coerenciaecoesao_vm

284 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
284
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

coerenciaecoesao_vm

  1. 1. Coerência e Coesão<br />Projecto Multidisciplinar I<br />João Carlos Teles da Mota Santos<br />Coordenadora: Ana Corte-Real<br />Porto 2010<br />Sumário XE " Sumário" <br />Este trabalho está relacionado com a Coerência e a Coesão. O objectivo do exercício do trabalho é praticar as nossas qualidades de análise de texto a nível macro e micro-estrutural.<br />Índice<br /> TOC o " 1-2" h z u Sumário PAGEREF _Toc260161434 h 2<br />Índice PAGEREF _Toc260161435 h 3<br />Introdução PAGEREF _Toc260161436 h 4<br />Resposta à pergunta PAGEREF _Toc260161437 h 5<br />Introdução XE " Introdução" <br />Como já foi referido no sumário este trabalho está relacionado com a Coerência e a Coesão. É composto por 2 alíneas, a primeira sobre a macro-estrutura está dividida em duas partes uma em a análise pedida é genérica e outra detalhada. A segunda alínea é sobre a micro-estrutura.<br />O objectivo deste trabalho centra-se nas nossas capacidades de análise de texto e nos nossos conhecimentos de Coerência e de Coesão.<br />Resposta à pergunta XE " Resposta à pergunta" <br />Verifique as regras de coerência nos seguintes textos:<br />análise macro estrutural:<br />Genérica: dos textos das páginas 41-45<br />Estes textos cumprem as regras de coerência, apresentando um grande número de repetições das palavras: colaboradores, formação e Chamartín.<br />As regras de progressão são cumpridas, pois ao longo do texto é desenvolvido o conceito de formação que é apresentado no início.<br />As regras da não contradição também são cumpridas, pois não há argumentos que se contrariem.<br />Por fim as regras da relação também são cumpridas, pois o conteúdo do texto é perceptível para o seu público alvo.<br />Detalhada: do texto da página 23<br />Este segundo texto também cumpre as regras de coerência repetindo a palavra ética para esse efeito.<br />As regras de progressão são também cumpridas. No desenrolar do texto o conceito de ética vai sendo aprofundado.<br />As regras de não contradição também não são quebradas, pois não há nenhum argumento ou facto a contrariar outro, já escrito anteriormente.<br />Por fim, as regras da relação também são cumpridas, visto que todos os assuntos falados no texto são perceptíveis pelo seu público alvo.<br />análise micro estrutural do texto da página 23.<br />Conectores:<br />(Linha 3, col I) como<br />(Linha 4, col I) que<br />(Linha 6, col I) que<br />(Linha 9, col I) entre outras<br />(Linha 12, col I) que<br />(Linha 16, col I) e<br />(Linha 17, col I) que<br />(Linha 21, col I) bem como<br />(Linha 22, col I) que<br />(Linha 1, col II) e<br />(Linha 3, col II) e<br />(Linha 4, col II) que<br />(Linha 6, col II) que<br />(Linha 8, col II) que<br />(Linha 13, col II) e<br />(Linha 18, col II) e<br />(Linha 22, col II) e<br />(Linha 22, col II) assim<br />Pronomes:<br />(Linha 1, col I) A<br />(Linha 2, col I) se<br />(Linha 4, col I) a<br />(Linha 4, col I) sua<br />(Linha 5, col I) Os<br />(Linha 6, col I) o<br />(Linha 13, col I) a<br />(Linha 14, col I) O<br />(Linha 15, col I) o<br />(Linha 17, col I) a<br />(Linha 19, col I) a<br />(Linha 19, col I) a<br />(Linha 22, col I) os<br />(Linha 22, col I) o<br />(Linha 2, col II) O<br />(Linha 6, col II) lhes<br />(Linha 7, col II) O<br />(Linha 7, col II) os<br />(Linha 8, col II) a<br />(Linha 9, col II) a<br />(Linha 14, col II) o<br />(Linha 16, col II) a<br />(Linha 16, col II) a<br />(Linha 23, col II) a<br />(Linha 24, col II) sua<br />

×