CONCEITO
DROGA
 É TODA E QUALQUER SUBSTÂNCIA, NATURAL
OU SINTÉTICA QUE, UMA VEZ INTRODUZIDA NO
ORGANISMO, MODIFICA SUAS ...
DROGAS NATURAIS
AS DROGAS NATURAIS SÃO OBTIDAS ATRAVÉS
DE DETERMINADAS PLANTAS, DE ANIMAIS E DE
ALGUNS MINERAIS:
 A CAFE...
CAFEÍNA
CAFEÍNA
A CAFEÍNA ATUA NO
SISTEMA NERVOSO CENTRAL ;
 E TAMBÉM CAUSA O AUMENTO DA PRODUÇÃO
DE SUCO GÁSTRICO, O QUE É GRAV...
CAFEÍNA
CONSIDERADA UMA DROGA;
E TAMBÉM CAUSAR DEPENDÊNCIA QUÍMICA;
É A MAIS CONSUMIDA NO MUNDO;
.
CAFEÍNA
POIS ALÉM DELA SER ENCONTRADA NO CAFÉ É
TAMBÉM ENCONTRADA EM ALIMENTOS COMO
O
 CHOCOLATE,
 GUARANÁ,
COLA,
CHÁ...
CAFEÍNA
ESTE COMPOSTO TAMBÉM PODE SER
ENCONTRADO EM:
ANALGÉSICOS
E INIBIDORES DE APETITE
EFEITOS
EM EXCESSO A CAFEÍNA PODE CAUSAR:
AGITAÇÃO,
ANSIEDADE,
 DOR DE CABEÇA,
 INSÔNIA,
AUMENTO DOS BATIMENTOS CARD...
EFEITOS
PARA AS MULHERES GRÁVIDAS É
RECOMENDADO QUE SE TOME POUCO OU ATÉ
MESMO CORTE O CAFÉ, POIS PODE CAUSAR
DEFORMAÇÕES...
TABACO
TABACO
TABACO
NICOTIANA TABACUM em flor
TABACO
O SEU NOME CIENTÍFICO, NICOTIANA;
FOI DADO EM HOMENAGEM AO EMBAIXADOR
FRANCÊS EM PORTUGAL JEAN NICOT;
 O INTRODU...
TABACO
ÓPIO
ÓPIO
O ÓPIO É UM SUCO ESPESSO;
 EXTRAÍDO DOS FRUTOS IMATUROS DE VÁRIAS
ESPÉCIES DE PAPOULAS SONÍFERAS;
UTILIZADO COMO N...
PAPOULA - ÓPIO
ÓPIO
CHEIRO CARACTERÍSTICO;
QUE É DESAGRADÁVEL;
SABOR AMARGO;
E COR CASTANHA. É UTILIZADO PELA MEDICINA
COMO ANALGÉSIC...
ÓPIOO CULTIVO DA PLANTA É LEGAL;
 SERVE DE FONTE DE MATÉRIA-PRIMA EM
LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS;
 PORÉM, GRANDE PARTE D...
ÓPIO
NO MERCADO ILEGAL O ÓPIO É VENDIDO EM
BARRAS OU REDUZIDO A PÓ E EMBALADO EM
CÁPSULAS OU COMPRIMIDOSCÁPSULAS OU COMPR...
EFEITOS
 PROVOCA EUFORIA;
 DEPENDÊNCIA FÍSICA;
 SEGUIDA DE DECADÊNCIA FÍSICA;
 E INTELECTUAL.
NÁUSEAS, VÔMITOS;
ANSI...
LACRIMAÇÃO;
 SUORES;
FALTA DE APETITE;
PELE COM ARREPIOS;
 TREMORES, CÂIMBRAS ABDOMINAIS;
 INSÔNIA, INQUIETAÇÃO
O ÓPIO PROVOCA DEPENDÊNCIA NO
ORGANISMO;
 O DEPENDENTE FICA MAGRO;
 COM A COR AMARELA;
 TEM SUA RESISTÊNCIA ÀS INFECÇÕ...
 O USUÁRIO PODE MORRER;
EM RAZÃO DA SÍNDROME DE ABSTINÊNCIA. A
CRISE DE ABSTINÊNCIA INICIA-SE DENTRO DE
DOZE HORAS,
ATOR CORY MONTEITH
HEROÍNA E ÁLCOOL
ATOR DO SERIADO GLEE
MACONHA
MACONHA
MACONHA
DIFICULDADES DE CONCENTRAÇÃO
DISTÚRBIOS NA MEMÓRIA A LONGO PRAZO
DANOS EM TODOS OS ESTÁGIOS DA MEMÓRIA
INCLUIND...
MACONHA
MACONHA
DIFICULDADES DE ATENÇÃO
DIMINUIÇÃO DO DESEMPENHO
EFEITOS AMNÉSICOS
MACONHA
EFEITOS PSICÓTICOS
EUFORIA
SENSAÇÃO DE BEM-ESTAR
SONOLÊNCIA
SEDAÇÃO
SÍNDROME DE ANSIEDADE
DESPERSONALIZAÇÃO
AUMENTO...
FORMAS DE PRODUÇÃO
NATURAISNATURAIS - AQUELAS QUE SÃO EXTRAÍDAS
DE PLANTAS
EXEMPLO: TABACOTABACO,, CANNABISCANNABIS, ÓPI...
COCAÍNA
ARTISTAS QUE UTILIZAM
COCAÍNA
AMY WINEHOUSE
FÁBIO ASSUNÇÃO
HEATH LEDGER
EFEITOS IMEDIATOS
OS SEUS EFEITOS IMEDIATOS
 DURAM DE 30 A 40 MINUTOS
EFEITOS PSICOLÓGICOS
EUFORIA,
SENSAÇÃO DE PODER,
 AUSÊNCIA DE MEDO,
 ANSIEDADE,
AGRESSIVIDADE,
 EXCITAÇÃO FÍSICA, ME...
EFEITOS NO ORGANISMO
TAQUICARDIA,
 AUMENTO NA FREQUÊNCIA DOS BATIMENTOS
CARDÍACOS;
 HIPERTENSÃO ARTERIAL;
URGÊNCIA DE ...
EFEITOS A LONGO PRAZO
EFEITOS A LONGO PRAZO:
PERDA DE MEMÓRIA
PERDA DA CAPACIDADE DE CONCENTRAÇÃO
MENTAL
PERDA DA CAPA...
DESTRUIÇÃO TOTAL DO SEPTO NASAL (SE
INALADA).
PERDA DE PESO ATÉ NÍVEIS DE
DESNUTRIÇÃO
CEFALEIASCEFALEIAS (DORES DE CABE...
USUÁRIOS
EXPERIMENTADOR
USUÁRIO OCASIONAL
HABITUAL
DEPENDENTE
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Drogas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Drogas

373 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
373
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
77
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Drogas

  1. 1. CONCEITO DROGA  É TODA E QUALQUER SUBSTÂNCIA, NATURAL OU SINTÉTICA QUE, UMA VEZ INTRODUZIDA NO ORGANISMO, MODIFICA SUAS FUNÇÕES.
  2. 2. DROGAS NATURAIS AS DROGAS NATURAIS SÃO OBTIDAS ATRAVÉS DE DETERMINADAS PLANTAS, DE ANIMAIS E DE ALGUNS MINERAIS:  A CAFEÍNA (DO CAFÉ),  A NICOTINA (PRESENTE NO TABACO), O ÓPIO (NA PAPOULA) OTHC OU TETRAHIDROCANABINOL (DA CANNABIS).
  3. 3. CAFEÍNA
  4. 4. CAFEÍNA A CAFEÍNA ATUA NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL ;  E TAMBÉM CAUSA O AUMENTO DA PRODUÇÃO DE SUCO GÁSTRICO, O QUE É GRAVE PARA PESSOAS COM ÚLCERA DIGESTIVA; ELA TAMBÉM ATIVA O ESTADO DE ALERTA, POIS BLOQUEIA A RECEPÇÃO DA ADENOSINA.
  5. 5. CAFEÍNA CONSIDERADA UMA DROGA; E TAMBÉM CAUSAR DEPENDÊNCIA QUÍMICA; É A MAIS CONSUMIDA NO MUNDO; .
  6. 6. CAFEÍNA POIS ALÉM DELA SER ENCONTRADA NO CAFÉ É TAMBÉM ENCONTRADA EM ALIMENTOS COMO O  CHOCOLATE,  GUARANÁ, COLA, CHÁ-MATE E NO CACAU.
  7. 7. CAFEÍNA ESTE COMPOSTO TAMBÉM PODE SER ENCONTRADO EM: ANALGÉSICOS E INIBIDORES DE APETITE
  8. 8. EFEITOS EM EXCESSO A CAFEÍNA PODE CAUSAR: AGITAÇÃO, ANSIEDADE,  DOR DE CABEÇA,  INSÔNIA, AUMENTO DOS BATIMENTOS CARDIACOS
  9. 9. EFEITOS PARA AS MULHERES GRÁVIDAS É RECOMENDADO QUE SE TOME POUCO OU ATÉ MESMO CORTE O CAFÉ, POIS PODE CAUSAR DEFORMAÇÕES FETAIS AO BEBE
  10. 10. TABACO
  11. 11. TABACO
  12. 12. TABACO
  13. 13. NICOTIANA TABACUM em flor
  14. 14. TABACO O SEU NOME CIENTÍFICO, NICOTIANA; FOI DADO EM HOMENAGEM AO EMBAIXADOR FRANCÊS EM PORTUGAL JEAN NICOT;  O INTRODUTOR DA PLANTA NA FRANÇA
  15. 15. TABACO
  16. 16. ÓPIO
  17. 17. ÓPIO O ÓPIO É UM SUCO ESPESSO;  EXTRAÍDO DOS FRUTOS IMATUROS DE VÁRIAS ESPÉCIES DE PAPOULAS SONÍFERAS; UTILIZADO COMO NARCÓTICO; PLANTA ESSA QUE CRESCE NATURALMENTE NA ÁSIA, SENDO ORIGINÁRIA DO MEDITERRÂNEO E ORIENTE MÉDIO.
  18. 18. PAPOULA - ÓPIO
  19. 19. ÓPIO CHEIRO CARACTERÍSTICO; QUE É DESAGRADÁVEL; SABOR AMARGO; E COR CASTANHA. É UTILIZADO PELA MEDICINA COMO ANALGÉSICO.
  20. 20. ÓPIOO CULTIVO DA PLANTA É LEGAL;  SERVE DE FONTE DE MATÉRIA-PRIMA EM LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS;  PORÉM, GRANDE PARTE DAS PLANTAÇÕES É ILEGAL, SUA PRODUÇÃO É DESTINADA AO COMÉRCIO CLANDESTINO DE ÓPIO E HEROÍNA, MORFINA;
  21. 21. ÓPIO NO MERCADO ILEGAL O ÓPIO É VENDIDO EM BARRAS OU REDUZIDO A PÓ E EMBALADO EM CÁPSULAS OU COMPRIMIDOSCÁPSULAS OU COMPRIMIDOS.
  22. 22. EFEITOS  PROVOCA EUFORIA;  DEPENDÊNCIA FÍSICA;  SEGUIDA DE DECADÊNCIA FÍSICA;  E INTELECTUAL. NÁUSEAS, VÔMITOS; ANSIEDADE, TONTURAS E FALTA DE AR. O EFEITO DURA DE TRÊS A QUATRO HORAS.
  23. 23. LACRIMAÇÃO;  SUORES; FALTA DE APETITE; PELE COM ARREPIOS;  TREMORES, CÂIMBRAS ABDOMINAIS;  INSÔNIA, INQUIETAÇÃO
  24. 24. O ÓPIO PROVOCA DEPENDÊNCIA NO ORGANISMO;  O DEPENDENTE FICA MAGRO;  COM A COR AMARELA;  TEM SUA RESISTÊNCIA ÀS INFECÇÕES DIMINUÍDA.
  25. 25.  O USUÁRIO PODE MORRER; EM RAZÃO DA SÍNDROME DE ABSTINÊNCIA. A CRISE DE ABSTINÊNCIA INICIA-SE DENTRO DE DOZE HORAS,
  26. 26. ATOR CORY MONTEITH HEROÍNA E ÁLCOOL ATOR DO SERIADO GLEE
  27. 27. MACONHA
  28. 28. MACONHA
  29. 29. MACONHA DIFICULDADES DE CONCENTRAÇÃO DISTÚRBIOS NA MEMÓRIA A LONGO PRAZO DANOS EM TODOS OS ESTÁGIOS DA MEMÓRIA INCLUINDO CODIFICAÇÃO, CONSOLIDAÇÃO E RECUPERAÇÃO
  30. 30. MACONHA
  31. 31. MACONHA DIFICULDADES DE ATENÇÃO DIMINUIÇÃO DO DESEMPENHO EFEITOS AMNÉSICOS
  32. 32. MACONHA
  33. 33. EFEITOS PSICÓTICOS EUFORIA SENSAÇÃO DE BEM-ESTAR SONOLÊNCIA SEDAÇÃO SÍNDROME DE ANSIEDADE DESPERSONALIZAÇÃO AUMENTO DO APETITE
  34. 34. FORMAS DE PRODUÇÃO NATURAISNATURAIS - AQUELAS QUE SÃO EXTRAÍDAS DE PLANTAS EXEMPLO: TABACOTABACO,, CANNABISCANNABIS, ÓPIO, ÓPIO. SEMI-SINTÉTICASSEMI-SINTÉTICAS - SÃO PRODUZIDAS ATRAVÉS DE MODIFICAÇÕES EM DROGAS NATURAIS. EXEMPLO: CRACK, COCAÍNA, HEROÍNACRACK, COCAÍNA, HEROÍNA. SINTÉTICASSINTÉTICAS - SÃO PRODUZIDOS ATRAVÉS DE COMPONENTES ATIVOS NÃO ENCONTRADOS NA NATUREZA. 
  35. 35. COCAÍNA
  36. 36. ARTISTAS QUE UTILIZAM COCAÍNA
  37. 37. AMY WINEHOUSE
  38. 38. FÁBIO ASSUNÇÃO
  39. 39. HEATH LEDGER
  40. 40. EFEITOS IMEDIATOS OS SEUS EFEITOS IMEDIATOS  DURAM DE 30 A 40 MINUTOS
  41. 41. EFEITOS PSICOLÓGICOS EUFORIA, SENSAÇÃO DE PODER,  AUSÊNCIA DE MEDO,  ANSIEDADE, AGRESSIVIDADE,  EXCITAÇÃO FÍSICA, MENTAL E SEXUAL, ANOREXIA (PERDA DO APETITE), INSÔNIAS, DELÍRIOS.
  42. 42. EFEITOS NO ORGANISMO TAQUICARDIA,  AUMENTO NA FREQUÊNCIA DOS BATIMENTOS CARDÍACOS;  HIPERTENSÃO ARTERIAL; URGÊNCIA DE URINAÇÃO, TREMORES;  MIDRÍASE (DILATAÇÃO DA PUPILA), HIPERGLICEMIA, SUOR E SALIVAÇÃO; DENTES ANESTESIADOS.
  43. 43. EFEITOS A LONGO PRAZO EFEITOS A LONGO PRAZO: PERDA DE MEMÓRIA PERDA DA CAPACIDADE DE CONCENTRAÇÃO MENTAL PERDA DA CAPACIDADE ANALÍTICA. FALTA DE AR PERMANENTE, TRAUMA PULMONAR, DORES TORÁCICAS
  44. 44. DESTRUIÇÃO TOTAL DO SEPTO NASAL (SE INALADA). PERDA DE PESO ATÉ NÍVEIS DE DESNUTRIÇÃO CEFALEIASCEFALEIAS (DORES DE CABEÇA) SÍNCOPES SÍNCOPES (DESMAIOS) DISTÚRBIOS DOS NERVOS PERIFÉRICOS ("SENSAÇÃO DO CORPO SER PERCORRIDO POR INSETOS")
  45. 45. USUÁRIOS EXPERIMENTADOR USUÁRIO OCASIONAL HABITUAL DEPENDENTE

×