O slideshow foi denunciado.

FORUM PORTUGAL ENERGY POWER: "Eficiência Energética nas empresas"

537 visualizações

Publicada em

Luis Hagatong, Energy Efficiency Manager Schneider Electric Portugal

Energy Meeting - Biomassa e Eficiência Energética

FORUM PORTUGAL ENERGY POWER promovido pela ANJE no dia 20 de novembro, na Alfândega do Porto

  • Seja o primeiro a comentar

FORUM PORTUGAL ENERGY POWER: "Eficiência Energética nas empresas"

  1. 1. Luis Hagatong Energy Efficiency Manager Schneider Electric Portugal Telem: 93 540 62 70 e-mail: luis.hagatong@schneider-electric.com Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 1
  2. 2. Mais de 175 anos de história I ndúst r i a M al úr gi ca et 1836 Cr eat i on of Sc hnei der at Le Cr eusot , Fr ance Séc ul o X IX Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 1999 Gr o u p e Sc hn e i d e r becom es Sc hnei der El ec t ri c , f ocused on P er & ow 1996 Cont rol M c on, hi st or i c odi l eader i n Aut om i on, at becom es a Schnei der br and 1991 Square D j oi ns Gr oupe Sc hnei der 1988 Tel em ani que j oi ns ec Gr oupe Sc hnei der Ener gi a & Cont r ol o 1975 M i n Geri n erl j oi ns Gr oupe Sc hnei der Séc ul o X X 2011 Gest ão 2010 Acqui si tEner Areva’ s de i on of gi a Acqui si t i on of Tel vent di s t ri but i on ac t i vi t y 2008 Acqui si t i on of X ant rex 2007 Acqui si t i on of AP c orp. and P c o C el 2005 Acqui si t i on of P er M urem ow eas ent Inc . 2003- 2008 Tar get ed acqui si t i ons i n w ri ng devi c es and hom i e aut om i on at ( Lexel , Cl i psal , M t en, Ova, er 2003 et c. ) GET, Acqui si t i on of T. A. C 2000 Acqui si t i on of M UP GE S Sys t em s Séc ul o X I X 2
  3. 3. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 3
  4. 4. O Desafio da Energia Energia em 2050 Electricidade em 2030 Fonte: IEA 2007 Emissões de CO2 de modo a prevenir mudanças climáticas dramáticas (vs. nivel de 1990) Fonte: Schneider 2007, Eficiência Energética – HAG level) IPCC Electric - figure (vs. 1990 01/2010 4
  5. 5. Quais os drivers para a Eficiência Energética? Financeiras Legislativas Verde Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 5
  6. 6. Quais os drivers da Eficiência Energética? Um Compromisso Global O exemplo começa por nós próprios… •Uma questão de Atitude •Uma determinação responsável Financeiros Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Legislativos Verde 6
  7. 7. Eficiência Energética, O que é ? Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 7
  8. 8. … com a tecnologia actual, 2 através de tipos de Soluções para a redução dos consumos de Energia ●Eficiência Energética Passiva Acção na estrutura do edificio e equipamentos de produção ou que consomem energia ●Eficiência Energética Activa Ac ç ão no m odo c om os Equi pam os e o o ent Edi f i c i o ut i l i zam a energi a Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 8
  9. 9. …com a tecnologia actual & através de uma combinação de: • Equipamentos eficientes e instalações eficazes • Utilização optimizada de equipamentos e instalações • Acompanhamento permanente e melhoria do programa (10 a 15 %) (5 a 15%) (2 a 8%) Uso optimizado via automação 70% Equipamentos e instalações eficientes Consumo de Energia 100% • Perdas de 8% ao ano sem programa de Monitorização e Manutenção • Perdas de 12% ao ano sem regulação e •controlo e dos sistemas Monitorização e Manutenção Tempo Eficiência Energética Passiva Eficiência Energética Activa Controlo e monitorização irão confirmar as economias de Energia Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 9
  10. 10. O Ciclo de Eficiência Energética 1. Medir & Analisar Eficiência Energética Passiva 2. Decidir no essencial Soluções de Qualidade e fiabilidade de Energia Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Eficiência Energética Activa 3.Optimizar pela Automação & regulação 4. Monitorizar & melhorar Soluções de Controlo 10
  11. 11. Onde estão as Economias de Energia? Industria & infraestruturas Edificios Em média o consumo poderá ser reduzido em 10 Sistemas de controlo de Motores a 20%. Medida de Energia Residencial A renovação pode gerar até de economia de energia. 30% Produtos EE podem poupar 10% a 40% de electricidade. Controlo HVAC Controlo estores Controlo Iluminação Soluções de Automação Sistemas de Gestão de Energia  Os motores são osmaiores consumidores, representam um consumo de 60% Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Sistemas de Gestão do Edificio Correcção Factor de Potência  20% do Consumo Total de Energia na Europa  M or es consom ot em 35% do consum o de el ec t r i ci dade Monitorização Aquecimento Controlo Iluminação  20% a 25 % do Consumo Total de Energia na Europa  Aquecimento / Refrigeração representa 30% da utilização de energia  Iluminação e equipamentos representa 40% da utilização de energia 11
  12. 12. Cada Edificio é Único … O estudo de energia tem de ser efectuado e adaptado a cada edificio ● Cada edificio tem a sua desagregação de energia, de acordo com: ● O país (clima), ● O sector de actividade (escritório, escola, hospital, hotel, etc.), ● Num segmento similar, por tipo de edificio (pequeno /grande, baixa gama / alta gama, etc.), ● Por áreas dentro de cada edificio (quarto; sala; cozinha;...) ● Por tipo de Aplicação (AVAC; Iluminação;...) ● Arquitectura do edificio, orientação, Design interno, etc., ● Caracteristicas dos equipamentos técnicos instalados. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 12
  13. 13. SI STEM S D M N TO I ZA O & A E OI R ÇÃ G ESTÃ D CO SUM S D EN G A O E N O E ER I Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 13
  14. 14. A monitorização dos consumos de Energia é um factor chave … Não se Consegue Gerir o que não é medido Um conjunto de dados de monitorização é o coração de qualquer processo de melhoria •Mudar comportamentos (Utilizador) •Monitorizar a performance energética (Gestor) •Melhorar a performance energética (Proprietário) Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 14
  15. 15. M N TO I ZA O & G OI R ÇÃ ESTÃ D CO SUM S D EN G A O E N O E ER I • através da factura de energia •Os consum os são t ot ai s e di f er i dos de 1 m ês •Apenas é possi vel saber o consum t ot al de ener gi a da o i nst al ação •Pode- se saber os consum os por per í odos hor ár i os, m as não quando r eal m ent e são ef ect uados • Pode hav er er r os de l ei t ur a / t r ansm ssão de dados i ( não exi st e m anei r a de af er i r ) Q N ? UA TO Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 15
  16. 16. M N TO I ZA O & G OI R ÇÃ ESTÃ D CO SUM S D EN G A O E N O E ER I • através de contadores parciais não comunicantes ou não interligados Ger al Li nha 1 Li nha 2 AVAC I l um naç ão i Ar m azém •È possi vel t er os consum os par ci ai s por ár eas ou equi pam ent os ut i l i zador es de ener gi a •Apenas é possi vel t er os val or es t ot al i zador es ent r e per í odos de l ei t ur a •Pode haver er r os de: •Lei t ur a • di gi t al i zação dos val or es no pr ogr am de r egi st o ( por exem o a pl exel ) • com par ação de dados pel a i m eci são do hor ár i o de l ei t ur a pr Q N UA TO & O D N E? Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 16
  17. 17. M N TO I ZA O & G OI R ÇÃ ESTÃ D CO SUM S D EN G A O E N O E ER I • através de sistema automático de recolha, transmissão e tratamento de dados de consumo Sof t w are de Supervi s ão Int erf ac es de Com c aç ão uni Equi pam o ent s de M da edi Q N UA TO , O D & Q N O NE UA D ? Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 17
  18. 18. Power Monitoring ht t p: / / spm 7dem ener gym er . com web/ / o. et / Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 18
  19. 19. ht t ps: / / r em schnei der - el ect r i c. com sept / . / Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 19
  20. 20. Convergência da Gestão de Energia Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 20
  21. 21. Plataforma Integrada de Gestão em Edificios Active Energy Management™ Architecture from Power Plant to Plug™ Gestão de Sustentabilidade Empresarial Reporte de Emissões e eficiência água Monitorização & Previsão Energias Renováveis & CarregamentoEV Controlo Inteligente Energia e Motores Energia Critica e Refrigeração Voz Dados e Imagem Controlo AVAC Controlo de Iluminação Visibilidade Energética Monitorização e Controlo de energia Controlo de Acessos Video vigilância Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 21
  22. 22. Plataforma Integrada de Gestão na Indústria Active Energy Management™ Architecture from Power Plant to Plug™ Si st em Gest ão de Pr odução a Com ando & Cont r ol o de Pr ocessos Cont r ol o de M áqui nas Cont r ol o de M or es ot Di st r i bui ção El éct r i ca M oni t or i zaç ão e Cont r ol o de Pot ênci a Segur anç a Ener gi a cr i t i ca as Int egraç ão Si m es er oper aci onal i dade ent r e si st em pl I nt Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 22
  23. 23. Utilização de protocolos abertos para implementar Soluções Eficientes, Flexiveis & Escaláveis Em pres ari a l Operaç ões P aneam o l ent Sus t ent ável Ges t ão de Energi a Ges t ão de Ac t i vos Cont rol o Operaç ão do N egóc i o Seguranç a D s poni bi l i dade i de Energi a Cont rol o dos P roc es s os Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 23
  24. 24. Power Monitoring Exem os de c l i ent es pl Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 24
  25. 25. I ndús t ri a com ponent es aut om óvel A nál i s e da Q ual i dade de Energi a – EN 50160 3 x ION 7650 Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Power Monitoring 25
  26. 26. Em pres a de G t ão B es ancári a ( D acent er) at A nál i s e da Q ual i dade de Energi a – EN 50160 1 x ION 7650 Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: ION Ent erpri s e 6. 0 Power Monitoring Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 26
  27. 27. Edi f i ci o R i denci al ( condom ni o) es i Cons um / Fact uração energi a el éct ri ca e água o Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: ION Ent erpri s e Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 27
  28. 28. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 28
  29. 29. I ndús t ri a Q m ca ui i 14 anal i zadores P 9C M 3 anal i zadores P 810 M 2 anal i zadores P 210 M 12 anal i zadores ( m a c onc orrent e) arc 1 rel é Vari m ri c o ( m a c onc orrent e) ét arc Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: ION Ent erpri s e 6. 0 Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Power Monitoring 29
  30. 30. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 30
  31. 31. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 31
  32. 32. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 32
  33. 33. I ndús t ri a Sol ar 13 anal i zadores P 9C M 1 c ont ador de água 1 Cont t ador Gás 2 Sens ores Tem perat ura 2 Sens ores de P res s ão 2 Caudal i m ros Ar et c om m do pri i 2 UP s Gal axy 5000 S’ 1 Grupo Gerador Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: ION Ent erpri s e 6. 0 Power Monitoring Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 33
  34. 34. Com ess or 2Com ess or 1 UPS1+UPS2 Gr upo Ger ador pr pr Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Água Gás 34
  35. 35. FUTURAS INSTALAÇÕES Em pres a de Logi s t i ca A érea 6 anal i zadores P 9C M Com c aç ão M uni odbus /Et hernet Sof t w are: Saas - EOO Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 35
  36. 36. Cooperat i va A gro- al i m ar ent 10 anal i zadores P 9C M 2 anal i zadores P 710 M Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: Saas - EOO Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 36
  37. 37. Em pres a de Tel ecom cações M uni óvei s 5 anal i zadores i EM 3255 3 anal i zadores P 500 ( exi s t ent es ) M 2 anal i zadores P 300 ( exi s t ent es ) M Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: Saas – EOO Li gaç ão f ut ura de s ondas de t em perat ura e H i dade um Q I NV. 1 ( PM 500) Q. S. S. 2 POW 6 ER ( i EM 3255) Q AVAC1 ( i EM 3255) SO3 ( PM 500) R S485- M odbus Q. Rect 4 Power 5 ( PM 500) Q. S. S. 1 Q. Rect 1 Power 7 ( i EM 3255) Et hernet Q AVAC2 ( PM 300) Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 Q. Rect 3 Power 4 ( PM 300) Q. E. A. 2 SO2 ( i EM 3255) Power 8 ( i EM 3255) 37
  38. 38. Em pres a de Tel ecom cações uni 1 anal i zadores P 3255 M 1 s ens or de t em perat ura ( 0- 10V) 1 s ens or de hum dade ( 0- 10V) i Com c aç ão M uni odbus / Et hernet Sof t w are: Saas – EOO Trans m s s ão de dados Sens ores i Am ent e at ravés de w rel es s ( Zi gg bi i B ee) Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 38
  39. 39. Si st em as de m oni t or i zação & Gest ão de Ener gi a •M oni t or i zação on- l i ne de consum os de Ener gi as • Hi st ór i co de consum os • Rel at ór i os di ár i os, sem anai s, m ensai s • Rel at ór i os Com par at i vos • Anál i se de t endênci as • Si m ação & Anál i se de f act ur as ul • Al ar m es e Acont eci m ent os • Al ocação de cust os • Vi gi l ânci a de car gas em t em po r eal • Com ando M anual ou Aut om i co de át car gas • Anál i se de qual i dade de ener gi a • Apoi o Rem o de Especi al i st as ot • Benchm ki ng ar Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 39
  40. 40. A monitorização dos consumos de Energia uma ferramenta para… Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 40
  41. 41. Primeiro Edifício do mundo a obter a certificação ISO 50001 Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 41
  42. 42. Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 42
  43. 43. Cursos de Gestão de Energia: Adaptáveis, de acordo com as suas necessidades de formação Acessíveis, Globalmente e em qualquer altura Funcionais, seguindo as últimas tendências de mercado Rápidos, em menos de uma hora Gratuitos Reconhecidos Schneider Electric - Eficiência Energética – HAG 01/2010 43

×