O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Sistema Respiratório (trabalho de um aluno)

58.903 visualizações

Publicada em

Trabalho solicitado aos alunos em Ciências da Natureza. O Luís decidiu apresentar um "slideshow". Como são usadas figuras brasileiras, subsistem termos escritos de forma diferente (traqueia com acento, contracção só com um c). Nada de grave.

Sistema Respiratório (trabalho de um aluno)

  1. 1. O SISTEMA RESPIRATÓRIO LUÍS GONÇALVES 6º B Nº 16
  2. 2. Constituição do aparelho respiratório
  3. 3. Constituição do aparelho respiratório <ul><li>Fossas nasais: São duas cavidades que estão dentro do nariz e que são revestidas por uma mucosa. Têm uma espessa rede de vasos sanguíneos e pêlos abundantes para reter as impurezas. </li></ul><ul><li>Faringe : A faringe é um orgão que faz ligação entre o sistema digestivo e o respiratório . Que por si vai fazer comunicação com as fossas nasais e a boca e com a laringe. </li></ul>
  4. 4. Constituição do aparelho respiratório <ul><li>Laringe : A laringe é um orgão que faz comunicação com a traqueia e também onde estão as cordas vocais , que vibram quando o ar passa , produzindo sons. </li></ul><ul><li>Traqueia : A traqueia é o tubo de aproximadamente 1,5 centímetros de diâmetro por 10-12 centímetros de comprimento que se bifurca no seu interior , ligando a laringe aos brônquios , para levar o ar aos pulmões durante a respiração. </li></ul>
  5. 5. Constituição do aparelho respiratório <ul><li>Brônquios – Dois canais que resultam da traqueia, que entram nos pulmões. </li></ul><ul><li>Bronquíolos – Ramificaçoes mais finas dos brônquios, que terminam nos alvéolos pulmonares. </li></ul>
  6. 6. Constituição do aparelho respiratório <ul><li>Alvéolos pulmonares – São pequenos sacos de paredes muito finas, envolvidas por capilares sanguíneos, que se situam no fim dos bronquíolos. </li></ul>VIAS RESPIRATÓRIAS
  7. 7. OS PULMÕES
  8. 8. OS PULMÕES <ul><li>Os pulmões são dois orgãos elásticos de cor rosada, que estão situados na cavidade torácica. </li></ul><ul><li>Os pulmões não têm o mesmo tamanho, sendo que o direito é maior que o esquerdo porque tem por baixo o coração, que reduz espaço do lado esquerdo. </li></ul><ul><li>Pleura – Membrana que tem como função proteger os pulmões quando contactam com as costelas. </li></ul>
  9. 9. OS PULMÕES <ul><li>O diafragma – O diafragma é um músculo que se encontra por baixo dos pulmões. Ele separa o tórax do abdómen, e que se contrai e distende, fazendo os movimentos respiratórios. </li></ul>
  10. 10. Os movimentos respiratórios <ul><li>Inspiração – É a entrada do ar nos pulmões. Dá-se devido à contracção dos músculos das costelas e diafragma, o que provoca um aumento do volume da caixa torácica, que é acompanhado pelo aumento do volume dos pulmões. </li></ul>
  11. 11. Os movimentos respiratórios <ul><li>Expiração – Os músculos das costelas e o diafragma distendem-se, provocando a diminuição do volume da caixa torácica e a contracção dos pulmões, obrigando o ar a sair. </li></ul>
  12. 12. Diferenças entre o ar inspirado e expirado 16,1% 21% OXIGÉNIO 36ºc saturado 79% 4,5% AR EXPIRADO variável variável 79% 0,04% AR INSPIRADO TEMPERATURA VAPOR DE AGUA AZOTO DIÓXIDO DE CARBONO COMPOSIÇÃO E CARACTERÍSTICAS DO AR RESPIRADO
  13. 13. COMO SE FAZ A CIRCULAÇÃO DO AR <ul><li>O ar inspirado entra pelas fossas nasais , onde aquece, fica húmido e é filtrado das impurezas que transporta. Em seguida, o ar percorre as restantes vias respiratórias e chega aos pulmões , rico em oxigénio, com algum vapor de água e temperatura variável , conforme a temperatura ambiente. </li></ul><ul><li>Durante a expiração , o ar que vem dos pulmões segue o caminho inverso do ar inspirado. É expulso para o exterior, rico em dióxido de carbono e vapor de água. A sua temperatura é superior à do ar inspirado . </li></ul><ul><li>As diferenças da composição do ar inspirado e expirado resultam das trocas gasosas. </li></ul>
  14. 14. HEMATOSE PULMONAR <ul><li>Quando o ar inspirado chega aos pulmões , mais propriamente aos alvéolos pulmonares , parte do oxigénio que ele contém passa para o sangue, fazendo assim uma troca gasosa. A esta troca dá-se o nome de hematose pulmonar. </li></ul>
  15. 15. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>CASO A FUNÇÃO RESPIRATÓRIA NÃO SE REALIZE CONVENIENTEMENTE, A NOSSA SAÚDE ESTÁ EM RISCO. PODEM APARECER AS SEGUINTES DOENÇAS:GRIPE, ASMA, BRONQUITE, PNEUMONIA, CANCRO PULMONAR, ETC. </li></ul><ul><li>ASSIM, IMPORTA SEGUIR OS SEGUINTES CUIDADOS: </li></ul>
  16. 16. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>PREVENIR CONSTIPAÇÕES – É necessário usar roupa adequada para o frio, tomando todos os cuidados necessários para evitar a passagem de um lugar quente para um lugar frio. </li></ul>
  17. 17. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>AREJAR AS HABITAÇÕES – Este cuidado é necessário e muito importante para a entrada de oxigénio, permitindo renovar o ar que se respira. </li></ul>
  18. 18. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>PRATICAR EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS – A natação, por exemplo, é um desporto que permite aumentar o diâmetro da caixa torácica, permitindo uma maior e melhor ventilação pulmonar. </li></ul>
  19. 19. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>EVITAR AMBIENTES POLUÍDOS – É muito importante viver o mais possível num ambiente saudável, não poluído. Este hábito torna os pulmões mais saudáveis, pois no campo contactamos com um ar mais rico em oxigénio. </li></ul>
  20. 20. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>Inspirar pelo nariz e não pela boca – Esta é uma regra muito importante, pois só assim o ar inspirado é convenientemente aquecido, filtrado e humedecido, evitando a irritação das vias respiratórias. </li></ul>
  21. 21. CUIDADOS A TER COM O SISTEMA RESPIRATÓRIO <ul><li>NÃO FUMAR – Esta é uma regra muito impotante, pois o tabaco é responsável por vários tipos de cancro, como por exemplo, o cancro pulmonar. </li></ul>

×