O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Walking Gallery

194 visualizações

Publicada em

“Assim como a arte está em plena evolução, as galerias de arte também devem estar. E é por isso que surge Walking Gallery, uma galeria de arte sem paredes nem endereço fixo e sem edifício, onde os próprios artistas expõem suas obras em contextos alternativos, convertendo a clássica exibição artística numa ação social e inovadora”. Quem o diz é José Puig, o mentor deste movimento.

Publicada em: Arte e fotografia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Walking Gallery

  1. 1. WALKING GALLERY ARTE EM MOVIMENTO
  2. 2. SOBRE O MOVIMENTO WALKING GALLERY “Assim como a arte está em plena evolução, as galerias de arte também devem estar. E é por isso que surge Walking Gallery, uma galeria de arte sem paredes nem endereço fixo e sem edifício, onde os próprios artistas expõem suas obras em contextos alternativos, convertendo a clássica exibição artística numa ação social e inovadora”. Quem o diz é José Puig, o mentor deste movimento.
  3. 3. O que é Walking Gallery? É um movimento cultural que se identifica com o gesto do artista transportar a sua obra pelas ruas de uma cidade, tanto em grupo como individualmente.
  4. 4. Onde surgiu WG? WG nasceu em Barcelona (Espanha) em abril de 2009, quando o artista catalão Jose Puig realizou o primeiro passeio com um quadro pendurado ao ombro, com a intenção de inaugurar um novo conceito de galeria. Walking Gallery é uma alternativa às galerias de arte tradicionais.
  5. 5. WG em Portugal A primeira edição/exposição em Portugal da Walking Gallery, teve lugar na Ilha da Madeira, na cidade do Funchal, no dia 18 de Maio de 2013. Organizada pelo artista Rui Soares. Até setembro de 2014 realizaram-se 14 edições/exposições da galeria itinerante.
  6. 6. Pelo mundo fora… http://vimeo.com/26959950 Este movimento teve o seu início em Barcelona, teve continuidade por outras cidades espanholas, como Vigo, Bilbao, Madrid, Zaragoza, San Sebastían, entre outras e depois espalhou-se para fora da península ibérica: Buenos Aires; Londres; Ilha da Madeira; São Paulo; Porto Alegre, Goiânia; Ljubljana (Eslovénia) etc.

×