7 chaves consciência planetaria (Afonso Murad)

2.046 visualizações

Publicada em

Apresentação destinada a educadores, agentes sociais, empreendedores e líderes religiosos, acerca da educação para a cidadania planetária

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.046
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
375
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
58
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

7 chaves consciência planetaria (Afonso Murad)

  1. 1. 7 CHAVES DA CONSCIÊNCIA PLANETÁRIA Diálogo das Ciências Ambientais com a Teologia Afonso Murad www.ecologiaefe.blogspot.com
  2. 2. Caminhamos para a consciência de que somosfilhos da Terra e responsáveis pelo futurode nossa casa comum.
  3. 3. Cidadania planetária leva à superação das exclusõessociais e econômicas e integra a diversidade cultural,religiosa, étnica e de gênero.
  4. 4. O círculo da consciência planetária Encantamento IndignaçãoInformação Visão Sistêmica Mística Atitudes pessoais Ações coletivas
  5. 5. 1. EncantamentoFazer a experiência sensível de sentir-se parte doecossistema. Apreciar sua beleza e encantar-se.
  6. 6. Admirar, sentir o cheiro, o sabor...
  7. 7. Tocar, provar...
  8. 8. Ver, ouvir, mergulhar...
  9. 9. Mergulhar...
  10. 10. O encantamento mobiliza para:• Manter um coração de criança.• Querer saber mais.• Desenvolver o cuidado.• Reverenciar o mistério que está em todos os seres.O contato sensível reequilibra os filhos da geração virtual.
  11. 11. 2. IndignaçãoQuando o ser humano está com o coração sintonizadono Bem e a consciência atenta à realidade, não aceitacomo normal as situações de degradação do meioambiente e das pessoas.
  12. 12. As crianças e os jovens são potencialmente sensíveis.Basta oferecer-lhes oportunidades para que vejam,reflitam e se posicionem. A indignação move à açãotransformadora.E os adultos?
  13. 13. Encantamento: Indignação: dá sabor, desperta a mantém a consciência, alegria,suscita atitudes. revigora.
  14. 14. 3. InformaçãoExiste muita informação disponível. Trata-se de relacioná-la com a visão sistêmica e distinguir o essencial dosecundário.
  15. 15. Informação A atual forma de extração, produção, consumo e descarte está levando o nosso planeta ao esgotamento:• Diminuição de disponibilidade de água potável.• Mudanças climáticas.• Salinização das áreas férteis.• Lento envenenamento por agrotóxico e fertilizantes.• Crescente exigência de energia, impactando no ecossistema.• Perda da biodiversidade.Assim: destruição do equilíbrio ecológico e perda da qualidade de vida para os seres humanos.
  16. 16. 4. Visão sistêmica: ecologia Ciência ECOLOGIA Paradigma Ética
  17. 17. A ecologia é:• A ciência da teia da vida, da interdependência entre todos os seres da nossa casa comum.• A ética que chama a todos para deter a destruição do planeta e se empenhar pela sociedade sustentável.• Um modelo de compreensão sobre o ser humano (paradigma) e suas relações com os outros seres.
  18. 18. Sustentabilidade ecológica: os estilos de vida, osnegócios, as atividades culturais, educativas epastorais, as estruturas físicas e as tecnologiasdevem manter os ciclos da vida.Vamos oferecer às futuras gerações (humanas e dosoutros seres) as mesmas oportunidades que nóstemos. “Pensa no filhote do filhote que ainda vai nascer...”
  19. 19. Princípios da alfabetização ecológica (Fritof Capra)1. A matéria e a energia circulam continuamente pela teia da vida.2. A energia que sustenta os ciclos ecológicos vem do Sol.
  20. 20. 3. Nenhum ecossistema produz resíduos. A sobra de uma espécie serve de alimento para outra.
  21. 21. Reciclagem: favorecer o ciclo de vida dos produtos
  22. 22. 4. A biodiversidade assegura o equilíbrio das comunidades vivas (resiliência).
  23. 23. 5. A vida conquistou o planeta não somente pela força, e sim por cooperação, parcerias e trabalho em rede.
  24. 24. Princípios da ecoalfabetização (Fritjof Capra)• A matéria e a energia circulam continuamente pela teia da vida. A energia que sustenta os ciclos ecológicos vem do Sol.• Nenhum ecossistema produz resíduos. A sobra de uma espécie serve de alimento para outra.• A biodiversidade assegura o equilíbrio das comunidades vivas (resiliência).• A vida conquistou o planeta não somente pela força, e sim por cooperação, parcerias e trabalho em rede -> Interdependência.
  25. 25. A sobrevivência da humanidade dependerá de nossa alfabetização ecológica: capacidade de compreender os princípios básicos da ecologia e viver de acordo com eles (F. Capra)
  26. 26. 5. Mística ecológica Busca um sentido integrador da existência pessoal, coletiva e cósmica. Propõe um novo estilo de vida, mais saudável e responsável. Evolução espiritual: integração das pulsões, autoconhecimento, equilíbrio energético, meditação.
  27. 27. Biblia e Ecologia• A bíblia não fala explicitamente de ecologia: a questão ainda não tinha aflorado na consciência da humanidade.• Há muitas questões modernas que não têm resposta direta na bíblia.• É possível articular a visão científica da evolução da matéria com a fé no Deus criador.• Jesus nos dá o Espírito Santo, para atualizar sua mensagem (Jo 16:12-13).
  28. 28. Novo olhar na teologia da criaçãoGn 1:1 - 2,4a- Relato sacerdotal, não científico, mas poético- Governar a terra e não ser submisso a nenhum outro ser (Gn 1:28)- Centro do relato: o sábado. Descansar em Deus, em sintonia com os outros seres.Gn 2:4b-25- Somos feitos da terra e do sopro de Deus (Gn 2:7)- Jávé coloca o ser humano no seu jardim, para que ele cultive e cuide dele (Gn 2:15)
  29. 29. A TRINDADE NA CRIAÇÃO• Deus-comunidade é o princípio de tudo o que existe. Viemos da Trindade e para Ela voltaremos.• A biodiversidade e a diversidade humana têm seu fundamento no Deus uno e trino.• A criação ainda não terminou. O Espírito de Deus está atuando nos ciclos de matéria e energia.
  30. 30. Salmo 104É um hino a Deus, como Senhor da vida.Bendiga a Javé, ó minha alma! Javé meu Deus como ésgrande! (v.1)Recorda a beleza dos ecossistemas, os seres abióticos e bióticos (solo, água, firmamento, árvores, pássaros, animais, lua-sol, humanos). Reconhece a importância da biodiversidade e do ciclagem.Como são numerosas as tuas obras, Senhor. A todasfizeste com sabedoria. A terra está repleta das tuascriaturas (v. 24) Retiras das criaturas a respiração e elasmorrem, voltando ao seu pó. Envias o teu Espírito e elassão criadas, e assim renovas a face da terra (v. 30)
  31. 31. A água, o ar e o solo são mais do que matéria prima. Sãoelementos geradores de vida, concedidos a todos.Reverência e respeito ao ecossistema. O ser humano não éDeus.
  32. 32. O Espírito criador e vivificador está em todos os seres. Brotadaí o louvor, a alegria, a gratuidade, o reconhecimento dovalor deles.
  33. 33. • O ecossistema participa das conquistas humanas: É na alegria que vocês vão sair, e serão conduzidos na paz. Na passagem de vocês, montanhas e colinas explodirão em aclamações, e todas as árvores do campo baterão palmas (Is 55,12s).
  34. 34. Jesus ama profundamenteo mundo em que Ele viveu.
  35. 35. O sagrado está em todas as realidades, dando-lhes de sentido e direção.
  36. 36. A ressurreição de Jesus é o sinal da vitória do Bem e daVida sobre as negatividades da história humana e doscosmos.
  37. 37. Somos os administradores do nosso planeta. Precisamos cuidar bem dele.
  38. 38. 6. Atitudes Pessoais• Consumo consciente: escolha de produtos e serviços sustentáveis.• Adoção de práticas individuais e familiares.• Iniciativas simples: economia de água e energia, separação de resíduos.• Quais são suas atitudes pessoais em relação ao meio ambiente?
  39. 39. 7. Ações coletivasEducação Políticasambiental públicas Gestão ambiental Governança nas global organizações
  40. 40. Educação ambiental• Cria nova mentalidade e atitudes na relação do ser humano com o nosso planeta.• Muda a percepção do mundo e dos valores que nos orientam.• Apura a sensibilidade, faz refletir sobre o sentido da atuação humana, provoca ações individuais e coletivas
  41. 41. Aprendizagem com e pela arte
  42. 42. Gestão Ambiental• Somatório de processos que visam diminuir o impacto ambiental de uma organização sobre o ambiente, em vista da sustentabilidade possível.• Aspectos a considerar:- Como sua atividade impacta sobre o meio ambiente?- Que mudanças realizar, de forma a diminuir o impacto negativo sobre o ambiente?- Como formar a consciência das pessoas para se envolver nesta causa?- Que mecanismos utilizar para disseminar as experiências bem sucedidas?
  43. 43. Há que se cuidar do broto, pra que a vidanos dê flor e frutos... (Miltom Nascimento)
  44. 44. O círculo da consciência planetária Encantamento IndignaçãoInformação Visão Sistêmica Mística Atitudes pessoais Ações coletivas
  45. 45. Para saber mais:• AAVV. Como cuidar do seu meio ambiente. BEI, 2006.• Freire Dias, Genebaldo. Ecopercepção. Um resumo didático dos desafios sócioambientais. Gaia, 2004.• Freire Dias, Genebaldo. 40 contribuições pessoais para a sustentabilidade. Gaia, 2005.• Trigueiro, André (org.). Meio ambiente no século XXI. Sextante, 2003.• Capra, Fritjof (org.) Alfabetização ecológica. Cultrix, 2006.• Abdalla de Moura, L.A, Qualidade e Gestão Ambiental. Ed. J.O, 2008
  46. 46. Texto didático e instrucional. Versão 2012-2Autoria: Afonso Murad www.ecologiaefe.blogspot.com twitter.com/afonsomurad

×