As 5boas práticas
para follow-up
Ser persistente
e não insistente
O insistente é o chato
enquanto o persistente
é o aguerrido.
1
Se coloque no
lugar do cliente
e tenha bom senso.
Seja persistente mas
aja como vc gostaria
de ser impactado.
1
1
Os pingos da chuva fazem um buraco
na pedra não pela violência,
mas por cair com freqüência.
Lucretius
2Buscar o objetivo
e não a execução
da tarefa
Normalmente realizamos
as tarefas de follow-up para
"tirar da frente”, sem
p...
2Por exemplo:
Mandamos email para
“tirar da frente”, achando
que o futuro cliente irá
falar tudo neste email
e ainda achar...
2
Lembre-se que
num mundo de
enxurradas de
email, dialogarmos
e termos
frequencia no
processo é
fundamental para
não deixa...
2
Um diamante é um pedaço de
carvão que se saiu bem sob pressão.
Autor Desconhecido
3
Nutrir uma
relação
e não
uma venda
3
Fornecedores fazem o
trabalho de prospectar,
entender a necessidade,
desenvolver a proposta e
apresentá-la
O que acontec...
3Enviar matérias, posts ou
papers sobre o mercado do
cliente ou o assunto de seu
interesse é uma maneira boa
de sempre “se...
"Quem não é visto não é lembrado"
autoria desconhecida
3
4
Fazer as
perguntas
certas
Vamos Fechar?
Preciso atingir
minha meta.
Verbalizar:
4Estas frases, além de
mostrar desespero e
dependência, é uma
maneira antiquada e sem
sentido para conseguir o
seu objetiv...
4De que forma posso te
ajudar a reverberar o
projeto dentro da sua
empresa para aprovarmos
mais facilmente?
O que você est...
4
Você consegue saber se um homem é
inteligente pelas suas respostas.
Você consegue saber se um homem
é sábio pelas suas p...
5
Amarrar todas
as pontas Na competitividade
que vivemos, tudo
pode acontecer.
5Somos influenciados
por “n" fatores externos
Para corrermos menos
riscos e termos maior
chance de fechamento,
há coisas i...
5
as famosas inside infor-
mation que não estão e
nunca estarão em brief-
ing e nem em email)
Pergunte, pergunte e
pergunt...
5
O segredo é ter todos os pontos de
contato com o cliente controlados
Fábio Riccó no livro:
O vendedor do futuro
de Renat...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

"As 5 (cinco) boas práticas para follow-up"

534 visualizações

Publicada em

"As 5 (cinco) boas práticas para follow-up"

junho/2014

Publicada em: Vendas
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
534
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

"As 5 (cinco) boas práticas para follow-up"

  1. 1. As 5boas práticas para follow-up
  2. 2. Ser persistente e não insistente O insistente é o chato enquanto o persistente é o aguerrido. 1
  3. 3. Se coloque no lugar do cliente e tenha bom senso. Seja persistente mas aja como vc gostaria de ser impactado. 1
  4. 4. 1 Os pingos da chuva fazem um buraco na pedra não pela violência, mas por cair com freqüência. Lucretius
  5. 5. 2Buscar o objetivo e não a execução da tarefa Normalmente realizamos as tarefas de follow-up para "tirar da frente”, sem pensar na melhor maneira de obter os resultados mais efetivos.
  6. 6. 2Por exemplo: Mandamos email para “tirar da frente”, achando que o futuro cliente irá falar tudo neste email e ainda achar que vai responder. Ao tentarmos saber se um prospect irá fechar um patrocínio de um projeto, ao invés de ligarmos até conseguirmos falar com o interlocutor para entender o momento e de como o podemos ajudar
  7. 7. 2 Lembre-se que num mundo de enxurradas de email, dialogarmos e termos frequencia no processo é fundamental para não deixarmos o lead “frio”. Pensar, ter calma ecuidado para buscar o objetivo final de saber “qual é o próximo passo” é fundamental para acelerar o fechamento.
  8. 8. 2 Um diamante é um pedaço de carvão que se saiu bem sob pressão. Autor Desconhecido
  9. 9. 3 Nutrir uma relação e não uma venda
  10. 10. 3 Fornecedores fazem o trabalho de prospectar, entender a necessidade, desenvolver a proposta e apresentá-la O que acontece é que na maioria das vezes não há cuidado, calma e dedicação para fazer o followup da melhor maneira.
  11. 11. 3Enviar matérias, posts ou papers sobre o mercado do cliente ou o assunto de seu interesse é uma maneira boa de sempre “ser lembrado”. Buscar pessoas em comum no círculo de amizade que pode fazer um “endorse" no seu trabalho também são bons caminhos para saber a temperatura, estágio da sua oportunidade e próximos passos.
  12. 12. "Quem não é visto não é lembrado" autoria desconhecida 3
  13. 13. 4 Fazer as perguntas certas Vamos Fechar? Preciso atingir minha meta. Verbalizar:
  14. 14. 4Estas frases, além de mostrar desespero e dependência, é uma maneira antiquada e sem sentido para conseguir o seu objetivo final. Tentar ajudar o cliente fazendo as perguntas certas
  15. 15. 4De que forma posso te ajudar a reverberar o projeto dentro da sua empresa para aprovarmos mais facilmente? O que você está sentindo falta para a proposta ficar mais adequada? É o caminho certo para ser mais efetivo e eficiente. Por exemplo:
  16. 16. 4 Você consegue saber se um homem é inteligente pelas suas respostas. Você consegue saber se um homem é sábio pelas suas perguntas. Naguib Mahfouz
  17. 17. 5 Amarrar todas as pontas Na competitividade que vivemos, tudo pode acontecer.
  18. 18. 5Somos influenciados por “n" fatores externos Para corrermos menos riscos e termos maior chance de fechamento, há coisas importantes a saber e fazer.
  19. 19. 5 as famosas inside infor- mation que não estão e nunca estarão em brief- ing e nem em email) Pergunte, pergunte e pergunte e fale com todas as pessoas pos- síveis que podem ajudar você com informações para se preparar melhor e usá-las ao seu favor
  20. 20. 5 O segredo é ter todos os pontos de contato com o cliente controlados Fábio Riccó no livro: O vendedor do futuro de Renato Gosling

×