SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 30
Baixar para ler offline
ESTRUTURA DE 
GERENCIAMENTO DE 
PROJETOS 
Alaíde Pitombeira de 
Freitas 
alaide.pitombeira@gmail. 
com
OBJETIVOS 
Elencar pontos principais do 2º Capítulo do Livro 
Preparatório para o exame PMP da Rita Mulcahy: 
Estrutura de Gerenciamento de Projetos
DEFINIÇÃO DE PROJETO 
Um projeto: 
 É um empreendimento temporário, com um início e um fim 
 Cria um produto, serviço ou resultado único 
Operação x Projeto 
 Projeto é temporário, gera um produto exclusivo, os recursos são 
alocados para o projeto e tem um objetivo a ser cumprido neste 
espaço de tempo. 
 Operação (Processo) é contínuo, repetitivo, o recurso é alocado por 
função e tem o objetivo de manter o negócio.
E O QUE É UM ESCRITÓRIO 
DE PROJETOS? 
Por definição: “Um PMO centraliza e padroniza o 
gerenciamento de projetos em uma organização.” E 
basicamente tem três formas diferentes: 
 Suporte: Fornece políticas, metodologias, modelos e lições 
aprendidas para gerenciar projetos em uma organização. (Baixo nível 
de controle) 
 Controle: Fornece suporte e orientação na organização sobre como 
gerenciar projetos, treina pessoas, auxilia em ferramentas 
específicas e garante conformidades com as práticas organizacionais. 
(Nível de Controle Moderado) 
 Diretivo: Fornece gerentes de projetos para diferentes projetos, 
sendo responsável pelos resultados desses projetos. (Alto nível de 
controle)
EXERCÍCIO 1 – ESCRITÓRIO 
DE PROJETOS 
Descrição Tipo de PMO 
Gerencia todos os projetos na organização 
Fornece apoio e orientação, requer que todos os 
projetos dentro da organização usem o SW e 
modelos de gerenciamento de projetos, mas não 
exerce o controle sobre o projeto além disso 
Coordena todos os projetos dentro da 
organização 
Recomenda a terminologia, modelos, relatórios e 
outros procedimentos comuns a serem usados 
em projetos por toda a organização para 
promover consistência e esforço simplificado 
Indica o gerente de projetos 
Prioriza os projetos 
Tem o mais alto nível de controle sobre os 
projetos
EXERCÍCIO 1 – ESCRITÓRIO 
DE PROJETOS 
Descrição Tipo de PMO 
Gerencia todos os projetos na organização Diretivo 
Fornece apoio e orientação, requer que todos os 
Controle 
projetos dentro da organização usem o SW e 
modelos de gerenciamento de projetos, mas não 
exerce o controle sobre o projeto além disso 
Coordena todos os projetos dentro da 
organização 
Controle ou 
Diretivo 
Recomenda a terminologia, modelos, relatórios e 
outros procedimentos comuns a serem usados 
em projetos por toda a organização para 
promover consistência e esforço simplificado 
Suporte 
Indica o gerente de projetos Diretivo 
Prioriza os projetos Controle ou 
Diretivo 
Tem o mais alto nível de controle sobre os 
projetos 
Diretivo
MAIS SOBRE ESCRITÓRIO DE 
PROJETOS 
 O papel do PMO deve ser definido claramente 
 Uma organização deveria inicialmente definir o papel do PMO e então 
deixar que o papel evolua para que se adapte às necessidades 
organizacionais 
 O PMO não melhorará o desempenho do projeto sem o uso de 
técnicas e processos adequados.
POSSO RESTRINGIR? 
Tempo 
Custo 
Escopo 
Qualidade 
Recursos 
Satisfação 
do Cliente 
Riscos 
Fatores que limitam as opções do Projeto
POSSO RESTRINGIR? 
Tempo Custo 
Escopo 
Qualidade 
Recursos 
Satisfação 
do Cliente 
Riscos 
Não é possível diminuir o custo sem mexer em algum outro fator.
POSSO RESTRINGIR? 
Tempo 
Recursos Custo 
O Gerente de Projetos é responsável por 
Escopo 
Qualidad 
e 
Satisfaçã 
o do 
Cliente 
Riscos 
analisar essas solicitações de mudanças e 
identificar impactos sobre todas as 
restrições por meio do controle integrado 
de mudanças. Veremos mais no 
Gerenciamento da Integração.
QUEM SE INTERESSA PELO 
PROJETO? 
Gerenciamento das Partes Interessadas 
 Quaisquer pessoas na organização ou 
organizações cujo interesses possam ser 
impactados de forma positiva ou negativa pelo 
projeto ou por seu produto. 
 Podem ser internas ou externas
QUEM SE INTERESSA PELO 
PROJETO?
ESTRUTURA 
ORGANIZACIONAL 
Funcional: 
 Forma mais comum de organização 
 Chefes e não Gerentes de Projeto 
 Funcionários e não colaboradores 
 Hierarquia 
Por Projeto: 
 Membros da equipe não possuem um cargo específico 
 Quando o projeto acaba, não há um departamento para voltar 
 Pessoal subordinado a um Gerente de Projetos 
Matricial: 
 “Dois chefes”: Gerente de Projetos e o Gerente Funcional 
 Colaborador / Funcionário emprestado a um projeto 
 Gerente de projetos é um facilitador
ESTRUTURA 
ORGANIZACIONAL – EXISTEM 
VANTAGENS E 
DESVANTAGENS? 
Vantagens Desvantagens 
Funcional É mais fácil gerenciar 
especialistas 
Membros subordinados a um 
único supervisor 
Recursos semelhantes 
agrupados 
Planos de carreira bem 
definidos 
Pessoas enfatizam mais sua 
especialidade em detrimento do 
projeto 
Não há plano de carreiras de GP 
O gerente de projetos tem pouca ou 
nenhuma autoridade 
Por Projeto Organização eficiente de 
projetos 
Lealdade da equipe ao 
projeto 
Comunicação eficaz 
Não há uma base para os membros 
da equipe quando o projeto termina 
Falta especialização em disciplinas 
Duplicação de instalação / funções 
Pode resultar em uso menos 
eficiente de recursos 
Matricial Objetivos previsíveis 
Maior controle do GP 
Mais suporte das áreas 
funcionais 
Melhor coordenação 
Requer administração extra 
Membros com mais de um chefe 
Monitoramento e controle mais 
complexos 
Alocação de recursos mais
ESTRUTURA 
ORGANIZACIONAL – EXISTEM 
VANTAGENS E 
DESVANTAGENS? 
Vantagens Desvantagens 
Funcional É mais fácil gerenciar 
especialistas 
Membros subordinados a um 
único supervisor 
Recursos semelhantes 
agrupados 
Planos de carreira bem 
definidos 
Pessoas enfatizam mais sua 
especialidade em detrimento do 
projeto 
Não há plano de carreiras de GP 
O gerente de projetos tem pouca ou 
nenhuma autoridade 
Por Projeto Organização eficiente de 
projetos 
Lealdade da equipe ao 
projeto 
Comunicação eficaz 
Não há uma base para os membros 
da equipe quando o projeto termina 
Falta especialização em disciplinas 
Duplicação de instalação / funções 
Pode resultar em uso menos 
eficiente de recursos 
Matricial Objetivos previsíveis 
Maior controle do GP 
Mais suporte das áreas 
funcionais 
Melhor coordenação 
Requer administração extra 
Membros com mais de um chefe 
Monitoramento e controle mais 
complexos 
Alocação de recursos mais
OUTRAS ITENS DA 
ESTRUTURA DE 
GERENCIAMENTO DE 
PROJETOS 
 Fatores Ambientais da Empresa = Cultura 
 Ativos de Processos Organizacionais = Processos, 
Procedimentos, Base de Conhecimento, Informações 
Históricas (Atividades, Lições Aprendidas)
CICLO DE VIDA DO PROJETO
CICLO DE VIDA DO PROJETO 
 Orientado ao Plano 
 Possuem ciclo de vida preditivos 
 Também chamado de cascata ou tradicional 
 Escopo, Cronograma e Custo definidos no início do projeto 
 Orientado à Mudança 
 Ciclos de vida iterativos, incrementais ou adaptativos (ágeis) 
 Planejamento inicial do escopo de forma ampla e que permita 
mudanças 
 Escopo é desenvolvido a cada iteração 
 Entregas completas ao final de um ciclo 
 Podem possuir tempo e/ou custo fixos
PROCESSO DE 
GERENCIAMENTO DE 
PROJETOS 
 É o que o GP necessita para gerenciar seu próprio 
trabalho 
 Processo geral de Gerenciamento de Projetos interage 
com o ciclo de vida do projeto 
 Para grandes projetos, cada fase pode possuir um ciclo 
de gerenciamento próprio.
EXERCÍCIOS 
1. Entender a cultura, políticas e procedimentos da 
organização na qual o projeto está sendo realizado é 
MAIS desafiador em: 
A. Organizações Globais 
B. Organizações de Manufatura 
C. Organizações Pequenas 
D. Organizações Ágeis
EXERCÍCIOS 
1. Entender a cultura, políticas e procedimentos da 
organização na qual o projeto está sendo realizado é 
MAIS desafiador em: 
A. Organizações Globais 
B. Organizações de Manufatura 
C. Organizações Pequenas 
D. Organizações Ágeis 
Entender a cultura, política e procedimentos em 
Organizações globais é extremamente complicado. 
Em uma localidade, os procedimentos podem ser 
Completamente diferentes de outra. E isso influencia 
Também em como o projeto será gerenciado.
EXERCÍCIOS 
2. Em uma organização por projeto, a equipe do projeto: 
A. Está subordinada a muitos chefes 
B. Não é fiel ao projeto 
C. Está subordinada ao gerente funcional 
D. Nem sempre terá uma “base”.
EXERCÍCIOS 
2. Em uma organização por projeto, a equipe do projeto: 
A. Está subordinada a muitos chefes 
B. Não é fiel ao projeto 
C. Está subordinada ao gerente funcional 
D. Nem sempre terá uma “base”. 
Por ser um projeto com início e fim, nem sempre 
Ao término o time terá um departamento funcional Uma base à qual voltar.
EXERCÍCIOS 
3. Um gerente de projetos está tentando completar um 
projeto de desenvolvimento de SW, mas não consegue 
atenção suficiente para o projeto. Os recursos estão 
concentrados na realização de trabalhos relacionados a 
processos e o GP tem pouca autoridade para atribuir os 
recursos. Em que forma de organização o GP deve estar 
trabalhando ? 
A. Funcional 
B. Matricial 
C. Facilitadora 
D. Coordenadora
EXERCÍCIOS 
3. Um gerente de projetos está tentando completar um 
projeto de desenvolvimento de SW, mas não consegue 
atenção suficiente para o projeto. Os recursos estão 
concentrados na realização de trabalhos relacionados a 
processos e o GP tem pouca autoridade para atribuir os 
recursos. Em que forma de organização o GP deve estar 
trabalhando ? 
A. Funcional 
B. Matricial 
C. Facilitadora 
D. Coordenadora 
Numa organização funcional o GP tem o menor suporte 
Para o projeto e tem pouca autoridade para designar 
Recursos. Facilitador e Coordenador são funções em uma 
Matricial fraca.
EXERCÍCIOS 
4. Um gerente de projetos tem pouquíssima experiência 
com projetos, mas foi designado como gerente em um 
novo projeto. Como estará trabalhando em uma 
organização matricial para completar este projeto, ele 
pode esperar que as comunicações sejam: 
A. Simples 
B. Abertas e Precisas 
C. Complexas 
D. Difíceis de automatizar
EXERCÍCIOS 
4. Um gerente de projetos tem pouquíssima experiência 
com projetos, mas foi designado como gerente em um 
novo projeto. Como estará trabalhando em uma 
organização matricial para completar este projeto, ele 
pode esperar que as comunicações sejam: 
A. Simples 
B. Abertas e Precisas 
C. Complexas 
D. Difíceis de automatizar 
A comunicação de uma organização 
matricial 
Envolve pessoas de toda a organização. 
Tornando assim, a comunicação mais 
complexa.
EXERCÍCIOS 
5. Um membro de uma equipe de projeto está 
conversando com outro membro e reclamando que 
muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se 
ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o 
poder de lhe dar instruções ? 
A. O Gerente de Projetos 
B. O Gerente Funcional 
C. A equipe 
D. O PMO
EXERCÍCIOS 
5. Um membro de uma equipe de projeto está 
conversando com outro membro e reclamando que 
muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se 
ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o 
poder de lhe dar instruções ? 
A. O Gerente de Projetos 
B. O Gerente Funcional 
C. A equipe 
D. O PMO
EXERCÍCIOS 
5. Um membro de uma equipe de projeto está 
conversando com outro membro e reclamando que 
muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se 
ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o 
poder de lhe dar instruções ? 
A. O Gerente de Projetos 
B. O Gerente Funcional 
C. A equipe 
D. O PMO 
Em uma organização funcional, o 
Gerente Funcional provavelmente 
também é o chefe do Gerente de 
Projetos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAyslanAnholon
 
Lista de questões projetos p1
Lista de questões projetos p1Lista de questões projetos p1
Lista de questões projetos p1Franklin D. Carv
 
Apostila fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...
Apostila   fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...Apostila   fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...
Apostila fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...Mateus Duncke de Oliveira
 
Apostila Gerenciamento de Escopo em Projetos
Apostila Gerenciamento de Escopo em ProjetosApostila Gerenciamento de Escopo em Projetos
Apostila Gerenciamento de Escopo em ProjetosLéo De Melo
 
06 recurso pitagoras
06 recurso    pitagoras06 recurso    pitagoras
06 recurso pitagorasfernandao777
 
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casosGestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casosEduardo Longo
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoPaulo Junior
 
Palestra sobre Gerenciamento de Projetos
Palestra sobre Gerenciamento de ProjetosPalestra sobre Gerenciamento de Projetos
Palestra sobre Gerenciamento de ProjetosJET e-Commerce
 
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de ProjetosApostila Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de ProjetosLéo De Melo
 
Estudo De Caso Pmbok
Estudo De Caso PmbokEstudo De Caso Pmbok
Estudo De Caso PmbokLuiz Neto
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasNei Grando
 
Aula 1 - Gestão de Projetos
Aula 1 - Gestão de ProjetosAula 1 - Gestão de Projetos
Aula 1 - Gestão de ProjetosFernando Dantas
 
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de Projetos
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de ProjetosMetodologias Ágeis em Gerenciamento de Projetos
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de ProjetosDaniel de Amaral
 
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoes
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoesGerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoes
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoesJucioliver
 
Kerzner gerenciamento de projetos uma abordagem sistêmica para o planejamen...
Kerzner gerenciamento de projetos   uma abordagem sistêmica para o planejamen...Kerzner gerenciamento de projetos   uma abordagem sistêmica para o planejamen...
Kerzner gerenciamento de projetos uma abordagem sistêmica para o planejamen...Tatiana Jatobá
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosJúnior Rodrigues
 

Mais procurados (20)

Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
 
Lista de questões projetos p1
Lista de questões projetos p1Lista de questões projetos p1
Lista de questões projetos p1
 
Apostila fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...
Apostila   fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...Apostila   fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...
Apostila fgv - gestão de projetos - pmi - gestão de projetos no contexto de...
 
Apostila Gerenciamento de Escopo em Projetos
Apostila Gerenciamento de Escopo em ProjetosApostila Gerenciamento de Escopo em Projetos
Apostila Gerenciamento de Escopo em Projetos
 
06 recurso pitagoras
06 recurso    pitagoras06 recurso    pitagoras
06 recurso pitagoras
 
Gestão de Projetos em TI
Gestão de Projetos em TIGestão de Projetos em TI
Gestão de Projetos em TI
 
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casosGestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
 
Gerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em ProjetosGerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em Projetos
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - Iniciação
 
Palestra sobre Gerenciamento de Projetos
Palestra sobre Gerenciamento de ProjetosPalestra sobre Gerenciamento de Projetos
Palestra sobre Gerenciamento de Projetos
 
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de ProjetosApostila Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Apostila Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
 
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico GonzalesGestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
 
Estudo De Caso Pmbok
Estudo De Caso PmbokEstudo De Caso Pmbok
Estudo De Caso Pmbok
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e Ferramentas
 
Aula 1 - Gestão de Projetos
Aula 1 - Gestão de ProjetosAula 1 - Gestão de Projetos
Aula 1 - Gestão de Projetos
 
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
 
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de Projetos
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de ProjetosMetodologias Ágeis em Gerenciamento de Projetos
Metodologias Ágeis em Gerenciamento de Projetos
 
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoes
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoesGerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoes
Gerenciamento de-projetos-exercicios-resolvidos-estudo-de-casos-e-simulacoes
 
Kerzner gerenciamento de projetos uma abordagem sistêmica para o planejamen...
Kerzner gerenciamento de projetos   uma abordagem sistêmica para o planejamen...Kerzner gerenciamento de projetos   uma abordagem sistêmica para o planejamen...
Kerzner gerenciamento de projetos uma abordagem sistêmica para o planejamen...
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
 

Semelhante a Estrutura de Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos - Visão Executivo
Gerenciamento de Projetos - Visão ExecutivoGerenciamento de Projetos - Visão Executivo
Gerenciamento de Projetos - Visão Executivojagrass
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos Benedito Leão
 
Lista gestão de projetos Uniube
Lista gestão de projetos UniubeLista gestão de projetos Uniube
Lista gestão de projetos UniubeAugusto Marcelino
 
Fator Humano no Gerenciamento de Projetos
Fator Humano no Gerenciamento de ProjetosFator Humano no Gerenciamento de Projetos
Fator Humano no Gerenciamento de ProjetosADVN Soluções em TI
 
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetos
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetosAula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetos
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetosMaryla78
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetosGerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetosPaulo Junior
 
gerenciamento projetos
gerenciamento projetosgerenciamento projetos
gerenciamento projetosoleinik
 
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptSeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptssuser388f65
 
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptSeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptNilton Batista
 
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçã
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçãSeminario Gerenciamento Agil apresentaçã
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçãpatriciaalipiosilva
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)Paulo Junior
 

Semelhante a Estrutura de Gerenciamento de Projetos (20)

Project Methodologies and Best Practices
Project Methodologies and Best PracticesProject Methodologies and Best Practices
Project Methodologies and Best Practices
 
Gerenciamento de Projetos - Visão Executivo
Gerenciamento de Projetos - Visão ExecutivoGerenciamento de Projetos - Visão Executivo
Gerenciamento de Projetos - Visão Executivo
 
Ciclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projetoCiclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projeto
 
Gestão de projetos
Gestão de projetosGestão de projetos
Gestão de projetos
 
Revisao 2
Revisao 2Revisao 2
Revisao 2
 
Gp fundamentos
Gp fundamentosGp fundamentos
Gp fundamentos
 
Doc.Igor_6
Doc.Igor_6Doc.Igor_6
Doc.Igor_6
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
 
GP4US - Tipologia dos Escritorios de Gerenciamento de Projetos
GP4US - Tipologia dos Escritorios de Gerenciamento de ProjetosGP4US - Tipologia dos Escritorios de Gerenciamento de Projetos
GP4US - Tipologia dos Escritorios de Gerenciamento de Projetos
 
Lista gestão de projetos Uniube
Lista gestão de projetos UniubeLista gestão de projetos Uniube
Lista gestão de projetos Uniube
 
Fator Humano no Gerenciamento de Projetos
Fator Humano no Gerenciamento de ProjetosFator Humano no Gerenciamento de Projetos
Fator Humano no Gerenciamento de Projetos
 
Webinar O PMO e a Metodologia sob Medida
Webinar O PMO e a Metodologia sob MedidaWebinar O PMO e a Metodologia sob Medida
Webinar O PMO e a Metodologia sob Medida
 
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetos
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetosAula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetos
Aula 02-definic3a7c3b5es-e-ciclo-de-vida-projetos
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetosGerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
 
gerenciamento projetos
gerenciamento projetosgerenciamento projetos
gerenciamento projetos
 
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptSeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
 
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptSeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
 
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçã
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçãSeminario Gerenciamento Agil apresentaçã
Seminario Gerenciamento Agil apresentaçã
 
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.pptSeminarioGerenciamentoAgil.ppt
SeminarioGerenciamentoAgil.ppt
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
 

Estrutura de Gerenciamento de Projetos

  • 1. ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS Alaíde Pitombeira de Freitas alaide.pitombeira@gmail. com
  • 2. OBJETIVOS Elencar pontos principais do 2º Capítulo do Livro Preparatório para o exame PMP da Rita Mulcahy: Estrutura de Gerenciamento de Projetos
  • 3. DEFINIÇÃO DE PROJETO Um projeto:  É um empreendimento temporário, com um início e um fim  Cria um produto, serviço ou resultado único Operação x Projeto  Projeto é temporário, gera um produto exclusivo, os recursos são alocados para o projeto e tem um objetivo a ser cumprido neste espaço de tempo.  Operação (Processo) é contínuo, repetitivo, o recurso é alocado por função e tem o objetivo de manter o negócio.
  • 4. E O QUE É UM ESCRITÓRIO DE PROJETOS? Por definição: “Um PMO centraliza e padroniza o gerenciamento de projetos em uma organização.” E basicamente tem três formas diferentes:  Suporte: Fornece políticas, metodologias, modelos e lições aprendidas para gerenciar projetos em uma organização. (Baixo nível de controle)  Controle: Fornece suporte e orientação na organização sobre como gerenciar projetos, treina pessoas, auxilia em ferramentas específicas e garante conformidades com as práticas organizacionais. (Nível de Controle Moderado)  Diretivo: Fornece gerentes de projetos para diferentes projetos, sendo responsável pelos resultados desses projetos. (Alto nível de controle)
  • 5. EXERCÍCIO 1 – ESCRITÓRIO DE PROJETOS Descrição Tipo de PMO Gerencia todos os projetos na organização Fornece apoio e orientação, requer que todos os projetos dentro da organização usem o SW e modelos de gerenciamento de projetos, mas não exerce o controle sobre o projeto além disso Coordena todos os projetos dentro da organização Recomenda a terminologia, modelos, relatórios e outros procedimentos comuns a serem usados em projetos por toda a organização para promover consistência e esforço simplificado Indica o gerente de projetos Prioriza os projetos Tem o mais alto nível de controle sobre os projetos
  • 6. EXERCÍCIO 1 – ESCRITÓRIO DE PROJETOS Descrição Tipo de PMO Gerencia todos os projetos na organização Diretivo Fornece apoio e orientação, requer que todos os Controle projetos dentro da organização usem o SW e modelos de gerenciamento de projetos, mas não exerce o controle sobre o projeto além disso Coordena todos os projetos dentro da organização Controle ou Diretivo Recomenda a terminologia, modelos, relatórios e outros procedimentos comuns a serem usados em projetos por toda a organização para promover consistência e esforço simplificado Suporte Indica o gerente de projetos Diretivo Prioriza os projetos Controle ou Diretivo Tem o mais alto nível de controle sobre os projetos Diretivo
  • 7. MAIS SOBRE ESCRITÓRIO DE PROJETOS  O papel do PMO deve ser definido claramente  Uma organização deveria inicialmente definir o papel do PMO e então deixar que o papel evolua para que se adapte às necessidades organizacionais  O PMO não melhorará o desempenho do projeto sem o uso de técnicas e processos adequados.
  • 8. POSSO RESTRINGIR? Tempo Custo Escopo Qualidade Recursos Satisfação do Cliente Riscos Fatores que limitam as opções do Projeto
  • 9. POSSO RESTRINGIR? Tempo Custo Escopo Qualidade Recursos Satisfação do Cliente Riscos Não é possível diminuir o custo sem mexer em algum outro fator.
  • 10. POSSO RESTRINGIR? Tempo Recursos Custo O Gerente de Projetos é responsável por Escopo Qualidad e Satisfaçã o do Cliente Riscos analisar essas solicitações de mudanças e identificar impactos sobre todas as restrições por meio do controle integrado de mudanças. Veremos mais no Gerenciamento da Integração.
  • 11. QUEM SE INTERESSA PELO PROJETO? Gerenciamento das Partes Interessadas  Quaisquer pessoas na organização ou organizações cujo interesses possam ser impactados de forma positiva ou negativa pelo projeto ou por seu produto.  Podem ser internas ou externas
  • 12. QUEM SE INTERESSA PELO PROJETO?
  • 13. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Funcional:  Forma mais comum de organização  Chefes e não Gerentes de Projeto  Funcionários e não colaboradores  Hierarquia Por Projeto:  Membros da equipe não possuem um cargo específico  Quando o projeto acaba, não há um departamento para voltar  Pessoal subordinado a um Gerente de Projetos Matricial:  “Dois chefes”: Gerente de Projetos e o Gerente Funcional  Colaborador / Funcionário emprestado a um projeto  Gerente de projetos é um facilitador
  • 14. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – EXISTEM VANTAGENS E DESVANTAGENS? Vantagens Desvantagens Funcional É mais fácil gerenciar especialistas Membros subordinados a um único supervisor Recursos semelhantes agrupados Planos de carreira bem definidos Pessoas enfatizam mais sua especialidade em detrimento do projeto Não há plano de carreiras de GP O gerente de projetos tem pouca ou nenhuma autoridade Por Projeto Organização eficiente de projetos Lealdade da equipe ao projeto Comunicação eficaz Não há uma base para os membros da equipe quando o projeto termina Falta especialização em disciplinas Duplicação de instalação / funções Pode resultar em uso menos eficiente de recursos Matricial Objetivos previsíveis Maior controle do GP Mais suporte das áreas funcionais Melhor coordenação Requer administração extra Membros com mais de um chefe Monitoramento e controle mais complexos Alocação de recursos mais
  • 15. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL – EXISTEM VANTAGENS E DESVANTAGENS? Vantagens Desvantagens Funcional É mais fácil gerenciar especialistas Membros subordinados a um único supervisor Recursos semelhantes agrupados Planos de carreira bem definidos Pessoas enfatizam mais sua especialidade em detrimento do projeto Não há plano de carreiras de GP O gerente de projetos tem pouca ou nenhuma autoridade Por Projeto Organização eficiente de projetos Lealdade da equipe ao projeto Comunicação eficaz Não há uma base para os membros da equipe quando o projeto termina Falta especialização em disciplinas Duplicação de instalação / funções Pode resultar em uso menos eficiente de recursos Matricial Objetivos previsíveis Maior controle do GP Mais suporte das áreas funcionais Melhor coordenação Requer administração extra Membros com mais de um chefe Monitoramento e controle mais complexos Alocação de recursos mais
  • 16. OUTRAS ITENS DA ESTRUTURA DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS  Fatores Ambientais da Empresa = Cultura  Ativos de Processos Organizacionais = Processos, Procedimentos, Base de Conhecimento, Informações Históricas (Atividades, Lições Aprendidas)
  • 17. CICLO DE VIDA DO PROJETO
  • 18. CICLO DE VIDA DO PROJETO  Orientado ao Plano  Possuem ciclo de vida preditivos  Também chamado de cascata ou tradicional  Escopo, Cronograma e Custo definidos no início do projeto  Orientado à Mudança  Ciclos de vida iterativos, incrementais ou adaptativos (ágeis)  Planejamento inicial do escopo de forma ampla e que permita mudanças  Escopo é desenvolvido a cada iteração  Entregas completas ao final de um ciclo  Podem possuir tempo e/ou custo fixos
  • 19. PROCESSO DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS  É o que o GP necessita para gerenciar seu próprio trabalho  Processo geral de Gerenciamento de Projetos interage com o ciclo de vida do projeto  Para grandes projetos, cada fase pode possuir um ciclo de gerenciamento próprio.
  • 20. EXERCÍCIOS 1. Entender a cultura, políticas e procedimentos da organização na qual o projeto está sendo realizado é MAIS desafiador em: A. Organizações Globais B. Organizações de Manufatura C. Organizações Pequenas D. Organizações Ágeis
  • 21. EXERCÍCIOS 1. Entender a cultura, políticas e procedimentos da organização na qual o projeto está sendo realizado é MAIS desafiador em: A. Organizações Globais B. Organizações de Manufatura C. Organizações Pequenas D. Organizações Ágeis Entender a cultura, política e procedimentos em Organizações globais é extremamente complicado. Em uma localidade, os procedimentos podem ser Completamente diferentes de outra. E isso influencia Também em como o projeto será gerenciado.
  • 22. EXERCÍCIOS 2. Em uma organização por projeto, a equipe do projeto: A. Está subordinada a muitos chefes B. Não é fiel ao projeto C. Está subordinada ao gerente funcional D. Nem sempre terá uma “base”.
  • 23. EXERCÍCIOS 2. Em uma organização por projeto, a equipe do projeto: A. Está subordinada a muitos chefes B. Não é fiel ao projeto C. Está subordinada ao gerente funcional D. Nem sempre terá uma “base”. Por ser um projeto com início e fim, nem sempre Ao término o time terá um departamento funcional Uma base à qual voltar.
  • 24. EXERCÍCIOS 3. Um gerente de projetos está tentando completar um projeto de desenvolvimento de SW, mas não consegue atenção suficiente para o projeto. Os recursos estão concentrados na realização de trabalhos relacionados a processos e o GP tem pouca autoridade para atribuir os recursos. Em que forma de organização o GP deve estar trabalhando ? A. Funcional B. Matricial C. Facilitadora D. Coordenadora
  • 25. EXERCÍCIOS 3. Um gerente de projetos está tentando completar um projeto de desenvolvimento de SW, mas não consegue atenção suficiente para o projeto. Os recursos estão concentrados na realização de trabalhos relacionados a processos e o GP tem pouca autoridade para atribuir os recursos. Em que forma de organização o GP deve estar trabalhando ? A. Funcional B. Matricial C. Facilitadora D. Coordenadora Numa organização funcional o GP tem o menor suporte Para o projeto e tem pouca autoridade para designar Recursos. Facilitador e Coordenador são funções em uma Matricial fraca.
  • 26. EXERCÍCIOS 4. Um gerente de projetos tem pouquíssima experiência com projetos, mas foi designado como gerente em um novo projeto. Como estará trabalhando em uma organização matricial para completar este projeto, ele pode esperar que as comunicações sejam: A. Simples B. Abertas e Precisas C. Complexas D. Difíceis de automatizar
  • 27. EXERCÍCIOS 4. Um gerente de projetos tem pouquíssima experiência com projetos, mas foi designado como gerente em um novo projeto. Como estará trabalhando em uma organização matricial para completar este projeto, ele pode esperar que as comunicações sejam: A. Simples B. Abertas e Precisas C. Complexas D. Difíceis de automatizar A comunicação de uma organização matricial Envolve pessoas de toda a organização. Tornando assim, a comunicação mais complexa.
  • 28. EXERCÍCIOS 5. Um membro de uma equipe de projeto está conversando com outro membro e reclamando que muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o poder de lhe dar instruções ? A. O Gerente de Projetos B. O Gerente Funcional C. A equipe D. O PMO
  • 29. EXERCÍCIOS 5. Um membro de uma equipe de projeto está conversando com outro membro e reclamando que muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o poder de lhe dar instruções ? A. O Gerente de Projetos B. O Gerente Funcional C. A equipe D. O PMO
  • 30. EXERCÍCIOS 5. Um membro de uma equipe de projeto está conversando com outro membro e reclamando que muitas pessoas estão lhe pedindo para fazer coisas. Se ele trabalha em uma organização funcional, quem tem o poder de lhe dar instruções ? A. O Gerente de Projetos B. O Gerente Funcional C. A equipe D. O PMO Em uma organização funcional, o Gerente Funcional provavelmente também é o chefe do Gerente de Projetos.