Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação

9.971 visualizações

Publicada em

Artigo desenvolvido na disciplina Tópicos Especiais de Sistemas de informações. Melhor visto no próprio arquivo pdf.

Resumo do artigo:
Neste artigo, iremos abordar o ganho que se obtêm numa organização a partir da implantação do Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação (PETI). Teremos uma visão geral dos planejamentos que o compõe. Um conceito para o seu entendimento teórico e toda a sua estrutura. Descreveremos o porquê de implantá-lo e um passo a passo de como elaborá-lo. Teremos também uma visão geral a partir de um estudo de caso. Concluiremos citando as suas (i) vantagens e desvantagens, (ii) mostrando a importância da informação e a necessidade da implantação do PETI e (iii) fortalecendo também a valorização do capital humano das organizações.

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.971
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
81
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
416
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação

  1. 1. PETI: Guia para o PETIC Wagner Amaral e Silva Universidade Federal de Sergipe Departamento de Computação Av. Marechal Rondon,sn Jardim Rosa Elze. 49.000-000 S. Cristovão +55 79 9924-8994 wagner.ufs@gmail.com RESUMO Portanto, torna-se de grande importância a implantação do Neste artigo, iremos abordar o ganho que se obtêm numa Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação (PETI), organização a partir da implantação do Planejamento Estratégico que abrange o planejamento dos sistemas de informações, de Tecnologia da Informação (PETI). Teremos uma visão geral conhecimentos e informática, em toda e qualquer empresa, seja dos planejamentos que o compõe. Um conceito para o seu ela pública ou privada [1]. entendimento teórico e toda a sua estrutura. Descreveremos o porquê de implantá-lo e um passo a passo de como elaborá-lo. Teremos também uma visão geral a partir de um estudo de caso. 1.1 TRABALHOS RELACIONADOS Concluiremos citando as suas (i) vantagens e desvantagens, (ii) O PETI é a evolução unificada do (i) Plano Diretor de Sistemas de mostrando a importância da informação e a necessidade da Informação (PDSI), que se baseia no planejamento da informática implantação do PETI e (iii) fortalecendo também a valorização do e dos seus respectivos recursos tecnológicos; do (ii) Plano Diretor capital humano das organizações. de Sistemas de Informação e Tecnologia da Informação (PSITI), extensão do PDSI para suprir direção, esforço de concentração, consistência de propósito, flexibilidade e continuidade dos Palavras Chaves recursos de TI a partir da tradução de metas estratégicas e Planejamento Estratégico. Planejamento Estratégico de organizacionais; e do (iii) Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação. Tecnologia da Informação. Informações e Conhecimentos (PEIC), estes manipulam ou geram Inteligência organizacional. Estratégias organizacionais. Sistemas conhecimentos a partir de bases de conhecimento (locais onde são de Informação. Sistemas de Conhecimento. depositados os conhecimentos expressos em dados) organizadas para contribuir com a organizações e com a sociedade[1]. ABSTRACT In this paper, we describe the gain a company gets when the 2. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE Information Technology Strategic Plain (ITSP) is implanted. An overview of its plains and components. A theory knowledge of its TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO concepts and the hole structure. We will describe why is necessary O PETI é o conjunto de ferramentas e técnicas, alinhadas ao to implant it and a way to elaborate it. Also, we will give an Planejamento Estratégico da Organização (PEO) e às estratégias overview with a case study. And conclude that illustrating (i) de negócio, que possibilitam a definição de estratégias de ação advantages and disadvantages, (ii) showing the importance of para identificar os “Modelos de Informações Empresariais” e os information and the necessity of ITSP implants and (iii) also “Mapas de Conhecimento” necessários à gestão de toda a strengthening the human capital valorization. organização[1]. Estabelece também (i) ferramentas de gestão empresarial, (ii) elabora plano de desenvolvimento e implantação de Sistemas de Keywords Informação (SI) e Sistemas de Conhecimentos (SC), (iii) planeja Strategic Plain. Information. Technology Strategic Plain. RH e (iv) estrutura e fortalece a TI com planos de ação imediatos Information Technology. Business intelligency. Organizational e de curto prazo. strategies. Information Systems. Knowledge Systems. 2.1 Estrutura do PETI 1. INTRODUÇÃO Sua estrutura é semelhante a qualquer documento que respeite as Ultimamente tem ocorrido uma inovação contínua de tecnologias, normas básicas de organização, ou seja, o PETI é composto de que, consequentemente, tem gerado uma grande quantidade e uma capa com os dados principais da organização e do projeto. É velocidade de informações na Internet e a importância destas também importante realizar uma breve apresentação da informações na competitividade tem sido de grande valor. A organização juntamente a detalhes com relação à situação atual e Tecnologia da Informação (TI) tem sido o fator de sucesso quando desejada de TI, além de todo o processo de desenvolvimento bem estruturada numa empresa. envolvido no projeto detalhado. Juntamente à TI, os Recursos Humanos (RH), tem sido um fator de grande importância para qualquer que seja a organização no mundo globalizado no qual nos encontramos.
  2. 2. organizacional. Ou seja, são absorvidas somente as informações oportunas para as estratégias, missões e objetivos da empresa. Paralelamente, haverá uma melhor previsão de investimentos e despesas. O PETI trabalha necessariamente com uma equipe multidisciplinar. Isto é, praticamente toda a organização estará envolvida no projeto e dificilmente este tenderá ao fracasso. 2.3 Procedimentos do PETI Para que o PETI obtenha sucesso é necessária a comunicação ativa entre todos os departamentos da organização. Ou seja, é de extrema importância a sinergia entre todos os empregados envolvidos na sua implantação. Procedimento são modos de se seguir uma determinada ação. Portanto o PETI deve seguir um procedimento previamente programado para que os resultados sejam obtidos como planejados ou acima da meta desejada. Inicialmente, deve-se escolher uma estratégia organizacional. Esta estratégia é a quot;fase do processoquot;, pois determina a metodologia em que as análises e planejamentos serão efetuados. A união dessa estratégia juntamente com o negócio é o que leva a organização ao sucesso, principalmente quando realizamos a estratégia para obter resultados futuros. Pois, esta depende diretamente de (i) objetivos, (ii) políticas e (iii) ações. A base destes três pilares são as pessoas, juntamente com seus conhecimentos, pois são estrategicamente relevantes devido à sua importância na obtenção da vantagem competitiva e da inteligência organizacional. A estratégia organizacional que tem sido utilizada com maior intensidade ultimamente é o Balanced Scoredcard (BSC). Esta uni todas as perspectivas da organização, seja ela financeira, de ambiente externo ou interno e todos seus processos de geração de informação[4]. FIGURA 1. Estrutura do PETI O funcionamento e seqüência do PETI serão detalhados e ilustrados no Tópico 2.3 e na Figura 3, respectivamente. 2.2 Por quê utilizar o PETI? Devido à grande quantidade de informações que são geradas num mundo de negócios intensivamente competitivo, é necessário o tratamento destas, pois muitas delas não são necessárias para o sucesso da organização[2]. Com o PETI bem gerenciado e estruturado essas informações são tratadas da melhor forma possível por toda a inteligência FIGURA 2. Ilustração do funcionamento do BSC Permission to make digital or hard copies of all or part of this work for Na figura acima, podemos verificar que praticamente toda a personal or classroom use is granted without fee provided that copies are organização estará sendo analizada para atender as Visões e not made or distributed for profit or commercial advantage and that Estratégias elaboradas. Na área de (i) Aprendizado e copies bear this notice and the full citation on the first page. To copy Crescimento temos os treinamentos de empregados e as atitudes otherwise, or republish, to post on servers or to redistribute to lists, culturais da empresa, que geram ganhos para os funcionarios e requires prior specific permission to wagner.ufs@gmail.com para a organização. É necessário o aprendizado continuo dos Tópicos Especiais em Sistemas de Informação Universidade Federal de Sergipe – 2007.2 empregados devido à velocidade em que ocorrem mudanças
  3. 3. tecnológicas. Os (ii) Processos Internos do Negócio incluem Após a sua aprovação, o PETI entrará verdadeiramente em necessariamente os processos internos da organização, ou seja, os execução. Nesta fase, as ações devem ser criteriosamente processos onde os diretores e gerentes analizam o negócio, os planejadas, como também o plano de trabalho das atividades produtos e os serviços. Na área do (iii) Financeiro, as internas e externas totalmente elaborado. informações financeiras corretas e atualizadas são as prioridades. Desde o início do processo, este deve ser gerenciado da melhor Estas informações devem estar centralizadas e automatizadas em forma possível, portanto os modelos e forma de gestão devem ser bancos de dados coorporativos. Na pespectiva do (iv) Cliente, por amplamente discutidos, definidos e divulgados, sempre ser um gerenciamento filosófico recente dentro das organizações obedecendo ao critério multidisciplinar. Tudo o que ocorrer tem crescido a sua valorização. O seu foco é basiado unicamente durante o processo deve ser documentado para auxiliar em futuros na satisfação dos clientes[6]. planejamentos. O BSC tem uma grande importância na fase de determinação de É de grande importância, ao final do processo, a sua prioridades e necessidades, que será descrita posteriormente, pois apresentação para toda a organização, pois, neste momento, evita-se investimentos displicentes nos projetos de TI avaliaremos a satisfação de todas as pessoas, recebendo opiniões e selecionados antes desta fase. Principalmente, porque, em sua colhendo assinaturas e protocolos. grande maioria, estes projetos são cruciais à sobrevivência da organização a médio e longos prazos[5]. Posteriormente, deve-se nomear a equipe que estará diretamente envolvida nas ações, como também as pessoas que irão participar apenas casualmente do processo. Depois disso, são descritos os objetivos e a metodologia que serão adotados. Antes de iniciar os trabalhos, deve-se garantir que toda a equipe esteja capacitada e todas as atividades planejadas. O PEO é revisado para absorver sua missão, seus objetivos e estratégias, necessários para o alinhamento e integração. Caso este ainda não exista, é necessária a sua elaboração antes da continuação do PETI devido à sua importância como descrito anteriormente. É necessário fazer o levantamento de todos os procedimentos que geram informação na organização, como também todos os sistemas computacionais já implantados e todo o hardware envolvido. Com esses dados em mãos, tudo o que foi encontrado deve-se passar por uma avaliação para ver as possibilidades de FIGURA 3. Seqüência das fases do PETI estar implantando um novo SI ou SC, neste caso verifica-se se é melhor adquirir algum software ou desenvolvê-lo internamente, se 3. UM BREVE ESTUDO DE CASO é necessária uma manutenção naqueles já implantados ou se é Em [3], o PETI foi colocado em prática na Execução Soluções melhor abolir a utilização de algum já em produção. Nesta fase, Call Center (empresa sediada em Florianópolis-SC). Por atuar no também planejamos toda a infra-estrutura necessária para dar mercado de gestão de relacionamento com o cliente, a suporte à organização. organização necessitava gerenciar soluções do mercado de call Após o planejamento dos sistemas, é necessário realizar um center, oferecendo a melhor combinação entre pessoas, tecnologia levantamento de todas as funções e cargos na empresa que e infra-estrutura. utilizam TI. Depois de detalhados todos os perfis dos RH encontrados, planejam-se treinamentos e/ou contratações, como 3.1 Metodologia adotada no Estudo de Caso também a reestruturação, ou não, do organograma dos Os autores selecionaram a metodologia COBIT, proposta por departamentos avaliados. Lutchen (2003), e o processo PO1. O modelo COBIT tem como missão: (i) pesquisar, (ii) desenvolver, (iii) publicar e (iv) A cada novo planejamento, seja de software, hardware ou de RH, promover um conjunto atualizado, autorizado e com foco é elaborada uma apresentação para que estes possam ser internacional, de objetivos de controle geralmente aceitos e aprovados pelos patrocinadores. Esta apresentação contém aplicáveis à tecnologia da informação para serem usados por basicamente a nomeação, descrição e, quando necessária, a gestores de TI, usuários e auditores de sistemas. O PO1 é um dos diagramação dos dados obtidos. 34 processos que estão agrupados no modelo COBIT e foi Após o projeto já planejado é necessária a análise geral deste. escolhido por focar a integração dos processos de TI com os Assim, devem-se ser determinadas prioridades e necessidades, processos empresariais do negócio. principalmente pelas atividades que irão contribuir diretamente com as estratégias, com o funcionamento operacional e com a 3.2 Procedimentos aplicados no Estudo de inteligência organizacional, desde que obedecendo ao impacto financeiro que a empresa irá arcar. Com essa análise pronta, é Caso elaborado um plano econômico-financeiro com os investimentos Todas as estratégias de TI que se mostraram semelhantes em e retornos, os quais são mais indicados relacionar os não aspectos como (i) objetivos, (ii) pessoas e processos afetados, (iii) mensuráveis, da implantação do PETI. área impactada, (iv) finalidade e (v) benefícios proporcionados,
  4. 4. foram agrupadas. Cada agrupamento originou um projeto de TI, funcionalidades devem ser promovidas para viabilizar a que, como visto no Tópico 2.3, não necessariamente constitui-se implantação destes projetos; em um SI. • A implantação dos projetos “Operação sem fim”, “BI” e Foram utilizados os seguintes critérios: (i) tempo; (ii) risco, que “Rompendo fronteiras” exige uma melhora significativa nas foi considerado o critério mais importante por requerer maior competências da área de TI da organização ou até mesmo a busca atenção no que tange a definição de projetos de TI; (iii) tamanho; de conhecimento que atualmente inexiste. O potencial tecnológico (iv) custo e (v) grau de necessidade, considerado o critério de que proporciona o desenvolvimento dos projetos reside na menor relevância para os gestores da organização. E foram fronteira entre a extensão das funcionalidades e uma nova geração organizados da seguinte maneira: da tecnologia que a empresa dispõe. 3.3 Resultados obtidos no Estudo de Caso Os autores observaram problemas enfrentados por gerentes de TI na busca das melhores práticas na administração dos recursos de TI em uma organização e como fazer com que a TI realmente forneça suporte às estratégias empresariais. A análise do modelo COBIT PO1 foi que este é muito limitado e ficou evidente principalmente no que diz respeito à atribuição de responsabilidades aos atores envolvidos e à inexistência de mecanismos de auditoria das atividades que foram realizadas. FIGURA 4. Critérios de avaliação Com relação aos projetos levantados durante o PETI, foi-se Foi-se utilizado o software Expert Choice analisado que a tecnologia que a empresa dominava, aliada às (www.expertchoice.com), que auxiliou o processo de competências que a equipe de TI dispunha, não era considerada determinação da ordem de implantação dos projetos de TI com suficiente para viabilizar a implantação desses projetos. Foi-se base nos critérios e seus pesos mostrados na Figura 4. O resultado constatado também que o fator tempo era de grande valor na obtido foi o segunte: avaliação pois era necessário o recrutamento e/ou treinamento de pessoal, ou seja, seria necessária uma reavaliação dos projetos com a devida importância para o tempo. 4. CONCLUSÕES Para finalizar, vale ressaltar que a informação certa, no formato adequado e na hora certa pode mostrar oportunidades de negócios ou ameaças que levam os executivos a tomar decisões importantes para o sucesso da organização. Portanto, é de grande importância a implantação do PETI, pois, num futuro próximo, a TI estará tão enraizada em todas as tarefas da empresa que será difícil distingui-la do resto da organização (desaparecimento como setor individual). Mesmo assim, a TI não deve ser trabalhada e estudada de forma isolada, sempre é necessário envolver e discutir as questões conceituais dos negócios e das atividades empresariais, FIGURA 5. Resultado da avaliação do software escolhido que não podem ser organizadas e resolvidas simplesmente com os Na imagem acima, é importante destacar que o resultado não computadores e seus recursos de software, por mais tecnologia denota a ordem de importância dos projetos. É apenas o resultado que detenham. da ponderação de determinados fatores na tentativa de definir-se uma ordem coerente na implantação dos projetos de TI. 4.1 Vantagens e desvantagens Após as análises do relatório econômico-financeiro dos projetos e Tem-se um ganho incontestável com relação à estrutura da da maturidade tecnológica em que se encontrava a organização organização diante da competitividade, pois o PETI gera foram-se obtidos os seguintes resultados: resultados profícuos para os objetivos organizacionais, para o • O projeto “Gestão de infra-estrutura de TI” tem plenas fortalecimento da unidade de TI e para a capacitação pessoal de condições de ser implementado sem nenhum tipo de mudança na todos os RH da empresa. Outro fator positivo é o seu alinhamento tecnologia que a organização dispõe ou incremento nas com o PEO, pois faz com que todos os objetivos e missões sejam competências de seus colaboradores; alcançados com mais velocidade e com melhores resultados. • A tecnologia a qual a empresa dispõe é capaz de por Por outro lado, o PETI é muito complexo por requerer mudanças em prática a iniciativa denominada “Intranet”, porém um pequeno na estrutura e forma de gerenciamento e de planejamento de toda aumento das competências existentes é necessário; a organização e, como qualquer outro processo de mudança numa • O conhecimento existente para implantar os projetos empresa, gera riscos de gestão. “Gestão de pessoas” e “Gestão de processos” ainda não é suficiente e precisa ser melhorado. Com relação à mudança tecnológica, melhorias de desempenho e algumas novas
  5. 5. 4.2 Trabalhos Futuros Acessado em: 01/11/2007. O trabalho será estendido e colocado em prática no Centro de [3] Santin, André Luiz Samistraro. Júnior, Ari Shveitzer. 2007. Processamento de Dados da Universidade Federal de Sergipe Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação – (CPD-UFS) e, posteriormente, transformado no trabalho de PETI: Uma Aplicação referenciada pelo COBIT. conclusão do curso de Ciência da Computação do Departamento Universidade Federal de Santa Catarina – Sistemas de de Computação (DCOMP) da UFS. Informação. Disponível em < http://pet.inf.ufsc.br/abstracao/revistas/4/2/revista_abstracao_ AGRADECIMENTOS ano_4_edicao_2_planejamento_estrat_gico_de_tecnologia_d Gostaria de agradecer ao Prof. Dr. Rogério Patrício Chagas do a_informa_o_a_peti_uma_aplica_o_referenciada_pelo_cobit. Nascimento (Universidade Federal de Sergipe) pelas idéias e pelo pdf >. constante apoio e ao Prof. Dr. Denis Alcides Rezende (PUC-PR, Acessado em: 17/03/2008. FAE Business School e Universidade de Santa Cruz do Sul) pela atenção, suporte e material cedido durante as pesquisas. [4] Wikipedia. Balanced Scorecard. Disponível em: < http://pt.wikipedia.org/wiki/Balanced_Scorecard > 5. REFERENCIAS Acessado em: 09/01/2008. [1] Rezende, Denis Alcides. 2007. Planejamento de Sistemas de [5] Magalhães, Ivan Luizio R. G. Balanced Scorecard como Informação e Informática: guia prático para planejar a Ferramenta de Seleção de Projetos de TI. Disponível em: < tecnologia da informação integrada ao planejamento http://www.ogerente.com.br/novo/artigos_ler.php?canal=14 estratégico das organizações. Ed. Atlas. São Paulo – SP. &canallocal=46&canalsub2=148&id=838 > 192p. Acessado em 09/01/2008. [2] Brito, Celso e Magalhães,Germano. 2007. Plano Director de [6] Balanced ScoredCard Institute. What is the Balanced Sistemas de Informação. Universidade do Algarve – Scorecard?. Disponível em: < Faculdade de Ciências e Tecnologias. Disponível em: < http://www.balancedscorecard.org/BSCResources/Aboutthe http://www.deei.fct.ualg.pt/~a14073/licenciatura+informatica BalancedScorecard/tabid/55/Default.aspx > /sistemas+de+informacao+empresarial/seminario+plano+dire ctor+de+sistemas+de+informacao/Plano+director+de+Sistem Acessado em 09/01/2008. as+de+Informacao.pdf >

×