Apresentação1

125 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Apresentação1

  1. 1. Introdução Cadastro técnico Multifinalitário Armazenamento Disponibilização Cadastro técnico Multifinalitário Armazenamento e disponibilização de informações Auxilia no processo de análise de dados de um determinado lugar econômicos jurídicos geométricos ambientais sociais
  2. 2. • com a aplicação do CTM existe a possibilidade de utilização dos dados para apoiar importantes diagnósticos que levem a propostas eficientes para soluções de problemas na administração pública. CTM: pode ser considerado o grande diferencial no planejamento urbano Dados Especialistas Informação A análise espacial facilita a visualização e interpretação dos dados. Geo: obtenção de dados, muitas vezes um dado q parece insignificante pode ser o
  3. 3. • dados Georreferenciados em Sistemas de Informações Geográficas. • o uso de SIGs em aplicações urbanas possibilita a análise, documentação, modelagem, desenho, implementação e gestão de todas as situações, no território que requerem a intervenção da administração pública local, desde seu estudo até a definição das políticas de intervenção. Base Só é possível tomar uma decisão certa do que se tem informação.
  4. 4. • utilizam para as análises a linguagem Structured Query Language (SQL) • È uma linguagem de manipulação, de informações provenientes de um banco de dados relacional que segue um padrão mundial. • SIGs deixam a desejar quando se fala em interface amigável, o CTM é utilizado por profissionais de diferentes áreas, porém a falta de conhecimento pelos profissionais muitas vezes faz com que as informações sejam subutilizadas. SIGs
  5. 5. • Vantagem: possibilita uma rápida aprendizagem pelos diversos profissionais que utilizarão as informações do CTM. Fácil análise dos dados, estão todos em um único sistema • Para testar os algoritmos utilizados para construção do programa utilizou-se dados referentes a área, perímetro e testada, obtidos a partir do Google earth e dados reais coletados a campo a partir da aplicação de um Boletim de Informações Cadastrais (BIC) similar ao utilizado pela Prefeitura Municipal de Santa Maria/RS Construção de aplicativo com interface amigável
  6. 6. • Problema• Deficiência em metodologias claras e objetivas para implementação do CTM, cada prefeitura acaba utilizando uma receita diferenciada elaborada a partir da interpretação própria das leis vigentes, o que faz com que o cálculo do Imposto Territorial sobre a Propriedade Urbana (IPTU) seja muito parecido na maioria das prefeituras, porém com especificidades que variam entre municípios. Problema
  7. 7. • Crescimento rápido e sem planejamento das cidades brasileiras • Implantação do CTM se analisado a curto prazo é oneroso aos cofres públicos porém uma vês implantado o mesmo pode servir como base para o planejamento e desenvolvimento municipal. • Para a implantação do CTM exige-se o trabalho integrado de profissionais de diversas áreas, porém tal multidisciplinaridade torna dispendioso aos planejadores municipais manusear os dados e obter conhecimento, de certa forma que o desenvolvimento de um sistema de interface amigável, que facilite tal acesso por profissionais das mais variadas áreas pode facilitar a interpretação dos dados e consecutivamente a tomada de decisão. Justificativa
  8. 8. • Geral : • Criar uma metodologia de implementação do CTM, de fácil armazenamento e consulta dos dados. • Específicos • Criar um aplicativo de interface amigável; • Realizar interação dos dados geográficos com o Google Maps/Earth, facilitando a visualização e interpretação dos dados. Objetivo
  9. 9. • Foi possível construir um aplicativo de interface amigável, que ao ser incrementado com a linguagem SQL e funções lógicas possibilitou além do acesso e visualização dos dados o refinamento da consulta levando-se em consideração campos e dados específicos. • A consulta aos dados em uma série de shapes, planilhas e gráficos deixa um pouco a desejar, de certa maneira que a utilização de algoritmos específicos possibilita a visualização das informações refinadas sobre o Google Earth. • A espacialização das informações facilita a tomada de decisão. No aplicativo é possível a visualização dos dados para a região de estudo, porém o mesmo não possui restrições quanto a quantidade de dados, podendo ser utilizado para qualquer cidade sem prejuízos no processamento dos dados. • O aplicativo possibilita a geração de um relatório fictício do IPTU, sendo que não focou-se na construção da melhor metodologia para a constituição da equação, fato que não impede a correção desta e utilização para geração da guia de IPTU. Conclusões
  10. 10. • AMORIN, A.; SOUZA, A. M. R. M.; SOUZA, E. R. P. Utilização do cadastro territorial multifinalitário na gestão de riscos. Disponível em: <http://www.uc.pt/fluc/nicif/riscos/Documentacao/Congres sos/Apresentacoes_ICI_VENR/50->. Acesso em 09 dez.13. • MALAMAN, C. S.; AMORIM, A. Utilizanção de softwares livres no cadastro técnico multifinalitário de pequenos municípios. III Simpósio Brasileiro de Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação - Recife - PE, 27-30 de Julho de 2010. • PIUMETO, M. Usos y aplicaciones de los Sistemas de Información Geográfica. In: Notas do Curso: Aplicaciones Del Catastro Multifinalitário en la Definición de Políticas de Suelo Urbano. Massachussets: Lincoln Institute for Land Policies – Educación a Distancia, 2006. Referências
  11. 11. Topografia Geomarketing Licenciamento ambiental Obtenção e tratamento de dados Produtos de sensoriamento remoto Mapas e plantas Georreferenciados

×