Apenas Te Amo Te amo... Não com a impetuosidade das tempestades, Ou a avassaladora devastação da juventude... Te amo com a...
Te amo... Não como o vulcão que se esvai em sua própria força, Não como o embate de corpos ardentes, Mas como a comunhão d...
Te amo... Não como o ar que preciso para viver, Não como necessidade da pressa de tua presença... Te amo como esperança da...
Te amo... Não com agonia da posse, Não com a condição de suprimir teus sonhos,  Mas com a alegria te ver sonhando,  Como o...
Te amo... Não com a fúria de imaginados ciúmes... Não com a urgência de te possuir a alma, Mas com o regozijo que flui da ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

APENAS TE AMO

399 visualizações

Publicada em

APENAS TE AMO

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
399
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

APENAS TE AMO

  1. 1. Apenas Te Amo Te amo... Não com a impetuosidade das tempestades, Ou a avassaladora devastação da juventude... Te amo com a calma de um crepúsculo, Com a suavidade de uma brisa, Com a calma do deslizar do regato...
  2. 2. Te amo... Não como o vulcão que se esvai em sua própria força, Não como o embate de corpos ardentes, Mas como a comunhão de almas silenciosas, Como o carinho de um silêncio,  Com a placidez de um olhar pousado no horizonte...
  3. 3. Te amo... Não como o ar que preciso para viver, Não como necessidade da pressa de tua presença... Te amo como esperança da ausência consentida, Como o espelho do lago à espera de brincar com a brisa, Como o olhar sereno que já não cobra, apenas se confessa...
  4. 4. Te amo... Não com agonia da posse, Não com a condição de suprimir teus sonhos,  Mas com a alegria te ver sonhando,  Como o sossego de um prado verdejante, Como a quietude de uma oração...
  5. 5. Te amo... Não com a fúria de imaginados ciúmes... Não com a urgência de te possuir a alma, Mas com o regozijo que flui da serenidade, Com a placidez do espírito apaziguado, Com a alegria de caminhar contigo até o fim da eternidade... J.B.Xavier Música : Andre Gagnon - My Funny Valentine Montagem : [email_address] www.pranos.com.br

×