ArtigoComo iniciar um Blog<br />
Sobre esse artigo<br />
Sobre esse artigo<br />Ultimamente alguns amigos têm me procurado pedindo dicas de como montar um blog, algumas idéias par...
Sobre esse artigo<br />Após alguns bate-papos e conversas sobre blog, resolvi colocar no papel o que acredito ser o “passo...
Sobre esse artigo<br />Não tenho a fórmula mágica para o sucesso de um blog - que de fato não existe - mas como trabalho e...
Sobre esse artigo<br />O objetivo desse artigo não é entrar em questões técnicas, a intenção é compartilhar algumas dicas ...
Sobre esse artigo<br />Separei em fases que entendo serem as mais adequadas para nortear a criação de um blog. <br />A seg...
Etapa 1<br />Objetivo e público<br />
Objetivo e público<br />Na primeira etapa falaremos sobre duas coisas que tem relação direta e se complementam: objetivo e...
Objetivo e público<br />Trace um objetivo – Por qual motivo você quer ter um blog? Essa é a primeira pergunta que você dev...
Objetivo e público<br />Muitas pessoas criam blog por empolgação, sem ter um objetivo definido e depois de alguns meses ac...
Objetivo e público<br />Defina seu público – A escolha do público está diretamente relacionada com o objetivo, mas apesar ...
Objetivo e público<br />Definir objetivo e público é o processo inicial e fundamental para prosseguir com sucesso as próxi...
Etapa 2<br />A concepção, também conhecida como escolha do tema<br />
Escolha do tema<br />A escolha do tema está na segunda etapa não é por acaso. Para muitas pessoas o mais difícil é escolhe...
Escolha do tema<br />Modinha – Muitas pessoas escolhem o tema de um blog pelo fato do assunto estar na moda. No momento em...
Escolha do tema<br />Pelo fato de um assunto estar em evidência não quer dizer que você deva falar sobre ele. O fundamenta...
Escolha do tema<br />Se a dúvida sobre o que dizer ainda persistir, liste alguns temas que você goste e faça uma pesquisa ...
Escolha do tema<br />Essa etapa pode ser simples ou demorar alguns meses. Considero essa fase sendo fundamental, independe...
Etapa 3 <br />Geração de conteúdo<br />
O conteúdo<br />Uma vez definido o tema é hora de pensar em como será a produção do conteúdo, afinal blog sem conteúdo não...
O conteúdo<br />Existem três formas de se ter um bom conteúdo para um blog e a primeira delas é você mesmo.<br />Dependend...
O conteúdo<br />A segunda forma de se obter conteúdo é replicar textos escritos por outras pessoas, o famoso copiar e cola...
O conteúdo<br />A terceira forma de gerar conteúdo é editar com base em outras fontes, ou seja, sites especializados. A di...
O conteúdo<br />Vou explicar melhor. Você pode ter um blog com tema futebol, por exemplo, e escrever sobre o campeonato br...
O conteúdo<br />Você pode também fazer das três formas ou a que julgar mais adequada. Seja coerente.<br />Independente de ...
O conteúdo<br />Alguns exemplos de blogs com conteúdo específico e compartilhado de outras fontes:<br />http://hojevouassi...
Etapa 4<br />Estrutura do conteúdo<br />
Estrutura do conteúdo<br />Essa fase é um pouco mais estratégica e nela você irá definir como o conteúdo será organizado. ...
Estrutura do conteúdo<br />A estrutura do blog serve tanto para orientar o leitor quanto facilitar a vida do editor.<br />...
Estrutura do conteúdo<br />Categorias nada mais são que agrupamentos de posts relacionados e servem como orientação e orga...
Estrutura do conteúdo<br />Outra forma de manter a orientação para o usuário é a criação de tags. Entenda tag como etiquet...
Estrutura do conteúdo<br />As plataformas de blogs disponíveis dão suporte para implementação de categorias e tags, não se...
Etapa 5<br />O layout, também conhecido como aparência visual<br />
Aparência<br />Nessa fase dependendo da escolha que você fizer inevitavelmente precisará contar com a ajuda de um programa...
Aparência<br />Se a aparência do blog não fizer diferença, você pode adotar um layout padrão disponibilizado nas próprias ...
Aparência<br />Agora, se você quer um layout mais trabalhado ou muito específico, com a sua cara, existem duas alternativa...
Aparência<br />Entenda template como sendo um layout (desenho pronto) que alguém criou, programou e disponibilizou na inte...
Aparência<br />Utilizo o termo template, pois será mais fácil você encontrar sites especializados utilizando o termo. Exis...
Aparência<br />Você também pode contratar um profissional da área de internet (web design ou programador web) para criar u...
Aparência<br />Comprando um template ou fazendo o download de um gratuito, você precisará de um programador web para reali...
Aparência<br />Dica de site para compra de templates:<br />http://www.templatemonster.com/ - Existem vários sites na web q...
Etapa 6<br />Alimentando com conteúdo<br />
Alimentando com conteúdo<br />Depois de escolhido o objetivo, o público, o tema, definida a fonte ou fontes para geração d...
Alimentando com conteúdo<br />As pessoas me perguntam qual a quantidade ideal de posts por dia, por semana ou por mês. A m...
Alimentando com conteúdo<br />O que leva as pessoas a acessarem blogs com freqüência é a novidade. Se você atualizar seu b...
Alimentando com conteúdo<br />Se você tiver muito conteúdo para postar aconselho escrever os posts no Word e definir uma p...
Alimentando com conteúdo<br />Defina pautas diárias se tiver vários posts sobre vários assuntos (categorias). Por exemplo:...
Alimentando com conteúdo<br />Caso você tenha um poucos posts sobre determinado assunto (categoria), distribua-os em pauta...
Revisão<br />
Objetivo e público<br /><ul><li> trace um objetivo
 defina qual será o público</li></ul>ETAPA 1<br /><ul><li> realize pesquisas
meditei sobre assuntos interessantes
escolha algo que tenha a ver com você</li></ul>Escolha do tema<br />ETAPA 2<br /><ul><li> gere conteúdo com base em sua ex...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Como iniciar um blog

4.095 visualizações

Publicada em

Minha visão sobre como iniciar um blog.

Publicada em: Negócios
2 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.095
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
72
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
2
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como iniciar um blog

  1. 1. ArtigoComo iniciar um Blog<br />
  2. 2. Sobre esse artigo<br />
  3. 3. Sobre esse artigo<br />Ultimamente alguns amigos têm me procurado pedindo dicas de como montar um blog, algumas idéias para escolha do tema e outros toques que vão desde a fase inicial até a divulgação do blog na internet. <br />03<br />
  4. 4. Sobre esse artigo<br />Após alguns bate-papos e conversas sobre blog, resolvi colocar no papel o que acredito ser o “passo-a-passo” para se iniciar um blog de forma consciente e não abandoná-lo depois de alguns meses por falta de planejamento na fase inicial.<br />04<br />
  5. 5. Sobre esse artigo<br />Não tenho a fórmula mágica para o sucesso de um blog - que de fato não existe - mas como trabalho em planejamento online e sou editor de um blog, tenho certa experiência sobre o assunto para compartilhar.<br />05<br />
  6. 6. Sobre esse artigo<br />O objetivo desse artigo não é entrar em questões técnicas, a intenção é compartilhar algumas dicas e processos que vão desde idéias para escolha do tema, produção de conteúdo (blog não sobrevive sem conteúdo), organização da estrutura, escolha do layout até a postagem com conteúdo.<br />06<br />
  7. 7. Sobre esse artigo<br />Separei em fases que entendo serem as mais adequadas para nortear a criação de um blog. <br />A seguir listarei em ordem cronológica as etapas:<br />07<br />
  8. 8. Etapa 1<br />Objetivo e público<br />
  9. 9. Objetivo e público<br />Na primeira etapa falaremos sobre duas coisas que tem relação direta e se complementam: objetivo e público.<br />09<br />
  10. 10. Objetivo e público<br />Trace um objetivo – Por qual motivo você quer ter um blog? Essa é a primeira pergunta que você deve fazer. <br />10<br />
  11. 11. Objetivo e público<br />Muitas pessoas criam blog por empolgação, sem ter um objetivo definido e depois de alguns meses acabam desistindo. Defina um objetivo ou os objetivos para seu blog. <br />Por exemplo: comunicar uma mensagem específica, ser uma fonte de informação independente, ganhar dinheiro (apesar de não ser uma tarefa fácil). Enfim, não inicie um blog sem ter um objetivo definido.<br />11<br />
  12. 12. Objetivo e público<br />Defina seu público – A escolha do público está diretamente relacionada com o objetivo, mas apesar dessa relação você precisa pensar melhor sobre isso.<br />Imagine que o objetivo seja ser uma fonte de informação independente. De fato é um objetivo que abre margem para falar com diversos públicos. Por exemplo: público jovem, religioso, amantes de música brasileira, de música independente, profissionais de uma área específica, etc. <br />12<br />
  13. 13. Objetivo e público<br />Definir objetivo e público é o processo inicial e fundamental para prosseguir com sucesso as próximas etapas para iniciar um blog.<br />13<br />
  14. 14. Etapa 2<br />A concepção, também conhecida como escolha do tema<br />
  15. 15. Escolha do tema<br />A escolha do tema está na segunda etapa não é por acaso. Para muitas pessoas o mais difícil é escolher um tema para blogar. Se você quer ter um blog e não sabe sobre o que falar, preste muita atenção.<br />Se o objetivo e público forem bem definidos você não terá muitos problemas para escolher o tema, pois de certa forma o tema estará relacionado com o público. <br />15<br />
  16. 16. Escolha do tema<br />Modinha – Muitas pessoas escolhem o tema de um blog pelo fato do assunto estar na moda. No momento em que eu escrevo esse artigo a onda são os blogs sobre Mídias Sociais. É impressionante o número de blogs “especializados” em Mídias Sociais. Isso não significa que você não possa escolher um tema que esteja em evidência, mas não escolha porque está na moda.<br />16<br />
  17. 17. Escolha do tema<br />Pelo fato de um assunto estar em evidência não quer dizer que você deva falar sobre ele. O fundamental é falar sobre algo que seja relevante pra você. Fale sobre algo que te dê prazer. Blog é uma excelente ferramenta de interação autor x leitor, por isso, independente do seu blog ser uma fonte de disseminação sobre um assunto específico ou um simples diário online, sempre alguém se identificará com o que você escreve.<br />17<br />
  18. 18. Escolha do tema<br />Se a dúvida sobre o que dizer ainda persistir, liste alguns temas que você goste e faça uma pesquisa na internet. Se ninguém estiver blogando sobre o assunto escolhido por você, ótimo. Se existir um ou mais blogs falando sobre o mesmo assunto, mapei-os para saber se existe algum meio de se destacar falando sobre o mesmo assunto ou escolha outro tema.<br />18<br />
  19. 19. Escolha do tema<br />Essa etapa pode ser simples ou demorar alguns meses. Considero essa fase sendo fundamental, independente do tempo investido em pesquisa e meditação para escolha do tema. O importante é você ter certeza de que seu blog não será um “peso”, mas sim um prazer em escrever mesmo que dê trabalho. Alimentar um blog com conteúdo relevante dá muito trabalho e isso independe do tema, por isso é fundamental falar sobre o que você goste.<br />19<br />
  20. 20. Etapa 3 <br />Geração de conteúdo<br />
  21. 21. O conteúdo<br />Uma vez definido o tema é hora de pensar em como será a produção do conteúdo, afinal blog sem conteúdo não sobrevive.<br /> Mesmo que inicialmente você não poste diariamente, a medida que seu blog for ficando conhecido, a periodicidade com que você o atualizará fará muita diferença.<br />21<br />
  22. 22. O conteúdo<br />Existem três formas de se ter um bom conteúdo para um blog e a primeira delas é você mesmo.<br />Dependendo do tema você mesmo pode escrever o conteúdo sem depender de outras fontes. Imagine que o tema do seu blog seja sobre um assunto muito específico e que você tenha muita experiência sobre o tal assunto; perfeito!<br />22<br />
  23. 23. O conteúdo<br />A segunda forma de se obter conteúdo é replicar textos escritos por outras pessoas, o famoso copiar e colar. Essa é uma boa alternativa para quem quer ter um blog mas não tem habilidade em escrever. É claro que se você adotar essa alternativa, ao copiar e colar textos retirados de materiais impressos ou da própria internet, não deixe de fazer referência ao autor e citar a fonte, afinal você estará replicando conteúdo de terceiros e não pode se apropriar e publicar como se você fosse o autor. Numa dessa você pode ser enquadrado na Lei 9.610 que regula os direitos autorais.<br />23<br />
  24. 24. O conteúdo<br />A terceira forma de gerar conteúdo é editar com base em outras fontes, ou seja, sites especializados. A diferença da forma citada anteriormente é que você será o editor e não irá copiar conteúdo de terceiros. <br />24<br />
  25. 25. O conteúdo<br />Vou explicar melhor. Você pode ter um blog com tema futebol, por exemplo, e escrever sobre o campeonato brasileiro comentando o que os sites especializados escrevem sobre o assunto. Sua fonte serão os grandes sites esportivos, mas não estará copiando o conteúdo. Em dado momento você pode até copiar trechos e fazer referência aos mesmos, mas o conteúdo será redigido por você, terá a sua cara, sua opinião. Essa é a forma que utilizo e considero a mais legal. Dependendo do assunto eu mesmo gero o conteúdo sem recorrer a outras fontes.<br />25<br />
  26. 26. O conteúdo<br />Você pode também fazer das três formas ou a que julgar mais adequada. Seja coerente.<br />Independente de qual modelo você utilize para gerar conteúdo, assine feeds de outros sites, participe das redes sociais e interaja com a blogosfera, pois um blog nada mais é que uma ferramenta de relacionamento.<br />26<br />
  27. 27. O conteúdo<br />Alguns exemplos de blogs com conteúdo específico e compartilhado de outras fontes:<br />http://hojevouassim.blogspot.com/ - blog de moda<br />http://www.sandraturchi.com.br/ - blog de marketing<br />http://www.opedefeijao.com.br/ - blog sobre redes sociais e web<br />27<br />
  28. 28. Etapa 4<br />Estrutura do conteúdo<br />
  29. 29. Estrutura do conteúdo<br />Essa fase é um pouco mais estratégica e nela você irá definir como o conteúdo será organizado. É muito importante pensar e planejar como organizar o conteúdo logo no começo, pois a medida que seu blog for criando corpo será mais trabalhoso reorganizar toda informação.<br />29<br />
  30. 30. Estrutura do conteúdo<br />A estrutura do blog serve tanto para orientar o leitor quanto facilitar a vida do editor.<br />Imagine que seu blog seja sobre moda, um tema amplo e que abre margem para diversos assuntos relacionados. É muito importante que você defina qual será a estrutura para que os posts sejam organizados e não gere confusão para quem lê ou procura por seus textos. Para isso você deve definir categorias.<br />30<br />
  31. 31. Estrutura do conteúdo<br />Categorias nada mais são que agrupamentos de posts relacionados e servem como orientação e organização dos assuntos do blog.<br /> Exemplos de categorias considerando que o assunto seja moda: Roupa masculina, Roupa feminina, São Paulo Fashion Week, Grife Internacional, etc. Esses são alguns exemplos simples de como você poderá organizar o conteúdo em categorias.<br />31<br />
  32. 32. Estrutura do conteúdo<br />Outra forma de manter a orientação para o usuário é a criação de tags. Entenda tag como etiqueta, rótulos. Vou usar mais uma vez o exemplo do blog sobre moda. Imagine que na categoria “Roupa feminina” você fale sobre vestido, blusas, calças, etc., Não faz sentido ter uma categoria para cada peça do vestuário feminino. É ai que entram as tags. Quando você escrever um texto sobre uso de meia-calça, o post está dentro da categoria “Roupa Feminina” e com a tag (etiqueta) “meia-calça”. Dessa forma a pessoa que acessar seu blog poderá navegar direto pela tag que lhe for mais interessante.<br />32<br />
  33. 33. Estrutura do conteúdo<br />As plataformas de blogs disponíveis dão suporte para implementação de categorias e tags, não se preocupe com a parte técnica.<br />33<br />
  34. 34. Etapa 5<br />O layout, também conhecido como aparência visual<br />
  35. 35. Aparência<br />Nessa fase dependendo da escolha que você fizer inevitavelmente precisará contar com a ajuda de um programador web.<br />Mas não desanime! <br />35<br />
  36. 36. Aparência<br />Se a aparência do blog não fizer diferença, você pode adotar um layout padrão disponibilizado nas próprias plataformas de blog, como Blogger, Blog Spot, Space Blog, Blog UOL ou o WordPress que está em evidência ultimamente. <br />36<br />
  37. 37. Aparência<br />Agora, se você quer um layout mais trabalhado ou muito específico, com a sua cara, existem duas alternativas: comprar um template ou contratar um profissional para desenvolver, a não ser que você queria se aventurar em programação web.<br />37<br />
  38. 38. Aparência<br />Entenda template como sendo um layout (desenho pronto) que alguém criou, programou e disponibilizou na internet para quem quiser comprar. <br />38<br />
  39. 39. Aparência<br />Utilizo o termo template, pois será mais fácil você encontrar sites especializados utilizando o termo. Existem templates temáticos prontos para serem usados. O “problema” é que qualquer um pode comprar, sendo assim você corre o risco de ter alguém ou várias pessoas com um blog com a mesma aparência do seu. Você pode comprar um template com exclusividade de uso, mas o custo é bem superior. Alguns ajustes sempre são necessários como troca de logotipo, cores e outras pequenas modificações na aparência.<br />39<br />
  40. 40. Aparência<br />Você também pode contratar um profissional da área de internet (web design ou programador web) para criar um layout e programá-lo. Tudo depende da sua necessidade e de quanto está disposto em gastar. <br />40<br />
  41. 41. Aparência<br />Comprando um template ou fazendo o download de um gratuito, você precisará de um programador web para realizar alguns ajustes.<br />Lembrando que se você fizer o download de um template (pago ou gratuito) será necessária a contratação de um serviço de hospedagem (host) para você disponibilizar seu blog na internet.<br />41<br />
  42. 42. Aparência<br />Dica de site para compra de templates:<br />http://www.templatemonster.com/ - Existem vários sites na web que comercializam templates, mas o Template Monster é um dos mais conhecidos e confiáveis.<br />42<br />
  43. 43. Etapa 6<br />Alimentando com conteúdo<br />
  44. 44. Alimentando com conteúdo<br />Depois de escolhido o objetivo, o público, o tema, definida a fonte ou fontes para geração de conteúdo, estruturado a organização da informação e escolhido o layout é hora de por a mão na massa e começar a postar.<br />44<br />
  45. 45. Alimentando com conteúdo<br />As pessoas me perguntam qual a quantidade ideal de posts por dia, por semana ou por mês. A minha resposta é, depende. Depende do volume de informação disponível para postar e do tempo que você dedicará para isso.<br />45<br />
  46. 46. Alimentando com conteúdo<br />O que leva as pessoas a acessarem blogs com freqüência é a novidade. Se você atualizar seu blog uma vez por semana, provavelmente as pessoas o visitarão com o mesmo intervalo, se visitarem. Isso não significa que você deve postar cinco vezes por dia, mas tenha em mente que blog é dinamismo e mantê-lo sempre atualizado fará toda a diferença.<br />46<br />
  47. 47. Alimentando com conteúdo<br />Se você tiver muito conteúdo para postar aconselho escrever os posts no Word e definir uma pauta para orientar e facilitar a postagem.<br />47<br />
  48. 48. Alimentando com conteúdo<br />Defina pautas diárias se tiver vários posts sobre vários assuntos (categorias). Por exemplo: vários posts para cinco categorias diferentes, organize em pautas divididas por dias da semana. Exemplo: segunda-feira você posta sobre “Roupa Masculina”, na terça-feira sobre “Roupa Feminina”, etc. <br />48<br />
  49. 49. Alimentando com conteúdo<br />Caso você tenha um poucos posts sobre determinado assunto (categoria), distribua-os em pautas semanais.<br />Pode parecer meio óbvia essa divisão de pautas, mas será muito útil a medida que você se acostuma com o ritmo das postagens.<br />49<br />
  50. 50. Revisão<br />
  51. 51. Objetivo e público<br /><ul><li> trace um objetivo
  52. 52. defina qual será o público</li></ul>ETAPA 1<br /><ul><li> realize pesquisas
  53. 53. meditei sobre assuntos interessantes
  54. 54. escolha algo que tenha a ver com você</li></ul>Escolha do tema<br />ETAPA 2<br /><ul><li> gere conteúdo com base em sua experiência
  55. 55. replique conteúdo (fazendo referências)
  56. 56. utilize fontes como referência e expresse sua opinião
  57. 57. assine feeds e participe de forma efetiva das redes sociais</li></ul>Geração de conteúdo<br />ETAPA 3<br /><ul><li> pense na organização do conteúdo
  58. 58. defina as categorias
  59. 59. selecione as tags</li></ul>Estrutura do conteúdo<br />ETAPA 4<br /><ul><li> layout padrão, grátis
  60. 60. template pago ou gratuito
  61. 61. Ou desenvolvido por um profissional da área</li></ul>Escolha do layout<br />ETAPA 5<br /><ul><li> organize o conteúdo em pautas para facilitar e orientar</li></ul>a postagem<br />Alimentando com conteúdo <br />ETAPA 6<br />
  62. 62. Glossário<br />
  63. 63. Glossário<br />blog – abreviação de web blog / página na internet para publicação de artigos<br />blogar – publicar conteúdo em um blog<br />blogger – editor de blog / serviço de blog gratuito oferecido pelo Google<br />blogosfera – termo utilizado para fazer referência aos blogs (coletivo)<br />blog spot – mesmo que blogger<br />blog UOL – serviço de blog gratuito do UOL<br />feed – ferramenta para distribuir informação. Os usuários da internet assinam (se inscrevem) feeds para se manterem atualizados.<br />layout – desenho<br />hospedagem – armazenar conteúdo e computadores para ser acessível na internet<br />host – serviço de hospedagem<br />postar – publicar mensagem<br />post – mensagem publicada<br />redes sociais – rede de relacionamento: twitter, facebook, orkut, etc.<br />space blog – serviço de blog gratuito<br />tag – etiqueta, rótulagem<br />template – modelo padronizado<br />worpress – plataforma para gerenciamento de páginas na internet. É a principal plataforma utilizada para publicação de blog da atualidade<br />53<br />
  64. 64. Alessandro RodriguesSão Paulo – SP – BrasilCoordenador de planejamento digital da agência e|ouEditor do blog evom – www.evom.com.brtwitter: @1978arp<br />

×