Depressão geral

511 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
511
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Depressão geral

  1. 1. DepressãoDepressão
  2. 2. DepressãoDepressão• A depressão é um distúrbio que afeta o corpo, ohumor e o pensamento. Altera o apetite e o sono,a forma como a pessoa se sente e como pensa.• Sua característica essencial é o humor deprimidoou triste na maior parte do tempo, por umperíodo mínimo de duas semanas.
  3. 3. Manifestações da depressão• Somáticas alterações do sono; alterações do apetite; redução da libido; retardo psicomotor; fadiga; dores.• Cognitivas redução da atenção; redução da capacidadede concentração; redução da memória defixação; percepção negativa desi próprio e do mundo
  4. 4. • Sensoriais alucinações auditivas.Manifestações da depressão• Pensamento culpa; baixa autoestima; morte/suicídio; idéias delirantes.• Outras redução da capacidadede sentir prazer; ansiedade; irritabilidade.
  5. 5. Causas da depressãoCausas da depressão Teoria genética; Teoria psicodinâmica; Teoria social; Teorias biológicas.
  6. 6. Teoria Genética• Transmissão genética da depressão.• História familiar de mania, depressão oualcoolismo• O fator genético é mais evidente para adepressão bipolar do que para a unipolar.
  7. 7. Teoria Psicodinâmica• Pessoas com baixa auto-estima,pessimistas ou muito sensíveis stress sãomais propensas à depressão.
  8. 8. Teoria Social• Pelo fato da depressão ser mais comum em áreasurbanas do que rurais e duas vezes maisfreqüente em mulheres do que em homens, fazsupor haver um fator social relevante para odesenvolvimento da depressão.
  9. 9. • Quando não há depressão, os neurotransmissoresmonoaminérgicos (serotonina e noradrenalina) sãoliberados na sinapse em ritmo normal.• Todos os elementos reguladores do neurônio estãonormais:– a enzima monoaminoxidase (MAO)– a bomba de recaptação de monoaminas,– os receptores pós-sinápticasTeorias Biológicas
  10. 10. Teorias BiológicasHipótese Monoaminérgica da Depressão• Postulava que a depressão se deve à deficiênciade neurotransmissores em sinapsesmonoaminérgicas.• Não explica a demora para a melhora dadepressão com o uso de antidepressivos
  11. 11. Hipótese de Ação Antidepressiva por Modificaçãode Sensibilidade dos ReceptoresPropõe que as alterações na sensibilidade dosreceptores, observadas após administraçãocrônica de medicamentos, estão relacionadas aomecanismo de ação antidepressiva.Teorias Biológicas
  12. 12. Teorias Biológicas• O efeito clínico dos antidepressivos não secorrelaciona temporalmente com o aumento deneurotransmissores (NT), mas sim com aadaptação de receptores.
  13. 13. Classificação da depressão:• Causa :– primária (sem uma causa detectável) ;– secundária à doenças físicas ou medicamentos.• Sintomas :– unipolar :sem episódios de mania– bipolar : sintomas intercalados ou concomitantes demania• Gravidade :– leve, moderada ou grave• Componente Genético :– de acordo com os casos existentes na família
  14. 14.  Depressão unipolar Distimia Depressão BipolarTipos de depressão:
  15. 15. Depressão unipolar : ocorrência de um ou mais episódiosdepressivos de grau leve, moderado ougrave sem episódios de mania.Tipos de depressão:
  16. 16. Distimia: chamada de “doença do mau-humor”. é uma forma menos grave de depressão, porémcrônica a pessoa apresenta oscilações depressivas dehumor, desâmino, irritabilidade, ansiedade.Tipos de depressão:
  17. 17. Depressão Bipolar: caracterizada por oscilações cíclicas do humorentre “altos” (mania) e “baixos” (depressão); geralmente estas oscilações são graduais.Tipos de depressão:
  18. 18. Depressão melancólica ou endógena: forma grave; sintomas piores pela manhã; retardo ou agitação psicomotora; anedonia; despertar matinal precoce;Depressão atípica: a pessoa consegue se alegrar com estímulos agradáveis; hipersonia aumento de apetite; ansiedade acentuada; queixas fóbicas.Sub-tipos de depressão:
  19. 19. Depressão sazonal depressão relacionada à luminosidade diurna; episódios que se repetem no outono/inverno; mais freqüente em países com inverno rigoroso; melhora com fototerapia.Depressão com sintomas psicóticos paciente apresenta delírios e alucinações; forma rara, porém grave.Depressão pós-parto modificações hormonais e de vida causadas pelo parto; ocorre entre a 2asemana e 12omês após o parto.Sub-tipos de depressão:
  20. 20. Critérios Diagnósticos de umEpisódio Depressivo Humor deprimido na maior parte do tempo, quase todos os dias; Perda de interesse ou prazer (anedonia) em todas ou quase todas as atividades(incluindo atividade sexual) na maior parte do tempo, quase todos os dias; Alteração do apetite e/ou perda ou ganho de peso, sem estar em dieta (+/- 5%do peso corporal em um mês); Insônia ou hipersonia quase todos os dias; Agitação ou retardo psicomotor quase todos os dias; Fadiga ou perda de energia quase todos os dias; Sentimento de inutilidade ou culpa excessiva ou inadequada; Capacidade ↓ de pensar ou concentrar-se, ou indecisão, quase todos os dias; Pensamentos recorrentes de morte (não apenas medo de morrer),idéias ou tentativa de suicídio. Para o diagnóstico da depressão, é necessária a presençade 5 dos sintomas acima, sendo obrigatoriamente umdestes, humor deprimido ou anedonia, por período de pelomenos duas semanas
  21. 21. Tratamento da depressão• Eliminar os sintomas;• Restaurar a atividade psicossocial e ocupacional• Reduzir o potencial de suicídio;• Reduzir a probabilidade de recaída e recorrênciaPrincipais objetivos do tratamento da depressão
  22. 22. Tratamento da depressão tratamento farmacológico, com medicamentosantidepressivos; psicoterapia; combinação de medicamentos e psicoterapia; eletroconvulsoterapia (ECT).
  23. 23. Vantagens• Redução do tempo para remissão• Facilidade de administração• Efeito mais rápido, custo menor e menor dispêndiode tempo do que a psicoterapia• Eficácia em até 70% dos casos, em todas as formasde depressãoTratamento Farmacológico daDepressão
  24. 24. Fases do Tratamento da Depressão• Fase AgudaCom o tratamento da fase aguda pretende-se obter a remissão;• Fase de ContinuaçãoO tratamento de continuação visa impedir a recaída (volta dossintomas até 6 meses após a remissão)• Tratamento de ManutençãoO tratamento de manutenção tem por objetivo impedir arecorrência (ocorre até 2 anos após o término do tratamento decontinuação).
  25. 25. “Normalidade”SintomasRespostaRemissãoDuraçãoGravidadeRecaídaRecaídaRecuperaçãoRecorrênciaSíndromeProgressãoparatranstornoFases dotratamentoAgudo(6-12 semanas)Continuação(4-9 meses)Manutenção(1 ano oumais anos)

×