Educador(a) cristãoem tempos de mudança                          Afonso Murad        (Nova Versão de O educador e a Escola...
Tempos de mudança... Nova percepção de tempo e de espaço. Ambiguidade: imensas possibilidades para o  Bem, enormes manif...
Crescer como pessoa  Atuar com profissionalismo       Transmitir valores   Cultivar a EspiritualidadeParticipar da Pastora...
1. CRESCER COMO            PESSOA Cuidar de si sem  egocentrismo. Cultivar o olhar de  encantamento e  alegria. Exercit...
Sou do mundo... Desenvolver o capital cultural. Conectar-se com múltiplas linguagens.
2. PROFISSIONALISMO• Estudar sobre as infâncias e as juventudes• Atualizar-se na sua área de conhecimento.• Conhecer as me...
Múltiplas dimensões da Escola                 cristã Instituição educacional:  reelabora o conhecimento,  produz e dissem...
O aluno(a) para nós é:   Educando   Interlocutor da evangelização   Cliente   Cidadão planetário
3. TESTEMUNHAR ETRANSMITIR VALORES
Uma parábola: As cores das flores www.youtube.com/watch?v=s6NNOeiQpPM
O que são valores? Algo que é precioso para a  pessoa, a ponto de  renunciar a algo bom para  mantê-lo. Aquilo que dá su...
 As novas gerações tem poucas raízes emuitas antenas. Captam valores, mas é difícil             perseverar neles.
Valores clássicos a resgatar Ser do bem: optar pelo bem,  mesmo que isso não traga  recompensa imediata nem  reconhecimen...
Novos valores a cultivar Corporeidade: corpo como espaço  carnal da pessoa e da  transcendência. Nem repressão,  nem deva...
Como a escola educa para valores Elaborar de forma participativa seu projeto  pedagógico e colocá-lo em prática. Possibi...
Empreender práticas diferenciadas       Pensar as práticas        Identificar valores      Cultivar novas atitudes
4. CULTIVAR A ESPIRITUALIDADE
ESPIRITUALIDADE Cultivo da relação com o sagrado, que dá  consolo, esperança e sentido para a a  existência. Vivência da...
Cultivo pessoal da espiritualidade Manter-se enraizado(a) em Deus. Exercitar a entrega, a ação de graças e a  súplica. ...
5. PARTICIPAR DA PASTORAL Tomar parte nos processos explícitos de  evangelização Colaborar no bom clima das relações: o ...
Cada educador(a) é convidado a continuar e recriar o carisma    dos(as) fundadores(as)
CONCLUSÕES ABERTAS: Como    ser Educador(a) cristão   em tempos de mudança?
Crescer como pessoaAtuar com profissionalismo     Partilhar valores Cultivar a Espiritualidade  Participar da Pastoral
www.afonsomurad.blogspot.com              twitter: afonsomuradMaterial instrucional destinado a        educadores(as)
O educador cristão em tempos de mudança (afonso murad)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O educador cristão em tempos de mudança (afonso murad)

1.649 visualizações

Publicada em

Nova versão de "O educador e a escola em pastoral",

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.649
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
72
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O educador cristão em tempos de mudança (afonso murad)

  1. 1. Educador(a) cristãoem tempos de mudança Afonso Murad (Nova Versão de O educador e a Escola em pastoral) www.afonsomurad.blogspot.com
  2. 2. Tempos de mudança... Nova percepção de tempo e de espaço. Ambiguidade: imensas possibilidades para o Bem, enormes manifestações do Mal. Simultaneidade: o velho e o novo convivem um ao lado do outro (justapostos ou em conflito) Rapidez impulsionada pelas novidades tecnológicas, deixando a sensação de que estamos atrasados. Crise de valores: a fragmentação da pessoa.-> Como sobreviver e ser educador nestecontexto?
  3. 3. Crescer como pessoa Atuar com profissionalismo Transmitir valores Cultivar a EspiritualidadeParticipar da Pastoral na escola
  4. 4. 1. CRESCER COMO PESSOA Cuidar de si sem egocentrismo. Cultivar o olhar de encantamento e alegria. Exercitar o autoconhecimento. Ampliar sua capacidade de ouvir e
  5. 5. Sou do mundo... Desenvolver o capital cultural. Conectar-se com múltiplas linguagens.
  6. 6. 2. PROFISSIONALISMO• Estudar sobre as infâncias e as juventudes• Atualizar-se na sua área de conhecimento.• Conhecer as melhores práticas e partilhar conquistas -> gestão do conhecimento.• Inovar processos de ensino-aprendizagem.• Exigir seus direitos e cumprir seus deveres• Compreender a complexidade da escola católica.
  7. 7. Múltiplas dimensões da Escola cristã Instituição educacional: reelabora o conhecimento, produz e dissemina a cultura, socializa as novas gerações, vive e explicita valores, apresenta resultados acadêmicos. Espaço de evangelização: forma lideranças de cristãos e cidadãos. Negócio: presta serviços educacionais e garante sua continuidade com eles. Filantrópica: Faz parte do terceiro setor e promove ações sociais.
  8. 8. O aluno(a) para nós é: Educando Interlocutor da evangelização Cliente Cidadão planetário
  9. 9. 3. TESTEMUNHAR ETRANSMITIR VALORES
  10. 10. Uma parábola: As cores das flores www.youtube.com/watch?v=s6NNOeiQpPM
  11. 11. O que são valores? Algo que é precioso para a pessoa, a ponto de renunciar a algo bom para mantê-lo. Aquilo que dá suporte para orientar nossas escolhas, justificar as atitudes, as ações e os hábitos. Princípios que regem as nossas ações, influenciando a tomada de decisões.
  12. 12.  As novas gerações tem poucas raízes emuitas antenas. Captam valores, mas é difícil perseverar neles.
  13. 13. Valores clássicos a resgatar Ser do bem: optar pelo bem, mesmo que isso não traga recompensa imediata nem reconhecimento social (inteireza, honestidade). Respeito ao outro(s): aceitar as exigência da convivência, ser flexível, articular interesses pessoais com o do grupo. Superar o egocentrismo. Autodisciplina: fazer opções e renunciar às outras possibilidades. Concentrar suas energias para alcançar os resultados pretendidos. Crescer na paciência e
  14. 14. Novos valores a cultivar Corporeidade: corpo como espaço carnal da pessoa e da transcendência. Nem repressão, nem devassidão. Consciência ecológica: sentir-se parte de um imenso todo (elementos vitais, seres vivos, humanos). Assumir atitudes em vista da sustentabilidade. Inclusão: acolher as deficiências e as diferenças (étnicas, culturais, de gênero) Consciência religiosa e tolerância: reconhecer-se na sua religião e respeitar a dos outros.
  15. 15. Como a escola educa para valores Elaborar de forma participativa seu projeto pedagógico e colocá-lo em prática. Possibilitar experiências de vida que interpelem as religiosas e os educadores leigos. Refletir e partilhar sobre estas experiências, de forma a descobrir os valores que daí afloram. Fazer experiências de aprendizagem com os alunos e com eles discernir valores.
  16. 16. Empreender práticas diferenciadas Pensar as práticas Identificar valores Cultivar novas atitudes
  17. 17. 4. CULTIVAR A ESPIRITUALIDADE
  18. 18. ESPIRITUALIDADE Cultivo da relação com o sagrado, que dá consolo, esperança e sentido para a a existência. Vivência da fé que motiva as ações e alimenta nossas convicções. Jeito de viver o seguimento de Jesus, conforme o carisma. A espiritualidade se expressa em ritos e devoções, mas não se reduz a isso.
  19. 19. Cultivo pessoal da espiritualidade Manter-se enraizado(a) em Deus. Exercitar a entrega, a ação de graças e a súplica. Meditar a Palavra de Deus Ter uma comunidade de referência. Fazer silêncio e se retirar, nos momentos mais exigentes. Exercitar a oração de discernimento e assumir o risco das decisões. A cada ano fazer seu projeto pessoal de vida e revisitá-lo periodicamente.
  20. 20. 5. PARTICIPAR DA PASTORAL Tomar parte nos processos explícitos de evangelização Colaborar no bom clima das relações: o caminho do coração Fazer sua parte em iniciativas cidadãs: sociais e ecológicas.-> O salto: sinergia dos setores pastoral,pedagógico e administrativo, em vista de“Escola em pastoral”.
  21. 21. Cada educador(a) é convidado a continuar e recriar o carisma dos(as) fundadores(as)
  22. 22. CONCLUSÕES ABERTAS: Como ser Educador(a) cristão em tempos de mudança?
  23. 23. Crescer como pessoaAtuar com profissionalismo Partilhar valores Cultivar a Espiritualidade Participar da Pastoral
  24. 24. www.afonsomurad.blogspot.com twitter: afonsomuradMaterial instrucional destinado a educadores(as)

×