Ressignificando a África e Beira - Profs. Maria Helena e Patrícia

879 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentado no Seminário Educação, Diversidade e Relações Interculturais

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
879
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
216
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ressignificando a África e Beira - Profs. Maria Helena e Patrícia

  1. 1. Ressignificando a ÁfricaMaria Helena Casari Patrícia Jesuíno
  2. 2. A covardia coloca a questão: é seguro?O comodismo coloca a questão: é popular?A etiqueta coloca a questão: é elegante?Mas a consciência coloca a questão, écorreto?E chega uma altura em quetemos de tomar umaposição que não é segura,não é elegante, não épopular, mas temos defazê-la, porque a nossaconsciência nos diz que éessa a atitude correta.
  3. 3. História da África para quê?“Mais que a rejeição da cor da pele de um povo, o racismo seconstituiu na navegação da história e da civilização dessepovo; a rejeição do seu ethos, de seu ser total. A diversidade,contudo, e a riqueza da experiência humana, se funda emgrande parte da interação, na intercomunicação e nointercâmbio entre culturas específicas. O objetivoverdadeiramente revolucionário não é erradicar asdiferenças... (mas antes), evitar que elas sejamtransformadas em pedras fundamentais da opressão, dadesigualdade de oportunidades ou da estratificação social” (Abdias do Nascimento e Elisa Larkin)
  4. 4. O Lugar Geográfico da África no Mundo
  5. 5. Dados Geográficos Africanos• Área:- 30,2 milhões Km²• Comprimento:- N/S – 8050 Km- L/O – 7560 Km• Países: 55• População:- 905 milhões
  6. 6. Zona Intertropical Norte – Mar Mediterrâneo Sul – Confluência dosOceanos Atlântico e Índico Leste –Oceano Índico Oeste – Oceano Atlântico
  7. 7. Cidades da África
  8. 8. Cairo - Egito
  9. 9. Durban – África do Sul
  10. 10. Maputo - Moçambique
  11. 11. Pretória – África do Sul
  12. 12. Cidade do Cabo – África do Sul
  13. 13. Joanesburgo – África do Sul
  14. 14. Nairobi - Quênia
  15. 15. SUGESTÕES DEATIVIDADES
  16. 16. 1 – Máscaras Africanas:
  17. 17. 2 – Desenhospara Colorir:
  18. 18. 3 – Camisetas:
  19. 19. 4 – Tambores Africanos:
  20. 20. 5 – Indumentária Africana:
  21. 21. 6– Acessórios Africanos:
  22. 22. 7 – Os Cinco Grandes da África:
  23. 23. Elefante
  24. 24. Rinoceronte
  25. 25. Leão
  26. 26. Leopardo
  27. 27. Búfalo
  28. 28. 8 – Escudos Africanos:
  29. 29. 9 – Bonecas Africanas:
  30. 30. 10 – Estampas Africanas:
  31. 31. 11 – Pinturas Corporais Africanas:
  32. 32. 12 – Bandeiras Africanas:
  33. 33. África do Sul
  34. 34. Angola
  35. 35. Argélia
  36. 36. Camarões
  37. 37. Egito
  38. 38. Etiópia
  39. 39. Gana
  40. 40. Moçambique
  41. 41. Quênia
  42. 42. Zimbabue
  43. 43. 13 – Provérbios Africanos:
  44. 44. 14 – Realizaçãodos Trabalhos e Exposição 2011
  45. 45. Considerações Finais
  46. 46. "Talvez não tenhamos conseguido fazero melhor, mas lutamos para que omelhor fosse feito. Não somos o quedeveríamos ser, não somos o queiremos ser, mas Graças a Deus, nãosomos o que éramos.“ Martin Luther King
  47. 47. Uma Visão de Moçambique a partir de Beira
  48. 48. Beira• Beira é a capital da província de Sofala eestá á 14 metros acima do nível do mar. É uma cidade litorânea, que fica ao norte de Maputo, na região central de Moçambique. É a 2ª maior cidade de Moçambique, logo após Maputo.
  49. 49. Demografia• A população é de 431.583 habitantes, de acordo com o censo de 2007.
  50. 50. Características da Cidade• Beira é um município, em que a maioria da população é extremamente pobre, e, apenas uma minoria estrangeira (chineses e europeus) ou de descendentes de indianos e muçulmanos é de classe média alta ou rica.
  51. 51. Características da População• Os beirenses estão abaixo da linha da pobreza e sofrem um estado de desnutrição gravíssimo, o que é um dos principais fatores da baixa expectativa de vida: em média de 40 à 50 anos.• Há um grande número de mortalidade infantil, já nos primeiros dias de vida.
  52. 52. Características da População• A malária, que tem aumentado cada vez mais na população beirense e do continente africano, devido ao fato que ela é tratada como uma gripe comum pelos nativos, os quais não seguem corretamente o tratamento, que consiste em tomar a medicação ( de três comprimidos), uma única vez.• Muitos moçambicanos tomam apenas um comprimido e, sentindo-se melhor, interrompem o tratamento. Quando eles voltam a sentirem mal-estar, tomam os outros comprimidos que, não farão mais efeito, porque o tratamento fora interrompido.• Além disso, some-se a isto uma dieta pobre em nutrientes, pois a alimentação dos beirenses é composta de arroz, ou feijão, ou “massa” (uma papa feita de farinha de aipim). Logo, eles não possuem um organismo resistente para suportar os sintomas causados pela malária.
  53. 53. • Na Beira, quem trabalha são as mulheres, as quais vão para a “machamba”(lavoura) arar a terra e plantar. Também, carregam enormes balaios na cabeça, apinhados de frutas (mangas, abacaxis ebananas). Chegam demanhã bem cedo no centro da cidade, e ficam até anoitecer para tentar vender suas mercadorias.
  54. 54. A Capulana• A capulana é um tipo de tecido, que a maioria das moçambicanas possui e faz parte do figurino diário delas. Mas ela tem várias funções, além do vestuário feminino. Usa-se para carregar a criança, limpar ou secar o bebê após o banho, se faz uma espécie de apoio para carregar o balaio pesado sobre a cabeça, é esteira para as moçambicanas dormirem, elas conseguem carregar o celular e o dinheiro amarrado na capulana.
  55. 55. Personalidade “Quem parte de um lugar tão pequeno, mesmo que volte, nunca mais retorna”. Mia Couto
  56. 56. Imagens de Beira

×