SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 59
MÓDULO I
SEGURANÇA EM ELETRICIDADE
MODULO II
DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Segurança em Eletricidade
Segurança em Eletricidade
Práticas Seguras
• Antes de iniciar o trabalho…
– Desenergize, Trave, Etiquete e Teste todos os circuitos de 50 volts ou
mais
– Desenergize todas as fontes de energia
– Desconecte de todas as fontes de energia
Dispositivos de controle de circuitos tais como…
– Botões de partida
– Chave seletora
– Intertravamento de segurança
…não devem ser usados sozinhos como meios de desenergização de
circuitos ou equipamentos.
Segurança em Eletricidade
Bloqueio de Fonte de Energia
• Trave & Etiquete todas as Fontes de Energia
– Coloque a trava & Etiqueta em cada meio de
desconexão usado para desenergizar circuitos
– Coloque o cadeado de forma a prevenir meios de
operar os meios de comandos
– Coloque a etiqueta com cada cadeado
Segurança em Eletricidade
Se o cadeado não puder ser aplicado
• Uma etiqueta usada sem trava precisa ser
complementada por ao menos uma última e adicional
medida de segurança que proveja um nível de
segurança igual ao do cadeado
• Exemplos:
– Remoção de um elemento de isolação de circuito
como um fusível
– Bloqueio de uma chave controlada
– Uso de EPIs especiais isolantes
– Uso de EPCs isolantes
Segurança em Eletricidade
Aliviando Energia Residual…
• Energia residual precisa ser eliminada antes de
iniciar o trabalho.
– Descarregue todos os capacitores
– Curte-circuite e aterre todos os elementos de alta
capacitância
Segurança em Eletricidade
Está Desenergizado?
• Verifique se o sistema está
desenergizado
– Opere os controles do
quipamentopara checar se o
mesmo não pode ser
religado.
– Use equipamentos de teste
para testar o circuito e
componentes elétricos
quanto à voltagem e
corrente.
Segurança em Eletricidade
Cheque seu
Voltímetro…
• Cheque o equipamento de teste em uma fonte
sabidamente energizada de algumas voltagens
para assegurar que ele está funcionando antes e
depois de checar o circuito no qual você estará
trabalhando.
Segurança em Eletricidade
Reenergização do equipamento…
– Efetue teste de inspeções para assegurar que todas as
ferramentas,jampeadores elétricos,curtos circuitos, terras e
outros dispositivos tenham sido removidos
– Avise aos outros para se manter longe dos circuitos e
equipamentos.
– Cada cadeado e etiqueta precisa ser removido pela pessoa
que o aplicou
– Cheque visualmente se todos os empregados estão longe
dos circuitos e equipamentos.
Segurança em Eletricidade
Energizado….
• Trabalhando com elementos energizados
Pessoas trabalhando com equipamento energizado
precisam estar acostumadas com o uso apropriado
de técnicas preventivas especiais, materiais de
isolamento elétrico e físico e ferramentas isolantes.
Segurança em Eletricidade
Trabalhando em Circuitos energizados
• Quando trabalhando em circuitos energizados
– Isole a área de todo tráfego
– Coloque placas e barreiras
– Use um auxiliar se necessário
– Use ferramentas isolantes, tapetes e mantas
isolantes
– Use mantas isolantes para cobrir circuitos expostos
nas proximidades
Segurança em Eletricidade
Materiais Condutivos
• Material ou equipamento condutor de
eletricidade precisa ser manuseado de forma a
resguardá-los de contato com elementos de
circuito energizados ou partes do próprio
circuito.
Segurança em Eletricidade
Aparato Condutivo
• Remova todos os artigos condutores de
ornamentos e roupagens, como anéis,
pulseiras,correntes de pulso / pescoço /
tornozelo, corrente de chaveiros, braceletes,
avental metalizado, relógios, e outros.
Segurança em Eletricidade
Ferramentas Elétricas Portáteis
• Manuseio
• Equipamento portátil deve ser manuseado de uma
forma tal que não cause danos.
• Os cabos elétricos flexíveis conectados aos
equipamentos não devem ser usados para levantar ou
abaixar o equipamento,assim como cabos flexíveis não
podem ser fixados com grampos ou qualquer outro
meio que possam vir a danificar a carcaça ou
isolamento.
Segurança em Eletricidade
Inspeção Visual
• Fios elétricos e plugues conectados a
equipamentos e extensões devem ser
inspecionados visualmente antes do uso e a
cada turno quanto aos seus defeitos
perceptíveis:
– Pinos faltantes ou deformados
– Dano da carcaça ou isolamento
– Evidencia de possivel dano interno
Segurança em Eletricidade
Retirando de Serviço…
• Se houver um defeito ou evidência de dano a
alguma ferramenta elétrica ou equipamento,
notifique imediatamente seu Supervisor:
– Remova o equipamento de serviço
– Informe aos seus colegas
Segurança em Eletricidade
Conexão de Plugs…
• Conectando plugues:
– Certifique-se de que as
mãos, fios e tomadas
estejam secos ao plugar e
desplugar, se equipamento
elétrico energizado estiver
envolvido.
Segurança em Eletricidade
Escadas…
– Escadas portáteis precisam ter
montantes não condutivos se
elas são usadas onde os
usuários possam ter contato
com partes energizadas
expostas.
– Mantenha todos os elementos
de escada no mínimo
03 metros longe de linhas
elétricas.
Segurança em Eletricidade
Teste de Instrumentos..
– Todos os instrumentos de teste, fiações e
conectores precisam ser visualmente
inspecionados quanto aos defeitos externos
e danos antes do equipamento ser usado.
– Remova de serviço qualquer ítem com
defeito.
Segurança em Eletricidade
Equipamentos e Ferramentas
– Use ferramentas isolantes e equipamentos de manuseio
isolantes quando trabalhando próximo de elementos de
circuitos e/ou condutores energizados expostos de painéis,
se for impossível o trabalho com circuito desenergizado,
– Use saca fusíveis isolantes para remover ou instalar fusíveis
onde os terminais de fusíveis estiverem energizados.
– Cordas e outros elementos usados próximo a elementos
energizados precisam ser não-condutivos.
Segurança em Eletricidade
Segurança de Área
• Você precisa ser capaz de observar o que você está
fazendo quando trabalhando com equipamento
energizado.
– Não trabalhe com elementos elétricos energizados
• Sem iluminação adequada
• Se houver uma obstrução que evite trabalhar onde há uma
obstrução que prejudique a visão da sua área de trabalho, pois vc
pode alcançar cegamente áreas que podem conter partes
energizadas
Segurança em Eletricidade
Outros Alertas…
❖ Use etiquetas de segurança, símbolos de segurança,
para prevenção de acidente, e ainda etiqueta para
advertir outros sobre perigos elétricos que
porventuram possam ocorrer ao se arriscar.
❖Barricadas de uso para prevenir ou limitar acesso para
trabalhar áreas com condutores energizados ou
separados das partes de circuito.
❖Se sinais e barricadas não fornecem suficiente para a
proteção dos perigos elétricos, um assistente será
posicionado para advertir e proteger os empregados
Segurança em Eletricidade
Sistemas elétricos…
• Desativações
• Só uma pessoa qualificada pode desativar com
segurança o sistema elétrico, e só
temporariamente. Enquanto o profissional está
trabalhando no equipamento, o sistema deverá
permanecer desativado. Só voltará a condição
operável quando este trabalho é completado.
Segurança em Eletricidade
Sistemas elétricos…
• Circuitos terminais de operação e dispositivo
protetor
• Depois que um circuito for desenergizado por um
circuito dispositivo protetor, este circuito, não deverá
ser manualmente reenergizado até que seja
determinado pelo profissional que o equipamento e
circuito podem ser energizados seguramente.
Segurança em Eletricidade
Proteção acima da Segurança…
• Modificação de Proteção de Sobrecarga
Proteção de Sobrecarga de circuitos e
condutores não pode ser modificada, até
mesmo em uma base temporária.
Segurança em Eletricidade
Marcas coloridas de sistema...
• ❑ Equipamento elétrico sem identificação devem
conter o nome do fabricante, marca registrada, ou outra
marcação descritiva que é colocado no equipamento.
• ❑ Serão providos de outras marcas coloridas dando
voltagem atual, ou outras avaliações quando necessário.
Segurança em Eletricidade
Circuito identificado…
• Identificação de desconectar meios e circuitos
• Cada meios desconectado será marcado motores e
eletrodomésticos legitimamente para indicar seu
propósito.
Segurança em Eletricidade
Seu Trabalho...
✔ Conheça os perigos da eletricidade
✔ Conheça o equipamento
✔ Use Práticas de Trabalho
✔ Não trabalhe em circuitos energizados sem
permissão
MODULO II
DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
⇨ A norma deixou de ter caráter técnico, fundamentando-se nos
princípios de Gestão de Segurança e Responsabilidade Civil.
⇨ Responsabilidade solidária entre contratantes e contratados.
⇨ O empregador responde civil e criminalmente em caso de acidente,
por negligência na contratação (culpa “in eligendo”) e/ou na
supervisão (culpa “in vigilando”).
⇨ Novo Código Civil: responsabilidade objetiva com obrigação de
indenização sem culpa.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
⇨ Elaboração do “Prontuário das instalações elétricas” por
profissional habilitado e autorizado, de forma a disponibilizar de
forma organizada todos os documentos e registros das instalações.
⇨ Guarda dos relatórios técnicos de inspeções de conformidade das
instalações elétricas.
⇨ Proibição de trabalho individual para atividades em alta tensão.
⇨ Elaboração de procedimentos operacionais passo-a-passo,
contendo instruções de segurança.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Introdução.
A
Empresa possa começar a entender e elaborar os seus trabalhos de
levantamentos de informações e análises internas documentais sobre as
disposições de suas instalações elétricas, os critérios de segurança
aplicados para as atividades em sistemas elétricos, seus treinamentos e
certificações, com a intenção de montar um arquivo completo, que
podemos denominá-lo como Prontuário das Instalações Elétricas.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Informa sobre a necessidade do atendimento desta NR-10 pelas
empresas, já que se trata de um objeto de Lei e, que por isto deve
ser cumprida para que não venham ser prejudicadas pelas punições
que este Órgão Oficial (MTE - Ministério do Trabalho e Emprego)
estabeleceu através da ementa que incluíram no Anexo II da NR-28 -
Fiscalização e Penalidades, com a publicação da Portaria nº. 126,
em 3 de junho de 2005, na Seção 1, do Diário Oficial da União -
DOU, determinando por meio desta as respectivas infrações pelo
não atendimento do que dispõe nos subitens da NR-10.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Objetivo sobre a implantação e elaboração de documentações que cabem a
NR-10.
Para o desenvolvimento destes trabalhos deve a empresa estar observando as
normas, especificações e códigos estabelecidos nesta NR-10, nas normas da
ABNT, naquelas de Gestão de Qualidade e Segurança, a exemplo da OHSAS
18001 - Especificação para Sistemas da Gestão de Segurança e Saúde no
Trabalho, e em outras mais que deverão estar sendo especificadas segundo os
programas do sistema de utilidade elaborado em cada empresa.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Devemos lembrar que o Prontuário das Instalações Elétricas de cada
empresa deve enfocar de forma clara o seu projeto de Utilidades e
Segurança, onde deverão estar disponíveis caminhamentos,
dimensionamentos, desenhos, especificações técnicas, os treinamentos
realizados, os programados de manutenções e implantações em sua(s)
unidade(s) e outros itens desta gestão até que venham completar o
correto entendimento de sua elaboração técnica.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Definições sobre: Prontuário, Laudo, Relatório e Certificação das Instalações
Elétricas:
Prontuário: manual com as indicações úteis, onde estão contidas as informações,
em pastas distintas, sobre o gerenciamento ação e sua gestão, os sistemas e
instalações elétricas, suas plantas da empresa com a disposição de suas diversas
instalações, os diagramas gerais, memórias de cálculos estabelecidos para as
instalações elétricas, relatórios de vistorias técnicas e análises de campo,
laudos, contratos e contratações, planilhas de planejamentos, investimentos, os
planos para as atividades em manutenções e instalações, fotos, projetos de
implantações ou alterações programadas e suas especificações, orientações de
manutenções e segurança, dados sobre Análises Preliminares de Riscos.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Laudo: parecer do perito ou auditor, com a conclusão da perícia, onde é
informados, de forma sucinta e clara os resultados obtidos com as análises
conclusivas de instalações ou construções executadas ou existentes, das
prestadoras de serviços técnicos, se atendem ou não as normas e legislações
vigentes.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Relatório: é a exposição, mais ou menos minuciosa do que se viu, ouviu ou
observou, deve conter neste as condições gerais e informações sobre os diversos
tipos de análises de perícias ou auditorias realizadas em uma determinada área,
instalação, estrutura, construção, máquina, procedimento, equipamento, etc.,
constando na sua descrição os resultados de medições, avaliações que relatam
condições das instalações, comportamento de máquinas, equipamentos, pessoas e
outros, além de recomendações para correções e adequações técnicas, com a
finalidade de que as instalações possam permanecer corretamente instaladas e
funcionando sem que ocorram riscos desnecessários para a empresa e,
principalmente as pessoas, e, que ainda, possam servir para um seguro
enquadramento dos sistemas e instalações segundo o que determinam as normas
técnicas nacionais vigentes e a Lei.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Certificado das Instalações Elétricas: é, para este caso, o documento que certifica
ou atesta a veracidade das instalações elétricas da empresa. Informa que as
instalações atendem a NR-10 e os procedimentos técnicos de segurança
estabelecidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego e, a outras normas da ABNT e
de Gestão vigentes, aplicáveis ao uso de energia elétrica, sua segurança e
concepção em projeto.
A certificação é expressão clara da conformidade das instalações elétricas da
empresa, documento este, elaborado por um perito recomendado pela empresa.
Entende-se também, que as certificações são obrigatórias, e servirão para outros
itens como: equipamentos, ferramentais, EPI’s, EPC’s e atividades de riscos
específicos.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
O PIE é um sistema organizado de informações pertinentes às instalações elétricas e
aos trabalhadores que sintetizará o conjunto de procedimentos, ações,
documentações e programas que a empresa mantém ou planeja executar para
proteger o trabalhador dos riscos elétricos.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
O PIE deve conter um conteúdo mínimo que dependerá do porte e da complexidade
das suas instalações elétricas. O conteúdo é abrangente e dependerá da capacidade
da equipe técnica da empresa em diagnosticar, analisar e implementar as soluções
adequadas de forma a garantir que:
- as instalações elétricas da empresa estejam adequadas
- a empresa adquira somente os equipamentos e materiais adequados
- procedimentos sejam elaborados e aplicados pelos trabalhadores
- Ordens de Serviços sejam emitidas
- só sejam utilizados equipamentos ensaiados e testados
- toda atividade seja precedida de uma Análise de risco
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
- toda situação de Emergência seja atendida de forma padronizada
- as instalações elétricas sejam atestadas por meio de um laudo independente
- a empresa estabeleça os procedimentos administrativos necessários para uma
eficiente gestão da segurança elétrica
- as especificações de EPI, EPC e demais equipamentos estejam disponíveis a
todos os trabalhadores.
- as instalações elétricas sejam mantidas adequadamente através de um plano de
manutenção preventiva e / ou preditiva
- sejam realizadas auditorias periódicas no sistema de segurança elétrica.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
PASSOS PARA A ESTRUTURAÇÃO DO PIE
O primeiro passo para organizar o Prontuário das Instalações Elétricas é a
laboração do Relatório Técnico das Inspeções (RTI) com o cronograma de ações
para adequação à NR10.
O RTI deve ser elaborado com base em um Diagnóstico de situação da empresa que
analise os riscos, os procedimentos, as documentações e as medidas de controle
existentes na área elétrica e indique todos os requisitos da NR10 não atendidos pela
empresa.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Caso a empresa não possua, será também necessário elaborar os Laudos
Técnicos das Instalações Elétricas e o Laudo do Sistema de Proteção contra
Descargas Atmosféricas (SPDA) como forma de diagnosticar as instalações físicas
na área elétrica.
O Diagnóstico e o Laudo Técnico das Instalações Elétricas comporão o RTI. O RTI
e o Laudo do SPDA formarão a base para a estruturação do Prontuário.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
O RELATÓRIO TÉCNICO DAS INSPEÇÕES (RTI)
O objetivo central do RTI é o de determinar às empresas uma auditoria periódica da
condição de segurança das instalações elétricas e de serviços em eletricidade.
O resultado da auditoria será o relatório técnico, contendo as não conformidades, as
recomendações, as propostas de adequação e o cronograma de realizações. A
existência de documentação acreditada e dinamicamente atualizada com as
modificações ocorridas nas instalações – diagramas, esquemas, instruções e
procedimentos técnicos, treinamentos e demais obrigações do prontuário – facilitará
sobremaneira a execução do relatório técnico requerido.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Para compor o RTI propõe-se a sua divisão em duas partes: uma auditoria
envolvendo os aspectos de segurança do trabalho (Diagnóstico NR10) e outra
contemplando os aspectos técnicos das instalações elétricas (Laudo Técnico das
Instalações Elétricas).
O laudo técnico das instalações elétricas deve ser elaborado por Engenheiro
Eletricista segundo o que estabelece a Resolução 218 do CONFEA.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
LAUDO TÉCNICO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS
O Laudo Técnico das Instalações Elétricas é uma dos componentes do Relatório
Técnico das Inspeções. O laudo deve-se basear nos dados de inspeção, medição
e ensaio realizados na documentação técnica e nas instalações elétricas da
empresa com a finalidade de aferir a sua conformidade com a Norma Técnica
Brasileira NBR-5410 (instalações elétricas em baixa tensão), a NBR 14039
(Instalações Elétricas em média tensão), a NBR 5418 (Instalações em áreas
classificadas) e a NR10, entre outras normas.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
As inspeções, medições e ensaios devem ser executados segundo prescrições
das normas da ABNT para instalações elétricas em Baixa Tensão (NBR 5410) e
em Alta Tensão (NBR 14.039).
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
DIAGNÓSTICO NR10
O Diagnóstico NR10 identifica e analisa os requisitos da NR10, avaliando o grau
de implementação de cada um e indicando as ações corretivas necessárias para
adequação a norma.
Deve contemplar todos os aspectos administrativos e de procedimentos de
segurança do setor elétrico da empresa:
- sistema de gestão da segurança
- documentação técnica e projetos
- comprovação de treinamentos
- certificações de equipamentos e ferramentas
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
- procedimentos de trabalho e instruções técnicas
- análises de riscos
- medidas de controle
- medidas de proteção coletiva e EPI
- sinalização de segurança
- proteção contra incêndio e explosões
- procedimentos de emergências e de resgate de acidentados
- processos de autorização de trabalhadores
- processos de contratação de terceiros
- mapeamento das responsabilidades e atividades na área elétrica
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
O Diagnóstico em empresas com áreas classificadas
Segundo a definição dada na norma ABNT NBR 5418, áreas classificadas são
aquelas em que há a presença de atmosferas explosivas por gás, vapores ou pó
inflamáveis, particularmente indústrias químicas e petroquímicas, com risco de
centelhamento e explosão. Estas áreas são as definidas com o código BE3
(Risco de explosão) na norma ABNT NBR 5410.
Nestas empresas, com áreas classificadas, o diagnóstico deve analisar
adicionalmente os procedimentos e itens de documentação prescritos pelas
normas brasileiras NBR 9518 e NBR IEC 60079-17;
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
LAUDO TÉCNICO DO SPDA
O Laudo de inspeção do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas -
SPDA é o documento técnico das inspeções e medições realizadas no Sistema de
Proteção contra Descargas Atmosféricas e no sistema de Aterramento Elétrico da
empresa com a finalidade de verificar a conformidade com a Norma Técnica
Brasileira ABNT NBR-5419 e a NR10.
A NR10 estabelece a obrigatoriedade das empresas se municiarem de documento
técnico que ateste a conformidade das suas instalações elétricas com as normas
de segurança.
As inspeções e ensaios para emissão deste laudo devem ser executados segundo
os objetivos, métodos e periodicidade prescritos na norma da ABNT para a
proteção das estruturas contra descargas atmosféricas (NBR 5419):
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
DIAGRAMA UNIFILAR
O Diagrama Unifilar é um documento fundamental das
instalações elétricas, pois ele indica todas as ligações,
distribuições e proteções das instalações elétricas.
Sempre que ocorrer qualquer mudança nas instalações elétricas,
deve-se alterar os diagramas.
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Os serviços em instalações elétricas devem ser planejados e
realizados em conformidade com procedimentos de trabalho
específicos, padronizados, com descrição detalhada de cada tarefa
A NBR 5419 estabelece que a inspeção completa deve ser efetuada
anualmente para locais expostos a à corrosão atmosférica severa.
Os equipamentos de proteção individual e coletiva que possuam
características isolantes devem ser testados para comprovar a
propriedade isolante
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
• Diagramas unifilares deverão conter:
– Transformadores: potência nominal, relação de transformação,
impedância, ligação e aterramento
– Disjuntores: tensão, corrente nominal, capacidade de interrupção
– Chaves seccionadoras: tensão e corrente nominal
– Cabos e circuitos: formação, bitola e comprimento
– Painéis e barramentos: tensão, corrente nominal e nível de curto-circuito
– Geradores: potência nominal, tensão, corrente, ligação,impedâncias
subtransitória e transitória e aterramento
– Motores principais: potência nominal, tensão, ligação, forma de partida
– Bancos de capacitores: tensão, potência, dispositivo de manobra
– Dispositivos de proteção (TCs, TPs e relés)
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
Os laudos de MT (subestações) deverão seguir a NBR-14.039 e os padrões da
concessionária local, contemplando periodicidade das manutenções preventivas,
tipo de iluminação, piso adequado, grades de proteção, distâncias adequadas,
disponibilidade dos itens de segurança do operador, concepção do aterramento,
etc
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
• Os laudos de BT deverão seguir a NBR-5410, devendo ser verificados os
circuitos de distribuição (quando acessíveis a inspeção visual) e os painéis
elétricos que deverão ser inspecionados quanto a:
– Disjuntor geral e barramentos
– Compatibilidade disjuntor/fiação
– Existência de disjuntor DR, quando necessárioExistência de DPS, quando
necessário
– Existência de barreiras contra contatos diretos
– Identificação dos circuitos
– Qualidade da montagem e organização da fiação
PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
• Empresas que operam no SEP (geração, transmissão e distribuição)
deverão constituir o Prontuário, acrescido da descrição dos procedimentos
para emergências e das certificações dos EPC, EPI e ferramental
• Vestimentas de trabalho passam a ser tratadas como EPI, devendo
contemplar a condutibilidade, inflamabilidade e influências eletromagnéticas
• Estudo da Energia Incidente do Arco Elétrico, permite o cálculo da energia
dissipada em caso de intervenção de trabalhador em instalação elétrica
energizada, definindo a categoria da vestimenta.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a TREINAMENTO-NR-10_060b07baa0974b39ac8e0e6556b2c899.pptx

TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTE
TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTETREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTE
TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTEtstcursino
 
Cp segurança em eletricidade
Cp segurança em eletricidadeCp segurança em eletricidade
Cp segurança em eletricidadeDawson Silva
 
0051 travamento seguran%e7a-92sld
0051 travamento seguran%e7a-92sld0051 travamento seguran%e7a-92sld
0051 travamento seguran%e7a-92sldSávio Gomes
 
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensão
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensãoAula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensão
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensãoAntenorSilva9
 
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.ppt
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.pptTreinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.ppt
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.pptnxq4pxsv7d
 
Ordem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricistaOrdem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricistaAndre Cruz
 
Medidas de controle
Medidas de controleMedidas de controle
Medidas de controleAndré Souza
 
2 treinamento de bloqueio 02-05_2013
2   treinamento de bloqueio 02-05_20132   treinamento de bloqueio 02-05_2013
2 treinamento de bloqueio 02-05_2013Jefferson Navarro
 
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.ppt
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.pptNR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.ppt
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.pptCristianadaSilvaOLiv2
 
Bloqueios de energias
Bloqueios de energias Bloqueios de energias
Bloqueios de energias NewAge16
 

Semelhante a TREINAMENTO-NR-10_060b07baa0974b39ac8e0e6556b2c899.pptx (20)

Curso de eletricidade
Curso de eletricidadeCurso de eletricidade
Curso de eletricidade
 
TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTE
TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTETREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTE
TREINAMENTO NR 10 - ELETRICIDADE SLID DE INICIANTE
 
Cp segurança em eletricidade
Cp segurança em eletricidadeCp segurança em eletricidade
Cp segurança em eletricidade
 
Ordem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricistaOrdem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricista
 
0051 travamento seguran%e7a-92sld
0051 travamento seguran%e7a-92sld0051 travamento seguran%e7a-92sld
0051 travamento seguran%e7a-92sld
 
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensão
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensãoAula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensão
Aula - NR 10 segurança e prevenção e instalação elétrica de baixa e alta tensão
 
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.ppt
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.pptTreinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.ppt
Treinamento de Segurança em Elétrica - NR 10.ppt
 
Aula nr 10
Aula   nr 10Aula   nr 10
Aula nr 10
 
Ordem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricistaOrdem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricista
 
Nr 10
Nr 10Nr 10
Nr 10
 
Medidas de controle
Medidas de controleMedidas de controle
Medidas de controle
 
Bloqueios de energia
Bloqueios de energiaBloqueios de energia
Bloqueios de energia
 
2 treinamento de bloqueio 02-05_2013
2   treinamento de bloqueio 02-05_20132   treinamento de bloqueio 02-05_2013
2 treinamento de bloqueio 02-05_2013
 
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.ppt
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.pptNR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.ppt
NR10 - Aterramento, EPI, EPC, Responsabilidades-1.ppt
 
Procedimentos
ProcedimentosProcedimentos
Procedimentos
 
Multimetro Digital- Manual de Instrução
Multimetro Digital- Manual de InstruçãoMultimetro Digital- Manual de Instrução
Multimetro Digital- Manual de Instrução
 
MULTÍMETRO DIGITAL
	MULTÍMETRO DIGITAL 	MULTÍMETRO DIGITAL
MULTÍMETRO DIGITAL
 
Ordem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricistaOrdem de-servico-eletricista
Ordem de-servico-eletricista
 
Bloqueios de energias
Bloqueios de energias Bloqueios de energias
Bloqueios de energias
 
Bloqueios de energia
Bloqueios de energiaBloqueios de energia
Bloqueios de energia
 

TREINAMENTO-NR-10_060b07baa0974b39ac8e0e6556b2c899.pptx

  • 1.
  • 2. MÓDULO I SEGURANÇA EM ELETRICIDADE MODULO II DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
  • 4. Segurança em Eletricidade Práticas Seguras • Antes de iniciar o trabalho… – Desenergize, Trave, Etiquete e Teste todos os circuitos de 50 volts ou mais – Desenergize todas as fontes de energia – Desconecte de todas as fontes de energia Dispositivos de controle de circuitos tais como… – Botões de partida – Chave seletora – Intertravamento de segurança …não devem ser usados sozinhos como meios de desenergização de circuitos ou equipamentos.
  • 5. Segurança em Eletricidade Bloqueio de Fonte de Energia • Trave & Etiquete todas as Fontes de Energia – Coloque a trava & Etiqueta em cada meio de desconexão usado para desenergizar circuitos – Coloque o cadeado de forma a prevenir meios de operar os meios de comandos – Coloque a etiqueta com cada cadeado
  • 6. Segurança em Eletricidade Se o cadeado não puder ser aplicado • Uma etiqueta usada sem trava precisa ser complementada por ao menos uma última e adicional medida de segurança que proveja um nível de segurança igual ao do cadeado • Exemplos: – Remoção de um elemento de isolação de circuito como um fusível – Bloqueio de uma chave controlada – Uso de EPIs especiais isolantes – Uso de EPCs isolantes
  • 7. Segurança em Eletricidade Aliviando Energia Residual… • Energia residual precisa ser eliminada antes de iniciar o trabalho. – Descarregue todos os capacitores – Curte-circuite e aterre todos os elementos de alta capacitância
  • 8. Segurança em Eletricidade Está Desenergizado? • Verifique se o sistema está desenergizado – Opere os controles do quipamentopara checar se o mesmo não pode ser religado. – Use equipamentos de teste para testar o circuito e componentes elétricos quanto à voltagem e corrente.
  • 9. Segurança em Eletricidade Cheque seu Voltímetro… • Cheque o equipamento de teste em uma fonte sabidamente energizada de algumas voltagens para assegurar que ele está funcionando antes e depois de checar o circuito no qual você estará trabalhando.
  • 10. Segurança em Eletricidade Reenergização do equipamento… – Efetue teste de inspeções para assegurar que todas as ferramentas,jampeadores elétricos,curtos circuitos, terras e outros dispositivos tenham sido removidos – Avise aos outros para se manter longe dos circuitos e equipamentos. – Cada cadeado e etiqueta precisa ser removido pela pessoa que o aplicou – Cheque visualmente se todos os empregados estão longe dos circuitos e equipamentos.
  • 11. Segurança em Eletricidade Energizado…. • Trabalhando com elementos energizados Pessoas trabalhando com equipamento energizado precisam estar acostumadas com o uso apropriado de técnicas preventivas especiais, materiais de isolamento elétrico e físico e ferramentas isolantes.
  • 12. Segurança em Eletricidade Trabalhando em Circuitos energizados • Quando trabalhando em circuitos energizados – Isole a área de todo tráfego – Coloque placas e barreiras – Use um auxiliar se necessário – Use ferramentas isolantes, tapetes e mantas isolantes – Use mantas isolantes para cobrir circuitos expostos nas proximidades
  • 13. Segurança em Eletricidade Materiais Condutivos • Material ou equipamento condutor de eletricidade precisa ser manuseado de forma a resguardá-los de contato com elementos de circuito energizados ou partes do próprio circuito.
  • 14. Segurança em Eletricidade Aparato Condutivo • Remova todos os artigos condutores de ornamentos e roupagens, como anéis, pulseiras,correntes de pulso / pescoço / tornozelo, corrente de chaveiros, braceletes, avental metalizado, relógios, e outros.
  • 15. Segurança em Eletricidade Ferramentas Elétricas Portáteis • Manuseio • Equipamento portátil deve ser manuseado de uma forma tal que não cause danos. • Os cabos elétricos flexíveis conectados aos equipamentos não devem ser usados para levantar ou abaixar o equipamento,assim como cabos flexíveis não podem ser fixados com grampos ou qualquer outro meio que possam vir a danificar a carcaça ou isolamento.
  • 16. Segurança em Eletricidade Inspeção Visual • Fios elétricos e plugues conectados a equipamentos e extensões devem ser inspecionados visualmente antes do uso e a cada turno quanto aos seus defeitos perceptíveis: – Pinos faltantes ou deformados – Dano da carcaça ou isolamento – Evidencia de possivel dano interno
  • 17. Segurança em Eletricidade Retirando de Serviço… • Se houver um defeito ou evidência de dano a alguma ferramenta elétrica ou equipamento, notifique imediatamente seu Supervisor: – Remova o equipamento de serviço – Informe aos seus colegas
  • 18. Segurança em Eletricidade Conexão de Plugs… • Conectando plugues: – Certifique-se de que as mãos, fios e tomadas estejam secos ao plugar e desplugar, se equipamento elétrico energizado estiver envolvido.
  • 19. Segurança em Eletricidade Escadas… – Escadas portáteis precisam ter montantes não condutivos se elas são usadas onde os usuários possam ter contato com partes energizadas expostas. – Mantenha todos os elementos de escada no mínimo 03 metros longe de linhas elétricas.
  • 20. Segurança em Eletricidade Teste de Instrumentos.. – Todos os instrumentos de teste, fiações e conectores precisam ser visualmente inspecionados quanto aos defeitos externos e danos antes do equipamento ser usado. – Remova de serviço qualquer ítem com defeito.
  • 21. Segurança em Eletricidade Equipamentos e Ferramentas – Use ferramentas isolantes e equipamentos de manuseio isolantes quando trabalhando próximo de elementos de circuitos e/ou condutores energizados expostos de painéis, se for impossível o trabalho com circuito desenergizado, – Use saca fusíveis isolantes para remover ou instalar fusíveis onde os terminais de fusíveis estiverem energizados. – Cordas e outros elementos usados próximo a elementos energizados precisam ser não-condutivos.
  • 22. Segurança em Eletricidade Segurança de Área • Você precisa ser capaz de observar o que você está fazendo quando trabalhando com equipamento energizado. – Não trabalhe com elementos elétricos energizados • Sem iluminação adequada • Se houver uma obstrução que evite trabalhar onde há uma obstrução que prejudique a visão da sua área de trabalho, pois vc pode alcançar cegamente áreas que podem conter partes energizadas
  • 23. Segurança em Eletricidade Outros Alertas… ❖ Use etiquetas de segurança, símbolos de segurança, para prevenção de acidente, e ainda etiqueta para advertir outros sobre perigos elétricos que porventuram possam ocorrer ao se arriscar. ❖Barricadas de uso para prevenir ou limitar acesso para trabalhar áreas com condutores energizados ou separados das partes de circuito. ❖Se sinais e barricadas não fornecem suficiente para a proteção dos perigos elétricos, um assistente será posicionado para advertir e proteger os empregados
  • 24. Segurança em Eletricidade Sistemas elétricos… • Desativações • Só uma pessoa qualificada pode desativar com segurança o sistema elétrico, e só temporariamente. Enquanto o profissional está trabalhando no equipamento, o sistema deverá permanecer desativado. Só voltará a condição operável quando este trabalho é completado.
  • 25. Segurança em Eletricidade Sistemas elétricos… • Circuitos terminais de operação e dispositivo protetor • Depois que um circuito for desenergizado por um circuito dispositivo protetor, este circuito, não deverá ser manualmente reenergizado até que seja determinado pelo profissional que o equipamento e circuito podem ser energizados seguramente.
  • 26. Segurança em Eletricidade Proteção acima da Segurança… • Modificação de Proteção de Sobrecarga Proteção de Sobrecarga de circuitos e condutores não pode ser modificada, até mesmo em uma base temporária.
  • 27. Segurança em Eletricidade Marcas coloridas de sistema... • ❑ Equipamento elétrico sem identificação devem conter o nome do fabricante, marca registrada, ou outra marcação descritiva que é colocado no equipamento. • ❑ Serão providos de outras marcas coloridas dando voltagem atual, ou outras avaliações quando necessário.
  • 28. Segurança em Eletricidade Circuito identificado… • Identificação de desconectar meios e circuitos • Cada meios desconectado será marcado motores e eletrodomésticos legitimamente para indicar seu propósito.
  • 29. Segurança em Eletricidade Seu Trabalho... ✔ Conheça os perigos da eletricidade ✔ Conheça o equipamento ✔ Use Práticas de Trabalho ✔ Não trabalhe em circuitos energizados sem permissão
  • 30. MODULO II DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA
  • 31. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA ⇨ A norma deixou de ter caráter técnico, fundamentando-se nos princípios de Gestão de Segurança e Responsabilidade Civil. ⇨ Responsabilidade solidária entre contratantes e contratados. ⇨ O empregador responde civil e criminalmente em caso de acidente, por negligência na contratação (culpa “in eligendo”) e/ou na supervisão (culpa “in vigilando”). ⇨ Novo Código Civil: responsabilidade objetiva com obrigação de indenização sem culpa.
  • 32. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA ⇨ Elaboração do “Prontuário das instalações elétricas” por profissional habilitado e autorizado, de forma a disponibilizar de forma organizada todos os documentos e registros das instalações. ⇨ Guarda dos relatórios técnicos de inspeções de conformidade das instalações elétricas. ⇨ Proibição de trabalho individual para atividades em alta tensão. ⇨ Elaboração de procedimentos operacionais passo-a-passo, contendo instruções de segurança.
  • 33. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Introdução. A Empresa possa começar a entender e elaborar os seus trabalhos de levantamentos de informações e análises internas documentais sobre as disposições de suas instalações elétricas, os critérios de segurança aplicados para as atividades em sistemas elétricos, seus treinamentos e certificações, com a intenção de montar um arquivo completo, que podemos denominá-lo como Prontuário das Instalações Elétricas.
  • 34. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Informa sobre a necessidade do atendimento desta NR-10 pelas empresas, já que se trata de um objeto de Lei e, que por isto deve ser cumprida para que não venham ser prejudicadas pelas punições que este Órgão Oficial (MTE - Ministério do Trabalho e Emprego) estabeleceu através da ementa que incluíram no Anexo II da NR-28 - Fiscalização e Penalidades, com a publicação da Portaria nº. 126, em 3 de junho de 2005, na Seção 1, do Diário Oficial da União - DOU, determinando por meio desta as respectivas infrações pelo não atendimento do que dispõe nos subitens da NR-10.
  • 35. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Objetivo sobre a implantação e elaboração de documentações que cabem a NR-10. Para o desenvolvimento destes trabalhos deve a empresa estar observando as normas, especificações e códigos estabelecidos nesta NR-10, nas normas da ABNT, naquelas de Gestão de Qualidade e Segurança, a exemplo da OHSAS 18001 - Especificação para Sistemas da Gestão de Segurança e Saúde no Trabalho, e em outras mais que deverão estar sendo especificadas segundo os programas do sistema de utilidade elaborado em cada empresa.
  • 36. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Devemos lembrar que o Prontuário das Instalações Elétricas de cada empresa deve enfocar de forma clara o seu projeto de Utilidades e Segurança, onde deverão estar disponíveis caminhamentos, dimensionamentos, desenhos, especificações técnicas, os treinamentos realizados, os programados de manutenções e implantações em sua(s) unidade(s) e outros itens desta gestão até que venham completar o correto entendimento de sua elaboração técnica.
  • 37. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Definições sobre: Prontuário, Laudo, Relatório e Certificação das Instalações Elétricas: Prontuário: manual com as indicações úteis, onde estão contidas as informações, em pastas distintas, sobre o gerenciamento ação e sua gestão, os sistemas e instalações elétricas, suas plantas da empresa com a disposição de suas diversas instalações, os diagramas gerais, memórias de cálculos estabelecidos para as instalações elétricas, relatórios de vistorias técnicas e análises de campo, laudos, contratos e contratações, planilhas de planejamentos, investimentos, os planos para as atividades em manutenções e instalações, fotos, projetos de implantações ou alterações programadas e suas especificações, orientações de manutenções e segurança, dados sobre Análises Preliminares de Riscos.
  • 38. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Laudo: parecer do perito ou auditor, com a conclusão da perícia, onde é informados, de forma sucinta e clara os resultados obtidos com as análises conclusivas de instalações ou construções executadas ou existentes, das prestadoras de serviços técnicos, se atendem ou não as normas e legislações vigentes.
  • 39. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Relatório: é a exposição, mais ou menos minuciosa do que se viu, ouviu ou observou, deve conter neste as condições gerais e informações sobre os diversos tipos de análises de perícias ou auditorias realizadas em uma determinada área, instalação, estrutura, construção, máquina, procedimento, equipamento, etc., constando na sua descrição os resultados de medições, avaliações que relatam condições das instalações, comportamento de máquinas, equipamentos, pessoas e outros, além de recomendações para correções e adequações técnicas, com a finalidade de que as instalações possam permanecer corretamente instaladas e funcionando sem que ocorram riscos desnecessários para a empresa e, principalmente as pessoas, e, que ainda, possam servir para um seguro enquadramento dos sistemas e instalações segundo o que determinam as normas técnicas nacionais vigentes e a Lei.
  • 40. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Certificado das Instalações Elétricas: é, para este caso, o documento que certifica ou atesta a veracidade das instalações elétricas da empresa. Informa que as instalações atendem a NR-10 e os procedimentos técnicos de segurança estabelecidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego e, a outras normas da ABNT e de Gestão vigentes, aplicáveis ao uso de energia elétrica, sua segurança e concepção em projeto. A certificação é expressão clara da conformidade das instalações elétricas da empresa, documento este, elaborado por um perito recomendado pela empresa. Entende-se também, que as certificações são obrigatórias, e servirão para outros itens como: equipamentos, ferramentais, EPI’s, EPC’s e atividades de riscos específicos.
  • 41. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA O PIE é um sistema organizado de informações pertinentes às instalações elétricas e aos trabalhadores que sintetizará o conjunto de procedimentos, ações, documentações e programas que a empresa mantém ou planeja executar para proteger o trabalhador dos riscos elétricos.
  • 42. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA O PIE deve conter um conteúdo mínimo que dependerá do porte e da complexidade das suas instalações elétricas. O conteúdo é abrangente e dependerá da capacidade da equipe técnica da empresa em diagnosticar, analisar e implementar as soluções adequadas de forma a garantir que: - as instalações elétricas da empresa estejam adequadas - a empresa adquira somente os equipamentos e materiais adequados - procedimentos sejam elaborados e aplicados pelos trabalhadores - Ordens de Serviços sejam emitidas - só sejam utilizados equipamentos ensaiados e testados - toda atividade seja precedida de uma Análise de risco
  • 43. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA - toda situação de Emergência seja atendida de forma padronizada - as instalações elétricas sejam atestadas por meio de um laudo independente - a empresa estabeleça os procedimentos administrativos necessários para uma eficiente gestão da segurança elétrica - as especificações de EPI, EPC e demais equipamentos estejam disponíveis a todos os trabalhadores. - as instalações elétricas sejam mantidas adequadamente através de um plano de manutenção preventiva e / ou preditiva - sejam realizadas auditorias periódicas no sistema de segurança elétrica.
  • 44. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA PASSOS PARA A ESTRUTURAÇÃO DO PIE O primeiro passo para organizar o Prontuário das Instalações Elétricas é a laboração do Relatório Técnico das Inspeções (RTI) com o cronograma de ações para adequação à NR10. O RTI deve ser elaborado com base em um Diagnóstico de situação da empresa que analise os riscos, os procedimentos, as documentações e as medidas de controle existentes na área elétrica e indique todos os requisitos da NR10 não atendidos pela empresa.
  • 45. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Caso a empresa não possua, será também necessário elaborar os Laudos Técnicos das Instalações Elétricas e o Laudo do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA) como forma de diagnosticar as instalações físicas na área elétrica. O Diagnóstico e o Laudo Técnico das Instalações Elétricas comporão o RTI. O RTI e o Laudo do SPDA formarão a base para a estruturação do Prontuário.
  • 46. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA O RELATÓRIO TÉCNICO DAS INSPEÇÕES (RTI) O objetivo central do RTI é o de determinar às empresas uma auditoria periódica da condição de segurança das instalações elétricas e de serviços em eletricidade. O resultado da auditoria será o relatório técnico, contendo as não conformidades, as recomendações, as propostas de adequação e o cronograma de realizações. A existência de documentação acreditada e dinamicamente atualizada com as modificações ocorridas nas instalações – diagramas, esquemas, instruções e procedimentos técnicos, treinamentos e demais obrigações do prontuário – facilitará sobremaneira a execução do relatório técnico requerido.
  • 47. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Para compor o RTI propõe-se a sua divisão em duas partes: uma auditoria envolvendo os aspectos de segurança do trabalho (Diagnóstico NR10) e outra contemplando os aspectos técnicos das instalações elétricas (Laudo Técnico das Instalações Elétricas). O laudo técnico das instalações elétricas deve ser elaborado por Engenheiro Eletricista segundo o que estabelece a Resolução 218 do CONFEA.
  • 48. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA LAUDO TÉCNICO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS O Laudo Técnico das Instalações Elétricas é uma dos componentes do Relatório Técnico das Inspeções. O laudo deve-se basear nos dados de inspeção, medição e ensaio realizados na documentação técnica e nas instalações elétricas da empresa com a finalidade de aferir a sua conformidade com a Norma Técnica Brasileira NBR-5410 (instalações elétricas em baixa tensão), a NBR 14039 (Instalações Elétricas em média tensão), a NBR 5418 (Instalações em áreas classificadas) e a NR10, entre outras normas.
  • 49. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA As inspeções, medições e ensaios devem ser executados segundo prescrições das normas da ABNT para instalações elétricas em Baixa Tensão (NBR 5410) e em Alta Tensão (NBR 14.039).
  • 50. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA DIAGNÓSTICO NR10 O Diagnóstico NR10 identifica e analisa os requisitos da NR10, avaliando o grau de implementação de cada um e indicando as ações corretivas necessárias para adequação a norma. Deve contemplar todos os aspectos administrativos e de procedimentos de segurança do setor elétrico da empresa: - sistema de gestão da segurança - documentação técnica e projetos - comprovação de treinamentos - certificações de equipamentos e ferramentas
  • 51. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA - procedimentos de trabalho e instruções técnicas - análises de riscos - medidas de controle - medidas de proteção coletiva e EPI - sinalização de segurança - proteção contra incêndio e explosões - procedimentos de emergências e de resgate de acidentados - processos de autorização de trabalhadores - processos de contratação de terceiros - mapeamento das responsabilidades e atividades na área elétrica
  • 52. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA O Diagnóstico em empresas com áreas classificadas Segundo a definição dada na norma ABNT NBR 5418, áreas classificadas são aquelas em que há a presença de atmosferas explosivas por gás, vapores ou pó inflamáveis, particularmente indústrias químicas e petroquímicas, com risco de centelhamento e explosão. Estas áreas são as definidas com o código BE3 (Risco de explosão) na norma ABNT NBR 5410. Nestas empresas, com áreas classificadas, o diagnóstico deve analisar adicionalmente os procedimentos e itens de documentação prescritos pelas normas brasileiras NBR 9518 e NBR IEC 60079-17;
  • 53. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA LAUDO TÉCNICO DO SPDA O Laudo de inspeção do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas - SPDA é o documento técnico das inspeções e medições realizadas no Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas e no sistema de Aterramento Elétrico da empresa com a finalidade de verificar a conformidade com a Norma Técnica Brasileira ABNT NBR-5419 e a NR10. A NR10 estabelece a obrigatoriedade das empresas se municiarem de documento técnico que ateste a conformidade das suas instalações elétricas com as normas de segurança. As inspeções e ensaios para emissão deste laudo devem ser executados segundo os objetivos, métodos e periodicidade prescritos na norma da ABNT para a proteção das estruturas contra descargas atmosféricas (NBR 5419):
  • 54. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA DIAGRAMA UNIFILAR O Diagrama Unifilar é um documento fundamental das instalações elétricas, pois ele indica todas as ligações, distribuições e proteções das instalações elétricas. Sempre que ocorrer qualquer mudança nas instalações elétricas, deve-se alterar os diagramas.
  • 55. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Os serviços em instalações elétricas devem ser planejados e realizados em conformidade com procedimentos de trabalho específicos, padronizados, com descrição detalhada de cada tarefa A NBR 5419 estabelece que a inspeção completa deve ser efetuada anualmente para locais expostos a à corrosão atmosférica severa. Os equipamentos de proteção individual e coletiva que possuam características isolantes devem ser testados para comprovar a propriedade isolante
  • 56. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA • Diagramas unifilares deverão conter: – Transformadores: potência nominal, relação de transformação, impedância, ligação e aterramento – Disjuntores: tensão, corrente nominal, capacidade de interrupção – Chaves seccionadoras: tensão e corrente nominal – Cabos e circuitos: formação, bitola e comprimento – Painéis e barramentos: tensão, corrente nominal e nível de curto-circuito – Geradores: potência nominal, tensão, corrente, ligação,impedâncias subtransitória e transitória e aterramento – Motores principais: potência nominal, tensão, ligação, forma de partida – Bancos de capacitores: tensão, potência, dispositivo de manobra – Dispositivos de proteção (TCs, TPs e relés)
  • 57. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA Os laudos de MT (subestações) deverão seguir a NBR-14.039 e os padrões da concessionária local, contemplando periodicidade das manutenções preventivas, tipo de iluminação, piso adequado, grades de proteção, distâncias adequadas, disponibilidade dos itens de segurança do operador, concepção do aterramento, etc
  • 58. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA • Os laudos de BT deverão seguir a NBR-5410, devendo ser verificados os circuitos de distribuição (quando acessíveis a inspeção visual) e os painéis elétricos que deverão ser inspecionados quanto a: – Disjuntor geral e barramentos – Compatibilidade disjuntor/fiação – Existência de disjuntor DR, quando necessárioExistência de DPS, quando necessário – Existência de barreiras contra contatos diretos – Identificação dos circuitos – Qualidade da montagem e organização da fiação
  • 59. PRONTUÁRIO DA INSTALAÇÃO ELÉTRICA • Empresas que operam no SEP (geração, transmissão e distribuição) deverão constituir o Prontuário, acrescido da descrição dos procedimentos para emergências e das certificações dos EPC, EPI e ferramental • Vestimentas de trabalho passam a ser tratadas como EPI, devendo contemplar a condutibilidade, inflamabilidade e influências eletromagnéticas • Estudo da Energia Incidente do Arco Elétrico, permite o cálculo da energia dissipada em caso de intervenção de trabalhador em instalação elétrica energizada, definindo a categoria da vestimenta.