Atualidades e artes

829 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
829
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atualidades e artes

  1. 1. MATRIZ DE COMPETÊNCIAS EHABILIDADES DO ENSINO MÉDIOEIXOS COGNITIVOSI- Dominar a norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso daslinguagens matemática, artística e científica.II- Construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimentopara a compreensão de fenômenos naturais, de processoshistórico-geográficos, da produção tecnológica e das manifestaçõesartísticas.III- Selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados einformações representadas de diferentes formas, para tomardecisões e enfrentar situações-problema.IV- Relacionar informações, representadas em diferentes formas, econhecimentos disponíveis em situações concretas, para construirargumentação consistente.V- Recorrer aos conhecimentos desenvolvidos para elaboração depropostas de intervenção solidária na realidade, respeitando osvalores humanos e considerando a diversidade sociocultural.
  2. 2. MATRIZ DE REFERÊNCIA DE CIÊNCIASHUMANAS E SUAS TECNOLOGIASCompetência de área 1 - Compreender os elementos culturais que constituem as identidades.H1 - Interpretar historicamente e/ou geograficamente fontes documentais acerca de aspectos da cultura.H2 - Analisar a produção da memória pelas sociedades humanas.H3 - Associar as manifestações culturais do presente aos seus processos históricos.H4 - Comparar pontos de vista expressos em diferentes fontes sobre determinado aspecto da cultura.H5 - Identificar as manifestações ou representações da diversidade do patrimônio cultural e artístico em diferentes sociedades.
  3. 3. H1 - Interpretar historicamentefontes documentais de naturezasdiversas.
  4. 4. Griot: o popular contador de histórias, essencialmente orais.
  5. 5. H1LEIA O TEXTO E ANALISE AS AFIRMAÇÕES A SEGUIR. “O estudo do passado não pode ser feito diretamente, mas de forma mediada através dos vestígios da atividade humana, a que é dado o nome genérico de fontes históricas. Embora com sutis diferenças no seu significado, também se utilizam termos como documentos, testemunhos, vestígios ou monumentos. As fontes podem ser classificadas segundo vários pontos de vista, mas vamos aqui relacionar apenas as fontes materiais, as escritas, as iconográficas e as orais”.
  6. 6. I - As fontes materiais ou documentos figuradosconstituem os vestígios materiais da atividadehumana e que incluem as fontes arqueológicas emgeral, os instrumentos de trabalho, os monumentos,as moedas, entre muitas outras.II - As fontes escritas são geralmente as de utilizaçãomais geral e distinguem-se entre si pelo suporte etécnica utilizados na escrita.III - As fontes iconográficas são as que representamimagens (ex: uma gravura, uma fotografia, um filme).IV - As fontes orais incluem toda a informação etradição que é conservada na memória dos indivíduose transmitida oralmente de uns para outros.
  7. 7. ASSINALAR A ALTERNATIVA QUE APONTACORRETAMENTE AS AFIRMAÇÕES VERDADEIRAS:A) APENAS A I É VERDADEIRA;B) APENAS A II É VERDADEIRA;C) APENAS A III É VERDADEIRA;D) APENAS A IV É VERDADERIA;E) TODAS SÃO VERDADERIAS.
  8. 8. H2 - Analisar a produção da memóriae do espaço geográfico pelassociedades humanas.
  9. 9. H2Leia o texto a seguir e responda às questões“Minha mãe me escondia, pois também temia que osbrancos me levassem com eles. (...) Todos os bens dosbrancos me assustavam, também: tinha medo de seusmotores, de suas lâmpadas elétricas, de seus sapatos,de seus óculos e de seus relógios. Tinha medo dafumaça de seus cigarros, do cheiro de sua gasolina. (...)Mas, quando seus aviões nos sobrevoavam, eu não erao único a ficar assustado, os adultos também tinhammedo.”(Davi Kopenawa Yanomami. Descobrindo os brancos.In: NOVAES, Adauto (org.). A outra margem doocidente. São Paulo: Companhia das Letras, 1999. p.17.)
  10. 10. Essa narrativa de Davi, um Yanomami nascido em1956, no estado do Amazonas, descreve o medo dadizimação de seu povo. Sobre o tema, é corretoafirmar:a) As reações do narrador e do seu povo são rarasna história do encontro entre brancos e indígenas.b) A chegada do branco foi gradual e evitoualterações profundas no cotidiano indígena.c) O contato com a tecnologia assegurou apreservação dos povos indígenas.d) A presença dos brancos, registrada por Davi, foiignorada pelos Yanomamis.e) As sucessivas ocupações das terras indígenasgeraram violência e impactos ambientais.
  11. 11. H3 - Associar as manifestaçõesculturais do presente aos seusprocessos históricos.
  12. 12. H3Leia as letras das músicas a seguir.Música AQuem não conhece / o anoitecer lá na róça / da porta duma paióça / vendo a mataescurecê / a lua cheia / vem lá por tráis do cerrado / espiando os namorado /procurando se escondê.Quem não escuita / o galo do terreiro / Ele canta no puleiro / vendo o dia clariá /os camarada / põem a cana na moenda / o carreiro da fazenda / sai pra roça carriá.Quem não conhece / uma cabocla bonita / com seu vestido de chita / uma noite deSão João / quem não conhece / um regato soluçando / um munjolo que maiando /no peito da solidão. (Música “Meu Sertão”, de Tinoco, Zé Lopes e Nhô Crispim.)Música BEm vez de você ficar pensando nele / em vez de você viver chorando por ele /pense em mim / chore por mim / liga pra mim / não, não liga pra ele / pra ele, nãochore por ele. Se lembre que eu há muito tempo te amo / te amo, te amo / e quero fazer vocêfeliz / vamos pegar o primeiro avião / com destino à felicidade / a felicidade pramim é você. (Música “Pense em mim”, de Douglas Maio, José Ribeiro e Mário Soares.)
  13. 13. Com base no texto e na comparação das músicas, assinale aalternativa que apresenta as transformações ocorridas nachamada “música de raiz”, a partir da sua apropriação pelaindústria cultural:a) A música de raiz perde a temática rural, a fala cabocla; a violaé substituída por instrumentos elétricos; o artista adota umestilo estereotipado, submetendo-se às demandas do mercado.b) A incorporação da temática urbana e da fala culta e aintrodução de instrumentos elétricos na música pop sertanejapreservam a singularidade do estilo caipira da música de raiz.c) A música pop sertaneja dos anos 90 prioriza em suas letras os“causos” e anedotas da música de raiz, como forma de enaltecer acultura rural.d) As temáticas e o estilo da música pop sertaneja preservam aforma de compor, o andamento melódico e a inspiração da músicade raiz. e) A música pop sertaneja contemporânea estimula a criatividadedos artistas representantes de diferentes culturas, em especialaqueles ligados à música de raiz.
  14. 14. H4 - Comparar pontos de vistaexpressos em diferentes fontes sobreum determinado aspecto da cultura.
  15. 15. Observe a imagem a seguir, utilizada como peçapublicitária em uma campanha para vendaassociada de jornais e livros de literatura, eresponda a questão.
  16. 16. A comunicação na sociedade industrial transforma em ícones decomercialização os mais variados produtos. Como se percebe na peçapublicitária, o acesso à informação e aos bens culturais é alvopermanente de uma disputa comercial travada pelas empresas dessaárea. No caso em foco, o jornal busca associar a sua tiragemdominical à venda de uma coleção de livros da literaturacontemporânea universal. Sobre o tema, analise as afirmativas aseguir.I. A preponderância da televisão como meio de informação ésutilmente apontada na mensagem publicitária como uma restrição àinformação de qualidade. II. O apelo central da propaganda banaliza os ícones de um estilo devida associado aos atributos da formação intelectual em favor dainovação e velocidade das mídias contemporâneas. III. A campanha recorre a uma estratégia de mercado que vincula aimagem do produto comercializado a um público leitor bastanteespecífico: os jovens de estratos médios urbanos. IV. A tentativa de associar a compra dominical do jornal e das obrasliterárias à emoção baseia-se nas possibilidades de acesso à culturauniversal oferecidas pela linguagem escrita.
  17. 17. Estão corretas apenas as afirmativas:a) I e III.b) I e IV.c) II e IV.d) I, II e III.e) II, III e IV.
  18. 18. H5 - Valorizar a diversidade dopatrimônio cultural e artístico,identificando suas manifestações erepresentações em diferentessociedades.
  19. 19. A imagem a seguir é uma reproduçãoda obra “Mulher Tapuia”, produzidapor Albert Eckhout (1610-1666),pintor que integrava a MissãoHolandesa trazida ao Brasil, em 1637,por Maurício de Nassau.
  20. 20. A partir da análise da imagem, considere as afirmativas a seguir.I. A composição de elementos indígenas, da flora e da fauna pelo pintor faz lembrar a disposição de peças em um museu de História Natural.II. A imagem retrata fielmente os hábitos e ritos antropofágicos dos indígenas brasileiros.III. A imagem revela a preocupação do artista em dissociar os indígenas do seu ambiente originário.IV. A pintura apresenta uma visão do indígena brasileiro construída a partir do imaginário europeu.
  21. 21. Estão corretas apenas as afirmativas:a) I e III.b) I e IV.c) II e III.d) I, II e IV.e) II, III e IV.
  22. 22. H6 - Interpretar diferentesrepresentações do espaço geográficoe dos diferentes aspectos dasociedade
  23. 23. H6 (Espm-SP) Observe o mapa a seguir:
  24. 24. Analisando os dados, podemos aferir que:a) Nos países do Primeiro Mundo, o tamanho daeconomia supera a população.b) Os países emergentes apresentam uma forçaeconômica maior que a população.c) Os países ocidentais são os mais populosos.d) Os chamados “países do norte” apresentam-sepoucos populosos, enquanto que os “países do sul”são populosos.e) A economia chinesa já supera a população

×