Voluntariado Cientifico Online

700 visualizações

Publicada em

Voluntariado Cientifico Online

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
700
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
181
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Voluntariado Cientifico Online

  1. 1. Voluntariado Científico Online: emersão social, cognitiva e afectiva<br />Início: Setembro 2011<br />Duração do Projecto: 36 meses<br />FCT<br />
  2. 2. Equipa Responsável<br />IPSantarém<br />Parcerias:<br />Universidade Aberta<br />Universidade de Aveiro<br />Universidade de Évora<br />Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro<br />FCCN<br />EDP<br />
  3. 3. Resumo<br /><ul><li>Promover a colaboração e a cooperação, em regime de voluntariado científico, de investigadores, docentes e estudantes nas áreas da educação e do e-learning;
  4. 4. Criar, implementar, utilizar e reforçar competências em transferência de tecnologia educativa, recorrendo a espaços com mobilidade (reais e virtuais);
  5. 5. Promover factores de inclusão social, livre acesso ao conhecimento, empregabilidade e estudo da interoperabilidade de ferramentas digitais em rede, através da criação de um Voluntariado Científico on-line;
  6. 6. Privilegiar um espaço de construção, concretização e implementação de ideias e conceitos em diferentes contextos – espaços híbridos de transmissão de conhecimento (do real ao virtual);</li></li></ul><li>Resumo<br /><ul><li>Promover para de forma voluntária, cooperativa e colaborativa (com perfis complementares), (re)construir conteúdos pedagógicos, do formato presencial para o formato de e-learning;
  7. 7. Aplicar, no ensino superior, o conceito inerente às Fab Labs, encarado como uma cooperativa de desenho e de implementação de ideias, de todos para todos;
  8. 8. Promover a inclusão social e do livre acesso ao conhecimento e à experimentação prática, com recurso a ferramentas digitais.</li></li></ul><li>Objectivos<br /><ul><li>Identificar as ferramentas digitais disponíveis na Web 2.0 e Web 3.0 no que toca à concepção e implementação de ideias e protótipos, ao livre acesso e à transmissão de conhecimento, à empregabilidade e à inclusão social;
  9. 9. Caracterizar essas ferramentas digitais, identificando vantagens e limitações para a sua utilização;
  10. 10. Compreender as implicações e a utilidade da utilização dessas ferramentas Web;
  11. 11. Verificar de que forma as ferramentas digitais podem potenciar a concepção e implementação de ideias e protótipos, o livre acesso e a transmissão de conhecimento, a empregabilidade e a inclusão social.</li></li></ul><li>Objectivos<br /><ul><li>Identificar ferramentas digitais da Web 2.0 e Web 3.0;
  12. 12. Perceber como se poderão agregar e integrar as ferramentas digitais em diferentes espaços virtuais, permitindo a interoperabilidade de conteúdos e contextos;
  13. 13. Verificar como se processa a transferência de conhecimento e tecnologia com as ferramentas digitais, recorrendo ao voluntariado científico e à cooperação e colaboração em rede;
  14. 14. Estudar as ferramentas digitais e perceber de que forma podem contribuir para a concepção e implementação de ideias e protótipos, para o livre acesso e transmissão de conhecimento, para a empregabilidade e para a inclusão social.</li></li></ul><li>Resultados Esperados<br />Em construção …<br />
  15. 15. Orçamento<br />20mil euros<br />

×