aum (C + ) C aumentado C.-ll C décima primeira Formação: l a (C), 3 a (E), 5 ? « ( G I ) . Formação: l a (C), 3 a (E), 5 a (G), 7 a S.(BI-i, 9 a (D), ll a (F). 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 12 13 C7 + 5 C sétima com quinta aumentada C13 C décima terceira Formação: l a (C), 3?(E). 5 a » ( G Í ) . 7?HBt). Formação: 1 3 (C), 3 a (E), 5 a (G), 7?KBt), 9 a (D), 13a(A). 9 10 11 2 3 4 5 5 6 7 9 10 11 129
  • 10. CJ(4SUS C sustenido com quarto suspenso Cl maior fV M*« flj. , "h ^ff fd-fl+r k Formação: l a (Cl). 4il(F|). 5?(G»). Nota: não há 3f rH ' ff F p ou Dl- maior Cl D* Fl Gl F C Et GV At Bt 1? 2d 3? 4? 5a 6a 37 9? 11? 13? Nota CS i.j D- são dois nomes para a mesma nota (chamadas "enarmônicas"). Os acordes são descritos cm Cf.pofa esta tende a ser a tonalidade mais utilizada. 4 5 6 7 6 7 8 9 9 10 11 12 Cf C sustenido maior C?7/4SUS C sustenido sétima com quarta suspensa Formação: l^OP. 3?(F). 5?{GI). Formação: 1?(C|). 4fl(F|). õ a (GS). 7?KB). Nota: não há 3a. 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 CS7 C sustenido sétima Cfi6 C sustenido sexta Formação. l a (Cí.. 3 a (F). 5 a (GI>. 7 a MBi. Formação: l a (CI). 3"(F). 5?(GI). 6?(A(). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 CfllTl C sustenido menor C f m6 C sustenido menor com sexta Formação: l fl (CÍj. 3?ME). 5?(GÍ). Formação: 1?(CÍ). 3%(E). 5 a (GI). 6 a (AI) 4 5 6 7 9 10 11 12 11 12 13 14 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 Cif m7 C sustenido menor com sétimo C|9 C sustenido nona ForrnaçSo: la(C|l). 3 a t(E), 5 a (G|), 7 n MB). Formação: l a (CÍ). 3 a (F). 5 a (G9), 7a!-(B). 9 a (D»!. 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 7 8 9 1 0 7 8 9 1 0 CU A 7 C sustenido séíima maior C susten/do menor com nona Formação: l a {C«), 3"(F), 5fl(G|), 7 a (C). Formação: l a (Cl), 3 a t.(E). 5f (Gl), 7B(.(B). 9 a (Dl). 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 130
  • 11. DICIONÁRIO - Parte I C|f A9 C sustenido nono maior C|ídim (CS°) C sustenido diminuto Formação: l f l (C|f), 3 a (F), 5 a (G«), 7 a (C), 9 a ( D « ) . Formação: l a (C|), 3 a t(E). 5?V(G), 7HMBV». 3 4 5 6 8 9 10 11 8 9 10 11 C/ffu/9 C sustenido sexta com nona Cf-5 C sustenido quinta diminuía Formação: l a ( C « ) , 3 a (F). 5 a (Gl). 6 a (AÍ), 9 a (DS). Formação: l a (C(i, 3 a (F), 5?KG). 1 2 3 4 8 9 10 11 10 11 12 13 3 4 5 6 8 9 10 11 9 10 11 12 CÍÍ7 + 9 C sustenido sétimo com nona aumentada CI/-5 C sustenido sétima com quinta diminuta Formação: l a ( C » ) , 3 a (F), 5 f l (G)t). 7a!, (B). 9 a |(E). Formação: l a ( C Í ) , 3 a (F), 5 a t(G), 7 a t(B). 3 4 5 6 8 9 10 11 9 10 11 12 3 4 5 6 8 9 10 11 9 10 11 12 C|t7-9 C sustenido sétima com nona menor Cff9-5 C sustenido nona com quinta diminuía Formação: l a ( C I ) , 3?(F). 5 a fGtt). 7 f l l-(B), 9 a fc(D). Formação: l a (Cl), 3 a (F), 5?MG), 7^(8). 9 a (DÍ). 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 1 2 3 4 8 9 10 11 11 12 13 14 Cjt aum (Cjt +) C sustenido aumentado C Jt 11 C sustenido décima primeira Formação: l d (C|), 3 a (F), 5a|(A}. Formação: l f l ( C l ) , 3 a (F), 5 a (G|), 7 a t(B), 9 a (DÍ), l l a ( F I ) . 1 2 3 4 7 8 9 10 11 12 13 14 C H 7 + 5 C sustenido séííma com quinto aumentada C ff Io C sustenido décima terceira Formação: l a (Ctt), 3?(F), 5? l (A), 7 a t(B). Formação: la(Cl), 3 a (F), 5 a (G(t), 7 a t(B), 9 a (Df), 13a(A*). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 3 4 5 6 6 7 8 9 9 10 11 12 131
  • 12. tocaia ae D4SUS D quarta suspensa V fá Formação: l a ( D ) , 4 a (G), 5 a (A). Nota: n3o há 3! D maior rS " D E Fl G A B Cf — 1 i 1? 2." 3? j 4." 5? 6? 7a 9? 11? 13." 1 . 2 3 4 5 6 7 10 11 12 13 D D maior D//4SUS D sétima com quarra suspensa Formação; l a (D). 3 a (Fl}. 5 a (A). Formação: l f l ( D ) , 4?(G). 5 a (Ai. 7a!. (C). Nota: náo há 3a 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 13 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 D7 D selim a D6 Dsexío Formação: l a (D), 3 a (FÍ). 5 a (A), 7?KC). Formação: l a (D). 3 a (F|). 5 a (A), 6?(B). 1 2 3 4 13 1 2 3 4 5 6 7 10 11 12 13 Dm D menor Dm6 D menor com sexta Formação: l a (D}, 3 a !.(F), 5 a (A). Formação: l?(D), 3 a t(F), 5 a (A). 6 a (B). 1 2 3 4 5 6 7 8 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 Dm7 D menor com sétima D9 D nono Formação: l a {D), 3 a t(F), 5 a (A), 7?KC). Formação: l a (D), 3"(Ff), 5 a (A), 7?KC), 9?(E). 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 13 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 DA7 D sétima maior D menor com nona Formação; l f l (D), 3 a (FÍ), 5°(A), 7 a (CI). Formação: l a (D), 3 a t(F), 5 a fA), 7 a KC). 9 a (E). 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 1 2 3 4 3 4 5 6 10 11 12 13 132
  • 13. DICIONÁRIO - Parte I DA 9 D nona maior D dim (D°) D diminuto Formação: l a (D), 3 a (F»), 5 a (A), 7 a {C|). 9 f l (E). Formação: 1?(D), : 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1-4-7-1oT D6/9 D sexía com nona D-5 D quinto diminuta Formação: l a (D), 3 a (F|), 5 8 (A), 6 a (B), 9 a (E). Formação: l a (D), 3 a (F|), 5 a !,(At). 4 5 6 7 9 10 11 12 11 12 13 14 4 5 6 7 9 10 11 12 10 11 12 13 D7 + 9 D sétimo com nona aumentada D7-5 D sétima com quinto diminuta Formação: l a (D), 3 a {Fl), 5 a (A), 7?KQ, 9 3 Í(F). Formação: l a (D). 3? (F»), 5 a t ( A M - 7?KC). 4 5 6 7 9 10 11 12 10 11 12 13 4 5 6 7 9 10 11 12 10 11 12 13 D7-9 D sétima com nono menor D9-5 D nono com quinto diminuta Formação: l a (D), 3 a (F|), 5 a (A), 7 a KC), 9H(E(.). Formação: l a (D), 3 a (F»), 5H(AH, 7 a t(C), 9 a (E). 3 4 5 6 8 9 10 11 10 11 12 13 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 D aum (D + ) D aumentado Dll D décima primeira Formação: l a (D}, 3 a (F|). 5 a |(A|). Formação: la!D}, 3a(F|}, 5 a (A), 7 a V(C), 9 a (E), ll a (G). 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 11 D7 + 5 D sétima com quinta aumentada L)lo D décima terceira Formação: l a (D), 3 a (FÍ), 5 a |(A|), 7 a t(C). Formação: l a (D), 3f (F|), 5 a (A), 7"KQ, 9 a (E), 13a(B). 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 4 5 6 7 7 8 9 10 10 11 12 13 133
  • 14. j", l Escala de r Et 4SUS E bemol quarta suspensa DA maior FormaçSo: l a (Et), 4 a (At), 5 a (Bt). Nota: não há 3f El> maior vT 'J' D| GD At F G c D Et Al BI 1? 2? 3? 4? 5? 6? 7a 9a 11? 13? Nota Dl e El> s3o dois nomes para a mesma nota (chamadas "eriarmônicas"). Os acordes s5o descritos em Et>, que tende a ser a tonalidade mais utilizada. 3 4 5 6 6 7 8 9 11 12 13 14 Et» £ bemol maior E P //4SUS E bemol sétima com quarta suspensa Formação: l?(Et). 3 fl (G), 5 a (Bk). Formação: l a (Efc). 4 a (At). 5 a f B t ] , 7?KDU. Nota: não ha 3? 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 Ep7 £ bemol sétima E P O E bemol sexta Formação: 1?(EH. 3?{G). 5fl(B(-), Formação: l a ( E M . 3 a (G). 5a(B!-). 6 a (C). 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 Et» m E bemol menor E P m6 E òemoí menor com sexta Formação: Formação: l a (E!-). 3 a !.(Gt). 5?(BH. 6 a (C). 1 2 3 4 6 7 8 9 11 12 13 14 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 E p m/ E bemol menor com sétima E P 9 E bemol nona Formação: l a (Ef.). 3a (-(Gb), 5?(Efc,, 7? Formação: l a (E!-), 3 a (G), 5 a (Bfc), 7?KDt). 9 a (F). 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 5 6 7 8 9 10 11 12 9 10 11 12 E bemoí séíima maior E P m9 E bemol menor com nona Formação: l?(Et), 3 a (G), 5 a (Bt), 7 a (D). Formação: l a (Et), 3?KGV), 5 fl (Bl-), 7?KDt), 9 a (F). 3 4 5 6 6 7 8 9 10 11 12 13 4 5 6 7 9 10 11 12 11 12 13 14 134
  • 15. DICIONÁRIO - Parte I 9 £ bemol nona maior El» dím (Et 0 ) Efaemoídiminuto Formação: l?(Et). 3°(G). 5'(BW. 7 f l (D), 9 a (F}. Formação: l a (E!.), 3'KGH, 5 a t(A), 7%KO. 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 Et» 6/9 H bemof sexto com nono El» -5 £faemoíquinta diminuía Formação: l'(EM, 3 a (G). 5a(B!0. 6 a (C). 9 a (F) Formação: 1 a (Et>). 3 a (G). 5 a t > ( A ) . 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 1 2 3 4 5 6 7 8 E P 7 + 9 E bemol sétima com nona aumentada t P 7-5 £ bemol sétima com quinta diminuta Formação: l a (E!0, 3 a (G). 5 a íBM. 7 f l MDk). 9 a |(F|). Formação: 1"(EM. 3"(G). 5 a MA). 7?KD!>). 1 2 3 4 5 6 7 11 12 13 14 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 t v 1-7 E bemol sétima com nona menor E p 9-5 £ bemol nona com quinta diminuta Formação: l a (Et). 3 fl (G). 5 a íBI.). 7?KDW. 9"KE). Formação: 1 a (EU, 3 a (G), 5a!.(A). 7 a !.(Dt). 9 a (F]. 1 2 3 4 4 5 6 7 11 12 13 14 El» aum (El» + ) E bemol aumentado Et» 11 £ bemol décima primeira Formação: l a (EV), 3''(G),5aí(B). Formação: l'(EH. 3 a {G), 5 a (B[.), 7%(Dt), 9 a (F), l l f l ( A t ) . 12 11» 7 + 5 £ bemol sétima com quinía aumentada E b 13 £ òemoí décima terceira Formação: l a ( E t ) . 3°(G), 5 a » (B), 7H{DH. Formação: l?(Et), 3 a (G), 5?{Bb), 7 a b(Db), 9 a (F}, 13a(Cj. 3 4 5 6 6 7 8 9 11 12 13 14 5 6 7 8 8 9 10 11 11 12 13 14 135
  • 16. DICIONÁRIO - Parte I Escala de 53 El V ri^tf E 4SUS £ quarta suspensa E maior A tf r Formação: l fl (E). 4 a !A). 5 a (B). Nota: não há 3 £ vh «J E Fl Gl A B Cí Dl 1? 2a 3? 4? 5? 6? 7? 9? 11? 13? 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 E £ maior E 7/4silS E sétima com quarta suspensa Formação: 1 a (E), 3a ( G # ) , 5 a (B). Formação: l a (E). 4Í*(A), 5 a (B), 7 a t(D). Nota: não há 3a 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 1 2 3 4 2 3 4 5 9 10 E 7 E sétima E 6 £ sexta Formação: l a (E), 3 a (G«). 5 a (B), 7aMD). Formação: l a (E). 3 a (GÍ), 5 a (B), 6 a (C«). 1 2 3 4 5 6 7 8 7 8 9 10 1 2 3 4 5 6 7 7 8 9 10 E m E menor E ITIO £ menor com sexra Formação: l'a(E), 3aKG), 5 a ÍB). Formação: l a (E). 3 a !.(G). 5 a (B). 6 a (CÍ). 1 2 3 4 1 2 3 4 5 6 7 7 8 9 10 E m7 H menor com séfima E 9 £ nona Formação: l a (E}, 3 a t(G), 5 a (B), 7%(D). Formação: l a (E). 3 a (G«). 5 a (B). 7 a l-ÍD), 9 a (FI). 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 1 2 3 4 6 7 8 9 11 12 13 14 E A7 H sétima maior E m9 £ menor com nona Formação: l a (E), 3 a (G«). 5 a (B), 7 a (D«). Formação: l a (E), 3aKG), 5 a (B). 7?KD). 9?(F|t). 1 2 3 4 4 5 & 7 7 8 9 1 2 3 4 5 6 7 8 1 0 1 1 1 21 3 136
  • 17. DICIONÁRIO - Parte I t A y E nona maior E dim (E°) E diminuto Formação: l a (E). 3 a (Gl), 5 a {B), 7 a (Df). 9 a (F|). Formação: l a (E). 3H(G). 5H(BM. 7 a U(D!-)- 1 2 3 4 4 5 6 7 6 7 3-6-9-12T t D/9 t" sexta com nona E-5 £ quinía diminuto Formação: l a (E). 3a(G|), 5? (B). 6"(CÍ). 9?(F»). Formação: l a (E). 3?(G». 14 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 t / + 9 E sétimo com nona aumenfada E 7-5 £ sétimo com quinta diminuía Formação: l fl (E). 3 a (GÍ). õ fl (B), 7 a l-(D). 9 a |(G). Formação: l a (E). 3 a (G|), 5?KBM. 7aMD). 6 7 8 9 11 12 13 14 1 2 3 4 6 7 8 9 11 12 13 14 t /-9 E sétimo com nono menor t 9-5 £ nona com quinta diminuta Formação: l fl (E), 3 a (Gl). 5 a (B), 7 a KD), 9?KF}. Formação: l a (E), 3 a (GI). 5%(Bt), 7 a KD), 9 a (Fl). 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 1 2 3 4 6 7 8 9 11 12 13 14 E aum (E + ) £ oumeníado E 11 £ décima primeiro Formação: l a (E), 3 a fG|), 5 a lfC). Formação: l a (E), 3"(GI), 5 a (B), 7 a f,(D), 9?(F|), ll a (A) 1 2 3 4 7 8 9 10 10 11 12 13 t 7 4- 5 £ sétima com quinta aumentada E Io E décimo terceira Formação: l r t (E). 3?<G#), 5 a lfC), 7 J t(D). Formação: l f l ( E ) , 3°(G|), 5 a (B), 7 a t(D), 9 B íF|), 13 a (C«). 1 2 3 4 4 5 6 7 7 8 9 10 1 2 3 4 6 7 8 9 9 10 11 12 137
  • 18. DICIONÁRIO - Parte I tscaia ae v F 4SUS F quarto suspensa F maior rnh / "K Formação: l a (F), 4 a (Bt), 5 a {C). Nota: não há 3 a . F G A Bi c D E 1" 2a : 3a 4a 5a 6a 7a 9- n? 13a 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 11 r" F maior F 7/4silS F sétima com quarto suspensa Formação: l a (F). 3 a (A). 5*(C). Formação: l a (F), 4?(BH. 5 a (C), 7 a M E t ) . N o t a : não há 3; 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 6 7 8 9 8 9 10 11 F 7 F sétimo F 6 F sexto Formação: l a (F). 3 a (A). 5'(C). 7'KEM- Formação: l?(F). 3 a (A). 5 a (C). 6 a (D). 1 2 3 4 6 7 8 9 8 9 10 11 1 2 3 4 6 7 8 9 8 9 10 11 F m F menor F m6 F menor com sexto Formação: l a (F), 3a{.(A!>), 5°(C). Formação: l f l (F). 3?KAt), 5 a (C), 6 a (D). 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 1 2 3 4 6 7 8 9 8 9 10 11 F m / F menor com sétima F 9 F nono Formação: l a (F), 3?(AI>), 5a{Q. 7'HEt). Formação: l a (F), 3 a (A), 5 a (C), 7?KEW, 9 a (G). 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 FA7 F sétima maior F m9 F menor com nono Formação: l a (F), 3"<A), 5f (C), 7 a (E). Formação: l?(F). 3'KAH, 5 a (C), 7?KEH, 9 a (G). 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 11 1 2 3 4 3 4 5 6 6 7 8 9 138
  • 19. DICIONÁRIO - Parte I F nona maior F dím (F°) F diminuto Formação: l a (F), 3 a (A), 5 a (C), 7 a {E), 9 a (G). Formação: l a (F), 3 a {At), 5 a !-(B), 7 a H-(D). 1 2 3 4 5 6 7 8 7 8 9 10 F 6/9 F sexta com nona r-5 F quinta diminuta Formação: l a (F), 3?(A), 5 a (C), 6 a (D), 9 a (G). Formação: l a (F), 3 a (A), 5 a t(B) 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 F 7 + 9 F séíima com nona aumentada F 7-5 F sétima com quinta diminuía Formação: l a (F), 3 a {A), 5?(C), 7 a !.(EM, 9 a S ( G « ) . Formação: l a (F), 3 a ÍA), 5 a MB], 7 a í-(El.). 7 8 9 10 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 F 7-9 F sétima com nona menor F 9-5 F nona com quinta diminuta Formação: l a (F), 3 a (A), 5 a (C), 7?KEH, 9?MGk). Formação: 1?(F), 3 a (A), 5?KB), 7?V(El). 9 a (G). 1 2 3 4 2 3 4 5 6 7 8 9 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 F aum (F + ) F aumentado F 11 F décima primeira Formação: l a {F), 3 a (A), 5 a ((CÍ). Formação: l a (F) T 3 a {A), 5 a (C), 7?KEV), 9 a (G), ll f l (BÍ-i. 1 2 3 4 8 9 10 11 11 12 13 14 F 7 + 5 F sétima com quinto aumentada F 13 F décima terceira Formação: l fl (F), 3 a (A), 5a|(C|), 7 a t(El.}. Formação: l a (F), 3 a (A), 5 a (C), 7 a KEt), 9 a (G), 13a{D). 1 2 3 4 5 6 7 8 8 9 10 11 1 2 3 4 7 8 9 10 10 11 12 13 139
  • 20. Escala de •• it O ,í r fl 4SUS F sustenido quarta suspensa Ft maior f q t Sirín trrTj ri _ ' f t Formação: l a (F|), 4 a (B), 5 a (Cl}. Nota: não há 3? p t> • G k maior Fl Gt Al Cl Dl B F G i. At Bi, m Et 1." 2' 3a 4? 5? 6? 7? 9" 11." 13" Nota Fl e Gt são dois nomes para a mesma nota (chamadas "enarmônicas"}. Os acordes s3o descritos 1 2 3 4 6 7 8 9 9 10 11 12 em Fl, pois esta tende a ser a tonalidade mais utilizada r J F sustenido maior Ffi 7/4sUS F sustenido sétima com quarta suspensa Formação: l a ( F f ) , 3°(A|). 5 a (Cl). Formação: 1»[FÍ). 4 a (B), 5 a (Cl). 7 a V(E}. Nota: não há 3' 1 2 3 4 6 7 8 9 9 10 11 12 2 3 4 5 7 8 9 10 9 10 11 12 Ff 7 F sustenido sétima Fff 6 F sustenido sexta Formação: l a (F|). 3 fl (A|). 5 a (CI), 7?KE). Formação: l a (F|). 3 a (A|), 5 f l (CI), 6 a ( D I ) . 2 3 4 5 7 8 9 10 9 10 11 12 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 Fff m F sustenido menor Fff m6 F sustenido menor com sexta Formação: l a (F|), 3 a KA), 5 a (CI). Formação: I a (Fli. 3?KA), 5 a (CI), 6"(DI). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 7 8 9 10 9 10 11 12 F K m 7 F sustenido menor com sétima Fff 9 F sustenido nono Formação: l a (FS), 3?t(A). 5 a (CI), 7 B I-(E). Formação: l a (F|), 3 a (A|), 5 B (C|), 7'KE), 9 a (GI). 2 3 4 5 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 11 Fff A / Fsusfenido séfima maior Fff m9 F sustenido menor com nona Formação: 1"(F|}, 3*(Al). 5 a (C|), 7 a (F). Formação: l a (F|), 3 a KA), 5 a (C|), 7?KE), 9 a (G|). 1 2 3 4 6 7 8 9 9 1 0 1 11 2 1 2 3 4 2 3 4 5 7 8 9 10 140
  • 21. DICIONÁRIO - Parte I Fjf A 9 F sustenido nono maior Fjt dím(FÍ( 0 ) Fsusíenido díminuío Formação: l f l (Fl), 3 a (A|), 5 fl (C|), 7a{F), 9 a (G|). Formação: l°{Ff), 3 a KA), 5 B Í-(C}, ?%(.{£!,). 8 9 10 11 F ff 6/9 Fsusíenido sexta com nono Ffi -5 Fsusíenido quinta diminuía Formação: l a (F|), 3 a (Af), 5 fl (C|), 6 a (Dl), 9 a (GI). Formação: l a (F»), 3 a (A|), 5?KC). 8 9 10 11 8 9 10 11 Ff 7 + 9 F sustenido com nono aumentada r" ff 7-5 F sustenido sétima com quinía diminuía Formação: l fl (F|). 3 a (At), 5 a (C|), 7 f l t(E), 9 B *(A). Formação: l'(F|), 3 a (A»), 5fKQ, 7'KE). 2 3 4 2 3 4 5 8 9 10 11 6 7 8 9 10 11 FJt 7-9 Fsusíenido com nono menor F(f 9-5 Fsusíenido nona com quinía diminuto Formação: l a (Ff}, 3 a (A|), 5 a (G(), 7'KE), 9a!.(G). Formação: l'(F|), 3"(A|), 5 B t(C), 7 a fc-(E}, 9 a (GI). 8 9 10 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 F(f aum (FK + ) F sustenido aumentado Fjf 11 F sustenido décima primeira Formação: l a (F|), 3 a f A Í ) , 5 a l(D). Formação: l a (F)f), 3a(A|}, 5a{C|), 7 a !,(E), 9 a (G|), ll a (B). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 Fjf 7 + 5 F sustenido sétima com quinía aumentada Fjf 13 F sustenido décimo terceiro Formação: 1 B (F|), 3 a (A|), 5?t(D), 7S(E). Formação: la{F|), 3 a (A|), 5a(C|), 7 a t(E), 9?{GI), 13?{Dt). 7 8 9 9 10 11 12 1 2 3 4 8 9 10 11 9 10 11 12 141
  • 22. Escala de ~ >t G 4SUS G quarto suspensa if r Formação: l a (G), 4°(C), 5 a (D). Nola: não há 3( G maior fSTl V t •J G A B C D E Fl 1" 2? 3? 4? 5." 6." 7? 9? U? 13a 1 2 3 4 3 4 5 6 10 11 12 13 G G maior G 7/4silS G sétima com quarto suspensa Formação: l a (G}, 3 a (B), 5 a (D). Formação: l a (G), 4a{C), 5 a (D). 7 a t(F). Nota: não há 3f 1 2 3 4 3 4 5 6 7 8 9 10 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 G 7 G sétima G 6 G sexta Formação: l a (G), 3"(B), 5a{D>, 7 a MF). Formação: l a (G), 3?{B), 5 a (D), 6 a (E). 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 G m G menor G RIO G menor com sexto Formação: 1"(G), 3H(B[.), 5"(D). Formação: 1?(G), 3aV(B!.), 5 a (D), 6 a (E). 3 4 5 6 5 6 7 8 10 11 12 13 3 4 5 6 8 9 10 11 10 11 12 13 G m 7 G menor com sétimo menor G 9 G nono Formação: l a (G), 3 a t{BM,.5"(F). Formação: l fl (G) 3 a (B), 5 a (D), 7°i,(F), 9 a (A). 5 6 7 8 10 11 12 13 1 2 . 3 4 2 3 4 5 9 10 11 12 G A 7 G sétimo maior G m9 G menor com nono Formação: l a {G). 3'(B), 5"(D}, 7»{F|). Formação: l a (G), 3a|.(Bt}, 5 a (D), 7 a KF), 9 a (A). 2 3 4 5 3 4 5 7 8 9 10 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 142
  • 23. DICIONÁRIO - Parte I G A 9 G nono maior G dim ÍG°) G diminuto Formação: l a (G), 3 a (B), 5 a <D), 7 B {FÍ), 9 a (A). Formação: l a (G), 3?KBU, 5?KDt), 7 a Vt(E) 1 2 3 4 2 3 4 5 9 10 11 12 3-6-9-121 G 6/9 G sexta com nona G -5 G quinía diminuta Formação: 1 B (G), 3 a (B), 5 a (D), 6 a (E}, 9 a (A}. Formação: l a (G), 3 a (B), 5'KDV). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 2 3 4 5 5 6 7 8 9 10 11 12 G 7 + 9 G sétima com nona aumentada G 7-5 G sétima com quinía diminuía Formação: l a (G). 3 a (B). 5 a (D), 7 a k(F), 9 a ({A|). Formação: 1°(G), 3 a (B), 5?KDt), 7%(F). 5 6 9 10 11 12 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 G 7-9 G sétima com nona menor G 9-5 G nono com quinía diminuía Formação: l a (G), 3 a (B), 5 a {D), 7'KF), 9 a fc(A!>). Formação: l a (G). 3 a (B), 5 f l t(Dt), 7 a KF), 9 a (A). 1 2 3 4 3 4 5 6 8 9 10 11 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 G aiim (G + ) G aumentado G 11 G décima primeiro Formação: 1?(G). 3 a (B), 5 a !(Dl). Formação: l a (G), 3 a (B), 5 a (D), 7%(F), 9'(A), ll a (C). 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 G 7 + 5 G séíima com quinía aumentada G 13 G décima terceira Formação: l a (G), 3 a (B), 5 a Í(D«}, 7 a k(F}. Formação: l a (G), 3 a (B), 5 a (D), 7f KF), 9NA), 13?(E). 8 9 10 10 11 12 13 1 2 3 4 3 4 5 6 9 10 11 143
  • 24. DICIONÁRIO - Parte I Escala de A!» 4silS A bemol quarta suspensa G f maior X bL Formação: l a ( A t ) , 4 a (Di.i, 5 f l (Et). Nota: não há 3 a fnv & At maior <j Gfl AÍ Cl M Bt c Db D* Et F G 1? 2." 3a 4a 5a 6a 7a 9a 11" 13a Nota G| e At são dois nomes para a mesma nota (chamadas "enarmônicas"). Os acordes são descritos em At, pois este tende a ser o tom mais utilizado. 1 2 3 4 4 5 6 7 6 7 8 At» A bemol maior Ab 7/4SUS A bemol sétima com quarta suspensa Formação: l a (At), 3 a (C), 5 a (Et). Formação: l a (At), 4 a (Dt), 5 a (Et), 7H!Gt). Nota: não há 3e 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 4 5 6 7 6 7 8 AP 7 A bemol sétima Ab 6 A bemol sexta Formação: l a (At), 3 a (C), 5 a (Et}, 7 a t(Gt). Formação: l a {At), 3 a íQ, 5 f l (Et), 6 a (F). 1 2 3 4 4 5 6 7 11 12 13 14 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 Ab m A bemol menor A b mo A bemol menor com sexta Formação: 1?(A(.), 3*t(B), 5 a (Et). Formação: l a ( A t ) , 3H(B). 5 a (Et), 6 a (F). 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 Ap m / Afaemoimenor com sétima Ab 9 Afaemoínono Formação: l a (At}, 3at{B), 5 a (Et), 7 a KGk). Formação: l f l (At), 3 a (C), 5 a (EI-). 7 fl l-ÍGÍ.). 9 f l (Bt)- 4 5 6 7 6 7 8 9 11 12 13 14 2 3 4 5 2 3 4 5 10 11 12 Ab A 7 A bemol sétima maior Ab ITl9 A bemol menor com nona Formação: l a (Afc), 3 a (C), 5°(Et), 7 a (G). Formação: l a (At), 3 a t(B), 5a(E(.), 7 a tíGt), 9 a (Bt). 3 4 5 6 4 5 6 7 8 9 10 11 4 5 6 7 4 5 6 7 9 10 11 144
  • 25. DICIONÁRIO - Parte I A bemol nona maior At» dim (Ap°) A bemol diminuto Formação: l "-(At). 3a{C), 5"{Et), 7 a (G), 9 a (Bfr). Formação: l a (Ab). 3'KB), 5%(D), 7?^.(F). 3 4 5 6 3 4 5 6 10 11 12 13 AP 6/9 A bemol sexta com nona At> - 5 A bemol quinta diminuta Formação: l a (At), 3"(C), 5?{Et}, 6 a (F). 9 a (Bt). Formação: l?(At), 3f(C), 5H(D). 1 2 3 4 5 6 7 8 1 0 1 1 1 21 3 4 5 6 7 10 11 12 13 At 7 + 9 A bemol sétima com nona aumentada AP 7-5 A bemol sétima com quinta diminuta Formação: l a (At), 3"(C), 5a{Et}, 7H(Gb), 9«*(B). Formação: l a (At), 3 a (C), 5 a fc(D), 7 a t ( G t ) . 1 2 3 4 4 5 6 7 1 0 1 1 1 21 3 3 4 5 6 4 5 6 7 6 7 8 9 AP 7-9 A bemol sétima com nona menor AP 9-5 A bemol nono com quinta diminuta Formação: l a (At), 3 a (C), 5 a (Et), 7 a t(Gt). 9 a t(A). Formação: l a {At), 3 a (C), 5 a t(D), 7 a t(GM. 9 a (Bt). 1 2 3 4 4 5 6 7 9 10 11 12 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 12 13 At» aum (Ap + ) A bemol aumentado At> 11 A bemol décima primeira Formação: l a (At). 3 a (C), 5 a í(E). Formação: l a (AH, 3"(C), 5 a (Et), 7%(Gt), 9'(BU, ll a (Dt). Ab 7 + 5 A bemol sétima com quinta aumentada AP 13 A bemol décima terceira Formação: lf(AV), 3?(Q, 5 a «(E), 7 a KGt). Formação: l?(At), 3 a (C), 5a(E!,), 4 5 6 7 8 9 10 11 11 12 13 14 1 2 3 4 4 5 6 7 10 11 12 13 145