Implementação de um Mercado de
Metadados de Software de Código
Aberto no Brasil

William Rufino

Mestrado Profissional em ...
• Em projetos de software de digo aberto
produzida uma grande quantidade de dados
digitais sobre todos os tipos de artefat...
• Repositórios de software não são utilizados
para tomadas de decisão. (HASSAN,2008)
• Artefatos de software não estão int...
William Rufino

Justificativa

4
William Rufino

Justificativa

5
William Rufino

Justificativa

6
• Quais sãos os componentes de um
arcabouço conceitual para a geração de
dados abertos e vinculados(linked open
data) a pa...
• O objetivo geral do trabalho propor um
arcabouço conceitual para a construção de
um mercado de dados abertos e vinculado...
1. Identificar os metadados que o fazer parte do
mercado.
2. Identificar os componentes
rios para
o do arcabouço conceitu...
William Rufino

Referencial Teórico

10
Metodologia
Abordagem ....................: Qualitativa

Natureza ........................: Pesquisa Aplicada
Validação .....
William Rufino

Arquitetura Conceitual

12
William Rufino

Implementação

13
William Rufino

Cronograma

14
William Rufino

williamhrs@gmail.com

OBRIGADO!

15
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Implementação de um mercado de Metadados de Software de Código Aberto no Brasil

492 visualizações

Publicada em

Defesa do Projeto de Dissertação

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
492
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Abordagensatuaisestãoconfinadasdentro das fronteiras de empresa, ondeexiste um conjuntolimitado de dados, nãoestãoutilizando bases externas. Ex: KrugleAs soluçõesqueexistematualmenteutilizambuscabaseadaemtexto. Ex: Snippler e KodersNãoutilizãoinformaçõessemânticas, contidasnos links escondidosemartefatos de software. (KEIVANLOO; RILLING; CHARLAND, 2012)Empresasescolhem software porpopularidade, e nãonecessidade. (HASSAN,2008)
  • Implementação de um mercado de Metadados de Software de Código Aberto no Brasil

    1. 1. Implementação de um Mercado de Metadados de Software de Código Aberto no Brasil William Rufino Mestrado Profissional em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento Mestrando: William Horta Rufino da Silva Orientador: Prof. Dr. Fernando Silva Parreiras 1
    2. 2. • Em projetos de software de digo aberto produzida uma grande quantidade de dados digitais sobre todos os tipos de artefatos de software, desde digo fonte es sobre licenciamento. (HASSAN,2008) William Rufino Introdução 2
    3. 3. • Repositórios de software não são utilizados para tomadas de decisão. (HASSAN,2008) • Artefatos de software não estão interligados. (BACHMANN; et. Al, 2010) (BIRD; et. Al, 2009) William Rufino Introdução 3
    4. 4. William Rufino Justificativa 4
    5. 5. William Rufino Justificativa 5
    6. 6. William Rufino Justificativa 6
    7. 7. • Quais sãos os componentes de um arcabouço conceitual para a geração de dados abertos e vinculados(linked open data) a partir de metadados de repositórios de software livre? William Rufino Problema 7
    8. 8. • O objetivo geral do trabalho propor um arcabouço conceitual para a construção de um mercado de dados abertos e vinculados sobre projetos e artefatos de software de digo aberto. William Rufino Objetivo Geral 8
    9. 9. 1. Identificar os metadados que o fazer parte do mercado. 2. Identificar os componentes rios para o do arcabouço conceitual. 3. Propor um arcabouço conceitual 4. Extrair metadados dos rios de software de digo aberto 5. Transformar os metadados em dados abertos e vinculados 6. Testar o arcabouço conceitual proposto William Rufino Objetivos Específicos 9
    10. 10. William Rufino Referencial Teórico 10
    11. 11. Metodologia Abordagem ....................: Qualitativa Natureza ........................: Pesquisa Aplicada Validação ........................: Avaliação - Prova de Conceito William Rufino Tipo ................................: Explicativa Método ..........................: Experimental 11
    12. 12. William Rufino Arquitetura Conceitual 12
    13. 13. William Rufino Implementação 13
    14. 14. William Rufino Cronograma 14
    15. 15. William Rufino williamhrs@gmail.com OBRIGADO! 15

    ×