CALOGÊNSE A PARTIR DE EXPLANTES FOLIARES JOVENS DE MACAÚBA1
CULTIVADOS IN VITRO.2
ANA PAULA DE SOUZA ANDRADE1
, THAIS ROSE...
MATERIAL E MÉTODOS32
Folhas imaturas foram extraídas de planta de macaúba (Acesso 26) de aproximadamente33
quatro anos de ...
A auxina Picloram aplicada na concentração de 90 μM induziu maior número de explantes a62
formar calos (15 %), porém com o...
À Petrobrás e à FAPEMIG pelo auxílio financeiro à pesquisa e a CAPES e CNPq pela91
concessão das bolsas de estudo.92
REFER...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Calogênse a partir de explantes foliares jovens de macaba cultivados in vitro ana andrade final

242 visualizações

Publicada em

Artigo publicado nos anais do Congresso Brasileiro de Macaúba, em 2013.

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
242
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
43
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Calogênse a partir de explantes foliares jovens de macaba cultivados in vitro ana andrade final

  1. 1. CALOGÊNSE A PARTIR DE EXPLANTES FOLIARES JOVENS DE MACAÚBA1 CULTIVADOS IN VITRO.2 ANA PAULA DE SOUZA ANDRADE1 , THAIS ROSELI CORRÊA2 , MANUELA MARIA3 CAVALCANTE GRANJA2 , DÉBORA DURSO NEVES CAETANO3 E SÉRGIO YOSHIMITSU4 MOTOIKE4 5 6 INTRODUÇÃO7 8 Apesar do reconhecido potencial econômico da palmeira macaúba (Acrocomia aculeata9 (Jacq.) Lood. Ex Martius), sua exploração ainda ocorre de forma extrativista em populações nativas,10 atividade esta cercada de limitações que impossibilita o fornecimento adequado de matéria prima o11 que denota a necessidade de plantios racionais e o desenvolvimento de tecnologias associadas ao12 sistema de cultivo.13 A cultura de tecidos vegetais, como biotecnologia, apresenta vários benefícios para14 agricultura e mais especificamente, para os programas de melhoramento genético de plantas, tendo15 diferentes aplicações práticas como a clonagem de genótipos superiores (CARVALHO &16 ARAÚJO, 2007).17 Para clonagem de plantas e obtenção de plantas idênticas à planta matriz, o processo a ser18 utilizado é a embriogênese somática, técnica esta que constitui ferramenta de grande importância19 para espécies que não apresentam propagação vegetativa como a macaúba (Acrocomia aculeata20 (Jacq.) Lood. ex Mart.), pois viabiliza a propagação de plantas elite in vitro em larga escala com a21 utilização de pequeno espaço físico.22 Em macaúba, como para muitas monocotiledôneas, a calogênese é pré-requisito para o23 início do processo de embriogênese somática, e requer a presença de reguladores de crescimento no24 meio de cultura. Dentre os reguladores de crescimento, as auxinas são requeridas para a iniciação25 dos calos enquanto as citocininas estão envolvidas no processo de diferenciação e continuidade dos26 eventos morfogenéticos que darão origem aos embriões somáticos (STEINMACHER et al., 2007;27 KAPARAKIS & ALDERSON, 2008).28 Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da auxina Picloram na indução da29 calogênese para o processo da embriogênese somática em macaúba.30 31 1 Doutoranda do programa de Fitotecnia - UFV/ Viçosa. e-mail: anapaula_souzaandrade@yahoo.com.br 2 Doutorandas do programa de Genética e Melhoramento – UFV/Viçosa. Email: thaisroselicorrea@hotmail; manuela.granja@ufv.br 3 Graduanda em Ciências Biológicas – UFV/ Viçosa. e-mail: ddncaetano@gmail.com 4 Professor Adjunto do Departamento de Fitotecnia – UFV/ Viçosa. e-mail: motoike@ufv,br 1
  2. 2. MATERIAL E MÉTODOS32 Folhas imaturas foram extraídas de planta de macaúba (Acesso 26) de aproximadamente33 quatro anos de idade, pertencente ao Banco de Germoplasma instalado no Município de34 Araponga/MG. Os explantes foram submetidos à solução asséptica (1% de hipoclorito de sódio,35 NaOCl) durante 10 minutos e em seguida enxaguadas oito vezes com água destilada estéril em36 câmara de fluxo laminar.37 Após a desinfestação, as folhas imaturas foram seccionadas transversalmente em segmentos38 de 1 cm e inoculadas em meio de cultura básicos com sais e vitaminas Y3 (Eeuwens, 1978), 30 g L- 39 1 de sacarose, 3,0 g L-1 de carvão ativado e 2,5 g L-1 de Phytagel® para a solidificação. A auxina40 Picloram, capaz de induzir o processo de embriogênese foi testada em cinco concentrações: 90 µM,41 180 µM, 270 µM, 360 µM e 450µM. Após a inoculação dos explantes as placas foram seladas com42 filme PVC (Rolopac®) e as culturas foram mantidas em sala de crescimento, à temperatura de 27 ±43 1 °C na ausência de luminosidade. Foram utilizadas quarenta repetições por tratamento, sendo cada44 repetição composta por uma placa de petri com quatro explantes.45 Avaliações de contaminantes biológicos e oxidação foram realizadas após 10 dias da46 inoculação. Aos 120 dias de indução o material foi avaliado quanto à responsividade ao meio de47 cultivo (% de explantes com a presença de calos).48 49 RESULTADOS E DISCUSSÃO50 Não foram observadas contaminações biológicas dos explantes de A. aculeata,51 demonstrando eficiência no método de desinfestação superficial dos explantes.52 Aos 120 dias de cultivo, foi possível observar o calejamento dos explantes foliares de A.53 aculeata (Figura 1A) e em concentrações mais elevadas da auxina Picloram (360 µM e 450 µM)54 observou-se a oxidação dos explantes (Figura 1B).55 56 57 Figura 1. Resposta morfogênica de explantes foliares de A. aculeata cultivados in vitro após 120 dias de58 indução. A - Formação calo nodular com estruturas globulares em explantes cultivados em meio Y359 acrescido de 90 µM de Picloram; (B) Explante oxidado quando cultivado em meio de cultura suplementado60 com 360 µM ou 450 µM de Picloram.61 2
  3. 3. A auxina Picloram aplicada na concentração de 90 μM induziu maior número de explantes a62 formar calos (15 %), porém com o aumento da concentração deste regulador de crescimento, foi63 possível observar uma diminuição na porcentagem de explantes calejados (Figura 2). Em64 Arecaceae, altas concentrações de auxinas associadas ao uso do carvão ativado, são usuais na65 indução da embriogênese somática (CARVALHO, 2008; SCHERWINSKI-PEREIRA et al., 2010 e66 2012; balzon, 2013). Com relação ao tipo de auxina, há relatos na literatura da eficiência do uso da67 auxina Picloram na formação de calogênese em Areca catechu (KARUN et al., 2004), Bactris68 gasipaes (STEINMACHER et al., 2007), Elaeis guineensis Jacq. (SCHERWINSKI-PEREIRA et69 al., 2010; BALZON et al., 2013; SILVA et al., 2013) e Phoenix canariensis (HUONG et al., 1999).70 O tipo de auxina utilizada tem grande importância na competência embriogênica sendo que71 em palmáceas, o Picloram é considerado um regulador potencial ao processo de embriogênese72 somática, pois induz a transição de células somáticas em células embriogênicas (BALZON, 2013).73 Elevada concentração da auxina Picloram (450 µM) em meio de cultura acrescido de carvão ativado74 mostrou-se eficiente na indução de calos embriogênicos em Elaeis guineensis Jacq.75 (SCHERWINSKI-PEREIRA et al., 2010; BALZON, 2013) e de calos primários em Euterpe76 oleracea (SCHERWINSKI-PEREIRA et al., 2012), contrapondo ao resultado obtido no presente77 trabalho. Sugere-se que para a palmeira macaúba, a indução de calos a partir de explantes foliares78 requer baixa concentração de auxina na presença de carvão ativado.79 80 81 82 Figura 2. Porcentagem de explantes foliares de A. aculeata calejados após 120 dias de cultivo em meio de83 cultura Y3 + carvão ativado em diferentes concentrações da auxina Picloram.84 85 CONCLUSÃO86 Para a palmeira macaúba, a indução de calos a partir de explantes foliares requer baixa87 concentração da auxina Picloram na presença de carvão ativado.88 89 AGRADECIMENTOS90 3
  4. 4. À Petrobrás e à FAPEMIG pelo auxílio financeiro à pesquisa e a CAPES e CNPq pela91 concessão das bolsas de estudo.92 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS93 BALZON, T. A.; LUIS, Z. G.; SHERWINSKI-PEREIRA, J. E. New approaches to improve the94 efficiency of somatic embryogenesis in oil palm (Elaeis guineensis Jacq.) from mature zygotic95 embryos. . In Vitro Cellular & Developmental Biology – Plant. 49:41-50, 2013.96 97 CARVALHO, J. M. F. C.; ARAÚJO, S. de S. Aplicação do Cultivo de Embrião Zigótico ou98 Imaturo, no Melhoramento Vegetal. Campina Grande, PB: Embrapa Algodão, 2007.99 DOCUMENTOS, 170. Out. 2007. ISSN 0103-0205.100 101 CARVALHO, M. Embriogênese somática a partir de folhas imaturas e flores desenvolvidas in vitro102 de dendezeiro (Elaeis guineenses Jacq.) Tese (Doutorado em Fitotecnia) – Universidade Federal de103 Viçosa, 86p. 2008.104 105 EEUWENS, CJ (1978).Mineral requirements for growth and callus initiation of tissue explants106 excised from mature coconut palms (Cocos nucifera) and cultured in vitro. Physiologia Plantarum107 : 23-28.108 109 FALEIRO, F.G.; ROCHA, R.M. de A. Biotecnologia: estado da arte e aplicações na110 agropecuária. Embrapa Cerrados, 2011.730p.111 112 HUONG, L. T. L., BAIOCCO, M., HUY, B. P., MEZZETTI, B., SANTILOCCHI, R., ROSATI, P.113 Somatic embryogenesis in Canary Island date palm. Plant Cell, Tissue and Organ Culture. 56:1-114 7, 1999.115 116 KAPARAKIS, G.; ALDERSON, P. G. Role for cytokinins in somatic embryogenesis of pepper117 (Capsicum annuum L.)? Journal of Plant Growth Regulation. 27:110–114, 2008.118 119 KARUN, A.; SIRIL, E. A.; RADHA, E.; PARTHASARATHY, V. A. Somatic embryogenesis and120 plantlet regeneration from leaf and inflorescence explants of arecanut (Areca catechu L.). Current121 Science. 86:1623-1628, 2004.122 123 SCHERWINSKI-PEREIRA, J. E.; GUEDES, R. S.; FIRMINO JR., P. C. P.; SILVA, T. L.;124 COSTA, F. H. S. Somatic embryogenesis and plant regeneration in oil palm using the thin cell layer125 technique. In Vitro Cellular & Developmental Biology-Plant. 46:378-385, 2010.126 SCHERWINSKI-PEREIRA, J. E.; GUEDES, R. DA S.; SILVA, R. A. DA; FERMINO JR., P. C.127 P.; LUIS, Z. G.; FREITAS, E. de O. Somatic embryogenesis and plant regeneration in açaí palm128 (Euterpe oleracea). Plant Cell Tissue and Organ Culture. 109:501-508, 2012.129 130 SILVA, R. DE C.; LUIS, Z. G.; SCHERWINSKI-PEREIRA, J. E. The histodifferentiation events131 involved during the acquisition and development of somatic embryogenesis in oil palm (Elaeis132 guineensis Jacq.). Plant Growth Regulation. 2013.133 134 STEINMACHER, D. A.; CANGAHUALA-INOCENTE, G. C.; CLEMENT, C. R.; GUERRA, M.135 P. Somatic embryogenesis from peach palm zygotic embryos. In Vitro Cellular & Developmental136 Biology – Plant. 43:124-132, 2007.137 4

×