O Teatro

254 visualizações

Publicada em

Origem, tipos, conceitos e autores envolvidos.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
254
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Teatro

  1. 1. {{ Etimologia da palavra TeatroEtimologia da palavra Teatro A palavra TEATRO deriva do grego THEATRON queA palavra TEATRO deriva do grego THEATRON que significa "significa "o que se vêo que se vê"" ““TeatroTeatro “:“: olhar com interesse;olhar com interesse; e "e "trontron":": dondedonde Ou seja:Ou seja: o local de onde se vê.o local de onde se vê.
  2. 2. Teatro na GréciaTeatro na Grécia AntigaAntiga A consolidação do teatro,A consolidação do teatro, enquanto espetáculoenquanto espetáculo,, nana GréciaGrécia antiga, deu-se em função dasantiga, deu-se em função das manifestações em homenagemmanifestações em homenagem ao deus do vinho, Dionísio.ao deus do vinho, Dionísio. A cada nova safra de uva, eraA cada nova safra de uva, era realizada uma festa emrealizada uma festa em agradecimento ao deus, atravésagradecimento ao deus, através de procissões.de procissões.
  3. 3. Com o passar do tempo, essas procissões, queCom o passar do tempo, essas procissões, que eram conhecidas como "Ditirambos", forameram conhecidas como "Ditirambos", foram ficando cada vez mais elaboradas, e surgiram osficando cada vez mais elaboradas, e surgiram os "diretores de Coro", os organizadores de"diretores de Coro", os organizadores de procissões.procissões. Nas procissões os participantes cantavam,Nas procissões os participantes cantavam, dançavam e apresentavam diversas cenas dasdançavam e apresentavam diversas cenas das peripécias de Dionísio, em procissões urbanas,peripécias de Dionísio, em procissões urbanas, se reuniam aproximadamente 20 mil pessoas,se reuniam aproximadamente 20 mil pessoas, enquanto que em procissões de localidades ruraisenquanto que em procissões de localidades rurais (procissões campestres), as festas eram menores.(procissões campestres), as festas eram menores. História do TeatroHistória do Teatro
  4. 4. O primeiro diretor de Coro foiO primeiro diretor de Coro foi Téspis. Téspis. Téspis desenvolveu o uso de máscaras para representardesenvolveu o uso de máscaras para representar pois, em razão dopois, em razão do grande número de participantes, era impossívelgrande número de participantes, era impossível todos escutarem os relatos, porém podiamtodos escutarem os relatos, porém podiam visualizar o sentimento da cena pelas máscaras.visualizar o sentimento da cena pelas máscaras. Tespis também representou a primeira tragédia,Tespis também representou a primeira tragédia, logo que surgiu o teatro.logo que surgiu o teatro.
  5. 5. Em uma dessasEm uma dessas procissões, Téspisprocissões, Téspis inovouinovou ao subir em umao subir em um "tablado”"tablado” para responder ao coro, epara responder ao coro, e assim, tornou-seassim, tornou-se o primeiro respondedoro primeiro respondedor de coro. Em razãode coro. Em razão disso, surgiram osdisso, surgiram os diálogos ediálogos e TéspisTéspis tornou-tornou- se o primeiro atorse o primeiro ator grego.grego.
  6. 6. Aristóteles apresenta três versõesAristóteles apresenta três versões para opara o surgimento da tragédia:surgimento da tragédia:  A primeira versão, argumenta que aA primeira versão, argumenta que a tragédia e o teatro, nasceram dastragédia e o teatro, nasceram das celebrações e ritos a Dionísio, o deuscelebrações e ritos a Dionísio, o deus campestre do vinho.campestre do vinho. Tragédia GregaTragédia Grega
  7. 7.  A segunda versão relaciona o teatro comA segunda versão relaciona o teatro com uma encenação anual do ciclo da vida, istouma encenação anual do ciclo da vida, isto é, do nascimento, crescimento e morte;é, do nascimento, crescimento e morte;  A terceira concepção para o nascimento daA terceira concepção para o nascimento da tragédia, e a aceita por Aristóteles, é detragédia, e a aceita por Aristóteles, é de que o teatro nasceu como homenagem aoque o teatro nasceu como homenagem ao deus Adrausto, que permitiu o domíniodeus Adrausto, que permitiu o domínio dos Dórios sobre os demais povos indo-dos Dórios sobre os demais povos indo- europeus que habitavam a península. Oeuropeus que habitavam a península. O teatro seria a dramatização pública da sagateatro seria a dramatização pública da saga de Adrausto.de Adrausto.
  8. 8. Como ensinou Aristóteles, a tragédiaComo ensinou Aristóteles, a tragédia não era vista com pessimismo pelosnão era vista com pessimismo pelos gregos e sim como educativa. Tinha agregos e sim como educativa. Tinha a função de ensinar as pessoas a buscarfunção de ensinar as pessoas a buscar a sua medida ideal, não pendendoa sua medida ideal, não pendendo para nenhum dos extremos de suapara nenhum dos extremos de sua própria personalidade. Tal processoprópria personalidade. Tal processo permitiria que as pessoas lidassempermitiria que as pessoas lidassem com problemas não resolvidos ecom problemas não resolvidos e refletissem no seu dia-a-dia,refletissem no seu dia-a-dia, exteriorizando suas emoções eexteriorizando suas emoções e internalizando pensamentos racionais.internalizando pensamentos racionais. A reflexão permitiria o crescimento doA reflexão permitiria o crescimento do indivíduo que conhecia seu limiteindivíduo que conhecia seu limites.s. A TRAGÉDIA...A TRAGÉDIA...
  9. 9. O teatro no Brasil surgiu noO teatro no Brasil surgiu no século XVI, tendoséculo XVI, tendo como motivo a propagação dacomo motivo a propagação da fé religiosafé religiosa .. Teatro no BrasilTeatro no Brasil
  10. 10. O ato daO ato da Dramatização noDramatização no teatroteatro
  11. 11. OO TeatroTeatro nana EducaçãEducaçã o Infantilo Infantil

×