Avaliação educacional escolar:para além do autoritarismo

535 visualizações

Publicada em

Seminário apresentado na disciplina avaliação da aprendizagem.

Publicada em: Arte e fotografia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
535
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
39
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Avaliação educacional escolar:para além do autoritarismo

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS APLICADAS E EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS LICENCIATURA EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Avaliação Educacional Escolar: para além do autoritarismo Discentes: Abner Macêdo, Adam Medeiros Disciplina: Avaliação da Aprendizagem Docente: Joseval Miranda
  2. 2. Prática Pedagógica Escolar ● Atualmente - Conservação e reprodução (sociedade) O que este modelo trouxe? ● Autoritarismo; ● Exclusão social; ● Individualismo. 2
  3. 3. Contextos pedagógicos para a prática da avaliação educacional A avaliação de aprendizagem escolar no Brasil modelo social liberal conservador (Revolução Francesa) características: ● Individualidade; ● Capitalismo; ● Valorização de bens. 3
  4. 4. Modelo liberal conservador Produção de três pedagogias (conservadoras): ● Pedagogia tradicional (transmissão de conhecimento); ● Pedagogia renovada ou escolanovista (produção de conhecimento/diferenças individuais); ● Pedagogia tecnicista (resultados). Objetivo: Garantir o sistema social na sua integridade (ritual pedagógico). 4
  5. 5. Pedagogia tradicional http://infoparaliberdade.blogspot.com.br/2007/10/pedagogia-tradicional-e-pedagogia-da.html 5
  6. 6. Pedagogia renovada ou escolanovista Características: ● Novo conceito de aprender; ● Reconhece a autonomia e liberdade; ● Valoriza a criatividade e a socialização; ● Sujeitos ativos com espírito investigativo. Problemas: ● Referêncial teórico (Pedagogia tradicional) 6
  7. 7. Pedagogia tecnicista Características: ● Adaptação do jovem ao sistema produtivo; ● Exclusão da Filosofia; ● Conhecimento é objetivo e neutro; ● Centralidade do ensino nas técnicas; ● Enfatiza o saber-fazer; ● Educar é mudar o comportamento e adaptar ao meio social. 7
  8. 8. Outros Modelos Sociais Objetivo: Transformação da sociedade. ● Pedagogia libertadora (fora dos muros da escola); ● Pedagogia libertária (conscientização e organização política); ● Pedagogia dos conteúdos socioculturais (igualdade). 8
  9. 9. Pedagogia Libertadora http://pt.slideshare.net/ThalesRocha666/pedagogia-progressista-libertadora 9
  10. 10. Pedagogia Libertária ● Objetivo: Fortalecer o sujeito, visando a construção da individualidade. ● Conteúdo: apresentados, mas não exigidos. ● Metodologia: grupo, visando sempre a auto-gestão. ● Relações humanas: o professor é orientador; os alunos são livres. ● Aprendizagem: Informal, aprende-se através da vivência grupal. 10
  11. 11. Pedagogia Crítica Social ou Sociocultural http://es.slideshare.net/pepablo/pedagogia-enfoquesocioculturalenfoquesociocritico 11
  12. 12. Modelos conservadores X Modelos “transformadores” domesticação x humanização reprodução e conservação da sociedade x As perspectivas e possibilidades de transformação social 12
  13. 13. Prática da Avaliação (modelo liberal conservador) características: ● autoritária ● disciplinadora 13
  14. 14. Prática da Avaliação (modelo de transformação) Características: ● Superação do autoritarismo (autonomia do educando) ● Participação de todos (democrático) ● Diagnóstico da situação 14
  15. 15. Avaliação como papel disciplinador Uso do poder pelo professor; Avaliações classificatórias; Normatividade socialmente estabelecidas; Manifestações constantes de autoritarismo. 15
  16. 16. Exemplos de autoritarismo comuns Dados relevantes dependentes do humor do professor; “Pegadinhas” nos testes; Imposição do medo. 16
  17. 17. Exemplos de autoritarismo comuns Mudança de critérios a partir de interesses próprios (aprovação/reprovação); Comunicação dúbia propositalmente (aluno incapacitado); 17
  18. 18. Exemplo de teste realizado Resposta do aluno: a) 2/8; b) 1/3; c) 2/4; d) 1/2. Resposta da professora: a) 6/8; b)2/3; c) 2/4 d) 1/2. A resposta do aluno está errada? 18 a) b) c) d)
  19. 19. Usurpação do poder pedagógico Podem haver casos mais graves que o mostrado; O que proíbe o professor de fazer isso? (instância pedagógica ou legal) 19
  20. 20. Mais exemplos de autoritarismo Avaliação disciplinando as condutas sociais (instrumento de ameaça aos alunos); Pontos a mais ou pontos a menos (aprovar/reprovar). 20
  21. 21. Avaliação escolar e suas consequências Perda do significado constitutivo; Exacerbação da autoridade; Opressão do educando; 21
  22. 22. Como ultrapasssar o autoritarismo Romper com o modelo de sociedade e de pedagogia atual; Mudança na teoria e na prática. Preocupação com a transformação social. 22
  23. 23. Como ultrapasssar o autoritarismo Resgate da função diagnóstica da avaliação; Isso depende do educador (papel de companheiro do aluno). 23
  24. 24. Modo prático de uma avaliação diagnóstica Verificação da aprendizagem a partir do mínimo necessário; Capacitação para ser um possível governante. 24
  25. 25. Conclusão A avaliação não pode ser mecânica; Tem de ser racionalmente definida, proporcionando uma capacitação à participação na vida social democrática. 25
  26. 26. 26
  27. 27. Referência LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação Educacional Escolar: Para além do autoritarismo. In: LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da Aprendizagem Escolar: estudos e proposições. 22. Ed. São Paulo: Cortez, 2011, p. 75-93. 27

×