Painel de Formação de Intérpretes

579 visualizações

Publicada em

Painel de Formação de Intérpretes

Marcelle Castro

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
579
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Painel de Formação de Intérpretes

  1. 1. O Uso das Tecnologias daInformação e da Comunicação (TIC)na Formação de IntérpretesMarcelle CastroPainel de Discussão: Formação deIntérpretesIV Congresso Internacional de Tradução eInterpretação da ABRATES
  2. 2. PesquisaDoutorado em andamento na UniversitatRovira i Virgili (Tarragona, Espanha) soborientação do prof. Anthony Pym.Motivação da pesquisaCompreender como as TIC podem contribuirpara a formação do intérprete e investigar apossibilidade de aumentar o acesso àformação por meio de cursos á distância ousemi-presenciais.
  3. 3. Estudo de caso1. Especialização em Interpretação deConferências da Universidade GamaFilho2. Glendon College MCI (Mestrado emInterpretação de Conferências) -semi-presencial
  4. 4. O que são TIC?
  5. 5. Tipologia - Diana BerberFerramentas de terminologia e consulta:Usadas por profissionais na prática:ON LINE- a Internet: textos paralelos, dicionários online, encicplopedias, bancosde dados terminológicos, e-mail, chat.Ex.linguee, bab.la, wikipedia, proz, freedicitionary, etc etc etcOFF LINE- CD-ROMS comerciais: dicionários, enciclopédias- DIY (do-it-yourself) corpora - Compilações individuais- Programas (como programas de reconhecimento de voz ou marcascomerciais específicas com propósitos específicos)
  6. 6. Tipologia (cont.)Ferramentas pedagógicas:- Software para praticar e desenvolver a habilidade de interpretar(CAIT)*: DVDS, CD-ROMS, etc.- Material para a prática individual, como canais de TV digital ou EbS(Europe by Satellite)- Ambientes Virtuais de Aprendizado- Bancos de Palestras (Repositórios) - SCIC, Speechpool*CAIT: Computer Assisted Interpreter TrainingExemplos: Black Box + Virtual Inteprreting Suite( Melissi),Interpretations and Interpr-It, the IRIS database, e os arquivos de áudioDivace sound files.
  7. 7. Tipologia (cont.)Ferramentas de trabalho e suporte:- Ferramentas para das aulas à distância, como plataformas de e-learning ou de ensino virtual, teleconferencia e videoconferencia (viaLANs – Local Area Networks – por exemplo), DVDS, e CMC(comunicação mediada por computador): e-mail, chat , InternetAmbientes ou Contextos de trabalho - modos de teleinterpretaçãoe interpretação remota/à distância:- Videoconferencia- Intepretação remota- Interpretação por telefone
  8. 8. Ferramentas UGF● Plataforma da Pós-graduaçãohttp://www.posugf.com.br/● SCIC e SCICrec (Comissão Européia)http://multilingualspeeches.tv/scic/portal/index.htmlhttp://multilingualspeeches.tv/scic/portal/index.html?project_scicrec=true
  9. 9. Ferramentas Glendon● AdobeConnecthttp://www.adobe.com/br/products/connect/● Moodlehttps://moodle.yorku.ca/
  10. 10. Prós e Contras (experiência)Prós- bancos de palestras permitemque os alunos tenham materialpara praticar em casa (+autonomia), com o controle donível de dificuldade (vocabulário evelocidade)- acesso remoto permite quepessoas que moram em lugaresonde não há centros de formação(a maioria das cidades do Brasil),tenham acesso facilitado aotreinamento.- maior interação entre os alunos(troca e materiais).Contras- falhas na tecnologia- falta de habilidade (alunos eprofessores) de usar a tecnologia- inabilidade de solucionarproblemas técnicosimediatamente.- alguns alunos tem extremadificuldade em lidar com atecnologia desconhecida e sesentem perdidos.
  11. 11. ● Requer preparo prévio minucioso● Estrutura de internet ainda é precária noBrasil● Disciplina de ambos os lados● Requer bom suporte de TI + habilidade emutilizar a tecnologiaOportunidades e limitações
  12. 12. Obrigada!!marcelledecastro@hotmail.comhttp://marcellecastro.blogspot.com.br/

×