Aula primeiros socorros eletricistas

20.731 visualizações

Publicada em

Palestra primeiros socorros voltado à eletricistas.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
20.731
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
274
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1.183
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula primeiros socorros eletricistas

  1. 1. Primeiros Socorros Choque Elétrico e RCP
  2. 2. CÓDIGO PENAL: Art. 135 - Deixar de prestar assistência, quando possível fazê-lo sem risco pessoal, à criança abandonada ou extraviada, ou à pessoa inválida ou ferida, ao desamparo ou em grave e iminente perigo; ou não pedir, nesses casos, o socorro da autoridade pública: Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa. Parágrafo único - A pena é aumentada de metade, se da omissão resulta lesão corporal de natureza grave, e triplicada, se resulta a morte. Importante: O fato de chamar o socorro especializado, nos casos em que a pessoa não possui um treinamento específico ou não se sente confiante para atuar, já descaracteriza a ocorrência de omissão de socorro. Deixar de prestar socorro é crime
  3. 3. Primeiros passos Mantenha a calma. Você deve organizar a situação. Identifique o problema Avalia a sua própria segurança antes de qualquer ação Chame ajuda ou peça para que alguém faça isso
  4. 4. • Não discuta com a vítima; • Não questione suas razões, principalmente se elas forem baseadas em crenças religiosas; • Não toque na vítima, isso poderá ser considerado como violação dos seus direitos; • Converse com a vítima. Informe a ela que você possui treinamento em primeiros socorros, que irá respeitar o direito dela de recusar o atendimento, mas que está pronto para auxiliá-la no que for necessário; • Arrole testemunhas de que o atendimento foi recusado por parte da vítima. Mais passos
  5. 5. Avaliar a situação: Inteirar-se do ocorrido com tranquilidade e rapidez; Verificar os riscos para si próprio, para a vítima e terceiros; Criar um rápido plano de ação para administrar os recursos materiais e humanos visando garantir a eficiência do atendimento. Manter a segurança da área: Proteger a vítima do perigo mantendo a segurança da cena; Não tentar fazer sozinho mais do que o possível. Chamar por socorro especializado: Assegurar-se que a ajuda especializada foi providenciada e está a caminho. Segurança
  6. 6. Corpo de Bombeiros (193) – Acidentes automobilísticos, vitima presa a ferragens SAMU (192) – Vitimas múltiplas, infartos e urgências médicas Polícia Militar (190) – Caso em que haja mortes Polícia Civil (147) – Caso em que haja assaltos e mortes Defesa Civil (199) – Desastres naturais Chame ajuda especializada. • Tipo do acidente (carro, motocicleta, colisão, atropelamento, etc.); • Gravidade aparente do acidente; • Nome da rua e número próximo; • Número aproximado de vítimas envolvidas; • Pessoas presas nas ferragens; • Vazamento de combustível ou produtos químicos; • Ônibus ou caminhões envolvidos. O que informar ao atendente:
  7. 7. SEQUÊNCIA DAS FASES DO SOCORRO AVALIAÇÃO DA CENA 01 - Segurança da cena (sua e das vitimas); 02 - Solicitação de Recursos Adicionais AVALIAÇÃO INICIAL 04 - Impressão geral da vítima (clínica ou trauma); 05 - Nível de consciência: Alerta, Verbaliza, Doloroso ou Inconsciente 06 - Abrir vias aéreas sem comprometer a coluna cervical; 07 - Avaliar a respiração: Ver, Ouvir e Sentir - VOS; 08 - Avaliar circulação: presença de pulso carotídeo; 09 - Pesquisar e controlar hemorragias;
  8. 8. O que é o choque elétrico O efeito na saúde depende da intensidade da corrente elétrica que atravessa o corpo NR 10 - Segurança em serviços com eletricidade do Ministério do Trabalho do Brasil, tensões menores que 50 V em corrente alternada e 120 V em corrente contínua são inofensivas. Correntes ACIMA DE 100 mA causam parada cardíaca! http://pt.wikipedia.org/wiki/Choque_el%C3%A9trico Tipos de choque elétrico <ul><li>choque estático
  9. 9. choque dinâmico
  10. 10. descargas atmosféricas </li></ul>www.saudeetrabalho.com.br/download_2/choque-elektro.pdf É uma perturbação de natureza e efeitos diversos que se manifesta no corpo humano, quando por ele circula uma CORRENTE ELÉTRICA “Deve-se considerar que todo choque elétrico é perigoso”. Lei de Ohm (V = R x I) Resistência do corpo Humano 300 Ω
  11. 11. O trabalho com Eletricidade •A regulamentação correspondente •O trabalho profissional em instalações e serviços com eletricidade •Os equipamentos de proteção Medidas Preventivas de ordem geral: •Nunca toque em instalações elétricas, com as mãos, pés ou roupas molhadas; •Ao se deparar com fio elétrico solto na rua, mantenha-se afastado do local, pois o mesmo poderá estar energizado. Chame a concessionária imediatamente; •Oriente as crianças para soltar pipas longe dos fios da rede elétrica. Escolha lugares abertos e espaços livres; • Na construção ou manutenção predial próxima a rede elétrica, mantenha distância segura ao manobrar materiais e equipamentos; • Somente com tempo bom, instale, desligue ou remova antenas. Calcule uma distância segura da rede elétrica para fixar a antena . O CIRCUITO SÓ ESTÁ LIBERADO PARA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS EM INSTALAÇÕES ELÉTRICAS SE ESTIVER ATERRADO PROCEDIMENTOS OBRIGATÓRIOS DESLIGUE E SINALIZE TESTE E ATERRE
  12. 12. Choque elétrico – O que fazer? Prevenir sempre: Desligue a energia Afrouxe as roupas Tratar como queimadura Pode evoluir para parada cardiorrespiratória: fazer compressão imediatamente e chamar SAMU -192
  13. 13. http://redalyc.uaemex.mx/pdf/810/81050114.pdf Os principais efeitos fisiológicos da passagem de corrente elétrica no corpo são: <ul><li>a tetanização – contração violenta e intensa de músculos
  14. 14. Fibrilação ventricular – Impulsos cardíacos desordenados, inviabilizando a circulação sanguínea
  15. 15. Parada cardíaca – Parada total dos movimentos do coração.
  16. 16. Queimadura – destruição de tecidos por efeito de calor </li></ul>
  17. 18. QUEIMADURA - Afastar a vítima da origem da queimadura; - Nunca retire as vestes - Lave a região afetada com água fria e abundante (1ºgrau); - Não esfregue a região atingida, evitando o rompimento das bolhas; - Aplique compressas úmidas e frias utilizando panos limpos; - Faça um curativo protetor com bandagens úmidas; - Mantenha o curativo e as compressas úmidas com soro fisiológico; - Não aplique unguentos, graxas, óleos, pasta de dente, margarina, etc. sobre a área queimada; - Mantenha a vítima em repouso e evite o estado de choque; .
  18. 19. Parada Cardiorrespiratória A parada cardíaca acontece quando há interrupção ou diminuição significativa dos batimentos do coração, o que provoca a redução da quantidade satisfatória de sangue circulante. http://en.wikipedia.org/wiki/Cardiac_arrest A falta de oxigênio no cérebro causa perda da consciência , que resulta em ausência ou respiração anormal . A lesão cerebral é mais provável se não for tratada a parada cardíaca por mais de cinco minutos. Para a melhor chance de sobrevivência e recuperação neurológica, o tratamento imediato e decisivo é um imperativo.
  19. 21. Circulação Você consegue sentir o pulso? Primeiro radial (Braço) Carotídeo (pescoço) Femural (virilha)
  20. 22. Vias aéreas Verificar se pessoa esta respirando Se respiração esta rápida ou lenta Se há algo impedindo a passagem do ar. Colocar vitima com leve tração de pescoço para traz
  21. 23. RCP (RESSUSCITAÇÃO CARDIOPULMONAR) 32 compressão para cada 2 respiração. Se não houver equipamento de respiração (AMBU) faça apenas as compressões até chegada de ajuda especializada

×