E.P.M. JOÃO CARLOS PINHEIRO MARQUES e extensão  agÁpito de paula boeira Direção:   Coordenação:   ILza Lageano Martines  E...
Conhecendo e Descobrindo  a Princesinha dos Ervais
Ponta Porã, também conhecida como Princesinha dos Ervais <ul><li>Carinhosamente passou a ser chamada assim também por caus...
Ponta Porã, cidade fronteiriça com   Pedro Juan Caballero - Paraguai O municipio de Ponta Porã localiza-se sobre a Serra d...
Cidades Gêmeas – Pois a Nossa Cidade Surgiu Com Raízes do Outro Lado da Fronteira <ul><li>Figueira ; árvore símbolo do iní...
Ponta Porã criada em 18/07/1912 Em comemoração aos 90 anos do município, foi inaugurado o monumento  “ Princesinha dos Erv...
Os Limites do município de Ponta Porã <ul><li>Criado em 1912 e instalado em 1913, o município conta com uma área de 5.359,...
Símbolos de Ponta Porã  <ul><li>Hino de Ponta Porã   </li></ul><ul><li>Fé, esperança e cultura  É que ostenta esta rica re...
Administracão Municipal de Ponta Porã <ul><li>Poder Executivo exercido atualmente pelo Prefeito Sr Flávio Kayatt   </li></ul>
Poder Legislativo Exercido por 10 vereadores por um mandato de 4 anos
Poder Judiciário Este poder compete aos Juízes e aos promotores públicos.
O 11º Regimento de Cavalaria Mecanizada Regimento Marechal Dutra Criado em 11 de dezembro de 1919, pelo Presidente da Repú...
“ Castelinho”   Já foi gabinete do Presidente Getúlio Vargas quando Ponta Porã se tornou Território  Federal no ano de 194...
Antiga Estação Ferroviária Atual Funcespp Transporte ferroviário de Ponta Porã presente desde 1953, ligava Ponta Porã à ca...
4º Batalhão da Polícia Militar   Corpo de Bombeiros
Meios de Transportes O ponta poranense conta com uma empresa de transporte coletivo.
Rodoviária A cidade de Ponta Porã, predomina o transporte  rodoviário.
Aeroporto Internacional de Ponta Porã Permite pouso e decolagem diurno e noturno para aeronaves de grande porte .
Marco Grande – Trevo Saída Para Antonio João M.S - 164 Delimita Fronteira entre Ponta Porã e Pedro Juan Caballero.
Marco Grande, saida para BR-463, saida para Dourados e MS-386, saida para Amambai Delimita Fronteira entre Ponta Porã e Pe...
A Educação no Município  A educação no município divide-se em três redes de ensino: Municipal, Estadual e Privada. A  educ...
Escolas Municipais Urbanas E.P.M. João Carlos Pinheiro Marques e Extensão Agápito de Paula Boeira
E.P.M. Prof. Isaac Borges Capilé e Escola Municipal Cooporã
E.P.M. Ramiro Noronha e E.M. Maria Lígia Borges Garcia
E.P.M. Ignês Andreazza e Extensão Antônio Teixeira
E.M. Lydio Lima e E.M. Conceição Capiberibe Saldanha
E.M. Anselmo Soares de França e E.M. Doutor Miguel Marcondes
E.P.M. Prefeito Ade Marques e E.M. São João
E.P.M. Jardim Ivone e E.M. Manoel Martins
E.M. Dora Landolfi
Saúde
Rede Bancária
Correio
Biblioteca Pública Municipal
Núcleo de Tecnologia Municipal ( NTEM )
Centro de Convenções
Receita Federal de Ponta Porã Receita  Federal de Pedro Juan Caballero
Centro de lazer
Estádio Aral Moreira  Poliesportivo
 
O Maior Hotel da Cidade
HINO DE PONTA PORA  MS.  Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um...
Hino de Ponta Porã Fé, esperança e cultura  É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Bras...
<ul><li>INGREDIENTES   </li></ul><ul><li>500 g de carne seca </li></ul><ul><li>2 xícaras de arroz </li></ul><ul><li>4 cebo...
<ul><li>Ingredientes:   </li></ul><ul><li>1 peça de carne (costela, picanha, maminha ou </li></ul><ul><li>fraldinha) de ce...
<ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>800g de mandioca descascada </li></ul><ul><li>Sal a gosto </li></ul><ul><li>3 colh...
<ul><li>Ingredientes:  </li></ul><ul><li>500g de flocos de milho pré-cozidos </li></ul><ul><li>1 litro de leite morno </li...
Ingredientes: •  4 ovos •  1 xícara (chá) de leite •  5 colheres (sopa) de óleo (bem cheias) •  Sal (dependendo do sal do ...
<ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>Erva mate </li></ul><ul><li>Água gelada </li></ul><ul><li>1 cuia para servir </li>...
Ingredientes: •  1 frango sem pele cortado em pedaços •  Sal a gosto •  3 dentes de alho amassados •  2 cebolas picadas  •...
<ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>1 kg de costela bovina ou  osso de pescoço (puchero), ou uma carne tipo acém </li>...
<ul><li>Soyo  é uma palavra guarani que se refere a um caldo de sopa de purê de carne ou num almofariz e alinhados com esp...
Projeto Realizado Na Sala de Tecnologia Educacional
 
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Descobrindo e conhecendo a princesinha dos ervais

2.726 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.726
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
236
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Descobrindo e conhecendo a princesinha dos ervais

  1. 1. E.P.M. JOÃO CARLOS PINHEIRO MARQUES e extensão agÁpito de paula boeira Direção: Coordenação: ILza Lageano Martines Emidia Benites Franco Hetwig Pockel Dorothea Marta de Souza Moraes Tânia M. Loureiro da Silva Professores: Sirley Loro – 5º ano Tatiane Cardozo Lobato – 5º ano Wanda Lobato Urbieta – 5º ano Wilson Fernandes Dias - STE
  2. 2. Conhecendo e Descobrindo a Princesinha dos Ervais
  3. 3. Ponta Porã, também conhecida como Princesinha dos Ervais <ul><li>Carinhosamente passou a ser chamada assim também por causa das grandes plantações de erva mate na localidade, que era considerada como ouro verde. </li></ul>
  4. 4. Ponta Porã, cidade fronteiriça com Pedro Juan Caballero - Paraguai O municipio de Ponta Porã localiza-se sobre a Serra de Maracajú no sul do estado de Mato Grosso do Sul. Possui dois distritos: Sanga Puitã e Cabeceira do Apa . Possui 71.468 (2007) habitantes, faz fronteira seca com a cidade de Pedro Juan Caballero – PY.
  5. 5. Cidades Gêmeas – Pois a Nossa Cidade Surgiu Com Raízes do Outro Lado da Fronteira <ul><li>Figueira ; árvore símbolo do início do povoamento de Ponta Porã </li></ul>Laguna Punta Porã, deu o nome para nossa cidade.
  6. 6. Ponta Porã criada em 18/07/1912 Em comemoração aos 90 anos do município, foi inaugurado o monumento “ Princesinha dos Ervais ” , uma homenagem aos pioneiros da nossa fronteira.
  7. 7. Os Limites do município de Ponta Porã <ul><li>Criado em 1912 e instalado em 1913, o município conta com uma área de 5.359,3 km2 e faz limites com os municípios de: Maracajú ao norte , Dourados a leste e nordeste , Laguna Carapã a sudeste , Aral Moreira e Paraguai ao sul , Paraguai a sudoeste, Antonio João, Bela Vista e Paraguai a oeste , Jardim e Guia Lopes da Laguna a noroeste. </li></ul>
  8. 8. Símbolos de Ponta Porã <ul><li>Hino de Ponta Porã </li></ul><ul><li>Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. </li></ul><ul><li>Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. </li></ul><ul><li>Lutaremos com brio e afã Por um Brasil fecundo e audaz Cantaremos à Ponta Porã, Princesinha real dos ervais! </li></ul><ul><li>Sentinela da Pátria a esperança, Em nossa história ao todo se vê, Nossas vozes ressoam pujança, E a glória do onze R.C! </li></ul><ul><li>Fé, esperança e cultura. É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão </li></ul>
  9. 9. Administracão Municipal de Ponta Porã <ul><li>Poder Executivo exercido atualmente pelo Prefeito Sr Flávio Kayatt </li></ul>
  10. 10. Poder Legislativo Exercido por 10 vereadores por um mandato de 4 anos
  11. 11. Poder Judiciário Este poder compete aos Juízes e aos promotores públicos.
  12. 12. O 11º Regimento de Cavalaria Mecanizada Regimento Marechal Dutra Criado em 11 de dezembro de 1919, pelo Presidente da República Epitácio Pessoa.
  13. 13. “ Castelinho” Já foi gabinete do Presidente Getúlio Vargas quando Ponta Porã se tornou Território Federal no ano de 1943, e depois veio a ser sede da Polícia Militar, atualmente tombado como Patrimônio Histórico.
  14. 14. Antiga Estação Ferroviária Atual Funcespp Transporte ferroviário de Ponta Porã presente desde 1953, ligava Ponta Porã à capital Campo Grande, atualmente encontra-se desativado.
  15. 15. 4º Batalhão da Polícia Militar Corpo de Bombeiros
  16. 16. Meios de Transportes O ponta poranense conta com uma empresa de transporte coletivo.
  17. 17. Rodoviária A cidade de Ponta Porã, predomina o transporte rodoviário.
  18. 18. Aeroporto Internacional de Ponta Porã Permite pouso e decolagem diurno e noturno para aeronaves de grande porte .
  19. 19. Marco Grande – Trevo Saída Para Antonio João M.S - 164 Delimita Fronteira entre Ponta Porã e Pedro Juan Caballero.
  20. 20. Marco Grande, saida para BR-463, saida para Dourados e MS-386, saida para Amambai Delimita Fronteira entre Ponta Porã e Pedro Juan Caballero.
  21. 21. A Educação no Município A educação no município divide-se em três redes de ensino: Municipal, Estadual e Privada. A educação municipal possui um total de 17 escolas urbanas, 8 rurais e 2 indígenas, perfazendo um total de 10.192 alunos
  22. 22. Escolas Municipais Urbanas E.P.M. João Carlos Pinheiro Marques e Extensão Agápito de Paula Boeira
  23. 23. E.P.M. Prof. Isaac Borges Capilé e Escola Municipal Cooporã
  24. 24. E.P.M. Ramiro Noronha e E.M. Maria Lígia Borges Garcia
  25. 25. E.P.M. Ignês Andreazza e Extensão Antônio Teixeira
  26. 26. E.M. Lydio Lima e E.M. Conceição Capiberibe Saldanha
  27. 27. E.M. Anselmo Soares de França e E.M. Doutor Miguel Marcondes
  28. 28. E.P.M. Prefeito Ade Marques e E.M. São João
  29. 29. E.P.M. Jardim Ivone e E.M. Manoel Martins
  30. 30. E.M. Dora Landolfi
  31. 31. Saúde
  32. 32. Rede Bancária
  33. 33. Correio
  34. 34. Biblioteca Pública Municipal
  35. 35. Núcleo de Tecnologia Municipal ( NTEM )
  36. 36. Centro de Convenções
  37. 37. Receita Federal de Ponta Porã Receita Federal de Pedro Juan Caballero
  38. 38. Centro de lazer
  39. 39. Estádio Aral Moreira Poliesportivo
  40. 41. O Maior Hotel da Cidade
  41. 42. HINO DE PONTA PORA MS. Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. Lutaremos com brio e afã Por um Brasil fecundo e audaz Cantaremos à Ponta Porã, Princesinha real dos ervais! Sentinela da pátria a esperança, Em nossa história ao todo se vê, Nossas vozes ressoam pujança, E a glória do onze R.C! Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão Ilustração do Hino de Ponta Porã, Realizada Pelos Alunos
  42. 43. Hino de Ponta Porã Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão. Lutaremos com brio e afã Por um Brasil fecundo e audaz Cantaremos à Ponta Porã, Princesinha real dos ervais! Sentinela da pátria a esperança, Em nossa história ao todo se vê, Nossas vozes ressoam pujança, E a glória do onze R.C! Fé, esperança e cultura É que ostenta esta rica região, Desta terra, a base e a estrutura, Que um Brasil de amanhã servirão.
  43. 44. <ul><li>INGREDIENTES </li></ul><ul><li>500 g de carne seca </li></ul><ul><li>2 xícaras de arroz </li></ul><ul><li>4 cebolas cortadas em cubos pequenos </li></ul><ul><li>4 tomates maduros cortados em cubos </li></ul><ul><li>2 pimentões verdes cortados em cubos </li></ul><ul><li>salsinha bem picadinha </li></ul><ul><li>óleo </li></ul><ul><li>sal a gosto </li></ul><ul><li>MODO DE PREPARO </li></ul><ul><li>Cozinhe a carne seca PAINEIRA cortada em cubos na panela de pressão durante 20 minutos e depois escorra. </li></ul><ul><li>Coloque o óleo na panela, deixe esquentar e refogue as cebolas juntamente com a carne seca em cubos. </li></ul><ul><li>Quando estiver bem frito coloque o arroz . Misture muito bem e em seguida coloque os tomates e os pimentões cortados em cubos. Misture tudo novamente e acrescente a água fervendo. Deixe cozinhar bem até que o arroz fique macio. </li></ul>Pratos Típicos de Ponta Porã (Fronteira) Arroz Carreteiro
  44. 45. <ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>1 peça de carne (costela, picanha, maminha ou </li></ul><ul><li>fraldinha) de cerca de 2 kg. </li></ul><ul><li>Sal grosso a gosto. </li></ul><ul><li>Modo de Preparo: </li></ul><ul><li>Coloque a carne no espeto, jogando bastante </li></ul><ul><li>sal grosso por cima, pois ele vai ser absorvido </li></ul><ul><li>pouco a pouco, acentuando o sabor da carne durante </li></ul><ul><li>o cozimento. </li></ul><ul><li>Leve a carne ao braseiro. O ideal é que a carne fique a cerca de 30 cm a 40 cm da brasa – distância suficiente para receber o calor sem tostar, ficando cozida por dentro e mais macia. (Se for uma peça de costela, a distância deve ser de 80 cm; a peça pode levar até 4 horas para ficar pronta.) O processo exige paciência, mas o resultado compensa. </li></ul><ul><li>Quando a carne estiver no ponto de sua preferência, tire o espeto da brasa, coloque-o sobre uma tábua e, antes de fatiar, dê pancadinhas na carne com a faca para tirar o excesso de sal. </li></ul>Churrasco
  45. 46. <ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>800g de mandioca descascada </li></ul><ul><li>Sal a gosto </li></ul><ul><li>3 colheres (sopa) de manteiga3 dentes de alho picados </li></ul><ul><li>1 cebola pequena ralada </li></ul><ul><li>2 colheres (sopa) de salsa picada para polvilhar </li></ul><ul><li>Modo de preparo: </li></ul><ul><li>Coloque a mandioca em pedaços na panela de pressão e cubra com água. Acrescente sal, tampe a panela e cozinhe por 30 minutos após pegar pressão. Desligue o fogo, tire toda a pressão da panela, escorra e transfira para uma travessa. </li></ul><ul><li>Em uma panela pequena, derreta a manteiga e frite o alho começar a dourar. Junte a cebola e refogue até ficar transparente. Se necessário, adicione mais sal. Despeje o refogado por cima da mandioca, polvilhe com a salsa . </li></ul>Mandioca Cozida
  46. 47. <ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>500g de flocos de milho pré-cozidos </li></ul><ul><li>1 litro de leite morno </li></ul><ul><li>6 espigas de milho verde </li></ul><ul><li>4 ovos </li></ul><ul><li>3 colheres (sopa) de margarina </li></ul><ul><li>1/2 xícara de óleo </li></ul><ul><li>5 cebolas cortadas em rodelas </li></ul><ul><li>sal a gosto </li></ul><ul><li>fermento químico </li></ul><ul><li>1 queijo de minas inteiro ralado (aproximadamente 1kg). </li></ul><ul><li>Modo de preparo: </li></ul><ul><li>Refogue as cebolas na margarina e no óleo e bata no liquidificador com os ovos e o milho verde. Reserve, ferva o leite, leve em recipiente fundo os flocos de milhos e acrescente o leite e misture. Depois acrescente a mistura do liquidificador. </li></ul><ul><li>Misture bem e acrescente a metade do queijo ralado, o sal e o fermento químico. Jogue o restante do queijo por cima. Unte a forma com óleo e leve para assar. </li></ul>
  47. 48. Ingredientes: • 4 ovos • 1 xícara (chá) de leite • 5 colheres (sopa) de óleo (bem cheias) • Sal (dependendo do sal do queijo) coloque uma pitada, a gosto • 500 g de queijo &quot;caipira&quot; meia cura • 1 colher (sopa) de fermento em pó • 1/2 kg de polvilho doce. Modo de preparo: • Misture muito bem em uma bacia os ovos o leite e o óleo. • Acrescente o queijo, vá misturando e acrescente o fermento. • Depois de bem misturado vá colocando aos poucos o polvilho doce. • Faça rolos de massa, crive com um garfo. • Recorte em pequenos pedaços e coloque para assar em forno super aquecido em forma untada com óleo. Chipa
  48. 49. <ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>Erva mate </li></ul><ul><li>Água gelada </li></ul><ul><li>1 cuia para servir </li></ul><ul><li>1 bomba para servir  </li></ul><ul><li>Modo de preparo: </li></ul><ul><li>Coloque a erva na cuia com a bomba, suficiente para deixar 1,5cm de borda livre dependendo do tamanho da cuia. </li></ul><ul><li>Vá despejando a água gelada e sorvendo. </li></ul><ul><li>À medida que for acabando a água, encha novamente a cuia.  </li></ul>Tereré
  49. 50. Ingredientes: • 1 frango sem pele cortado em pedaços • Sal a gosto • 3 dentes de alho amassados • 2 cebolas picadas • Pimenta dedo de moça picada a gosto • 4 colheres (sopa) de óleo • 3 tomates sem pele e sem sementes picados • 1/2 litros de água • 3 colheres (sopa) de cebolinha picada Modo de preparo: • Tempere o frango com o sal, o alho, uma cebola e a pimenta. • Leve à geladeira e deixe descansar por 1 hora. • Em uma panela, aqueça o óleo e refogue a outra cebola. • Frite até dourar. • Adicione os pedaços de frango e doure-os bem. • Junte os tomates, acerte o sal e cozinhe por mais alguns minutos. • Acrescente a água e cozinhe por mais 30 minutos, até o frango ficar macio, sem desmanchar. • Reserve 1 xícara (chá) do caldo para fazer os bolinhos. Bori-Bori
  50. 51. <ul><li>Ingredientes: </li></ul><ul><li>1 kg de costela bovina ou osso de pescoço (puchero), ou uma carne tipo acém </li></ul><ul><li>1/2 pacotinho de canjica amarela (deixe de molho um dia antes) </li></ul><ul><li>1 cebola branca picadinha </li></ul><ul><li>1 pimentão verde picadinho </li></ul><ul><li>1 fio de óleo de milho (soja, canola, ou azeite </li></ul><ul><li>2 tabletes de caldo de carne </li></ul><ul><li>2 tomates médios picadinhos, Alho a gosto e sazón </li></ul><ul><li>Cheiro verde </li></ul><ul><li>Modo de Preparo: </li></ul><ul><li>Doure o alho e refogue a carne, seja a costela ou o acém ou mesmo o osso de pescoço geralmente </li></ul><ul><li>mais usado no Paraguai </li></ul><ul><li>Junte a canjica e cubra com pelo menos 4 dedos acima de água </li></ul><ul><li>Acrescente o caldo de carne e deixe cozinhar por pelo menos 30 minutos, sempre cuidando para não secar e grudar no fundo da panela. </li></ul><ul><li>Da mesma forma como cozinha canjica normalmente </li></ul><ul><li>Abra a panela e observe se ainda está dura a canjica, se precisar acrescente mais água e torne a cozinhar sempre com bastante caldo </li></ul><ul><li>Quando observar que a canjica está cozida, baixe o fogo e numa panela separado, refogue a cebola no óleo, acrescente o pimentão e os tomates, o sazón e faça um breve molho, deixe apurar um pouco e junte a panela com a canjica </li></ul><ul><li>Deixe tomar gosto e engrossar um pouco o caldo no fogo baixo para não grudar, pois pode queimar facilmente </li></ul><ul><li>Quando tomar gosto acrescente o cheiro verde e sirva quente. </li></ul>Locro Paraguaio
  51. 52. <ul><li>Soyo é uma palavra guarani que se refere a um caldo de sopa de purê de carne ou num almofariz e alinhados com especiarias, pertence à gastronomia tradicional do Paraguai </li></ul><ul><li>Ingredientes Soyo: </li></ul><ul><li>150 gramas de carne chão </li></ul><ul><li>100 gramas de cebola </li></ul><ul><li>50 gramas de cenoura </li></ul><ul><li>100 gramas de tomate </li></ul><ul><li>2 dentes de alho </li></ul><ul><li>1 folha de louro </li></ul><ul><li>orégano fresco </li></ul><ul><li>sal a gosto </li></ul><ul><li>Modo de Preparo: </li></ul><ul><li>Pique os legumes em cubos com o dente de alho. </li></ul><ul><li>Deixe a carne moída no molho . </li></ul><ul><li>Frite um pouco com óleo vegetal e alho com a folha de louro. </li></ul><ul><li>Adicione a carne embebida com a mesma água e mexa até ficar cozido. </li></ul><ul><li>Adicione sal e, finalmente, acrescentar orégano fresco. </li></ul>Soyo
  52. 53. Projeto Realizado Na Sala de Tecnologia Educacional

×