Cayo Medeiros (yogodoshi) [email_address]
Mantra : levar os gamers ao próximo nível.
Os gamers brasileiros tem uma série de problemas...
que descobrimos primeiramente pois também somos gamers...
mas também por pesquisas que fizemos com 500+ gamers brasileiros de diferentes perfis.
problemas oportunidades Essa pesquisa que fizemos , usando uma metodologia baseada no Design Thinking da IDEO,  nos revelo...
Problemas que se repetiam, como: <ul><li>falta de conteúdo de qualidade; </li></ul><ul><li>falta de conteúdo em português;...
As diversas reclamações e oportunidades nos mostraram a solução que deveríamos criar...
Rede social para gamers
Rede social para gamers Conjunto de ferramentas feitas para  facilitar a vida dos gamers , em cima de uma  plataforma soci...
“ conjunto de ferramentas para facilitar a vida dos gamers”
“ conjunto de ferramentas para facilitar a vida dos gamers” Começaremos com um “Skoob de jogos de videogame”
Possibilidades <ul><li>Começando com um “gerenciador de jogos de video game” podemos continuar construindo: </li></ul><ul>...
“ em cima de uma plataforma social”
“ em cima de uma plataforma social” Não será apenas um blog ou um forum. Será um site criado especificamente para suprir a...
“ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos”
“ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos” Usaremos do conceito de crowdsourcing para não termos que investir em equ...
“ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos” <ul><li>Usaremos também de mecânicas de jogos para: </li></ul><ul><li>atr...
Esse será o Estou Jogando. Que irá levar os gamers brasileiros ao próximo nível!
Mas os benefícios não são apenas para os gamers, vejamos o que as fabricantes de jogos, publishers, desenvolvedores e vare...
Campanhas de marketing focadas Cada jogo terá seu próprio perfil no site, neste perfil os gamers entrarão para tirar dúvid...
Anúncios altamente segmentados <ul><li>Por sermos uma rede social, teremos uma série de informações dos nossos usuários qu...
Mas o mais importante, a “estrela” que temos a oferecer é...
Vamos ajudá-los a conhecer melhor os gamers brasileiros! Saber quem são, o que gostam, o que não gostam e muito mais!
Pesquisa da Newzoo <ul><li>1.600 gamers brasileiros; </li></ul><ul><li>Cerca de R$ 7.400 para ter acesso ao relatório. </l...
Vantagens do Estou Jogando <ul><li>não é uma pesquisa que depois de 1 ano se torna datada, ela é feita em “tempo-real” com...
Na Brasil Game Show de 2011, validamos essa proposta com algumas empresas. Vejam alguns dos feedback que tivemos:
“ É claro que temos interesse nessas informações,  nossa empresa vive disso né....”
“ Achei muito interessante! Será que existe a possibilidade de termos acesso prioritário a essas informações?”
Pergunta feita a um dos palestrantes: “Quem teria interesse nesse tipo de informação?” R: “Todas as empresas de games e ag...
Mercado brasileiro e os gamers <ul><li>Sony, Microsoft e Nintendo vão investir muito no Brasil; </li></ul><ul><li>35.000.0...
Projeto em desenvolvimento
Sobre o desenvolvimento do projeto <ul><li>Como o projeto não possui investimento, estamos desenvolvendo em um ritmo mais ...
Cayo Medeiros aka. Yogodoshi [email_address]
Créditos das imagens <ul><li>http://www.flickr.com/photos/jlunar/371944179/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estou Jogando para empresas do mercado brasileiro de games

842 visualizações

Publicada em

Apresentação do Estou Jogando para as empresas que atuam no mercado brasileiro de games ou que tem interesse nesse mercado.

Se você é uma empresa do mercado brasileiro de games e está querendo ir direto ao ponto ou está com pressa, pule para o slide 20!

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
842
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • “ No Estou Jogando nós não temos uma missão ou uma visão, seguindo os ensinamentos do Guy Kawasaki, nós temos apenas um mantra. E ele é “levar os gamers ao próximo nível”. E de que forma faremos isso? Bem, de muitas...
  • Nosso público-alvo tem uma série de problemas ou dores, digamos assim, que percebemos primeiramente...
  • pois eu, por exemplo, sou gamer desde criancinha e...
  • também a partir de uma pesquisa que fizemos no ano passado com cerca de 500 gamers brasileiros de diferentes perfis no meu Trabalho de Conclusão de Curso.
  • Essa pesquisa, que inclusive foi feita usando uma metodologia baseada no Design Thinking da IDEO, revelou uma série de problemas que os gamers claramente reclamavam e algumas oportunidades que poderiam ser aproveitadas.
  • Problemas como: falta de conteúdo de qualidade ou pelo menos em português, não encontram detonados de jogos, lojas especializadas em jogos, falta de um portal nacional sobre jogos... As reclamações que mais se repetiam nos mostraram o rumo a tomar:
  • Criar o Estou Jogando: uma rede social para gamers.
  • Indo mais a fundo: o Estou Jogando é um conjunto de ferramentas feitas para facilitar a vida dos gamers, em cima de uma plataforma social baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos. Vamos por partes:
  • “ conjunto de ferramentas feitas para facilitar a vida dos gamers”
  • Estamos começando com um gerenciador de jogos, um skoob para gamers,
  • Começando com um “gerenciador de jogos de video game” podemos continuar construindo: inteligência como a do Last.fm que entende o perfil do jogador e recomenda jogos e outras pessoas com perfis semelhantes; sistema de troca de jogos baseado em moedas; Mas quem vai traçar o rumo é o feedback dos gamers.
  • “ em cima de uma plataforma social”
  • Não será apenas um blog ou um forum. Será um site criado especificamente para suprir as necessidades dos gamers brasileiros.
  • “ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos.”
  • Usaremos do conceito de crowdsourcing para não termos que investir em equipes de redatores, utilizaremos a inteligência coletiva para gerar e moderar o conteúdo do site. Dessa forma também ganharemos apoio dos blogs e portais de notícias pois não seremos concorrentes mas sim parceiros, possível alavancador do conteúdo deles.
  • Usaremos também de mecânicas de jogos para: atrair novos usuários; geração de conteúdo; moderação do conteúdo; para incentivar o uso constante da ferramenta; etc.
  • Esse será o Estou Jogando. Que irá levar os gamers brasileiros ao próximo nível!
  • Mas os benefícios não são apenas para os gamers, vejamos o que as fabricantes de jogos, publishers, desenvolvedores e varejistas tem a ganhar com o Estou Jogando.
  • Campanhas de marketing focadas Cada jogo terá seu próprio perfil no site, neste perfil os gamers entrarão para tirar dúvidas sobre o jogo, adicioná-lo ao perfil, ver quem está jogando, fazer review, etc. Os perfis dos jogos são excelentes oportunidades para ações de pré-venda/ lançamento de jogos por exemplo. Você atingirá um público 100% interessado no jogo que está vendendo!
  • Anúncios altamente segmentados Por sermos uma rede social, teremos uma série de informações dos nossos usuários que nos possibilitarão segmentar os anúncios ao nível de: gamers homens que joguem Playstation 3; gamers que desejam comprar Battlefield 3; gamers mulheres entre 20-30 anos que joguem Nintendo Wii; gamers homens que tenham entre 18-30 anos que já tenham zerado Duke Nukem Forever;
  • Mas o mais importante, a grande sacada do projeto é a seguinte:
  • Diferente dos EUA onde existem empresas que só fazem estudar o mercado de games americano e seus jogadores. No Brasil não temos dados e informações concretas sobre os gamers brasileiros e pouca informação sobre o mercado em si.
  • Por exemplo, há anos atrás não tínhamos um relatório sobre o mercado de games brasileiro, porém, este ano, uma empresa estrangeira fez uma pesquisa com apenas 1.600 gamers brasileiros e fez um relatório que estão vendendo por cerca de R$ 7.400.
  • Nós faremos muito melhor. Transformaremos todo o banco de dados do site, com informações e opiniões de milhares de gamers brasileiros, em uma grande fonte de dados para gerar estatísticas e relatórios que serão vendidos para diversas empresas da indústria gamer. Talvez até mesmo em tempo-real no futuro, quando tivermos uma massa crítica para isso!
  • Na Brasil Game Show de 2011, validamos essa proposta com algumas empresas. Vejam alguns dos feedback que tivemos:
  • “ É claro que temos interesse nessas informações, nossa empresa vive disso né...”
  • “ Achei muito interessante! Será que existe a possibilidade de termos acesso prioritário a essas informações?”
  • Pergunta feita a um dos palestrantes: “Quem teria interesse nesse tipo de informação?” R: “Todas as empresas de games e agências de publicidade.”
  • Agora para contextualização, algumas informações sobre o mercado de games brasileiro e os gamers: Num evento no início deste ano, as 3 maiores fabricantes do mundo dos games disseram que vão investir fortemente no Brasil pois é um dos mercados que mais está crescendo no mundo. Citaram inclusive o crescimento do país com a copa do mundo e as olimpíadas... São 35.000.000 de gamers dentre os 46.000.000 de brasileiros ativos online Passam cerca de 10h por semana jogando. 1.8 impresso 5.5 tv 4h radio 11.3 na internet (onde parte desse tempo é jogando) 41kk de pessoas usam redes sociais (de 46kk brasileiros ativos online) 2kkk de dolares serão gastos com games no Brasil ate o final do ano.
  • O projeto está em desenvolvimento, em cerca de 1 mês lançaremos a nossa uma versão inicial bem simples.
  • Como o projeto não possui investimento, estamos desenvolvendo em um ritmo mais lento. Em cerca de 1 mês deve entrar no ar a primeira versão beta do site. Estamos procurando investimento para agilizar o desenvolvimento do Estou Jogando. O valor investido pode ser revertido em uma(s) das possibilidades: acesso prioritário a certas informações ou ao relatório por um determinado período de tempo; acesso exclusivo a certas informações ou ao relatório em relação a X concorrentes diretos; entrar como sócio-investidor no projeto;
  • Obrigado! Cayo Medeiros aka. Yogodoshi [email_address]
  • Estou Jogando para empresas do mercado brasileiro de games

    1. 1. Cayo Medeiros (yogodoshi) [email_address]
    2. 2. Mantra : levar os gamers ao próximo nível.
    3. 3. Os gamers brasileiros tem uma série de problemas...
    4. 4. que descobrimos primeiramente pois também somos gamers...
    5. 5. mas também por pesquisas que fizemos com 500+ gamers brasileiros de diferentes perfis.
    6. 6. problemas oportunidades Essa pesquisa que fizemos , usando uma metodologia baseada no Design Thinking da IDEO, nos revelou :
    7. 7. Problemas que se repetiam, como: <ul><li>falta de conteúdo de qualidade; </li></ul><ul><li>falta de conteúdo em português; </li></ul><ul><li>falta de conteúdo mais complexo (detonados e reviews); </li></ul><ul><li>não sabem onde encontrar lojas especializadas; </li></ul><ul><li>falta de um portal nacional sobre jogos; </li></ul>
    8. 8. As diversas reclamações e oportunidades nos mostraram a solução que deveríamos criar...
    9. 9. Rede social para gamers
    10. 10. Rede social para gamers Conjunto de ferramentas feitas para facilitar a vida dos gamers , em cima de uma plataforma social baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos .
    11. 11. “ conjunto de ferramentas para facilitar a vida dos gamers”
    12. 12. “ conjunto de ferramentas para facilitar a vida dos gamers” Começaremos com um “Skoob de jogos de videogame”
    13. 13. Possibilidades <ul><li>Começando com um “gerenciador de jogos de video game” podemos continuar construindo: </li></ul><ul><li>inteligência como a do Last.fm que entende o perfil do jogador e recomenda jogos e outras pessoas com perfis semelhantes; </li></ul><ul><li>sistema de troca de jogos baseado em moedas; </li></ul><ul><li>São várias possibilidades, quem traçará o rumo do projeto são os próprios usuários. </li></ul>
    14. 14. “ em cima de uma plataforma social”
    15. 15. “ em cima de uma plataforma social” Não será apenas um blog ou um forum. Será um site criado especificamente para suprir as necessidades dos gamers brasileiros.
    16. 16. “ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos”
    17. 17. “ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos” Usaremos do conceito de crowdsourcing para não termos que investir em equipes de redatores, utilizaremos a inteligência coletiva para gerar e moderar o conteúdo do site. Dessa forma também ganharemos apoio dos blogs e portais de notícias pois não seremos concorrentes mas sim parceiros, possível alavancador do conteúdo deles. Alguns cases de crowdsourcing:
    18. 18. “ baseada em crowdsourcing e mecânicas de jogos” <ul><li>Usaremos também de mecânicas de jogos para: </li></ul><ul><li>atrair novos usuários; </li></ul><ul><li>geração de conteúdo; </li></ul><ul><li>moderação do conteúdo; </li></ul><ul><li>para incentivar o uso constante da ferramenta; </li></ul><ul><li>etc. </li></ul><ul><li>Alguns cases de mecânicas de jogos: </li></ul>
    19. 19. Esse será o Estou Jogando. Que irá levar os gamers brasileiros ao próximo nível!
    20. 20. Mas os benefícios não são apenas para os gamers, vejamos o que as fabricantes de jogos, publishers, desenvolvedores e varejistas tem a ganhar com o Estou Jogando.
    21. 21. Campanhas de marketing focadas Cada jogo terá seu próprio perfil no site, neste perfil os gamers entrarão para tirar dúvidas sobre o jogo, adicioná-lo ao perfil, ver quem está jogando, fazer review, etc. Os perfis dos jogos são excelentes oportunidades para ações de pré-venda/ lançamento de jogos por exemplo. Você atingirá um público 100% interessado no jogo que está vendendo!
    22. 22. Anúncios altamente segmentados <ul><li>Por sermos uma rede social, teremos uma série de informações dos nossos usuários que nos possibilitarão segmentar os anúncios ao nível de: </li></ul><ul><li>gamers homens que joguem Playstation 3; </li></ul><ul><li>gamers que desejam comprar Battlefield 3; </li></ul><ul><li>gamers mulheres entre 20-30 anos que joguem Nintendo Wii; </li></ul><ul><li>gamers homens que tenham entre 18-30 anos que já tenham zerado Duke Nukem Forever; </li></ul>
    23. 23. Mas o mais importante, a “estrela” que temos a oferecer é...
    24. 24. Vamos ajudá-los a conhecer melhor os gamers brasileiros! Saber quem são, o que gostam, o que não gostam e muito mais!
    25. 25. Pesquisa da Newzoo <ul><li>1.600 gamers brasileiros; </li></ul><ul><li>Cerca de R$ 7.400 para ter acesso ao relatório. </li></ul>
    26. 26. Vantagens do Estou Jogando <ul><li>não é uma pesquisa que depois de 1 ano se torna datada, ela é feita em “tempo-real” com os usuários do site; </li></ul><ul><li>não serão apenas 1.600 gamers participando, o número de participantes irá crescer cada vez mais com o tempo! </li></ul><ul><li>os relatórios poderão ser comprados trimestralmente, semestralmente ou anualmente; </li></ul><ul><li>até mesmo pesquisas em tempo-real poderão ser feitas em nossa base de dados! </li></ul>
    27. 27. Na Brasil Game Show de 2011, validamos essa proposta com algumas empresas. Vejam alguns dos feedback que tivemos:
    28. 28. “ É claro que temos interesse nessas informações, nossa empresa vive disso né....”
    29. 29. “ Achei muito interessante! Será que existe a possibilidade de termos acesso prioritário a essas informações?”
    30. 30. Pergunta feita a um dos palestrantes: “Quem teria interesse nesse tipo de informação?” R: “Todas as empresas de games e agências de publicidade.”
    31. 31. Mercado brasileiro e os gamers <ul><li>Sony, Microsoft e Nintendo vão investir muito no Brasil; </li></ul><ul><li>35.000.000 de gamers brasileiros; </li></ul><ul><li>Passam em média 10h por semana jogando; </li></ul><ul><li>41.000.000 brasileiros usam redes sociais; </li></ul><ul><li>2.000.000.000 de dólares serão gastos com games no Brasil em 2011; </li></ul>
    32. 32. Projeto em desenvolvimento
    33. 33. Sobre o desenvolvimento do projeto <ul><li>Como o projeto não possui investimento, estamos desenvolvendo em um ritmo mais lento. Em cerca de 1 mês deve entrar no ar a primeira versão beta do site. </li></ul><ul><li>Estamos procurando investimento para agilizar o desenvolvimento do Estou Jogando. O valor investido pode ser revertido em uma(s) das possibilidades: </li></ul><ul><li>acesso prioritário a certas informações ou ao relatório por um determinado período de tempo; </li></ul><ul><li>acesso exclusivo a certas informações ou ao relatório em relação a X concorrentes diretos; </li></ul><ul><li>entrar como sócio-investidor no projeto; </li></ul>
    34. 34. Cayo Medeiros aka. Yogodoshi [email_address]
    35. 35. Créditos das imagens <ul><li>http://www.flickr.com/photos/jlunar/371944179/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/29594106@N00/5092941445/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/33583301@N05/4870679036/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/9955677@N03/2465154150/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/49503172960@N01/83732690/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/13883647@N05/3521223915/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/56932838@N00/3521552110/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/32471539@N03/4339393503/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/onigun/5814064552/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/44124383953@N01/247484319/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/97488095@N00/5370474021/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/40907084@N00/5315859738/ </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/24336307@N05/4032372478/ </li></ul><ul><li>Produção da Brasil Game Show </li></ul>

    ×