O perfil profissional dos
tradutores e intérpretes
no Brasil
Setembro de 2015
A pesquisa que veremos a seguir foi realizada
em meados de 2015 com 919 participantes
do Congresso da Abrates e de diferen...
O objetivo?
Entender um pouco melhor a nossa profissão.
Ainda não existia uma pesquisa tão abrangente entre a
nossa comuni...
Ao longo da apresentação, veremos dois tipos diferentes
de observações:
Nestas caixas vermelhas, veremos
comentários livre...
Caso qualquer informação ou comentário contido neste
documento não represente suas opiniões sobre como o
mercado funciona,...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
VAMOS LÁ?
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
70%
10%
20%
Quais são as suas áreas de atuação?
Tradução Inte...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
NOSSOS COLEGAS DE LIBRAS
O par linguístico português<>libras ...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
86%
11%
3%
Qual é a sua condição profissional?
Freelancer/Aut...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
11%
28%
25%
15%
21%
Menos de 1
1 a 5
5 a 10
10 a 15
Mais de 1...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
1%
12%
17%
19%
14%
11%
9%
7%
5%
5%
Menos de 20
20 a 25
25 a 3...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
825
28
13
4
3
3
51
Português
Espanhol
Inglês
Italiano
Francês...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
719
56
54
21
15
12
50
Inglês
Espanhol
Português
Francês
Alemã...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
20%
34%
25%
10%
5%
4%
Até 2.000
2.000 a 3.000
3.000 a 4.000
4...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
13%
15%
13%
16%
18%
17%
7%
Menos de 5
5 a 10
10 a 20
20 a 30
...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
40%
19%
14%
8%
6%
13%
1 a 2
3 a 5
6 a 10
11 a 15
16 a 20
Mais...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
E TRADUTOR GANHA BEM?
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
15%
31%
22%
15%
7%
6%
2%
2%
Menos de R$ 1.000,00
R$ 1.000,00 ...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
61%
32%
7%
Menos de R$ 1.000,00
R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00
Aci...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
COM A PALAVRA, OS INICIANTES:
É muito difícil se lançar nesta...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
17%
48%
22%
8%
4%
Menos de R$ 1.000,00
R$ 1.000,00 a R$ 3.000...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
6%
22%
25%
20%
9%
10%
7%
Menos de R$ 1.000,00
R$ 1.000,00 a R...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
OUTRA VARIÁVEL QUE INFLUENCIA
A RENDA É A EXISTÊNCIA DE OUTRA...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
42%
58%
Você complementa sua renda com outras atividades?
Sim...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
27%
37%
20%
8%
3%
3%
1%
1%
Menos de R$ 1.000,00
R$ 1.000,00 a...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
Por outro lado, será que não é mais difícil evoluir na carrei...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
ALIÁS, VOCÊ É FILIADO A ALGUMA
ASSOCIAÇÃO? NÃO?
TALVEZ VOCÊ M...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
606
200
93
81
19
14
91
Não
Abrates
ATA
Sintra
APIC
AIIC
Outra...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
21%
36%
23%
12%
4%
3%
1%
1%
5%
20%
21%
21%
12%
13%
5%
4%
Meno...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
E ESSES CURSOS DE TRADUÇÃO?
SERÁ QUE VALEM A PENA?
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
29%
71%
Concluiu um bacharelado em tradução?
Sim Não
38%
62%
...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
16%
31%
23%
15%
6%
6%
2%
2%
14%
30%
19%
15%
9%
8%
3%
1%
Menos...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
E MUITOS QUEREM QUALIFICAÇÃO
A região Norte carece de eventos...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
NO FINAL DAS CONTAS,
ESTAMOS SATISFEITOS
COM A NOSSA PROFISSÃ...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
1%
3%
26%
45%
25%
1 2 3 4 5
Qual é o seu nível de satisfação ...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
WE<3 T&I PORQUE...
Apesar das dificuldades, não troco por nad...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
MAS E O FATOR FINANCEIRO?
SERÁ QUE DINHEIRO TRAZ
FELICIDADE?
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
DE ACORDO COM OS
NÚMEROS…
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
SIM!
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
3.12
3.42
3.76
4.09
4.14
4.19
4.24
4.38
Menos de R$ 1.000,00
...
Embora seja muito interessante ver que o nível de felicidade
tem uma correlação direta com a renda mensal, vale
observar q...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS
MOTIVOS DE INSATISFAÇÃO?
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
Após 7 anos de formada em Bacharelado em Letras, com habilita...
Como podemos melhorar?
Recebemos centenas de comentários sobre os mais diversos
assuntos, mas algumas temáticas (como as q...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
UNIÃO DA CATEGORIA
Gostaria que as associações e o sindicato ...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO
Precisa urgentemente de regulamen...
O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil
VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO
É uma profissão pouco valorizada, ch...
Muito obrigada pela sua contribuição!
Agradecemos aos colegas que responderam à pesquisa e
esperamos que todos usufruam do...
Dúvidas ou sugestões?
Ajude-nos a melhorar ainda mais essa pesquisa.
É só entrar em contato pelo e-mail abaixo:
Paula Iane...
O perfil profissional dos
tradutores e intérpretes
no Brasil
Setembro de 2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil - Abrates 2015

8.584 visualizações

Publicada em

Pesquisa da ABRATES sobre o perfil de tradutores e intérpretes profissionais no Brasil - 2015.

Publicada em: Negócios
4 comentários
32 gostaram
Estatísticas
Notas
  • @SemNome947 Nós falamos o tempo todo, porém raramente apresentamos problemas nas cordas vocais, mas nos professores esse problema é mais recorrente, isso porque há uma diferença entre você fazer algo de livre e espontânea vontade do que quando usamos a nossa voz como fonte de trabalho. Do mesmo modo se dá com intérprete de Libras. Quem é usuário da Libras não sinaliza o tempo todo, mas o intérprete muitas vezes fica mais de 2h interpretando sem parar, então logo há uma grande diferença. Por isso muitos intérpretes ficam com problemas devido ao uso delongado por motivo de trabalho. Infelizmente há pessoas incompreensivas e que não valoriza o trabalho do intérprete de Libras. Para esses, só lamento sua falta de informação e preconceito.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil se assemelha ao perfil de um mercenário que só pensa em dinheiro. São realmente desunidos. Reclamam de ter doenças por sinalizar de mais mas e quanto aos surdos que usam a Libras diariamente 24 horas por dia ??? Pra mim isso é conversinha pra boi dormir, um anzol perigoso que visa jstificar uma forma de fisgar mais dinheiro de deficientes. Na minha opnião o certo era que todas as pessoas aprendessem a Libras que é a língua oficial do Brasil e que a carreira de interprete fosse extinta !!!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Sugestão: seria interessante destrinchar algumas informações (como a faixa de retorno financeiro) de acordo com as regões do Brasil. Tudo bem que não precisamos de informações oficiais para saber que as regiões Norte e Nordeste ainda são bastante carentes em relação ao Sudeste, por exemplo, mas deixo a sugestão mesmo assim!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Parabéns e obrigado, pessoal. Confirma umas tantas visões do senso comum e ilumina algumas situações nem sempre muito claras, como a relação entre remuneração e bacharelado. Ótimo e muito útil, com grandes chances de ser citada na minha tese. Abraços!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.584
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
771
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
4
Gostaram
32
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil - Abrates 2015

  1. 1. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil Setembro de 2015
  2. 2. A pesquisa que veremos a seguir foi realizada em meados de 2015 com 919 participantes do Congresso da Abrates e de diferentes comunidades do Facebook para tradutores e intérpretes.
  3. 3. O objetivo? Entender um pouco melhor a nossa profissão. Ainda não existia uma pesquisa tão abrangente entre a nossa comunidade. Os dados resultantes servirão tanto para compreender nossa realidade atual quanto para planejar e acompanhar nosso crescimento no longo prazo. No futuro, poderemos expandir a pesquisa, adicionando novos enfoques.
  4. 4. Ao longo da apresentação, veremos dois tipos diferentes de observações: Nestas caixas vermelhas, veremos comentários livres deixados pelos participantes ao final da pesquisa, uma forma especial de dar voz aos colegas que representam a opinião de muitos sobre os vários assuntos abordados. vox populi Nestas caixas cinzas, veremos análises e insights do que os dados estatísticos revelados pela pesquisa podem significar para o nosso mercado. COMENTÁRIOSANÁLISES 1. 2.
  5. 5. Caso qualquer informação ou comentário contido neste documento não represente suas opiniões sobre como o mercado funciona, não leve para o lado pessoal. Aproveite a oportunidade para refletir sobre o assunto à luz desses novos dados. Se quiser debater o assunto com os colegas, faça-o com civilidade e respeito ao ponto de vista dos outros. Lembre-se: estamos todos no mesmo barco e temos um objetivo comum.
  6. 6. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil VAMOS LÁ?
  7. 7. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 70% 10% 20% Quais são as suas áreas de atuação? Tradução Interpretação Tradução e interpretação
  8. 8. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil NOSSOS COLEGAS DE LIBRAS O par linguístico português<>libras ainda é muito veiculado às questões assistencialistas e voluntárias. O movimento pela legitimação da categoria profissional tem sido um processo. Considero vitalmente imprescindível a aproximação com os colegas dos pares linguísticos de línguas orais nesse processo, que ainda demanda muitos aprendizados. vox populi Na área de LIBRAS há uma falta perturbadora de um conselho de ética e de regulamentação da profissão de intérprete. As associações e federações existentes não nos dão a representatividade necessária. Há uma vergonhosa banalização da profissão e os intérpretes têm que trabalhar horas e horas seguidas sem revezamento. Também os valores cobrados vão de valores ridiculamente baixos até altíssimos valores fora da realidade. Hoje qualquer pessoa que faz um cursinho de 40 horas em Libras já se considera intérprete em LIBRAS... vox populi Sou tradutora e intérprete de língua de sinais e percebo que, infelizmente, o status de tradutores de línguas orais ainda é muito superior ao dos profissionais que, como eu, atuam na tradução de línguas de sinais. Um reflexo de como a sociedade vê essas línguas, colocando-as em patamar inferior ao das línguas orais. vox populi
  9. 9. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 86% 11% 3% Qual é a sua condição profissional? Freelancer/Autônomo Interno com carteira assinada Interno sem carteira assinada Tradução é a profissão que escolhi e que amo. Porém, acho muito complicada a situação do tradutor no Brasil. Para trabalhar internamente, o tradutor não é valorizado, recebe menos e trabalha mais horas do que deveria. Para trabalhar como freelancer, existe toda a parte administrativa e burocrática que nem todos gostam e conseguem lidar. É preciso haver um equilíbrio. vox populi
  10. 10. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 11% 28% 25% 15% 21% Menos de 1 1 a 5 5 a 10 10 a 15 Mais de 15 Há quantos anos você exerce a profissão?
  11. 11. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 1% 12% 17% 19% 14% 11% 9% 7% 5% 5% Menos de 20 20 a 25 25 a 30 30 a 35 35 a 40 40 a 45 45 a 50 50 a 55 55 a 60 Mais de 60 Qual é a sua idade?
  12. 12. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 825 28 13 4 3 3 51 Português Espanhol Inglês Italiano Francês Alemão Outros Qual é a sua língua materna?
  13. 13. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 719 56 54 21 15 12 50 Inglês Espanhol Português Francês Alemão Italiano Outros Qual é o seu principal idioma estrangeiro de trabalho?
  14. 14. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 20% 34% 25% 10% 5% 4% Até 2.000 2.000 a 3.000 3.000 a 4.000 4.000 a 5.000 5.000 a 6.000 Mais de 6.000 Quantas palavras você costuma traduzir por dia?
  15. 15. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 13% 15% 13% 16% 18% 17% 7% Menos de 5 5 a 10 10 a 20 20 a 30 30 a 40 40 a 50 Mais de 50 Em média, quantas horas por semana você dedica à tradução?
  16. 16. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 40% 19% 14% 8% 6% 13% 1 a 2 3 a 5 6 a 10 11 a 15 16 a 20 Mais de 20 Em média, quantos dias de interpretação você tem por mês? Chama a atenção que 40% dos participantes da pesquisa trabalhe apenas 1 ou 2 dias por mês. Seriam tradutores interessados em entrar no mercado de interpretação? Novos intérpretes que estão chegando ao mercado?
  17. 17. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil E TRADUTOR GANHA BEM?
  18. 18. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 15% 31% 22% 15% 7% 6% 2% 2% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 Acima de R$ 20.000,00 Em média, qual é a sua receita bruta por mês? Embora muitos digam ser impossível ganhar bem com tradução, vários colegas relatam uma receita bastante alta. O que será que podemos fazer para chegar lá?
  19. 19. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 61% 32% 7% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 Acima de R$ 3.000,00 Menos de 1 ano de profissão No primeiro ano de profissão, vemos uma predominância clara de ganhos mensais abaixo dos mil reais. Um terço dos iniciantes consegue ganhar até três mil reais, mas apenas 7% ultrapassa esse valor. Quais serão os principais fatores disso?
  20. 20. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil COM A PALAVRA, OS INICIANTES: É muito difícil se lançar nesta profissão, pois é um jogo de confiança, temos que fazer um bom trabalho e o cliente tem que gostar. O problema (principalmente para iniciantes, como eu) é que quando nos lançamos no mercado, passamos por uma série de testes em diversas empresas, e mesmo recebendo um feedback positivo, não temos trabalho, mesmo as empresas se certificando por meio de testes que os tradutores iniciantes são bons, preferem ficar com os antigos, desta forma, como seremos profissionais? Como continuaremos na profissão? Precisamos ter uma renda. vox populi Por ser iniciante (um ano e meio de experiência na área) e ter certa insegurança, tenho trabalhado como tradutor freelancer apenas para agências, pois pretendo aprender mais sobre a profissão antes de prospectar clientes diretos. Os valores pagos por palavra são muito baixos, uma média de R$ 0,06 por palavra. Para ter uma renda mensal aceitável, é preciso trabalhar mais de 40 horas semanais. Nesse sentido, a profissão torna-se bem desgastante, pois me sinto como uma mão de obra muito barata e explorada. vox populi O mercado é extremamente fechado. Há cerca de um ano que mando vários currículos, uso o ProZ e perfis no Facebook, e nada... E isso que tenho certas qualificações: estudo Tradução na faculdade, tenho mais de dez anos de estudo de inglês, tenho experiência como tradutora voluntária na universidade e uma tradução publicada em uma revista acadêmica (entre outros). E ainda assim, recebo emails lá de vez em nunca com propostas de trabalho.. vox populi
  21. 21. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 17% 48% 22% 8% 4% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 Mais de R$ 7.500,00 1 a 5 anos de profissão A coisa muda um pouco de figura para os profissionais com um a cinco anos de experiência. Já é mais comum ganhar até três ou cinco mil reais – e uma parcela de 12% consegue ganhos superiores a isso.
  22. 22. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 6% 22% 25% 20% 9% 10% 7% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 Acima de R$ 15.000,00 Mais de 5 anos de profissão A partir dos cinco anos de experiência, são poucos os profissionais nas faixas mais baixas, e já vemos quase 30% dos participantes relatando ganhos mensais acima de R$ 7.500,00.
  23. 23. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil OUTRA VARIÁVEL QUE INFLUENCIA A RENDA É A EXISTÊNCIA DE OUTRAS ATIVIDADES PROFISSIONAIS
  24. 24. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 42% 58% Você complementa sua renda com outras atividades? Sim Não Apesar de não podermos falar na maioria, quase a metade dos profissionais da área decide não manter a tradução como sua única fonte de renda.
  25. 25. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 27% 37% 20% 8% 3% 3% 1% 1% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 Acima de R$ 20.000,00 Ganhos de pessoas que têm outras fontes de renda É em suma uma profissão de indicações e networking, o que a torna - ao meu ver - um pouco restrita quanto à entrada no mercado de trabalho de fato. Além disso, como a demanda especialmente para iniciantes é irregular, isso nos obriga a ter a tradução como trabalho complementar, dependendo sempre de um trabalho fixo em paralelo. vox populi Gostaria de poder exercer somente uma atividade, mas minha renda não é suficiente para isso. Assim, tenho que trabalhar em outra área para garantir meu sustento. Essa é minha insatisfação atual. vox populi
  26. 26. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil Por outro lado, será que não é mais difícil evoluir na carreira sem adotar a tradução como única fonte de renda? Conforme vimos em um gráfico anterior, é normal ganhar mais com o passar dos anos. Ter outra fonte de renda significa dividir seu tempo de estudo, prática e aperfeiçoamento entre duas ou mais profissões, o que pode dificultar ainda mais a cobrança de boas tarifas ou o fluxo constante de projetos. Então, o que vem primeiro? Adota-se outra fonte de renda por ganhar pouco? Ganha-se pouco por ter outra fonte de renda?
  27. 27. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil ALIÁS, VOCÊ É FILIADO A ALGUMA ASSOCIAÇÃO? NÃO? TALVEZ VOCÊ MUDE DE IDEIA…
  28. 28. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 606 200 93 81 19 14 91 Não Abrates ATA Sintra APIC AIIC Outras Você é filiado a alguma associação profissional? Quase dois terços dos participantes da pesquisa não são filiados a nenhuma associação profissional por diversos motivos. Será que isso tem algum impacto no desempenho deles?
  29. 29. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 21% 36% 23% 12% 4% 3% 1% 1% 5% 20% 21% 21% 12% 13% 5% 4% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 Acima de R$ 20.000,00 Tradutores filiados ganham mais Não filiados Filiados Os números não mentem: profissionais filiados a alguma associação profissional ganham mais dinheiro – seja por investirem mais em todos os aspectos da carreira ou por conseguirem clientes devido a essas associações.
  30. 30. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil E ESSES CURSOS DE TRADUÇÃO? SERÁ QUE VALEM A PENA?
  31. 31. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 29% 71% Concluiu um bacharelado em tradução? Sim Não 38% 62% Concluiu uma pós em tradução? Sim Não
  32. 32. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 16% 31% 23% 15% 6% 6% 2% 2% 14% 30% 19% 15% 9% 8% 3% 1% Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 Acima de R$ 20.000,00 Faz alguma diferença na conta bancária? SEM bacharelado COM bacharelado A diferença que vemos aqui não é gritante, mas é significativa: faixas de renda mais altas são mais frequentes entre tradutores e intérpretes que concluíram um bacharelado em tradução.
  33. 33. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil E MUITOS QUEREM QUALIFICAÇÃO A região Norte carece de eventos dentro da área de tradução. vox populi Tenho dificuldade em aprimorar minha formação por falta de cursos com o meu par linguístico. vox populi O conhecimento é a grande ferramenta de qualquer profissão, é preciso inovar, reinventar, acreditar em suas habilidades e transformar a si mesmo, o cliente e a sociedade. vox populi Há 16 anos que estou quase plenamente dedicado a traduções e a interpretação consecutiva; estou muito contente com isso. A fim de aprimorar meu nível profissional, participo regularmente de eventos para tradutores e intérpretes, por exemplo, além deste Congresso da ABRATES, do recente Seminário sobre Tradução Médica-TRADUSA, do PROFTRAD da Doutora Ana Júlia Perrotti García, cursos e palestras na Casa Guilherme de Almeida e palestras na Faculdade de Letras da USP. vox populi Outra coisa que gostaria de salientar que é importante uma rede de contatos e palestras constantes, parcerias com escolas e universidades para buscar discutir temas importantes à profissão. Sei que existem, mas são poucos e pouco divulgados. vox populi
  34. 34. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil NO FINAL DAS CONTAS, ESTAMOS SATISFEITOS COM A NOSSA PROFISSÃO?
  35. 35. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 1% 3% 26% 45% 25% 1 2 3 4 5 Qual é o seu nível de satisfação com a profissão? Mesmo com todos os desafios da profissão, 70% dos participantes considera nosso ofício muito bom ou excelente.
  36. 36. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil WE<3 T&I PORQUE... Apesar das dificuldades, não troco por nada. Atualmente a qualidade de vida que me proporciona, e não estou falando de dinheiro, não tem preço. vox populi O desafio é constante e faz com que tenhamos experiências fantásticas, conheçamos pessoas incríveis e nos apaixonemos por temas que nem sonhávamos um dia nos interessar. É uma profissão dinâmica, exige agilidade mental, criatividade e neurônios em sintonia! vox populi Hoje em dia, sou tradutora e intérprete juramentada, essencialmente. Adoro o que faço: sinto-me útil à sociedade. Traduzir é abrir caminhos, é ser uma ponte entre culturas. vox populi Em pouco tempo de vida, já trabalhei com muitas coisas (e ainda trabalho). Mas foi na tradução que "me achei". Não é um trabalho fácil, e, quanto mais aprendo, mais percebo que ainda tenho muito a aprender. A vontade de aprender faz parte do fascínio pela área. vox populi Poder trabalhar em casa e poder trabalhar mesmo na "melhor idade" são dois fatores de satisfação com a profissão para mim. vox populi
  37. 37. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil MAS E O FATOR FINANCEIRO? SERÁ QUE DINHEIRO TRAZ FELICIDADE?
  38. 38. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil DE ACORDO COM OS NÚMEROS…
  39. 39. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil SIM!
  40. 40. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil 3.12 3.42 3.76 4.09 4.14 4.19 4.24 4.38 Menos de R$ 1.000,00 R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00 R$ 3.000,00 a R$ 5.000,00 R$ 5.000,00 a R$ 7.500,00 R$ 7.500,00 a R$ 10.000,00 R$ 10.000,00 a R$ 15.000,00 R$ 15.000,00 a R$ 20.000,00 Acima de R$ 20.000,00 Quanto mais alta a renda, maior a média de felicidade
  41. 41. Embora seja muito interessante ver que o nível de felicidade tem uma correlação direta com a renda mensal, vale observar que a felicidade declarada de quem ganha R$ 5.000,00 (4,09 pontos) é pouco menor do que a de quem fatura acima de R$ 20.000,00 (4,38 pontos). Isso mostra que o aumento não é proporcional e sugere que, a partir de certo ponto, o dinheiro não é a variável mais importante na hora de determinar nossa satisfação profissional.
  42. 42. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS MOTIVOS DE INSATISFAÇÃO?
  43. 43. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil Após 7 anos de formada em Bacharelado em Letras, com habilitação em Tradução, pela UFRGS, e atuando na profissão de tradutora há 8 anos, desenvolvi disfunção muscular devido às longas horas de trabalho sentada (de 10 a 15 horas por dia), de domingo a sábado, sem dias de folga. Nos últimos meses precisei reduzir minha jornada de trabalho para a metade desse tempo por causa do problema de saúde. Não consigo me curar de todo, pois, se eu parar, como pagarei minhas contas? Eu amo ser tradutora, mas cheguei à conclusão de que nossa profissão não é para toda a vida. Tenho apenas 33 anos e já estou sofrendo com problemas de saúde decorrentes da profissão. Tradutor/revisor tem vida curta de profissão. (...) Que futuro nos espera? Um tradutor freelancer trabalha muito e pode ter ótimos rendimentos financeiros enquanto não estiver doente. Mas quando adoece, o seu futuro fica comprometido. vox populi Comecei como freelancer e depois abri uma empresa com um sócio. Hoje temos mais sócios e escritório. Nossa maior dificuldade está em estabelecer e reajustar nossos valores, para que todos recebam valores compatíveis com seus esforços, o que não considero que esteja ocorrendo atualmente. Apesar dos benefícios de capacidade de produção, interação e qualidade, estabelecer um escritório e uma pessoa jurídica também traz custos adicionais e impostos que dificultam muito o crescimento sem a progressão dos valores dos serviços prestados. vox populi Acho que nos últimos anos o mercado vêm encolhendo e estão diminuindo as oportunidades de trabalho. vox populi Gostaria de ter mais trabalho. Alguns orçamentos são recusados por conta de preço, mas também não dá para baixar muito o valor por palavra (ou a diária de intérprete) porque isso afeta negativamente o mercado e porque não compensa o trabalho. Existe uma concorrência desleal de certas empresas e colegas que cobram valores baixíssimos. vox populi
  44. 44. Como podemos melhorar? Recebemos centenas de comentários sobre os mais diversos assuntos, mas algumas temáticas (como as queixas acima) foram bastante enfatizadas por muita gente. Esses participantes acreditam que há alguns passos que podemos dar como categoria para melhorar a profissão. A seguir, veremos algumas dessas reflexões.
  45. 45. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil UNIÃO DA CATEGORIA Gostaria que as associações e o sindicato lutassem mais pela profissão no sentido de defender os interesses dos tradutores com relação a preços pagos pelo mercado, profissionalização, estabelecimento de empresas, tributação, entre outros. Sinto que nossa classe é desunida nesse sentido, o que é uma pena e uma grande perda para todos nós. vox populi Infelizmente falta força coletiva para exigir melhores condições de tarifas, os tradutores não conseguem se unir para obter avanços na legislação (como abaixar a alíquota de imposto para quem tem empresa de tradução), há excesso de competitividade, falta de ética das agências, e os clientes só pensam em ganhar dinheiro, ou seja, economizar com o tradutor. vox populi É uma pena que os tradutores e os intérpretes do Brasil não consigam enxergar a urgência de nos unirmos para fortalecer o nosso sindicato e nossas associações para podermos, juntos e mais fortes, reivindicar os nossos direitos e pagar menos impostos. vox populi Acredito que as associações surgem como uma opção para nos unirmos mais em prol da valorização de nosso ofício. Acredito muito na importância de nos unirmos para evitar uma desvalorização de nosso trabalho. vox populi
  46. 46. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO Precisa urgentemente de regulamentação, em todos os seus setores ainda não protegidos por lei. O tradutor precisa ser reconhecido pela sociedade como tal, tem que ter um plano estudos e de carreira reconhecível, nas suas diversas especializações. A profissão tem que deixar de ser "bico" e "quebra-galho". As associações e principalmente o Sintra têm que se tornar verdadeiros órgãos representativos e em escala nacional. É preciso unir autônomos e contratados na defesa dos seus direitos violados, sempre: direitos de autor, jornadas de trabalho, horas extras, respeito aos contratos. O tradutor como variável dependente do mercado se torna um escravo moderno. vox populi Entendo que a profissão deveria ser regulamentada por lei, para ter um órgão de defesa, regulamentador, fiscalizador e com poder político com maior efetividade, como funcionam a OAB para com os advogados e o CRM para os médicos. Isso fortaleceria, e muito, nossa profissão. vox populi A falta de regulamentação e as consequentes disparidades encontradas no mercado tornam a profissão mais difícil de ser exercida e consolidada. vox populi
  47. 47. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO É uma profissão pouco valorizada, cheia de detalhes e filigranas que dão uma tremenda mão de obra para entregar e, em geral, tem sempre alguém que imagina que qualquer um seria capaz de fazer igual, senão melhor – até o Google – e (sempre) mais barato. vox populi É preciso que a tradução seja encarada como uma profissão, acima de tudo, e não como algo que se faz com bico. É importantíssimo conscientizar o cliente e o público a respeito. vox populi A profissão precisa ser desmistificada perante a sociedade, por meio de campanhas de conscientização e educação para um aculturamento daqueles que desejam exercer o ofício e dos prováveis consumidades do serviço prestado por este profissional. vox populi Gostaria que minha profissão fosse mais valorizada e reconhecida e principalmente que a classe de tradutores e intérpretes que trabalham com ME constituída pagassem menos impostos, preferencialmente tabela 4 ou como MEI. vox populi
  48. 48. Muito obrigada pela sua contribuição! Agradecemos aos colegas que responderam à pesquisa e esperamos que todos usufruam dos resultados para refletir sobre como podemos evoluir nas esferas pessoal e coletiva, melhorando cada vez mais o panorama da tradução e interpretação no Brasil.
  49. 49. Dúvidas ou sugestões? Ajude-nos a melhorar ainda mais essa pesquisa. É só entrar em contato pelo e-mail abaixo: Paula Ianelli G. Luiz William Cassemiro paulaianelli@gmail.com contato@williamcassemiro.trd.br
  50. 50. O perfil profissional dos tradutores e intérpretes no Brasil Setembro de 2015

×