SlideShare uma empresa Scribd logo

Plasticos E Meio Ambiente

ProfªThaiza Montine
ProfªThaiza Montine
ProfªThaiza MontineProfessora de Química em CPMG - AS, CEJA, Educandário Sol Nascente, CRECIEM

Slides da RES BRASIL, encontrados na internet. Material muuuuuito bom!!

Plasticos E Meio Ambiente

1 de 48
Baixar para ler offline
Plásticos e o Meio Ambiente
O Estado de São Paulo 19/10/2002
56% * FATO CERCA DE 56% DO LIXO PLÁSTICO É  COMPOSTO POR EMBALAGENS USADAS.  ¾ DISTO É PROVENIENTE DO USO DOMÉSTICO .
1 MILHÃO POR MINUTO. *FATO O MUNDO CONSOME 1 MILHÃO DE SACOS PLÁSTICOS POR MINUTO, O QUE SIGNIFICA QUASE 1,5 BILHÃO POR DIA E MAIS DE 500 BILHÕES POR ANO. É O RESÍDUO QUE MAIS POLUI AS CIDADES, CAMPOS. PREJUDICA A VIDA ANIMAL, ENTOPE A DRENAGEM URBANA E RIOS, CONTRIBUINDO PARA INUNDAÇÕES.  Fonte revista New Scientist 11/09/2004
*FATO PRODUZIMOS E USAMOS ATUALMENTE 20  VEZES MAIS PLÁSTICOS QUE HÁ 50 ANOS.
40 QUILOS *FATO CADA FAMÍLIA BRASILEIRA DESCARTA CERCA DE 40 QUILOS DE PLÁSTICOS POR ANO.
Anúncio

Recomendados

Campanha Contra O Uso Do Saco Plastico
Campanha Contra O Uso Do Saco PlasticoCampanha Contra O Uso Do Saco Plastico
Campanha Contra O Uso Do Saco PlasticoJoana Bicalho Félix
 
A triste historia dos sacos plasticos descartaveis
A triste historia dos sacos plasticos descartaveisA triste historia dos sacos plasticos descartaveis
A triste historia dos sacos plasticos descartaveisstefanofaustini
 
Lixo Marinho: Faça parte da solução!
Lixo Marinho: Faça parte da solução!Lixo Marinho: Faça parte da solução!
Lixo Marinho: Faça parte da solução!Daniel Gomes
 
Plasticos e Meio Ambiente
Plasticos e  Meio AmbientePlasticos e  Meio Ambiente
Plasticos e Meio AmbienteClaudia Costa
 
Uruguaiana 2 mundstock agosto 2010
Uruguaiana 2 mundstock  agosto 2010Uruguaiana 2 mundstock  agosto 2010
Uruguaiana 2 mundstock agosto 2010Pastizalesdelconosur
 
Slides floricultura e feira verde de ouriçangas meio ambiente
Slides floricultura e feira verde de ouriçangas meio ambienteSlides floricultura e feira verde de ouriçangas meio ambiente
Slides floricultura e feira verde de ouriçangas meio ambienteSEAGRI/EBDA
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação de proposta de Compostagem Doméstica
Apresentação de proposta de Compostagem DomésticaApresentação de proposta de Compostagem Doméstica
Apresentação de proposta de Compostagem DomésticaAmanda Selivon
 
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale palestra fencafé - 05 de m...
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale   palestra fencafé  - 05 de  m...Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale   palestra fencafé  - 05 de  m...
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale palestra fencafé - 05 de m...Revista Cafeicultura
 
Artigo jornal PE
Artigo jornal PEArtigo jornal PE
Artigo jornal PESofia Lemos
 
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARES
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARESQUÍMICA PROF. JURANDIR SOARES
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARESPré-Enem Seduc
 
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...Revista Cafeicultura
 
Adubação cafeeiro - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...
Adubação cafeeiro  - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...Adubação cafeeiro  - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...
Adubação cafeeiro - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...Revista Cafeicultura
 
O mal das sacolas plasticas
O mal das sacolas plasticasO mal das sacolas plasticas
O mal das sacolas plasticasGonzalo Abio
 
Escrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaEscrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaFCVSA
 
Projecto agua apresentação
Projecto agua apresentaçãoProjecto agua apresentação
Projecto agua apresentaçãopasseixas
 

Mais procurados (20)

Semana da Água
Semana da ÁguaSemana da Água
Semana da Água
 
Apresentação de proposta de Compostagem Doméstica
Apresentação de proposta de Compostagem DomésticaApresentação de proposta de Compostagem Doméstica
Apresentação de proposta de Compostagem Doméstica
 
Você sabia
Você sabiaVocê sabia
Você sabia
 
Pontal Verde-Azul
Pontal Verde-AzulPontal Verde-Azul
Pontal Verde-Azul
 
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale palestra fencafé - 05 de m...
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale   palestra fencafé  - 05 de  m...Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale   palestra fencafé  - 05 de  m...
Café uso eficaz dos fertilizantes helio casale palestra fencafé - 05 de m...
 
Artigo jornal PE
Artigo jornal PEArtigo jornal PE
Artigo jornal PE
 
Seca adultos pouparagua
Seca adultos pouparaguaSeca adultos pouparagua
Seca adultos pouparagua
 
Oral portugués
Oral portuguésOral portugués
Oral portugués
 
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARES
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARESQUÍMICA PROF. JURANDIR SOARES
QUÍMICA PROF. JURANDIR SOARES
 
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...
Técnicas para melhorar a fração biológica do solo para a utilização na cafeic...
 
Adubação cafeeiro - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...
Adubação cafeeiro  - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...Adubação cafeeiro  - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...
Adubação cafeeiro - MANEJO DA FERTILIDADE DOS SOLOS E ADUBAÇÃO EQUILIBRADA P...
 
Sacolas Plásticas
Sacolas PlásticasSacolas Plásticas
Sacolas Plásticas
 
Slide sobre o lixo
Slide sobre o lixoSlide sobre o lixo
Slide sobre o lixo
 
O mal das sacolas plasticas
O mal das sacolas plasticasO mal das sacolas plasticas
O mal das sacolas plasticas
 
Escrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaEscrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova história
 
Crise da água
Crise da águaCrise da água
Crise da água
 
Apresentação Wiliam
Apresentação WiliamApresentação Wiliam
Apresentação Wiliam
 
Projecto agua apresentação
Projecto agua apresentaçãoProjecto agua apresentação
Projecto agua apresentação
 
Dia da Água, Phoebe e Lewis
Dia da Água, Phoebe e LewisDia da Água, Phoebe e Lewis
Dia da Água, Phoebe e Lewis
 
Dinâmica de populações
Dinâmica de populaçõesDinâmica de populações
Dinâmica de populações
 

Destaque (19)

Radioatividade - profª Nília
Radioatividade - profª NíliaRadioatividade - profª Nília
Radioatividade - profª Nília
 
Make your own glyph
Make your own glyphMake your own glyph
Make your own glyph
 
Exercício_distribuição_eletrônica
Exercício_distribuição_eletrônicaExercício_distribuição_eletrônica
Exercício_distribuição_eletrônica
 
Química - Tabela periódica
Química - Tabela periódicaQuímica - Tabela periódica
Química - Tabela periódica
 
PolíMeros - Prof Thaiza
PolíMeros - Prof ThaizaPolíMeros - Prof Thaiza
PolíMeros - Prof Thaiza
 
Tabela periodica
Tabela periodicaTabela periodica
Tabela periodica
 
TermoquíMica
TermoquíMicaTermoquíMica
TermoquíMica
 
AtomíStica
AtomíSticaAtomíStica
AtomíStica
 
A QuíMica No Nosso Dia A Dia
A QuíMica No Nosso Dia A DiaA QuíMica No Nosso Dia A Dia
A QuíMica No Nosso Dia A Dia
 
Aula atomistica
Aula atomisticaAula atomistica
Aula atomistica
 
A estrutura do átomo
A estrutura do átomoA estrutura do átomo
A estrutura do átomo
 
power point de química professor Vinicius
power point de química professor Vinicius power point de química professor Vinicius
power point de química professor Vinicius
 
ATOMÍSTICA-INTRODUÇÃO
ATOMÍSTICA-INTRODUÇÃOATOMÍSTICA-INTRODUÇÃO
ATOMÍSTICA-INTRODUÇÃO
 
Distribuição eletrônica
Distribuição eletrônicaDistribuição eletrônica
Distribuição eletrônica
 
Química distribuição eletronica
Química   distribuição eletronicaQuímica   distribuição eletronica
Química distribuição eletronica
 
Distribuição Eletrônica - Diagrama de Linus Pauling
Distribuição Eletrônica - Diagrama de Linus PaulingDistribuição Eletrônica - Diagrama de Linus Pauling
Distribuição Eletrônica - Diagrama de Linus Pauling
 
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto baseCampanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
 
O átomo
O átomoO átomo
O átomo
 
Átomos
ÁtomosÁtomos
Átomos
 

Semelhante a Plasticos E Meio Ambiente

Semelhante a Plasticos E Meio Ambiente (20)

Plasticos e-meio-ambiente1819
Plasticos e-meio-ambiente1819Plasticos e-meio-ambiente1819
Plasticos e-meio-ambiente1819
 
Res plasticos e_o_meio_ambiente
Res plasticos e_o_meio_ambienteRes plasticos e_o_meio_ambiente
Res plasticos e_o_meio_ambiente
 
Livro projeto telaris capitulo 7 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 7 ciencias 6º anoLivro projeto telaris capitulo 7 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 7 ciencias 6º ano
 
Ambiente - Prof. Rozeni - Eja Fidel Zanchetta
Ambiente - Prof. Rozeni - Eja Fidel ZanchettaAmbiente - Prof. Rozeni - Eja Fidel Zanchetta
Ambiente - Prof. Rozeni - Eja Fidel Zanchetta
 
Ambiente
AmbienteAmbiente
Ambiente
 
Apresentaçãoalunoseco escola
Apresentaçãoalunoseco escolaApresentaçãoalunoseco escola
Apresentaçãoalunoseco escola
 
Reciclagem
ReciclagemReciclagem
Reciclagem
 
A água do Planeta
A água do PlanetaA água do Planeta
A água do Planeta
 
Planeta água (mazza)
Planeta água (mazza)Planeta água (mazza)
Planeta água (mazza)
 
áGua engarrafada pesquisa
áGua engarrafada pesquisaáGua engarrafada pesquisa
áGua engarrafada pesquisa
 
FALANDO DE ÁGUA - O RISCO DAS GARRAFAS PETs
FALANDO DE ÁGUA -  O RISCO DAS GARRAFAS PETsFALANDO DE ÁGUA -  O RISCO DAS GARRAFAS PETs
FALANDO DE ÁGUA - O RISCO DAS GARRAFAS PETs
 
Falando de agua
Falando de aguaFalando de agua
Falando de agua
 
Reflexões sobre sustentabilidade
Reflexões sobre sustentabilidadeReflexões sobre sustentabilidade
Reflexões sobre sustentabilidade
 
Slides do projeto água
Slides do projeto águaSlides do projeto água
Slides do projeto água
 
Falando de agua
Falando de aguaFalando de agua
Falando de agua
 
Falando De Agua
Falando De AguaFalando De Agua
Falando De Agua
 
Falando de Água
Falando de ÁguaFalando de Água
Falando de Água
 
Falando de agua
Falando de aguaFalando de agua
Falando de agua
 
Falando de água
Falando de águaFalando de água
Falando de água
 
Falando+de+agua
Falando+de+aguaFalando+de+agua
Falando+de+agua
 

Mais de ProfªThaiza Montine

Conexão XXI - Camisetas feitas de PET
Conexão XXI - Camisetas feitas de PETConexão XXI - Camisetas feitas de PET
Conexão XXI - Camisetas feitas de PETProfªThaiza Montine
 
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJA
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJATermoquímica textos complementares 2012 - CEJA
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJAProfªThaiza Montine
 
Termoquímica complementar i-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica   complementar i-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica   complementar i-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar i-cpmg.as e pmvr-2011ProfªThaiza Montine
 
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011ProfªThaiza Montine
 
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011ProfªThaiza Montine
 
Cinética química para CPMG.PMVR e AS
Cinética química para CPMG.PMVR e ASCinética química para CPMG.PMVR e AS
Cinética química para CPMG.PMVR e ASProfªThaiza Montine
 
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010ProfªThaiza Montine
 
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010ProfªThaiza Montine
 
ForçAs Intermoleculares - ProfºPyt
ForçAs Intermoleculares - ProfºPytForçAs Intermoleculares - ProfºPyt
ForçAs Intermoleculares - ProfºPytProfªThaiza Montine
 
Benefícios da Radiação Na Agricultura
Benefícios da Radiação Na AgriculturaBenefícios da Radiação Na Agricultura
Benefícios da Radiação Na AgriculturaProfªThaiza Montine
 
Benefícios da Radiação - Raios X
Benefícios da Radiação - Raios XBenefícios da Radiação - Raios X
Benefícios da Radiação - Raios XProfªThaiza Montine
 
Benefícios da Radiação - Introdução
Benefícios da Radiação - IntroduçãoBenefícios da Radiação - Introdução
Benefícios da Radiação - IntroduçãoProfªThaiza Montine
 

Mais de ProfªThaiza Montine (20)

Conexão XXI - Camisetas feitas de PET
Conexão XXI - Camisetas feitas de PETConexão XXI - Camisetas feitas de PET
Conexão XXI - Camisetas feitas de PET
 
Uma breve história da química
Uma breve história da química Uma breve história da química
Uma breve história da química
 
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJA
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJATermoquímica textos complementares 2012 - CEJA
Termoquímica textos complementares 2012 - CEJA
 
Estrutura atômica
Estrutura atômica Estrutura atômica
Estrutura atômica
 
Termoquímica complementar i-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica   complementar i-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica   complementar i-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar i-cpmg.as e pmvr-2011
 
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar ii-cpmg.as e pmvr-2011
 
Termoquímica cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica cpmg.as e pmvr-2011
 
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011
Termoquímica complementar iii-cpmg.as e pmvr-2011
 
Propriedades coligativas
Propriedades coligativasPropriedades coligativas
Propriedades coligativas
 
Ensaio260
Ensaio260Ensaio260
Ensaio260
 
Concentrações de soluções
Concentrações de soluçõesConcentrações de soluções
Concentrações de soluções
 
Cinética química para CPMG.PMVR e AS
Cinética química para CPMG.PMVR e ASCinética química para CPMG.PMVR e AS
Cinética química para CPMG.PMVR e AS
 
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010
Termoquímica cpmg-pmvr e as - 2010
 
SoluçõEs - Completo
SoluçõEs - CompletoSoluçõEs - Completo
SoluçõEs - Completo
 
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010
Breve Estudo Sobre QuíMica E MúSica - turmas 2010
 
ForçAs Intermoleculares - ProfºPyt
ForçAs Intermoleculares - ProfºPytForçAs Intermoleculares - ProfºPyt
ForçAs Intermoleculares - ProfºPyt
 
Benefícios da Radiação Na Agricultura
Benefícios da Radiação Na AgriculturaBenefícios da Radiação Na Agricultura
Benefícios da Radiação Na Agricultura
 
Benefícios da Radiação - Raios X
Benefícios da Radiação - Raios XBenefícios da Radiação - Raios X
Benefícios da Radiação - Raios X
 
Benefícios da Radiação - Introdução
Benefícios da Radiação - IntroduçãoBenefícios da Radiação - Introdução
Benefícios da Radiação - Introdução
 
Fusão e Fissão Nuclear
Fusão e Fissão NuclearFusão e Fissão Nuclear
Fusão e Fissão Nuclear
 

Último

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...pj989014
 
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsAlexandre Oliveira
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoPaula Meyer Piagentini
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfAnaRitaFreitas7
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...AaAssessoriadll
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!Psyc company
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOColaborar Educacional
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfkeiciany
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfkeiciany
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...manoelaarmani
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA - ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA -  ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA -  ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA - ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdfalexandrerodriguespk
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfAndreiaSilva852193
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
 
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e AppsApresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
Apresentação Aula Usabilidade Web Jogos e Apps
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
 
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADOPROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
PROJETO DE EXTENSÃO I - SERVIÇO SOCIAL/SERVIÇO SOCIAL - BACHARELADO
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 6º ANO.pdf
 
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdfPLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
PLANO DE CURSO 2O24- ENSINO RELIGIOSO 9º ANO.pdf
 
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
Transforme seu Corpo em Casa_ Dicas e Estratégias de Rotinas de Exercícios Si...
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA - ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA -  ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA -  ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA - ESTRELAS - MODELO DO UNIVERSO VOLUME 6.pdf
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
 
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
3° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
1. Ciente das novas dinâmicas do mundo do trabalho, você deve pesquisar e des...
 

Plasticos E Meio Ambiente

  • 1. Plásticos e o Meio Ambiente
  • 2. O Estado de São Paulo 19/10/2002
  • 3. 56% * FATO CERCA DE 56% DO LIXO PLÁSTICO É COMPOSTO POR EMBALAGENS USADAS. ¾ DISTO É PROVENIENTE DO USO DOMÉSTICO .
  • 4. 1 MILHÃO POR MINUTO. *FATO O MUNDO CONSOME 1 MILHÃO DE SACOS PLÁSTICOS POR MINUTO, O QUE SIGNIFICA QUASE 1,5 BILHÃO POR DIA E MAIS DE 500 BILHÕES POR ANO. É O RESÍDUO QUE MAIS POLUI AS CIDADES, CAMPOS. PREJUDICA A VIDA ANIMAL, ENTOPE A DRENAGEM URBANA E RIOS, CONTRIBUINDO PARA INUNDAÇÕES. Fonte revista New Scientist 11/09/2004
  • 5. *FATO PRODUZIMOS E USAMOS ATUALMENTE 20 VEZES MAIS PLÁSTICOS QUE HÁ 50 ANOS.
  • 6. 40 QUILOS *FATO CADA FAMÍLIA BRASILEIRA DESCARTA CERCA DE 40 QUILOS DE PLÁSTICOS POR ANO.
  • 7. 80% *FATO MAIS DE 80% DE TODOS OS PLÁSTICOS SÃO USADOS APENAS UMA VEZ E DEPOIS DESCARTADOS.
  • 8. 1 BILHÃO *FATO A CADA MÊS, 1 BILHÃO DE SACOS PLÁSTICOS SÃO DISTRIBUÍDOS PELOS SUPERMERCADOS NO BRASIL.ISTO SIGNIFICA 33 MILHÕES POR DIA E 12 BILHÕES POR ANO. OU 66 SACOS PLÁSTICOS PARA CADA BRASILEIRO POR MÊS.
  • 9. 800 QUILOS *FATO 800 QUILOS DE PLÁSTICOS FORAM ENCONTRADOS NO ESTÔMAGO DE UMA BALEIA MORTA NA NORMANDIA. A CADA ANO MORREM MILHARES DE TARTARUGAS, BALEIAS, FOCAS E PÁSSAROS NAS MESMAS CONDIÇÕES.
  • 10. O Estado de São Paulo 13/04/2004
  • 11. 15% *FATO 15% DOS RESÍDUOS DA COLETA SELETIVA NO BRASIL É COMPOSTO POR PLÁSTICOS. Fonte IBGE dados 2003
  • 12. 2.177.799 TONELADAS POR ANO *FATO 2.177.799 TONELADAS DE RESÍDUOS PLÁSTICOS PÓS CONSUMO FORAM GERADOS NO BRASIL EM 2004. DESTE TOTAL APENAS 359.133 TONELADAS FORAM RECICLADOS. Fonte: IBGE
  • 13. 1.818.666 TON / ANO *FATO 1.818.666 TONELADAS DE RESÍDUOS PLÁSTICOS PÓS CONSUMO VIRARAM LIXO NO BRASIL EM 2004. FORAM PARAR NOS ATERROS, NOS LIXÕES E NO MEIO AMBIENTE
  • 14. 83,5% *FATO SOMENTE 16,5% DOS RESÍDUOS PLÁSTICOS PÓS CONSUMO SÃO RECICLADOS NO BRASIL, OU SEJA, 83,5% DESTES RESÍDUOS NÃO SÃO RECICLADOS. Fonte IBGE dados 2003
  • 15. 6.871 QUILOS POR DIA *FATO 6.871 QUILOS DE RESÍDUOS PLÁSTICOS FORAM COLETADOS NO ESTADO DE SÃO PAULO NO DIA MUNDIAL DE LIMPEZA DE RIOS E PRAIAS. 25/09/2004. Fonte: AMA – The Ocean Concervancy
  • 16.  
  • 17. Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias – 2005 …trechos do release final… Por iniciativa da ONG The Ocean Conservancy (USA) o “ Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias” é um dos programas internacionais de meio ambiente mais inspiradores e efetivos do mundo, em que voluntários trabalham, unindo grupos que pensam o mesmo através do globo em uma limpeza massiva mundial do meio ambiente natural. Este ano estamos comemorando 20 anos desde o primeiro mutirão, e hoje, mais de um milhão de voluntários em mais de 120 países já participam desta campanha no mundo. ... Eram voluntários de 5 a 73 anos que limparam mais de 15 km de praias. Este ano, além das praias do Guaiúba, Tombo, Astúrias, Pitangueiras, Enseada, Pernambuco e Perequê, incluímos no mutirão a Prainha Branca e Praia Preta, na região conhecida como “Rabo do Dragão”. O vilão em todas elas continua o plástico : são restos de brinquedos, garrafas pet, copos descartáveis, sacos e o que mais chamou a atenção dos voluntários foi a grande quantidade de canudinhos e de tampas de garrafa pet. Os voluntários não sabiam mais como fazer para contá-los! O resultado do plástico no ambiente marinho é sempre o mesmo: um desastre! Ele demora cerca de 100 anos para se decompor e no ambiente marinho, muitas vezes são interpretados pelos animais marinhos como águas-vivas, ovas de peixes e são engolidos por esses animais, só que o plástico não faz parte da dieta deles... Pensando nisso, este ano utilizamos durante a campanha sacos oxi-biodegradáveis doados pela RES Brasil, que são ecologicamente corretos. … No Guarujá, este evento é coordenado pela AMA – Amigos do Meio Ambiente e contou com o apoio da UNAERP – Campus Guarujá, VI Fiberglass Foam, Acquamundo, da Zorovich&Maranhão, da Secretaria de Meio Ambiente de Guarujá, além da Polícia Ambiental e do Corpo de Bombeiros. A nível estadual, contamos com o apoio do Instituto Terra e Mar, NEC e Coca-Cola. Heloisa Prado Pinto Coordenadora do Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias/Guarujá AMA – Amigos do Meio Ambiente amagja@terra.com.br - Tel.: (13)3354-3188 / 9722-9709
  • 18. 60% *FATO MAIS DE 60% DOS RESÍDUOS ENCONTRADOS NAS PRAIAS SÃO PLÁSTICOS.
  • 19. VIRA MORTE DE ANIMAIS *FATO ANIMAIS MORREM SUFOCADOS AO INGERIR EMBALAGENS PLÁSTICAS AOCONFUNDI-LASCOM ALIMENTO.
  • 20. 400 ANOS *FATO PLÁSTICOS PODEM LEVAR MAIS DE 400 ANOS PARA SE DECOMPOR NO MEIO AMBIENTE.
  • 21. 89% *FATO 89% DAS CIDADES BRASILEIRAS NÃO POSSUEM ATERROS SANITÁRIOS ADEQUADOS. 20.000 TONELADAS DE LIXO DOMICILIAR NÃO SÃO COLETADOS NO BRASIL, DISPERSANDO-SE NAS RUAS E ASSOREIAM OS RIOS, LEVADOS PELO VENTO E PELA CHUVA. MAIS DA METADE DAS CIDADES BRASILEIRAS MANTÉM SEUS RESÍDUOS EM LIXÕES A CÉU ABERTO. Fonte PNDA / IBGE
  • 22. MILHARES DE QUILÔMETROS *FATO FOI DESCOBERTA UMA ÁREA DE MILHARES DE QUILOMETROS QUADRADOS NO FUNDO DO OCEANO PACÍFICO, COALHADAS DE LIXO, PRINCIPALMENTE PLÁSTICO. Fonte. Revista New Scientist
  • 23. VIRA LIXO *FATO EMBALAGENS PLÁSTICAS QUANDO NÃO CORRETAMENTE DESCARTADAS, COLETADAS E RECICLADAS VIRAM LIXO.
  • 24. VIRA INUNDAÇÃO *FATO EMBALAGENS PLÁSTICAS JOGADAS NAS RUAS, AVENIDAS E CÓRREGOS, ENTOPEM O SISTEMA DE DRENAGEM PLUVIAL DAS CIDADES.
  • 25. 90% *FATO CERCA DE 90% DAS EMBALAGENS PLÁSTICAS VIRAM LIXO 6 MESES DEPOIS DE COMPRADAS.
  • 26. *FATO SE VOCÊ ALINHAR TODOS OS COPOS PLÁSTICOS DESCARTÁVEIS FABRICADOS EM APENAS UM DIA, ELES FARÃO UM CIRCULO AO REDOR DA TERRA.
  • 27. 50% *FATO MAIS DE 50% DOS RESÍDUOS ENCONTRADOS NO MAR É COMPOSTO DE ALGUMA FORMA DE PLÁSTICO.
  • 28. VIRA PREJUÍZO *FATO AGRAVADAS PELO DESCARTE ERRADO DE EMBALAGENS PLÁSTICAS, AS ENCHENTES CAUSAM TRANSTORNOS E PREJUÍZOS FINANCEIROS À TODOS.
  • 29. VIRA INVESTIMENTO SEM RESULTADOS *FATO TODOS OS INVESTIMENTOS VISANDO PREVENIR A OCORRÊNCIA DE INUNDAÇÕES SÃO COMPROMETIDOS PELO ACUMULO DE EMBALAGENS PLÁSTICAS DESCARTADAS INCORRETAMENTE.
  • 30. VIRA PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA *FATO O CONTATO HUMANO COM ÁGUA CONTAMINADA DAS ENCHENTES CAUSA DOENÇAS, ENTRE ELAS A LEPTOSPIROSE. POÇAS DE ÁGUA TAMBÉM PODEM SERVIR DE CRIADOURO DO MOSQUITO TRANSMISSOR DA DENGUE.
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34.  
  • 35. 80% *FATO 80% DO 1 BILHÃO DE SACOLAS DE COMPRAS PRODUZIDAS E DISTRIBUÍDAS POR MÊS, NO BRASIL, VIRAM SACOS PARA LIXO DOMÉSTICO. PODEM SER VISTOS EM TODOS OS LUGARES OU ESTÃO DENTRO DE OUTROS SACOS PARA LIXO.
  • 36. *FATO A CAPACIDADE DOS ATERROS SANITÁRIOS E LIXÕES FICA COMPROMETIDA PELO GRANDE VOLUME DE PLÁSTICOS. OS PLÁSTICOS TAMBÉM CAUSAM A IMPERMEABILIZAÇÃO E INSTABILIDADE DESTAS ÁREAS. FORMAM BOLSÕES DE GAZES E NA MAIORIA DAS VEZES RETARDAM A DEGRADAÇÃO DOS DEMAIS RESÍDUOS.
  • 37. O QUE TODOS PODEM E DEVEM FAZER PARA MUDAR ESTA REALIDADE?
  • 38. > SEPARAR SEUS PRÓPRIOS RESÍDUOS, ENTRE RECICLÁVEIS E NÃO RECICLÁVEIS; > NÃO DESCARTAR QUALQUER TIPO DE RESÍDUO, PLÁSTICO OU NÃO, NO MEIO AMBIENTE; > INCENTIVAR NOVAS GERAÇÕES ATRAVÉS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL; > APOIAR E FACILITAR A RECICLAGEM; > REUTILIZAR EMBALAGENS QUANDO POSSÍVEL; > REDUZIR O CONSUMO DE EMBALAGENS; > DAR PREFERÊNCIA AO CONSUMO DE PRODUTOS COM POUCA EMBALAGEM OU QUE UTILIZEM EMBALAGENS 100% DEGRADÁVEIS E RECICLÁVEIS; > COMPRAR EM ESTABELECIMENTOS QUE UTILIZEM PEQUENAS QUANTIDADES DE EMBALAGENS, OU QUE UTILIZEM EMBALAGENS 100% DEGRADÁVEIS E RECICLÁVEIS.
  • 39. CAMINHOS… * FATO HOJE JÁ É REALIDADE NO MUNDO E TAMBÉM NO BRASIL O USO DE EMBALAGENS PLÁSTICAS COM CONCEITO DE RÁPIDA E TOTAL DEGRADAÇÃO.
  • 40. CAMINHOS… * FATO DESDE 2003, MAIS DE 2.400 TONELADAS DE EMBALAGENS PLÁSTICAS TOTALMENTE DEGRADÁVEIS JÁ FORAM PRODUZIDAS E CONSUMIDAS NO BRASIL.
  • 41. CAMINHOS NATURAIS… * FATO ESTAS EMBALAGENS DEPOIS DE CORRETAMENTE DESCARTADAS, SERÃO RÁPIDA E NATURALMENTE DEGRADADAS, RESULTANDO EM APENAS ÁGUA, PEQUENA QUANTIDADE DE DIÓXIDO DE CARBONO E BIOMASSA.
  • 42. CAMINHOS SEGUROS… * FATO A OXI-BIODEGRADAÇÃO DESTAS EMBALAGENS NÃO DEIXA NENHUM TIPO DE RESÍDUO NOCIVO AO MEIO AMBIENTE.
  • 43. CAMINHOS RECICLÁVEIS… * FATO EMBALAGENS COM ESTE CONCEITO SÃO RECICLÁVEIS POR PROCESSOS COMUNS, TAIS COMO: MECÂNICA, ENERGÉTICA OU QUÍMICA.
  • 44. CAMINHOS CONFIÁVEIS… * FATO EMBALAGENS COM ESTE CONCEITO SÃO APROVADAS PARA CONTATOS COM ALIMENTOS.
  • 45. * FATO EMBALAGENS COM ESTE CONCEITO ESTÃO SENDO ADOTADOS POR MUITOS NO BRASIL. DENTRE OS QUAIS, BOTICÁRIO, NATURA, INTERNATIONAL PAPER ( CHAMEX ECO ), CEF, PETROBRÁS, IDEC, GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO, ENTRE TANTOS OUTROS.
  • 46. * FATO MAIS DE 50 EMPRESAS ESTÃO ATUALMENTE LICENCIADAS PELA RES BRASIL PARA A FABRICAÇÃO DE EMBALAGENS OXI-BIODEGRADÁVEIS, COM TECNOLOGIA D2W .
  • 47. ESTE É O CAMINHO PROPOSTO PELA RES BRASIL PARA CONTRIBUIR DE FORMA SEGURA E DEFINITIVA, PARA A REDUÇÃO DOS PROBLEMAS AMBIENTAIS CAUSADOS PELAS EMBALAGENS PLÁSTICAS QUE NÃO SÃO RECICLADAS OU REAPROVEITADAS.
  • 48. OBRIGADO ! WWW.RESBRASIL.COM.BR [email_address] (19) 3871 5185