TENTA ESQUECER-ME MÁRIO QUINTANA
Tenta esquecer-me... Ser lembrado é como evocar Um fantasma... Deixa-me ser o que sou, O que sempre fui, um rio que vai fl...
Em vão, em minhas margens cantarão as horas, Me recamarei de estrelas como um manto real, Me bordarei de  nuvens e de asas...
Um espelho não guarda as coisas refletidas! E o meu destino é seguir...é seguir  para  o Mar, As imagens perdendo no camin...
CRÉDITOS POEMA  MARIO QUINTANA Naja Slides [email_address]
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

TENTA ESQUECER-ME

425 visualizações

Publicada em

TENTA ESQUECER-ME

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
425
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
21
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TENTA ESQUECER-ME

  1. 1. TENTA ESQUECER-ME MÁRIO QUINTANA
  2. 2. Tenta esquecer-me... Ser lembrado é como evocar Um fantasma... Deixa-me ser o que sou, O que sempre fui, um rio que vai fluindo...
  3. 3. Em vão, em minhas margens cantarão as horas, Me recamarei de estrelas como um manto real, Me bordarei de nuvens e de asas, Às vezes virão a mim as crianças banhar-se...
  4. 4. Um espelho não guarda as coisas refletidas! E o meu destino é seguir...é seguir para o Mar, As imagens perdendo no caminho... Deixa-me fluir, passar, cantar... Toda a tristeza dos rios É não poder parar!
  5. 5. CRÉDITOS POEMA MARIO QUINTANA Naja Slides [email_address]

×