Do fio... ...à teia WeBlogs em Educação – Encontro na ESE Setúbal Teresa Martinho Marques – 2006/2007   Escola Básica 2,3 ...
Razões, memórias Ferramentas Um caminho D o  f i o  à  t e i a ...
www.dofioateia.blogspot.com Razões, memórias... ferramentas
WeBlogues em educação? Um caminho...
Aperitivo  prévio...   Um moscatel de 1962... Passeios  na blogosfera... Encontros formais e informais... Leituras....
Ingredientes fundamentais TIC Ideias Pessoas
... e temperos
Sentir que falta alguma coisa... desafio
Inclinação para o voo... aventura
V ontade de quebrar o isolamento e estabelecer contacto com o mundo... partilha
T endência para o optimismo e para a quimer a ... sonhos
Acreditar que é possível mais do que só sombra... crença
Gostar de brincar. Gostar de aprender. sorrisos
Deixar-se surpreender...  Acreditar no que acontecer... abertura
Nunca desistir... paciência
 
Valorizar a dimensão humana da aprendizagem...
Cooperar,  rentabilizar  recursos...
U nir em torno de um  projecto comum...
Abrir a aula, ligá-la ao mundo, estimular a interactividade...
Maior motivação.  Maior satisfação.
Estreitar laços entre todos.   Aproximar os elementos da comunidade educativa...
Dar visibilidade à Escola ,   ao trabalho escolar...
Desmultiplicar práticas, formação e experiências... Espalhar a semente...
Tornar possíveis coisas que parecem impossíveis e inalcansáveis...
Voar mais longe.  Fazer acontecer o futuro...
Crescer ...
Estimular o exercício da reflexão...
Como?
Persistentemente Experimentar Motivar Envolver Partilhar Rentabilizar o tempo Reflectir Desenvolver a autonomia
A ceita ndo :  por muito que se tenha feito,   é  ainda mais  o que  f alta fazer...
...  Com entusiasmo e os olhos postos na aventura que se segue...
Brincar : é a mais divertida das coisas sérias... Sério:  é tudo o que quisermos levar a sério... O Quê Que Quem – Notas d...
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Weblogues em Educação

3.200 visualizações

Publicada em

Encontro na ESE Set 3 de Março

Publicada em: Tecnologia

Weblogues em Educação

  1. 1. Do fio... ...à teia WeBlogs em Educação – Encontro na ESE Setúbal Teresa Martinho Marques – 2006/2007 Escola Básica 2,3 de Azeitão
  2. 2. Razões, memórias Ferramentas Um caminho D o f i o à t e i a ...
  3. 3. www.dofioateia.blogspot.com Razões, memórias... ferramentas
  4. 4. WeBlogues em educação? Um caminho...
  5. 5. Aperitivo prévio... Um moscatel de 1962... Passeios na blogosfera... Encontros formais e informais... Leituras....
  6. 6. Ingredientes fundamentais TIC Ideias Pessoas
  7. 7. ... e temperos
  8. 8. Sentir que falta alguma coisa... desafio
  9. 9. Inclinação para o voo... aventura
  10. 10. V ontade de quebrar o isolamento e estabelecer contacto com o mundo... partilha
  11. 11. T endência para o optimismo e para a quimer a ... sonhos
  12. 12. Acreditar que é possível mais do que só sombra... crença
  13. 13. Gostar de brincar. Gostar de aprender. sorrisos
  14. 14. Deixar-se surpreender... Acreditar no que acontecer... abertura
  15. 15. Nunca desistir... paciência
  16. 17. Valorizar a dimensão humana da aprendizagem...
  17. 18. Cooperar, rentabilizar recursos...
  18. 19. U nir em torno de um projecto comum...
  19. 20. Abrir a aula, ligá-la ao mundo, estimular a interactividade...
  20. 21. Maior motivação. Maior satisfação.
  21. 22. Estreitar laços entre todos. Aproximar os elementos da comunidade educativa...
  22. 23. Dar visibilidade à Escola , ao trabalho escolar...
  23. 24. Desmultiplicar práticas, formação e experiências... Espalhar a semente...
  24. 25. Tornar possíveis coisas que parecem impossíveis e inalcansáveis...
  25. 26. Voar mais longe. Fazer acontecer o futuro...
  26. 27. Crescer ...
  27. 28. Estimular o exercício da reflexão...
  28. 29. Como?
  29. 30. Persistentemente Experimentar Motivar Envolver Partilhar Rentabilizar o tempo Reflectir Desenvolver a autonomia
  30. 31. A ceita ndo : por muito que se tenha feito, é ainda mais o que f alta fazer...
  31. 32. ... Com entusiasmo e os olhos postos na aventura que se segue...
  32. 33. Brincar : é a mais divertida das coisas sérias... Sério: é tudo o que quisermos levar a sério... O Quê Que Quem – Notas de Rodapé e de Corrimão de Eugénio Roda e Gémeo Luís Pequeno: é o que devíamos responder quando nos perguntam o que queres ser quando fores grande?

×