Treinamento em tempos de crise
Guarulhos, 14/07/2015
Custos de não formar seus funcionários
Sair com o caminhão de abastecimento ainda acoplado à aeronave pode custar
milhares...
Benefícios de formar mão-de-obra
E o que fazer em tempos de crise onde os recursos são escassos?
O corte de custos é funda...
Safra 11/12
Avaliações de Risco: 0
RQs / V&Vs: NA
Safra 14/15
Avaliações Risco: 16
RQs / V&Vs: 1576 (70% sobre
OPIs)
Safra...
Abastecimento de Aeronaves
• Treinamento Teórico
• Treinamento Prático
• Treinamentos Específicos
• Trabalho assistido
O p...
Benefícios em números
- 71% CEOs reportam capital humano como item mais importante de
sustentabilidade do negócio, na fren...
Conclusão
A empresa que acredita no seu negócio não deixa
de treinar seus funcionários mesmo em períodos de
crise.
Formar ...
8
www.sindicom.com.br
Ana Helena Mandelli Gleisner
anahelena@sindicom.com.br
Avenida Almirante Barroso, 52/20º andar
Rio d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

AIE: Lugagge Handling e Catering: Apresentação Ana Helena Mandelli - Sindicom

288 visualizações

Publicada em

Apresentação Ana Helena Mandelli - Sindicom

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
288
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

AIE: Lugagge Handling e Catering: Apresentação Ana Helena Mandelli - Sindicom

  1. 1. Treinamento em tempos de crise Guarulhos, 14/07/2015
  2. 2. Custos de não formar seus funcionários Sair com o caminhão de abastecimento ainda acoplado à aeronave pode custar milhares de dólares para a cia, mas um acidente aéreo causado por troca de produto no abastecimento pode custar a operação completa de uma empresa. LFI – Lessons From Incidentes (estudos de caso indústria) Troca de Produto no Abastecimento Misfuelling Dirigir com o caminhão ainda conectado Drive Away
  3. 3. Benefícios de formar mão-de-obra E o que fazer em tempos de crise onde os recursos são escassos? O corte de custos é fundamental para sobrevivência e verba de treinamento é rápida de cortar porém, segundo pesquisa de 2007 as empresas que não investem em treinamento tem 2,5 vezes mais chance que falir que as empresas que investem em treinamento. FUNCIONÁRIO: • Capaz de realizar suas tarefas • Comprometido • Motivado • Focado EMPRESA: • Consistência no discurso • Produtividade e Eficiência • Liderança mais livre • Reputação
  4. 4. Safra 11/12 Avaliações de Risco: 0 RQs / V&Vs: NA Safra 14/15 Avaliações Risco: 16 RQs / V&Vs: 1576 (70% sobre OPIs) Safra 12/13 Avaliações de Risco: 4 RQs / V&Vs: NA Safra 13/14 Avaliações de Risco: 16 RQs / V&Vs: 734 (25% sobre OPIs) • Número de Incidentes de Aviação Shell nos anos Anteriores:  2009 - 23  2010 - 30 • IA: Acidentes Classificáveis • Dados Sistema Interno: AlertaWeb Benefícios de formar mão-de-obra Histórico evolutivo - Caso Raízen / Shell Aviation Treinamento / Conscientização: • Identificação dos riscos • Aumento do número de reportes • Diminuição os incidentes
  5. 5. Abastecimento de Aeronaves • Treinamento Teórico • Treinamento Prático • Treinamentos Específicos • Trabalho assistido O prejuízo de um acidente vai muito além do que qualquer seguro pode cobrir. 180 dias
  6. 6. Benefícios em números - 71% CEOs reportam capital humano como item mais importante de sustentabilidade do negócio, na frente de marca inclusive. - Empresas de alta performance têm 84% dos funcionários treinados comparados com 16% nas empresas de pior performance econômica. - Em empresas que têm treinamento, 62% dos novos funcionários declaram que pretendem ficar na empresa. Apenas 21% declara o mesmo sobre as empresas que não treinam. - Turnover médio das empresas é de 20%. - Investimento em treinamento R$ 3.500,00/ funcionário por ano. - Custo de nova contratação: R$ 7.000,00 - Tempo de achar recursos e entrevista-los - Tempo equipe para treinar novos funcionários - Queda de produtividade no período de transição
  7. 7. Conclusão A empresa que acredita no seu negócio não deixa de treinar seus funcionários mesmo em períodos de crise. Formar seus funcionários é a melhor maneira de reduzir custos e melhorar a performance da empresa.
  8. 8. 8 www.sindicom.com.br Ana Helena Mandelli Gleisner anahelena@sindicom.com.br Avenida Almirante Barroso, 52/20º andar Rio de Janeiro – RJ Tel.: (21) 2122.7676

×