Gottfried Helnwein

81 visualizações

Publicada em

Trabalho sobre o pintor, artista e fotógrafo austríaco Gottfried Helnwein, para a disciplina de Iluminação, da Universidade Luterana do Brasil, do professor Fernando Pires.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
81
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gottfried Helnwein

  1. 1. Gottfried Helnwein Anali Teixeira Iluminação – 2016/1 Curso Superior de Tecnologia em Fotografia / ULBRA Professor Fernando Pires
  2. 2. Gottfried Helnwein nasceu em 8 de outubro de 1948, em Viena. Seu nascimento ocorreu logo após o fim da Segunda Guerra Mundial. A Áustria ainda se reestruturava após o conflito. Ele cresceu observando o silêncio e a vergonha da população adulta que tentava esquecer o passado recente da guerra. Aos 18 anos, decidiu que formular seus questionamentos de outra maneira, não mais por meio de palavras, mas por meio de imagens.
  3. 3. As obras de Gottfried Helnwein sempre tiveram conexão com a sua infância, bem como de toda uma geração crescida em Viena, durante o pós-guerra. Foram nos produtos culturais americanos como a Coca Cola, o hambúrguer, os jeans, os filmes, os quadrinhos e o rock’n’roll que as crianças e os jovens austríacos encontraram o preenchimento para o vazio deixado pela destruição e pela censura dos nazistas. Como artista começou a fazer performances pelas ruas de Viena na qual aparecia enfaixado e sujo de sangue. Seus primeiros trabalhos como pintor foram aquarelas. Mais tarde, nas suas obras ele adota o estilo hiper-realista em telas pintadas a óleo e acrílico, que o tornaram mundialmente conhecido. Sua primeira experiência com fotografias aconteceu em 1970, quando fez um autorretrato usando bandagens e instrumentos cirúrgicos. Ainda no mesmo ano, também começou a trabalhar com fotografia de crianças, pois para ele, a criança é a personificação do indivíduo inocente, indefeso e sacrificado à mercê da força bruta.
  4. 4. Faces. Mick Jagger, 1982
  5. 5. Faces. Keith Richards, 1990
  6. 6. Der Untermensch II. Self-portrait as sub-human I, 1986
  7. 7. Der Untermensch II. The last Days of Pompeii II, 1987
  8. 8. Ninth November Night. Child 1, 1988
  9. 9. Ninth November Night. Child 2, 1988
  10. 10. Rammstein. Till Lindemann, 1997
  11. 11. Rammstein. Till Lindemann, 1998
  12. 12. The Golden Age, 2003
  13. 13. The Golden Age (Mother 2), 2003
  14. 14. Modern Sleep 8, 2004
  15. 15. Modern Sleep. Untitled, 2004

×