Seja num pequeno Largo ou Praça, ou num espaço grandioso, encontramos espalhados pela cidade Jardins municipais muitos del...
<ul><li>Inaugurado em 1834 concluído 7 anos depois </li></ul>
Aqui recebeu Camilo das mãos de  D. Pedro II do Brasil e V de Portugal A Comenda da Ordem das Rosas
Lugar de eleição do Portuense do séc. XIX
Tem das árvores mais antigas da cidade
Arca d’Água
Calém Estendendo-se  até à Cantareira tem uma vista magnifica do Douro e Afurada
 
Cantareira
Galiza
Júlio Diniz
Corujeira
Centro da freguesia  de Campanhã Possui belíssimos e antigos plátanos
Fontaínhas
 
Largo da  Faculdade de  Medicina  Praça do Império
Largo de Massarelos  Largo da Maternidade
Pasteleira
Campo 24 de Agosto
Reconstruído recentemente
Praça da República
 
Arquitectura magnífica com as suas Palmeiras alinhadas em  forma circular
Praça de Liége
Jardim dos Sentimentos Transferido de Ponte de Lima
Largo  Soares dos Reis  Cedofeita
Passeio das Virtudes Foi grandioso e local de elite do séc. XIX Magníficos panoramas sobre o Douro e Gaia
 
Carregal  construído em 1897 Podem-se  apreciar exemplares únicos  em Jardins Portuenses
Belíssimos canteiros estão espalhados  por toda a superfície
 
Marquês de Pombal
Palco de lutas políticas e combates durante as  Invasões Francesas
<ul><li>Espaço arborizado desde o </li></ul><ul><li>Séc. XIV.  </li></ul><ul><li>O jardim remonta a 1865. </li></ul><ul><l...
Em cada ponto cardeal tem um tema específico demonstrado por espécies arbóreas
 
<ul><li>Construídos na 1ª metade do séc. XX, estendem-se por toda a orla marítima </li></ul>
Árvores e arbustos mostram Silhuetas moldadas pelos ventos
Entrada Norte  Paralelo à  Av. Do Brasil
Pormenores  requintados
Zona do Molhe
Praça  Sá Carneiro
Construído em 1948 na Praça que se chamou de Velásquez
 
<ul><li>Antigo local onde os pescadores arranjavam os seus apetrechos de pesca, foi construído entre 1870 e 1888. </li></u...
 
Chafariz do séc. XVII  Um dos belos lagos
Coreto na zona central  Chalet construído em 1874
Tema musical No More Boleros pela Orquestra de James Last
Alguns textos  compilados em PortoCompasso http://cct.portodigital.pt/ Fotos e Formatação @Portojo Out.2008
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

PORTO E SEUS JARDINS

1.093 visualizações

Publicada em

PORTO E SEUS JARDINS

Publicada em: Arte e fotografia

PORTO E SEUS JARDINS

  1. 1. Seja num pequeno Largo ou Praça, ou num espaço grandioso, encontramos espalhados pela cidade Jardins municipais muitos deles desenhados por arquitectos famosos. Alguns guardam estórias ligadas à História de Portugal e a passagens de vida de gente que foi importante. É um prazer percorrê-los em qualquer altura do ano. Colecção Porto a minha cidade
  2. 2. <ul><li>Inaugurado em 1834 concluído 7 anos depois </li></ul>
  3. 3. Aqui recebeu Camilo das mãos de D. Pedro II do Brasil e V de Portugal A Comenda da Ordem das Rosas
  4. 4. Lugar de eleição do Portuense do séc. XIX
  5. 5. Tem das árvores mais antigas da cidade
  6. 6. Arca d’Água
  7. 7. Calém Estendendo-se até à Cantareira tem uma vista magnifica do Douro e Afurada
  8. 9. Cantareira
  9. 10. Galiza
  10. 11. Júlio Diniz
  11. 12. Corujeira
  12. 13. Centro da freguesia de Campanhã Possui belíssimos e antigos plátanos
  13. 14. Fontaínhas
  14. 16. Largo da Faculdade de Medicina Praça do Império
  15. 17. Largo de Massarelos Largo da Maternidade
  16. 18. Pasteleira
  17. 19. Campo 24 de Agosto
  18. 20. Reconstruído recentemente
  19. 21. Praça da República
  20. 23. Arquitectura magnífica com as suas Palmeiras alinhadas em forma circular
  21. 24. Praça de Liége
  22. 25. Jardim dos Sentimentos Transferido de Ponte de Lima
  23. 26. Largo Soares dos Reis Cedofeita
  24. 27. Passeio das Virtudes Foi grandioso e local de elite do séc. XIX Magníficos panoramas sobre o Douro e Gaia
  25. 29. Carregal construído em 1897 Podem-se apreciar exemplares únicos em Jardins Portuenses
  26. 30. Belíssimos canteiros estão espalhados por toda a superfície
  27. 32. Marquês de Pombal
  28. 33. Palco de lutas políticas e combates durante as Invasões Francesas
  29. 34. <ul><li>Espaço arborizado desde o </li></ul><ul><li>Séc. XIV. </li></ul><ul><li>O jardim remonta a 1865. </li></ul><ul><li>Em 1941 foi pràticamente </li></ul><ul><li>destruído por um ciclone, </li></ul><ul><li>sobrando um ulmeiro </li></ul><ul><li>conhecido como a </li></ul><ul><li>Arvore da Forca </li></ul>
  30. 35. Em cada ponto cardeal tem um tema específico demonstrado por espécies arbóreas
  31. 37. <ul><li>Construídos na 1ª metade do séc. XX, estendem-se por toda a orla marítima </li></ul>
  32. 38. Árvores e arbustos mostram Silhuetas moldadas pelos ventos
  33. 39. Entrada Norte Paralelo à Av. Do Brasil
  34. 40. Pormenores requintados
  35. 41. Zona do Molhe
  36. 42. Praça Sá Carneiro
  37. 43. Construído em 1948 na Praça que se chamou de Velásquez
  38. 45. <ul><li>Antigo local onde os pescadores arranjavam os seus apetrechos de pesca, foi construído entre 1870 e 1888. </li></ul><ul><li>Dois obeliscos da autoria de Nasoni marcam uma entrada </li></ul>
  39. 47. Chafariz do séc. XVII Um dos belos lagos
  40. 48. Coreto na zona central Chalet construído em 1874
  41. 49. Tema musical No More Boleros pela Orquestra de James Last
  42. 50. Alguns textos compilados em PortoCompasso http://cct.portodigital.pt/ Fotos e Formatação @Portojo Out.2008

×