Estratgiasdegestoorganizacional print-100411182842-phpapp01

430 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
430
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estratgiasdegestoorganizacional print-100411182842-phpapp01

  1. 1. Estratégias de Gestão Organizacional Prof. Michel Moreira
  2. 2. Metodologia de Trabalho • Participativa • Uso de vídeos • Grupos de discussão • Exercícios em sala • Estudo de casos
  3. 3. Avaliação 1. Participação nos debates 2. Realização dos Exercícios 3. Trabalho Final  Pontualidade & Assiduidade 
  4. 4. 1. O Processo de Gestão e sua Importância para as Organizações
  5. 5. Anatomia de um profissional interruptivo
  6. 6. ACABOU
  7. 7. O empresa do século 21 tem que ter: • Excelência em atendimento • Equipe 110% integrada • Empreendedores • Pessoas com foco em solução • Foco no foco do cliente • Pessoas atualizadas • Visão de futuro • Gestão Estratégica... ...Sempre Trabalhando para o sucesso do seus clientes. Tirar Pedido morreu!
  8. 8. Clientes + Exigentes Concorrência Leis de proteção do consumidor Clientes + Informados Mudanças do Mercado
  9. 9. Briga de preços Margens de lucro baixas Muitos produtos similares As organizações se reestruturando Guerra de Propagandas de baixo impacto Cenário Atual! Clientes Indiferentes
  10. 10. Ajudar o cliente a fazer conquistasVender soluções Gerar demanda!Aproveitar oportunidades Relacionamento leva ao volume.Volume x Relacionamento Foco no foco do clienteFoco no Cliente CRM!!!Atendimento ao cliente Produto + Serviços + DiferenciaisProduto x serviço Gerar diferencial para o clienteTirar o pedido Gestão pelo quê o cliente dizGestão pelo quê o vendedor diz Departamentos 100% integrados.Departamentalização ANTES HOJE Novos Conceitos!
  11. 11. Empresa 100% integrada Contabilidade Dep. Comercial Dep. Compras Dep. Financeiro Dep. Juridico Dep. Marketing Dep. de RH
  12. 12. Dep. de Compras Dep. Financeiro Dep. Contabilidade Empresa 100% integrada Dep. Comercial Dep. de Marketing Dep. Jurídico Dep. Planeja.
  13. 13. Global Grupos de Pressão Pública Fornecedores Consumidores Clientes Concorrentes Governo A Organização FatoresqueafetamaOrganização
  14. 14. Desafios da Gestão Estratégica O maior desafio é a gestão estratégica. Conduzir a organização em ambiente dinâmico e mutante requer bons julgamentos. Gestão estratégica está embasada em questões ambíguas e desestruturadas.
  15. 15. Estratégia O que é Estratégia?  Strategos (grego): “A Arte do General” Definição de como os recursos serão alocados para atingirem determinado objetivo Falta de uma definição mais clara na área empresarial “Plano de Ação”
  16. 16. Evolução das Estratégias de Gestão • • • • • • • • •
  17. 17. Mercado Dinâmico = Inovação em Gestão Processo Contínuo
  18. 18. O primeiro negócio de qualquer negócio é continuar no negócio. Theodore Levitt
  19. 19. Onde estão os clientes
  20. 20. O que quase ninguém está vendo. O que todo mundo está vendo!
  21. 21. Qual a importância da Gestão Estratégica
  22. 22. Sobrevivência
  23. 23. 2. O Desenvolvimento Organizacional
  24. 24. NíveisdeDecisão Estratégico Visão de longo prazo, sobre a sobrevivência da empresa Tático Mira o mercado e a posição atual da empresa Operacional Foca na atuação dos processos de negócio
  25. 25. Gestão Estratégica Avaliação das: • Oportunidades e Ameaças - Externas • Forças e fraquezas – Internas • Estabelecer a missão e objetivos gerais • Formular estratégias • Implementar as estratégias • Controle e acompanhamento
  26. 26. Processos da Estratégia • Estratégia pretendida: Intenção original • Estratégia deliberada: Planejamento original • Estratégia emergente: surge como possibilidade • Estratégia realizada: aquela efetivamente realizada
  27. 27. Estratégia Competitivas Genéricas • Liderança em custo: Foco em processos, Low cost, low fare, Ganhos de escala Curva de experiência, Minimização de custos, Acesso favorável a recursos, Vantagem de negociação, Guerra de preços. • Diferenciação: Foco em produto, Pode reduzir a parcela, de mercado potencial, Preço Premium, Sentimento de exclusividade, Qualidade de produto • Nicho ou Enfoque: Foco em mercado, Atendimento de demandas muito específicas, “Buracos de mercado”, Alvo estratégico estreito, Concentração de esforços, Alta redução da parcela, de mercado potencial, Interessante para, empresas pequenas e médias CUIDADO COM O MEIO TERMO Não atende a ninguém satisfatoriamente, Estratégia pobre, Alto risco de fracasso .
  28. 28. Estratégias de Gestão - Como idéias viram lucro Os mandamentos de quem sabe inovar 1 - Entenda o mercado A inspiração deve surgir de uma exaustiva peregrinação entre fornecedores e clientes Quem faz A Embraco convida fornecedores para participar de reuniões quinzenais sobre novas propostas. Também envia 30 funcionários durante todo o ano pelo país e pelo exterior para ouvir clientes e descobrir suas necessidades 2 - Defina metas Com elas, é possível incentivar boas idéias Quem faz Os engenheiros da Volkswagen brasileira têm de implementar pelo menos cinco inovações por ano. O cumprimento da meta influencia diretamente na avaliação anual dos gerentes 3 - Organize o processo Estabeleça estruturas dedicadas à inovação Quem faz Na empresa de tecnologia Audaces, todos os projetos são levados a um comitê especial, formado por cinco profissionais encarregados de fazê-los sair do papel. Eles são responsáveis por garantir o cumprimento de objetivos de prazo e custo
  29. 29. 4 - Não desista Desbravar novos caminhos costuma envolver inúmeros percalços Quem faz A Tetra Pak levou dez anos para encontrar uma solução que permitisse o uso do plástico e do alumínio após a reciclagem de embalagens.A empresa chegou até a consultar pesquisadores russos antes de dominar a tecnologia — e não adiantou 5 - Faça barulho Confinar o desenvolvimento de uma ótima idéia num único departamento da empresa vai limitar seu resultado Quem faz Os lançamentos da Basf são divulgados a potenciais clientes e diretores da própria empresa antes de ir ao mercado para que eles possam ajudar a traçar estratégias e a melhorar o produto Fontes: empresas e especialistas | Revista Exame 07.02.2008
  30. 30. Estratégia do Oceano Azul Estratégia do oceano azul Criar espaços ou mercado inexplorados. Tornar a concorrência irrelevante. Criar e capturar a nova demanda. Romper o trade-off valor-custo. Alinhar todo o sistema de atividades da empresa em busca da diferenciação e baixo custo. Estratégia do oceano vermelho Competir nos espaços de mercado Existentes. Vencer os concorrentes. Aproveitar a demanda existente. Exercer o trade-off valor-custo. Alinhar todo o sistema de atividades da empresa com sua escolha estratégica de diferenciação ou baixo custo. Fonte: livro A estratégia do Oceano Azul
  31. 31. Estratégia de diferenciação e baixo custo CUSTO VALOR PARA O COMPRADOR INOVAÇÃO DE VALOR
  32. 32. Modelo de Gestão Estratégica Oportunidades e Ameaças do Ambiente Externo • Macroambiente • Ambiente Setorial Ambiente Interno • Recursos • Missão Organizacional • Objetivos da Empresa Formulação de Estratégias • Estratégias Empresariais • Unidades de Negócio • Estratégias Funcionais Implementação de Estratégias • Estrutura Organizacional • Liderança, Poder e Cultura Organizacional Acompanhamento e Controle Estratégico • Controle da Estratégia e Desempenho
  33. 33. PLAN (P) DO (D) CHECK (C) ACTION (A) Definir as Metas e Objetivos Definir Estratégias que permitirão atingir as Metas e Objetivos Preparar e comunicar a empresa Executar as tarefas (coletando dados) Verificar os Resultados das Tarefas executada Atuar Corretivamente Ciclo de Deminng ou Ciclo PDCA
  34. 34. Planejamento Estratégico É uma ferramenta administrativa, que possibilita perceber a realidade, avaliar os caminhos, construir um referencial futuro, estruturando o trâmite adequado e reavaliar todo o processo a que o planejamento se destina. Antecipar Cenários e Preparar Rotas
  35. 35. Planejamento Estratégico
  36. 36. O ESTRATEGISTA Estilo Vivências Valores Conhecimento Modelo Mental Crenças Experiências
  37. 37. Roberto Justus
  38. 38. Duda Mendonça
  39. 39. Global Grupos de Pressão Pública Fornecedores Consumidores Clientes Concorrentes Governo A Organização FatoresqueafetamaOrganização
  40. 40. Macroambiente POLÍTICO-LEGAL  Legislações específicas  Tarifas de importações  Gastos públicos  Regulação econômica ECONÔMICAS  Taxa de Juros  PIB  Inflação  Câmbio  Nível de emprego TECNOLÓGICO  Rupturas tecnológicas  Aumento de qualidade  Diminuição de custos  Alcance de mercados  Automação e robótica SOCIAIS  Tradições  Valores  Movimentos sociais  Tendências e Mudanças  Demográficas
  41. 41. Análise Externa Decisões Estratégicas -Onde competir -Como competir -Fundamentos da competição Identificação - Tendências / eventos futuros -- Ameaças / oportunidades Análise - Áreas com uso intensivo da informação - Análise de cenários O Papel da Análise do Ambiente Externo
  42. 42. Análise Setorial – As 5 Forças de Mercado Fornecedores Entidade que provém recursos e matéria prima para produçãodo produto ou serviço Clientes Consumidores do produto Concorrentes Empresas que disputam o mesmo Mercado, possíveis concorrentes indiretos, Produtos concorrentes ou substitutos que podem ser usados no lugar do produto da empresa. Governos Legislação, leis, impostos e taxas que interferem na empresa Grupos de Pressão Pública Ong’s e sociedade organizada que podem interferir nas operações da empresa.
  43. 43. Ambiente Interno
  44. 44. Propósito da Organização O propósito é um conjunto consistente de elementos intrínsecos que motivam e condicionam construção do futuro de uma entidade:  Impulso motivador  Vontade criadora  Alicerces e fundamentos  Direcionamento.
  45. 45. Elementos do Propósito • Visão • Missão • Valores • Posicionamento Estratégico
  46. 46. Visão: Quem nós seremos? A visão é a descrição do que se espera e acredita para o futuro da empresa. É uma imagem com capacidade para inspirar as pessoas, geralmente expressa de forma objetiva e clara.
  47. 47. Exemplo: Ser o Banco líder em performance e perene, reconhecidamente sólido e ético, destacando-se por equipes motivadas,comprometidas com a satisfação dos clientes, com a comunidade e com a criação de diferenciais competitivos.
  48. 48. Missão: Finalidade da Empresa • A missão é a a razão de existir. • Papel da organização na sociedade 3M: “Resolver problemas não solucionados de forma Inovadora” Nike: trazer inovação e inspiração a todos os atletas no mundo e se você tem um corpo, você é um atleta.
  49. 49. Mudança de Missão Organizacional • Xerox: copiadoras  aumentar produtividade de escritórios • Standard Oil: vender gasolina  fornecer energia • Columbia Pictures: fazer filmes  entretenimento • Revlon: cosméticos  oferecer beleza
  50. 50. Valores Valores são princípios, ou crenças, que servem de guia, ou critério, para os comportamentos, atitudes e decisões de todas e quaisquer pessoas, que no exercício das suas responsabilidades, e na busca dos objetivos, estejam executando a Missão, na direção da Visão.
  51. 51. Exemplo: A humanidade - o respeito ao ser humano. A ética e o respeito às leis. O progresso - a vocação para o desenvolvimento. A objetividade - a solução racional dos problemas.
  52. 52. Posicionamento Estratégico • A melhor qualidade • O melhor desempenho • A maior confiabilidade • A maior durabilidade • A maior segurança • A maior velocidade • O melhor valor pelo preço pago • O menor preço • O melhor prestígio • O melhor estilo ou projeto • A maior facilidade de uso • A maior conveniência
  53. 53. Objetivo • Traduz a missão em termos específicos e mensuráveis • Servem como padrões • Proporcionam unidades de medida de sucesso da estratégia
  54. 54. Forças e Fraquezas Recursos Organizacionais Capacidade Atual Capacidade Desejada Competência Essencial Vantagem Competitiva Recursos tangíveis Recursos intangíveis
  55. 55. Competências Essenciais Vantagem Competitiva Características: • Valiosas - Benefício real e percebido ao cliente • Raras - Capacidades que não são facilmente encontradas no mercado • Difíceis de imitar - Diferenciação dos concorrentes • Difíceis de substituir - Aumentando valor estratégico
  56. 56. Relacionamento Estratégico Política de relacionamento da empresa em relação à concorrência. Escolhas de uma das estratégias • Inovar • Substituir • Imitar • Complementar • Colaborar • Desistir
  57. 57. Estratégias Cooperativas Alianças Estratégicas Parcerias entre firmas em que seus recursos, capacidades e competências essenciais são combinadas para perseguirem interesses mútuos ao projetar, manufaturar ou distribuir bens ou serviços. Vantagem obtida a partir da complementaridade ou compatibilidade de interesses.
  58. 58. Estratégias Cooperativas Alianças Estratégicas
  59. 59. Estratégias Cooperativas Alianças Estratégicas Motivadores: • Acesso a recursos • Acesso a mercados • Redução de custos • Fortalecimento competitivo • Desenvolvimento conjunto: Mercado, Produto, Padrões
  60. 60. Competição e Cooperação Simultâneas Alianças Estratégicas Horizontais - Empresas concorrentes se aliam por objetivos comuns ou sinergia operacional Exemplos: • TAM x Varig • Unibanco x AIG • Sadia x Perdigão BLACK AGENDA Adquirir conhecimentos e segredos | Conquistar clientes | Destruir operação do concorrente
  61. 61. Não Existe modelo ideal a ser seguido, portanto desenvolva seu próprio modelo de sucesso.
  62. 62. Modelo de Negócio Fábrica Produtos Vendas e Promoção Lucro através do volume de Vendas Mercado Alvo Necessidades do Consumidor Marketing Coordenado Lucro através da Satisfação do Cliente Ponto de Partida Foco Meios Fins Conceito de Vendas Conceito de Marketing
  63. 63. É preciso Comunicar a Todos na Empresa o Rumo!
  64. 64. Comunicação Estratégica
  65. 65. Papel do Líder na Gestão Estratégica

×