A Importância da Prosódia na Fala do IntérpreteLayla Penha
Albert Merhabian
Merhabian
Verbal, Vocal, Visual Os três elementos são importantes para a maneira que percebemos uma mensagem queexpressa sentimento...
“One very important quality to look for in examiningan interpreter is the candidate’s aptitude to soundconvincing, especia...
“The monitors would keep a constant close watch onour performance and would tell us where we wentwrong or how to improve o...
‘Toda fala é expressiva, no sentido de que alguma formade atitude, emoção, crença, estado físico ou condiçãosocial é veicu...
“With regard to speech, expressivity is presented hereas a level of information in the spoken message whichgathers the exp...
Elementos prosódicos Ritmo Entoação Qualidade de voz Taxa de elocução Pausas Padrões de acentoFacilitar oprocessamen...
A fala do intérpreteO intérprete utiliza uma fala durante a interpretaçãoque difere de sua fala coloquial. Entender os dif...
As diferentes fonéticas Fonética Articulatória – produção da fala Fonética Perceptiva – o que se ouve Fonética Acústica...
Cadeia da fala12
Sujeitos 7 profissionais do sexo feminino, interpretando paraseu idioma B (L2)Juízes da avaliação da fala: falantes nati...
Tarefas de Avaliação Avaliação de trechos de 1 minuto deinterpretação de cada sujeito, disponibilizados emarquivos sonoro...
Roteiro para Avaliação da FalaAssessment ScaleName initials:Date:Instructions for analysis:Please listen to the 7 recordin...
Questionário de diferencialsemânticoDescriptors 1 2 3 4 5PleasantKnowledgeableAssertiveEasy tounderstandHow does Subject X...
Avaliação da Fala
 A análise de fala foi realizada com o auxílio do PRAAT,um software livre, desenvolvido por Paul Boersma eDavid Weenink, ...
Extrato Total
Segmento
No terceiro trimestre de 2012, a Receita Bruta Consolidada atingiu 957,7 milhões –crescimento de 15,3% em comparação ao me...
Distribuição pausasIn the third quarter 2012, the Consolidated GrossRevenues [P] totaled 957.7 million, [P] a year-over-ye...
Prolongamento de palavras
Pausas preenchidas
Curva melódica
Pausa com respiração
Resultados Preliminares Os resultados sugerem que os elementos prosódicos nafala do intérprete podem afetar negativa oupo...
Resultados Preliminares Na análise de forma, o item que teve maior efeito adverso namédia final foi ASSERTIVIDADE. Isto t...
Considerações Finais As características da fala são importantes para apercepção de qualidade no desempenho dosintérpretes...
Obrigada!Praathttp://www.fon.hum.uva.nl/praat/Pesquisahttps://www.sites.google.com/site/prosodyinsubjectanalysis/home
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Não é só o que você fala

984 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
984
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Não é só o que você fala

  1. 1. A Importância da Prosódia na Fala do IntérpreteLayla Penha
  2. 2. Albert Merhabian
  3. 3. Merhabian
  4. 4. Verbal, Vocal, Visual Os três elementos são importantes para a maneira que percebemos uma mensagem queexpressa sentimento. Os 3 Vs têm que ser congruentes.Verbal: “Eu não tenho nenhum problema com você!“Não verbal: evitar contato com os olhos, voz ansiosa, proteção de corpo, etc. O ouvinte confia mais na comunicação não verbal (38% + 55%) do que nas palavras em si. Comunicação de sentimentos e atitudes: essa influência DESPROPORCIONAL dotom de voz e da linguagem corporal só se concretiza QUANDO A SITUAÇÃO ÉAMBÍGUA. Esta ambiguidade aparece principalmente quando as palavrasproferidas são inconsistentes com o tom de voz ou linguagem corporal doemissor.
  5. 5. “One very important quality to look for in examiningan interpreter is the candidate’s aptitude to soundconvincing, especially under difficult conditions.However, the overriding criterion must always be theaccuracy of meaning. A candidate who gives a whatmay sound like a very convincing or even brilliantinterpretation with more than one meaning error mustfail the exam.” Weber(Training Translators and Conference Interpreters, 1984)
  6. 6. “The monitors would keep a constant close watch onour performance and would tell us where we wentwrong or how to improve our delivery. I was told topitch my voice lower, which I did. Ever since, I havebeen much aware of the quality of an interpretersvoice and wonder why our occasional screech-owls orexcessive regional accents have not been brought totask.”.Patricia Vander Elst , sobre o Julgamento de Nuremberg, 1946Sobre o “como se fala”
  7. 7. ‘Toda fala é expressiva, no sentido de que alguma formade atitude, emoção, crença, estado físico ou condiçãosocial é veiculada por meio da fonação e da articulaçãodos sons... Essa potencialidade da fala para expressarsentidos a torna um meio eficaz para a comunicação.Por meio da fala veiculamos informações, mas tambémexpressamos nossas atitudes, emoções e crenças esinalizamos nossas posições em relação ao discurso...Ofalante é capaz de materializar em som suas ideias,atitudes e sentimentos para comunicar ao ouvinte aimpressão que intenta.”Madureira (2004)Sobre a fala
  8. 8. “With regard to speech, expressivity is presented hereas a level of information in the spoken message whichgathers the expression of emotions, simulated or not,attitudes and moods….Expressivity is accessible beyond words because it isalso conveyed by paralinguistic indices such asrestructurings, non-verbal sounds, and prosody.”BELLER (2009)Sobre a fala
  9. 9. Elementos prosódicos Ritmo Entoação Qualidade de voz Taxa de elocução Pausas Padrões de acentoFacilitar oprocessamento dafala
  10. 10. A fala do intérpreteO intérprete utiliza uma fala durante a interpretaçãoque difere de sua fala coloquial. Entender os diferentespadrões e parâmetros dessa fala profissional podeajudar os intérpretes a serem melhor percebidos porseus ouvintes.
  11. 11. As diferentes fonéticas Fonética Articulatória – produção da fala Fonética Perceptiva – o que se ouve Fonética Acústica – ligação entre produção epercepção
  12. 12. Cadeia da fala12
  13. 13. Sujeitos 7 profissionais do sexo feminino, interpretando paraseu idioma B (L2)Juízes da avaliação da fala: falantes nativos de inglêsamericano, sem conhecimento do português ouespecialização na área de finanças.
  14. 14. Tarefas de Avaliação Avaliação de trechos de 1 minuto deinterpretação de cada sujeito, disponibilizados emarquivos sonoros em website, sem identificação dosintérpretes, com base em questionário de diferencialsemântico, contendo os descritores: pleasant,knowlegeable, assertive, easy to understand.
  15. 15. Roteiro para Avaliação da FalaAssessment ScaleName initials:Date:Instructions for analysis:Please listen to the 7 recordings (subjects 1, 2, 3, 4, 5, 6 and 7) andthen, for each question, choose a number from 1 to 5 to describe howeach of the subjects sound (where 1 corresponds to the lowest score,“NOT AT ALL” and thus subsequently until 5, which corresponds tothe highest score, “VERY MUCH”). Make sure you answer allquestions. You can listen to the recordings as many times as you wish.Please focus only on how the subject sounds to you.How does subject 1 sound?
  16. 16. Questionário de diferencialsemânticoDescriptors 1 2 3 4 5PleasantKnowledgeableAssertiveEasy tounderstandHow does Subject X sound?
  17. 17. Avaliação da Fala
  18. 18.  A análise de fala foi realizada com o auxílio do PRAAT,um software livre, desenvolvido por Paul Boersma eDavid Weenink, do Instituto de Ciências Fonéticas deAmsterdam, disponível em <www.praat.org> Segmentação estabelecida pela pausa, composicionamento do cursor para delimitar o início e ofinal da pausa na forma da onda e com referência aoespectrograma de banda larga.Análise de fala
  19. 19. Extrato Total
  20. 20. Segmento
  21. 21. No terceiro trimestre de 2012, a Receita Bruta Consolidada atingiu 957,7 milhões –crescimento de 15,3% em comparação ao mesmo período do ano anterior. Já oLucro Líquido Consolidado da companhia cresceu 27,4% em relação ao terceirotrimestre de 2011, atingindo 10,8 milhões com margem líquida de 1,3%.O Ebitda Consolidado teve crescimento de 14,7% comparado ao mesmo períododo ano anterior, alcançando 22,1 milhões com margem Ebitda de 2,7%.Concluindo os destaques do trimestre, as vendas de genéricos tiveram umaumento de 54,7% quando comparadas ao mesmo período do ano anterior.In the third quarter 2012, the Consolidated Gross Revenues totaled 957.7 million,a year-over-year growth of 15.3%. And the company’s Consolidated Net Incomeincreased 27.4% compared to 3Q11, amounting to 10.8 million with a Net Margin of1.3%.The consolidated EBITDA increased by 14.7% year-over-year up 22.1 million withan Ebitda Margin of 2.7%.To conclude the highlights of the quarter, the sale of generic drugs increased by54.7% year-over-year.Exemplo de transcrição dos dados
  22. 22. Distribuição pausasIn the third quarter 2012, the Consolidated GrossRevenues [P] totaled 957.7 million, [P] a year-over-year growth of 15.3%. [P] And the company’sConsolidated Net Income increased 27.4% comparedto 3Q11, [P] amounting to 10.8 million [P] with a NetMargin of 1.3%. [P]The consolidated Ebitda increased by 14.7% [P] year-over-year [P] up to 22.1 million [P] with an EbitdaMargin of 2.7%. [P]To conclude the highlights of the quarter, [P] the saleof generic drugs increased by 54.7% year-over-year.
  23. 23. Prolongamento de palavras
  24. 24. Pausas preenchidas
  25. 25. Curva melódica
  26. 26. Pausa com respiração
  27. 27. Resultados Preliminares Os resultados sugerem que os elementos prosódicos nafala do intérprete podem afetar negativa oupositivamente a maneira que esse é percebido por seusouvintes.
  28. 28. Resultados Preliminares Na análise de forma, o item que teve maior efeito adverso namédia final foi ASSERTIVIDADE. Isto talvez possa ser explicadopela distribuição de pausas observada na fala dos intérpretes.Com exceção do Sujeito 7 – que teve média alta em assertividade– todos os sujeitos inseriram pausas em seu discurso que nãointerrompiam os constituintes semânticos e grupos prosódicos. Em relação à quantidade de pausas, embora em número nãotenha havido uma grande variação (de 14 a 20), quandodividimos o tempo total da fala pelo número de pausas, podemosver que os dois intérpretes que tiveram o número maior e menorde pausas foram os que tiveram as menores notas na avaliação deforma como um todo e, em especial, na avaliação deAGRADABILIDADE. Estes resultados talvez possam evidenciarque o excesso ou insuficiência de pausas na fala dos intérpretesafeta a percepção de naturalidade do discurso.
  29. 29. Considerações Finais As características da fala são importantes para apercepção de qualidade no desempenho dosintérpretes Ainda há muito a ser estudado no campo dainterpretação e a fonética acústica pode ser umaferramenta importante para identificação dos padrõesde fala, treinamento e formação dos intérpretes.
  30. 30. Obrigada!Praathttp://www.fon.hum.uva.nl/praat/Pesquisahttps://www.sites.google.com/site/prosodyinsubjectanalysis/home

×