Trauma torax..

3.491 visualizações

Publicada em

1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.491
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
140
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trauma torax..

  1. 1. ATENDIMENTOATENDIMENTO PRÉ-HOSPITALARPRÉ-HOSPITALAR TRAUMA DE TÓRAX
  2. 2. INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO • O trauma de tórax é responsável por uma em cada quatro mortes de origem traumática; • Isto se deve a que na caixa torácica encontram-se órgãos e estruturas , vitais para a sobrevivência como coração, grandes vasos (aorta, tronco bráquiocefálico, veia cava superior, artéria e veias pulmonares, artéria e veias subclávias, etc.) pulmões, esôfago, diafragma; • Estes quando lesados interferem em duas funções fundamentais como a ventilação e circulação sanguínea.
  3. 3. ANATOMIAANATOMIA
  4. 4. FISIOLOGIAFISIOLOGIA RespiraçãoRespiração • Inspiração (ativa): entrada de ar nos pulmões através da traquéia, brônquios, bronquíolos até os alvéolos: – Contração dos músculos intercostais, acessórios e diafragma. • Expiração (passiva)
  5. 5. Hematose • Troca de gases entre o sangue (hemácias, e o ar dos alvéolos pulmonares); • Oxihemoglobina; • Carboxihemoglobina. COCO22 OO22
  6. 6. • Circulação: leva oxigênio e nutrientes essenciais para a vida das células; • Sístole; • Diástole; • Grande circulação; • Pequena circulação.
  7. 7. Grande CirculaçãoGrande Circulação Pequena CirculaçãoPequena Circulação
  8. 8. CLASSIFICAÇÃOCLASSIFICAÇÃO • Trauma Aberto – Penetrante; – Não penetrante.
  9. 9. • Trauma Fechado Impacto LateralImpacto Lateral Impacto FrontalImpacto Frontal
  10. 10. • Trauma Fechado CompressãoCompressão Diafragma Válvula Aórtica DesaceleraçãoDesaceleração
  11. 11. TIPOS DE LESÕESTIPOS DE LESÕES • Pneumotórax – Simples; – Hipertensivo. • Hemotórax; • Hemopneumotórax; • Tórax instável; • Fratura de Costela; • Contusão Pulmonar; • Ruptura da Aorta; • Contusão Miocárdio; • Tamponamento Cardíaco; • Hérnia diafragmática; • Lesão do esôfago.
  12. 12. Pneumotórax HipertensivoPneumotórax Hipertensivo Desvio do Mediastino • Sinais e Sintomas – Desvio da traquéia; – Jugulares ingurgitadas; – Hipertimpanismo; – Alteração de ausculta; – Dispnéia; – Diminuição da expansibilidade torácica; – Hipotensão Arterial.
  13. 13. • Tratamento: – Oxigênio – 10 a 15 l/min; – Transporte rápido ou Médico no local; – Descompressão com agulha; – Drenagem torácica.
  14. 14. HemotóraxHemotórax • Sinais e Sintomas – Choque (depende da quantidade e da velocidade da perda); – Alteração de ausculta; – Macicez; – Dispnéia; – Desvio da traquéia (hemotórax maciço).
  15. 15. Tratamento –Oxigênio; –Aquecer; –Transporte rápido ou –Médico no local • Acesso venoso no deslocamento • Drenagem de tórax se apresentar sinais de hipertensão (hemotórax maciço ou hemopneumotórax); • Avaliar a distância do hospital; –Transporte Aeromédico.
  16. 16. Fratura de CostelasFratura de Costelas Sinais e Sintomas Dor; Dispnéia; Respiração superficial; Crepitação; Enfisema de subcutâneo. Associado a: Hemotórax; Pneumotórax; Hemopneumotórax; Tórax instável; Contusão pulmonar.
  17. 17. Tórax InstávelTórax Instável Sinais e Sintomas – Respiração paradoxal; – Dispnéia; – Crepitação. Tratamento: – Oxigênio; – Médico no local: • Intubação; • Ventilação mecânica; • Restrição de soro; • Drenagem torácica.
  18. 18. Contusão PulmonarContusão Pulmonar Sinais e Sintomas – Dispnéia progressiva; – Secreção espumosa (rósea); – Alteração de ausculta; – Ruídos respiratórios. Tratamento: – Oxigênio; – Transporte ou – Médico no local • Intubação; • Ventilação; • Drenagem; • Restrição de soro.
  19. 19. Enfisema de SubcutâneoEnfisema de Subcutâneo Sinais e Sintomas – Dispnéia; – Inchaço na face e tronco; – Compressão com sensação de crepitação. Tratamento: – Oxigênio; – Transporte ou – Médico no local: • Intubação; • Ventilação; • Drenagem.
  20. 20. Ruptura da AortaRuptura da Aorta • Desaceleração/quedas de grande altura; • Alargamento do mediastino; • Choque. Tratamento: – Transporte hospital adequado; – Oxigênio; – Médico no Local: • Acesso venoso.
  21. 21. Tamponamento CardíacoTamponamento Cardíaco Geralmente lesões penetrantes Sinais e Sintomas – Jugulares ingurgitadas; – Abafamento de bulhas; – Hipotensão arterial. Tratamento: – Oxigênio; – Transporte; – Médico no local: • Acesso venoso; • Monitorização; • Pericardiocentese; • Janela pericárdica.
  22. 22. Toracotomia de EmergênciaToracotomia de Emergência • Indicação excepcional; • Em lesões penetrantes; • Dissociação eletromecânica; • PCR ao entrar no PS ou na chegada.
  23. 23. Ruptura do DiafragmaRuptura do Diafragma Contusão (esmagamento do abdome); Lesão penetrante; Sinais e Sintomas: – Dispnéia; – Alteração na ausculta; – Abdome escavado; – Ruídos intestinais no tórax. Tratamento: – Oxigênio; – Transporte; – Não aumentar a pressão do abdome.
  24. 24. ResumoResumo • As lesões torácicas estão associadas a grande morbidade/mortalidade; • Identificar adequadamente os sinais e sintomas; • Correlacionar com o mecanismo da lesão; • Geralmente requerem transporte rápido ao hospital; • Poucos procedimentos podem ser feitos pelo socorrista no atendimento pré-hospitalar; • Acionar o médico e transportar rápido; • Sempre dar oxigênio; • Particularidades no transporte aeromédico.
  25. 25. Clique para voltar ao Início de TRAUMA DE TÓRAX Clique para voltar ao ÍNDICE

×