O pão da vida

488 visualizações

Publicada em

Esboço de sermão em João 6.35

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
488
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O pão da vida

  1. 1. 1 O PÃO DA VIDA Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede (Jo 6:35). Rev. Giovanni Moreira Guimarães
  2. 2. 2 Introdução: Nem sempre é fácil reconhecer nossas verdadeiras necessidades - volta e meia confundimos aquilo que queremos com o que precisamos. Jesus Cristo quer nos mostrar o que nós realmente precisamos e satisfazer essa necessidade. Contextualização: A. A alimentação dos cinco mil – Jo. 6:1-26: a. Jesus demonstrou o seu poder criador sobre a natureza; b. Ele também demonstrou a sua preocupação por nossas necessidades, e a sua vontade de provê-las; c. Porém, a multidão não entendeu o essencial; d. Eles não reconheceram o que o milagre revelou sobre Jesus, e só ficaram impressionados com o alimento físico que tinham recebido - v.26. Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: vós me procurais, não porque vistes sinais, mas porque comestes dos pães e vos fartastes. Jo 6.26 I. Homem tem necessidades tanto espirituais, como também físicas - v.27. Trabalhai,nãopelacomidaqueperece,maspelaquesubsistepara a vida eterna, a qual o Filho do Homem vos dará; porque Deus, o Pai, o confirmou com o seu selo. Jo 6.27 A. Deus reconhece nossas necessidades físicas legítimas - Mt. 6:31,32. Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitaisdetodaselas;Mt6:31,32. B. Mesmo assim, homem tem necessidades espirituais que
  3. 3. 3 não podem ser satisfeitas pornada no mundo material - Ec 2:9-11,26; 3:11. Engrandeci-me e sobrepujei a todos os que viveram antes de mim em Jerusalém; perseverou também comigo a minha sabedoria. Tudo quanto desejaram os meus olhos não lhes neguei, nem privei o coração de alegria alguma, pois eu me alegrava com todas as minhas fadigas, e isso era a recompensa de todas elas. Considerei todas as obras que fizeram as minhas mãos, como também o trabalho que eu, com fadigas, havia feito; e eis que tudo era vaidade e correr atrás do vento, e nenhum proveito havia debaixo do sol. Ec 2:9-11 Porque Deus dá sabedoria, conhecimento e prazer ao homem que lhe agrada; mas ao pecador dá trabalho, para que ele ajunte e amontoe, a fim de dar àquele que agrada a Deus. Também isto é vaidade e correr atrás do vento. Ec 2:26 Tudo fez Deus formoso no seu devido tempo; também pôs a eternidadenocoraçãodohomem,semqueestepossadescobriras obras que Deus fez desde o princípio até ao fim. Ec 3:11 C. Nossas necessidades espirituais são mais importantes que nossas necessidades físicas - Mt. 4:4 (Dt. 8:3); Lc. 12:15,23. Muitas vezeso“evangelho social”erradandoprioridade às nossas necessidades físicas e esquecendo-se de nossas necessidades espirituais. Jesus, porém, respondeu: Está escrito: Não só de pão viverá o homem,masdetodapalavraqueprocededabocadeDeus.Mt4:4 Ele te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conhecias, nem teus pais o conheciam, para te dar a entender que não só de pão viverá o homem, mas de tudo o que procede da boca do SENHOR viverá o homem. Dt 8:3
  4. 4. 4 Então, lhes recomendou: Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui. Lc 12:15 Porque a vida é mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes. Lc 12:23 II. Jesus Cristo, o Pão de Vida, é a única e plena satisfação de nossas necessidades espirituais - vv.32-35. Replicou-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: não foi Moisés quemvos deuopãodocéu;overdadeiro pão do céué meu Pai quem vos dá. Porque o pão de Deus é o que desce do céu e dá vida ao mundo. Então, lhe disseram: Senhor, dá-nos sempre desse pão. Declarou-lhes, pois, Jesus: Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede. Jo 6.32-35 A. Literalmente o pão é o “sustento da vida física” - Jesus dá e sustenta vida espiritualmente. Ele é o “Pão da Vida”. B. Jesus dá boas-vindas àqueles que vêm a Ele com as suas necessidades espirituais - Mt. 5:6; Jo. 6:37. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão fartos. Mt 5:6 Todo aquele que o Pai me dá, esse virá a mim; e o que vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora. Jo 6:37 C. O efeito do Pão da Vida é mais duradouro que a da comida e bebida física - v.35. Cf. 4:13,14. Declarou-lhes, pois, Jesus: Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede. Jo 6:35 Afirmou-lhe Jesus: Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá
  5. 5. 5 sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna. Jo 4:13,14 D. Só Jesus pode prover “vida de verdade” - Jo. 10:10. Cf. 1:4; 5:26; 11:25; 14:6. O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. Jo 10:10 A vida estava nele e a vida era a luz dos homens. Jo 1:4 Porque assim como o Pai tem vida em si mesmo, também concedeu ao Filho ter vida em si mesmo. Jo 5:26 Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; Jo 11:25 Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim. João 14:6 E. Aquele que vem a Cristo para satisfação de suas necessidades espirituais também encontra n’Ele a solução para suas preocupações e necessidades físicas - Mt. 6:33. Cf. 1Tm. 4:8. ...buscai,pois,emprimeirolugar,oseureinoeasuajustiça,etodas estas coisas vos serão acrescentadas. Mt 6:33 Pois o exercício físico para pouco é proveitoso, mas a piedade para tudo é proveitosa, porque tem a promessa da vida que agora é e da que há de ser. 1Tm 4:8 III. O “Pão da Vida” só dá vida quando é comido – vv. 51-58. Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém dele comer, viverá eternamente; e o pão que eu darei pela vida do mundo é a minha carne. Disputavam, pois, os judeus entre si, dizendo: Como pode
  6. 6. 6 este dar-nos a comer a sua própria carne? Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e nãobeberdes oseusangue, não tendes vida em vós mesmos. Quem comer a minha carne e beber o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia. Pois a minha carne é verdadeira comida, e o meu sangue é verdadeira bebida. Quem comer a minha carne e beber o meu sangue permanece em mim, e eu, nele. Assim como o Pai, que vive, me enviou, e igualmente eu vivo pelo Pai, também quem de mim se alimenta por mim viverá. Este é o pão que desceu do céu, em nada semelhante àquele que os vossos pais comeram e, contudo, morreram; quem comer este pão viverá eternamente. Jo 6.51-58 A. Como alguém “pode comer a carne do Filho do Homem, e beber o seu sangue” (v.53)? Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes o seu sangue, não tendes vida em vós mesmos... Jo 6.53 a. Claroquenão éliteralmente.Aqueles quesópensaram nesta possibilidade rejeitaram Jesus - vv. 52,60,66. Disputavam, pois, os judeus entre si, dizendo: Como pode este dar- nos a comer a sua própria carne? Jo 6.52 Muitos dos seus discípulos, tendo ouvido tais palavras, disseram: Duro é este discurso; quem o pode ouvir? Jo 6;60 À vista disso, muitos dos seus discípulos o abandonaram e já não andavam com ele. Jo 6.66 b. Também não é na Ceia do Senhor. O pão e suco de uva representam o corpo e sangue do Senhor, mas isso não parece estar em consonância com João 6. c. A pessoa “come” da carne de Jesus e “bebe” do seu sangue quando recebe e “digere” a verdade que Jesus ensinou - vv. 45,47,63,68.
  7. 7. 7 Está escrito nos profetas: E serão todos ensinados por Deus. Portanto,todoaquele quedaparte doPaitem ouvidoe aprendido, esse vem a mim. Jo 6:45 Em verdade, em verdade vos digo: quem crê em mim tem a vida eterna. Jo 6:47 Oespíritoéoquevivifica; acarne paranadaaproveita;as palavras que eu vos tenho dito são espírito e são vida. Jo 6:63 Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras da vida eterna; Jo 6:48 1.A oração feita antes “do partir o pão”. 2.É apropriada antes de um sermão. 3.Cristo mora em nós, e nós n’Ele, por extensão nós nos alimentamos n’Ele. Isto é terminado recebendo as suas palavras, assimilando-as,digerindo-as, epermitindoqueela se torne uma parte de nós. Ele produz vida em abundância por quenós vivemos por ele,Cristo (RobertTurner). 4.Assimilar o Pão da Vida envolve mais que uma mera aprendizagem de fatos - Jo. 5:38. “O Pai e o Filho estão em nós,porextensãoaverdadeestáemnós- eoponto abraça muito mais que um conhecimento intelectual da verdade: envolve uma resposta à verdade, por meio da qual são manifestados oPaie Filho emnossas vidas”(Turner). Também não tendes a sua palavra permanente em vós, porque não credes naquele a quem ele enviou. Jo 5:38 d. O que come do Pão de Vida “está” em Cristo, e Cristo nele - Jo. 6:56. Cf. 14:23; 1Jo. 2:24; 3:2. Quem comer a minha carne e beber o meu sangue permanece em mim, e eu, nele. Jo 6:56 Respondeu Jesus: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada. Jo 14:23
  8. 8. 8 Permaneça em vós o que ouvistes desde o princípio. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis vós no Filho e no Pai. 1Jo 2:24 Amados, agora, somos filhos de Deus, e aindanão se manifestou o que haveremos de ser. Sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, porque haveremos de vê-lo como ele é. 1Jo 3:2 e. O estudo regular, diário da Bíblia não é um luxo, mas uma necessidade para o cristão - a falta de nutrição o levará à morte - Jo. 8:32. Cf. 5:39; 2Tm. 3:15. ...e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Jo 8:32 Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim. Jo 5:39 ...e que, desde a infância, sabes as sagradas letras, que podem tornar-te sábio para a salvação pela fé em Cristo Jesus. 2Tm 3:15 1.Não podemos buscar na religião recursos espirituais para ser usados em tempos tragédias ou necessidades edepois se esquecer de Cristo com a passagem da crise. 2.É necessário ter compromisso para com Cristo! Conclusão: A. A habilidade de Jesus Cristo para identificar e satisfazer nossas necessidades mais profundas é uma prova da sua deidade. Cf. 1Pe. 2:3. ...se é que já tendes a experiência de que o Senhor é bondoso. 1 Pe 2:3 B. PrecisamosaprenderdeCristoadiferençaentrevidaevida eterna - 1Tm. 6:19.
  9. 9. 9 ...queacumulemparasimesmostesouros,sólidofundamentopara o futuro, a fim de se apoderarem da verdadeira vida. 1Tm 6:19 C. Homem tem uma necessidade que só o Senhor pode satisfazer. a. “Tu nos fizeste para Ti e nosso coração não encontra nenhuma paz até que ele descanse em Ti” (Agostinho). b. O homem moderno é movido por desejos espirituais e frequentemente não sabe o que ele precisa. Ele sabe que dói, mas não sabe onde. c. Há um buraco do tamanho de Deus no coração de todo ser humano. D. Cristo é a resposta - Mt. 11:28-30. Vindeamim,todosos queestais cansadosesobrecarregados,eeu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porquesoumansoehumilde de coração;e achareisdescanso para avossa alma. Porque omeu jugoé suave, e o meu fardo é leve. Mt 11:28 Por que você não vem a Ele e participa do Pão de Vida hoje?
  10. 10. 10

×